WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia


setembro 2009
D S T Q Q S S
« ago   out »
 12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
27282930  

editorias


:: 5/set/2009 . 21:15

COMÉRCIO DO SÃO CAETANO FECHA NO 7 DE SETEMBRO

Por determinação da Justiça do Trabalho, o comércio do bairro São Caetano, em Itabuna, não poderá funcionar nesta segunda-feira (07), quando se comemora o Dia da Independência.

A proibição foi concedida em liminar, numa ação movida pelo Sindicato dos Comerciários. A entidade acusa comerciantes do São Caetano de não assinar a carteira dos trabalhadores e de desrespeitar direitos assegurados pela legislação, como respouso semanal e jornada de 44 horas.

ITABUNENSE É PRESA POR GOLPE DO CRÉDITO CONSIGNADO

.

A polícia de Porto Seguro prendeu a itabunense Maria Stella de Freitas Virgens, 33 anos (foto). Acusada de falsificar documentos públicos, estelionato e roubo a banco, ela mantinha em casa toda a estrutura para aplicar os golpes.

Foram apreendidas carteiras falsas de identidade, cartões de banco, talões de cheques em nome de Betânia Maria da Silva, extratos e planilhas de consultas de aposentados do INSS e margem para aprovação de empréstimos consignados. A polícia ainda apreendeu dois notebooks com planilhas em branco de crachás de identificação das secretarias de Segurança Pública de Piauí, Paraná, Pernambuco e Alagoas.

A estelionatária também mantinha em casa planilhas de carteiras de habilitação, fotos para inserção em documentos, fotos impressas com marcação de impressão de segurança, listas de beneficiários do INSS, agências bancárias e saques já realizados, números de contas, CPFs das vítimas lesadas e datas dos saques.

Segundo a polícia, ela já teve envolvimento com o crime organizado, com roubo a bancos e foi presa no assalto à agência do Banco do Brasil do município de Lagarto (SE). As informações são do site Radar64.com e do blog Boca Maldita (www.reporterbocao.blogspot.com).

SERÁ A MAIS VALIA?

Na solenidade, foi inaugurado o auditório Agenor Lopes Medeiros, ex-presidente do Sindicato, hoje com 95 anos de idade

Na solenidade, foi inaugurado o auditório Agenor Lopes Medeiros, ex-presidente do Sindicato, hoje com 95 anos de idade

Soou ambígua uma afirmação do presidente da Associação Comercial de Itabuna (ACI), durante a inauguração da nova sede do Sindicato dos Comerciários, nesta sexta-feira (04) . Segundo Eduardo Fontes, os comerciários devem ser bem tratados pelos patrões, pois são “a galinha dos ovos de ouro do comércio”.

Houve quem entendesse a frase como elogio e teve quem a visse a como o reconhecimento de que o empresariado se faz em cima do sacrifício da peãozada.

Naturalmente, o território onde o presidente se encontrava era mais propício a interpretações marxistas.

RUBRO-NEGRO VACILA E CEDE EMPATE

Na partida em que os dois gols foram marcados em etapas distintas, mas sempre aos 41 minutos, o Vitória acabou cedendo e empatou o jogo com o Grêmio. A partida foi disputada em Porto Alegre. O rubro-negro baiano chega aos 30 pontos e permanece em 12º lugar na Série A do Brasileirão.

O Vitória perdeu grandes chances de gol, principalmente no primeiro tempo e pelos pés do atacante Roger. O nome do jogo foi o sul-baiano Neto Berola, que tanto tentou e deu assistências ao artilheiro Roger que furou a zaga do Grêmio aos 41 minutos do primeiro tempo. Berola aproveitou cobrança de tiro de meta de Viáfara, ganhou do zagueiro e tocou no canto direito do goleiro Marcelo, do Grêmio.

O jogo caminhava bem para o Vitória até que, aos 24 minutos, Magal deu uma voadora em Tcheco, que acabara de entrar no jogo. O jogador rubro-negro acabou expulso. O rubro-negro resistia aos avanços dos gaúchos, mas o artilheiro Jonas, de virada, empatou o jogo, aos 41 do segundo tempo. O Grêmio subiu para a oitava colocação, com 33 pontos.

VITÓRIA NA FRENTE

O jogo no Olímpico recomeçou e o Vitória está na frente. O atacante sul-baiano Neto Berola fez 0x1.

Berola é o nome do jogo até aqui. E acaba de mandar uma bola na trave do Grêmio neste começo de segundo tempo.

Confira o gol.

DIFUSORA VOLTA AO AR COM NOVA TORRE

Após duas semanas transmitindo na base do improviso, devido à queda de sua torre de transmissão, a Rádio Difusora comemora a volta ao ar em condições ideais. A rádio líder em audiência em Itabuna voltou ao ar desde o final da tarde de ontem, e o prefixo 640 KHZ (AM) está a todo vapor.

Com a queda da torre, a potência do som da emissora foi reduzida à metade, isso porque uma antena improvisada ainda foi instalada no local. Mesmo assim, funcionários e locutores não deixaram de fazer seu trabalho, inclusive transmitindo jogos ao vivo do campeonato intermunicipal.

Com informações de www.xilindroweb.blogspot.com

PALPITES

Para você, quem vence o jogo de logo mais, às 21h30min, entre Argentina e Brasil?

Aproveite e deixe o seu palpite na seção comentários.

Os nomes dos ‘acertadores’ a gente divulga logo depois da partida.

O Brasil é o segundo melhor time visitante até agora na disputa. E sabe quem tem o melhor aproveitamento de pontos como visitante? Justamente o Chile, o adversário da seleção canarinho na próxima quarta-feira, em Salvador.

NINGUÉM ACERTOU o placar do jogo, mas um leitor de sangue “argentino” chutou 3×1 para os hermanos.

E você já sabe no que deu, né? O Brasil meteu três nos argentinos, que só fizeram o de honra.

VAI FECHAR

Mais uma má-notícia para a saúde pública em Itabuna. De acordo com o vereador Roberto de Souza, está marcado para o próximo dia 12 o fechamento da unidade de saúde Valdenor Cordeiro, que funciona no centro da cidade, num anexo da antiga Fundação Sesp.

A unidade foi instalada no início deste ano, em meio à epidemia de dengue que matou oito pessoas no município. Hoje, atende mais de 3.500 pessoas por mês e emprega mais de 70 trabalhadores.

Segundo o vereador, o fechamento se dará porque a Secretaria de Saúde do Estado comunicou ao município que não tem mais como manter a unidade de atendimento.

Além do prejuízo imediato, quando ainda se teme a chegada da gripe suína a Itabuna, a medida cria temores em relação à estrutura da cidade para uma eventual epidemia de dengue no próximo verão. Algo que, infelizmente, não está descartado.

QUE NÃO FALTE MARACUJÁ

..

Ser governo tem lá seus ônus e bônus. E foi com medo de perder os bônus que o vereador Solon Pinheiro não aguentou a pressão e baixou hospital, ontem.

Solon, que antes repetia o discurso de independência, pensou em votar contra o governo e fazer a Empresa Municipal de Água e Saneamento (Emasa) ressarcir o consumidor itabunense pelo reajuste em conta de água imposto ao arrepio da lei (confira aqui).

A mensagem do centro administrativo Firmino Alves era clara: quem votasse pelo ressarcimento integral do prejuízo (que deverá ser compensado na próxima conta de água), perderia as benesses do poder, dentre elas, indicações para cargos no governo.

O “menudo”, como é carinhosamente chamado pelos colegas, não aguentou a pressão e baixou hospital. O atendimento foi na clínica Cotef, segundo conta o blog Políticos do Sul da Bahia.

E o pior é que… o pior ainda está por vir. A revogação do aumento ilegal não ocorreu porque o vereador e líder do governo, Milton Gramacho, apresentou emenda e a questão voltou à estaca zero. Ou seja, a matéria será rediscutida e voltará a plenário em breve. Na terra do afrodisíaco suco de cacau, recomenda-se dieta e suquinhos com propriedades calmantes, tipo maracujá.

BAHIA, MORNO, PERDE DO CEARÁ

O Bahia interrompeu a série de vitórias na Série B e perdeu por 2×1 para o Ceará, em partida disputada no Castelão, em Fortaleza (CE). O tricolor baiano perdeu a chance de se aproximar de vez do G-4, o grupo dos quatro times que ascendem à Série A do Brasileirão. O Bahia caiu de nono para décimo na tabela e o Ceará permaneceu no quarto lugar, com 40 pontos. Os baianos têm 30 pontos em 22 jogos.

O primeiro gol do time cearense foi em cobrança de pênalti. Com paradinha, Geraldo abriu o placar no Castelão, aos 33 minutos. Se a coisa estava ruim para o Bahia, piorou aos 40 do primeiro tempo. Boiadeiro cruzou na pequena área, rasteiro. Mota apenas escorou para fazer 2×0. O gol do tricolor-de-aço veio logo no primeiro minuto do segundo tempo. Nadson aproveitou cruzamento e marcou. E foi só.

PROCURADORIA DENUNCIA GEDDEL E PMDB PELA SEGUNDA VEZ

Irmãos Vieira Lima são denunciados pela segunda vez em menos de dez dias (Foto Pimenta).

Irmãos Vieira Lima são denunciados pela segunda vez em menos de dez dias (Foto Pimenta - 30/08/2009).

A Procuradoria Regional Eleitoral (PRE/BA) entrou com nova denúncia de propaganda eleitoral antecipada contrao PMDB e o ministro Geddel Vieira Lima. Desta vez, solicitou liminar ao Tribunal Regional Eleitoral (TRE-BA) para suspender a distribuição da edição n° sete do jornal do PMDB ( “É o 15”) e retirar do site do partido o informativo, cujo conteúdo, na avaliação do MinistérioPúblico, viola o art.36 da Lei Eleitoral ( 9.504/97).

Segundo a norma eleitoral, propaganda eleitoral só é permitidaapós odia5de julhodo ano da eleição. Na última segunda, a PRE/BA requereu a suspensão imediata da edição seis do “É o 15”.

“Todos os fatos dessa natureza que chegarem ao conhecimento do Ministério Público, envolvendoseja quemfor, serão objetosde examee ajuizamento de representação visando a cabível punição”, disse o procurador regional eleitoral da Bahia, Claudio Gusmão ao justificar a segunda representação contra o PMDB e Geddel.

As informações são do jornal A Tarde (para assinantes).

BATOM NA CUECA?

O prefeito Newton Lima não poderá repetir o presidente Lula e dizer que nada sabia dos aluguéis (e reformas) misteriosos de imóveis para a Secretaria de Saúde de Ilhéus. Todos os novos contratos ou renovações levam a assinatura do comandate-mor do Palácio Paranaguá – pelo menos, foi o que levantou o Conselho Municipal de Saúde.

Alguns destes novos contratos foram assinados à beira da eleição do ano passado e têm valores considerados exorbitantes destinados a reformas dos mesmos, tudo pago pela prefeitura. A coisa promete feder. Na mira, estão a secretária de Saúde, Marleide Figueiredo, o próprio prefeito e até o ex-secretário José Salomão.

TESTE DE ADMIRAÇÃO

70 MM

Leandro Afonso | leandroaguimaraes@hotmail.com

tres e meia

.

Um cineasta chama outro para este segundo refazer o próprio filme – de quase 40 anos – cinco vezes, com restrições escolhidas pelo primeiro. Essa é a premissa de As Cinco Obstruções (De fem benspænd – Dinamarca/Suíça/Bélgica/França, 2003), de Lars Von Trier (Dançando no Escuro, Dogville) e Jørgen Leth – o desafiado que aceita refilmar seu The Perfect Human (1967) com as limitações impostas pelo colega. O resultado é especial e simbólico, com o que de melhor e pior Von Trier (não limitado ao “apenas” realizador) pode nos brindar.

Como poucas vezes acontece, o grande mérito de As Cinco Obstruções está na força de se de alcançar o potencial demonstrado já pela superfície do tema – aqui beneficiado por tudo a que, direta ou indiretamente, ele pode se ligar. Você percebe, de um lado ou de outro do debate (às vezes um mero bate-papo), em maior ou menor escala, não só o tesão pelo desafio, como também uma eterna disputa – em que ambos ganham – entre a paixão pelo cinema e pelo fazer filmes.

O mérito em se explorar bem a ideia inicial, contudo, me parece muito menos devido às conversas entre Von Trier e Leth do que graças ao cruzamento entre as sugestões do primeiro e os resultados obtidos pelo segundo em cada curta. Em alguns momentos, o gigantesco ego de Von Trier parece realmente atrapalhar, e os comentários sobre o caviar e o seu gosto por álcool/vodca carregam um óbvio “e daí” que ganha coro quando pensamos que até o ritmo e o dizer algo do filme parece prejudicado.

Ainda assim, As Cinco Obstruções, que pode servir como outra referência para novos debates referentes à metalinguagem dentro da metalinguagem, acerta em cheio quando funciona como tentativa de descobrir até que ponto podem ir as potencialidades do cinema feito (e limitado) por quem tem talento. Primeiro Leth, vez a vez testado, depois Von Trier, que nos leva por uma estrada conflituosa para simplesmente reiterar – aqui de forma contida e um tanto inesperada pelo caminho tomado – seu tom passional não só pelo que faz como por quem admira.

O curioso é que essa explicitação do amor de Von Trier não vem como uma espécie de catarse, como acontece, por exemplo, em Dogville e Dançando no Escuro. Aqui, o diretor parece muito mais contido (pode agradar a uns justamente por isto) e seu prazer parece menos espontâneo do que pré-programado; ele parece se cobrar o dizer que ama mesmo que, naquele momento, necessariamente não ame daquele jeito.

Todavia, essa certa (impressão de) mecanicidade não nos impede de mergulhar profundamente no mundo do discutir e fazer cinema – entre quem sabe. E isto é sempre bom, independente do quanto transborde, na tela, um sentimento que ajude ou não a cativar.

Filme: As Cinco Obstruções (De fem benspænd – Dinamarca/Suíça/Bélgica/França, 2003)

Direção: Lars Von Trier e Jørgen Leth

Elenco: Lars Von Trier, Jørgen Leth, Claus Nissen.

Duração: 90 minutos

8mm

Anticristo

Falei sobre este As Cinco Obstruções, entre outros motivos, porque o novo Von Trier não vai chegar por aqui. Nunca. A menos que alguém acredite na coragem (sempre bem vinda e nunca presente) de o nosso Starplex exibir um filme chamado Anticristo, cujas mutilações de órgãos genitais estão entre as cenas mais leves.

Top-10 de agosto

A menção honrosa vai para curta O Pequeno Caos (1966), de Rainer Werner Fassbinder. Abaixo a lista, que pretendo deixar sempre só com longas mesmo.

10. O Grande Lebowski (1998), de Joel e Ethan Coen (***1/2)

9. Milk (2008), de Gus Van Sant (****)

8. Apocalipse Now Redux (1979), de Francis Ford Coppola (****)

7. O Desprezo (1963), de Jean-Luc Godard (****)

6. O Pagamento Final (1993), de Brian de Palma (****)

5. Brilho Eterno de uma Mente sem Lembranças (2004), de Michel Gondry (****)

4. Hair (1979), de Milos Forman (****)

3. Kill Bill Vol. 1 (2003), de Quentin Tarantino (****1/2)

2. Underground (1995), de Emir Kusturica (****1/2)

1. A Noite Americana (1973), de François Truffaut (*****)

Obs: Apesar de alguns vistos ainda em agosto, os filmes da semana (abaixo) só entram na “disputa” pela lista do próximo mês.

Filmes da semana:

  1. A Regra do Jogo (1939), de Jean Renoir
  2. Cidade dos Sonhos (2001), de David Lynch
  3. As Cinco Obstruções (2003), de Lars Von Trier e Jørgen Leth
  4. A Última Noite de Boris Grushenko (1975), de Woody Allen
  5. Pocilga (1969), de Pier Paolo Pasolini
  6. Por uma Vida Menos Ordinária (1997), de Danny Boyle

Leandro Afonso é comunicólogo, blogueiro e diretor do documentário “Do goleiro ao ponta esquerda”

www.ohomemsemnome.blogspot.com

CRIANÇAS DE 10 ANOS FURTAM DINHEIRO EM BAR

A Polícia Militar conduziu para o Complexo Policial, no início da madrugada de hoje, dois menores de 10 anos, acusados de furtar R$ 2.500,00 de um bar no bairro Califórnia. Os menores L. B. F. e W. S. B. foram acompanhados de seus pais.

Com um dos menores foi encontrada a quantia de R$ 932,00. O dinheiro foi devolvido ao dono do “Bar do Nino”, Edvan Raimundo Souza, que reclama o restante do dinheiro que diz ter sumido de sua gaveta. Os menores foram ouvidos e em seguida liberados.

SINDICATO DE ITABUNA DISCUTE SAÚDE DO TRABALHADOR EM MOÇAMBIQUE

Sodré discutiu saúde do trabalhador com diversos sindicatos

Sodré discutiu saúde do trabalhador com diversos sindicatos

O Sindicato dos Trabalhadores na Indústria da Alimentação (Sindalimentação) participou recentemente de um encontro em Moçambique, que teve representações de sindicatos e centrais sindicais da Alemanha, Nigéria, África do Sul, Moçambique e Brasil. Entre os brasileiros, marcaram presença representantes do Rio Grande do Sul, Pernambuco e Bahia (Sindalimentação-Itabuna)

De acordo com o diretor Eduardo João Sodré, o encontro serviu para discutir e trocar informações sobre o adoecimento nos locais de trabalho, através do projeto Vida Viva. “O projeto identifica as doenças provocadas pelas condições e atividades nos locais de trabalho e chama o trabalhador a refletir sobre sua vida social, por meio de uma análise da tríade vida, saúde e trabalho”.

Sodré explica ainda que o Vida Viva busca desenvolver nos trabalhadores  maior habilidade para compreender o processo de adoecimento e sua relação com o trabalho, com objetivos de fortalecer ação do sindicato e dos trabalhadores na luta pela melhoria das condições insalubres do trabalho.

O projeto está presente em países como Brasil, Moçambique, México, Estados unidos, África do Sul, Senegal, Turquia, Bangladesh, Sri Lanka, Alemanha e Nigéria.

OS EXCLUÍDOS TEM O PODER DE EXCLUIR

Daniel Thame | danielthame@gmail.com

.

Nos últimos anos, o Grito dos Excluídos fez parte das comemorações do 7 de Setembro, uma espécie de contraponto ao ufanismo da celebração da Independência do Brasil.

O Grito dos Excluídos, apropriadamente realizado após o desfile oficial, como a delimitar a barreira que separa o Brazil dos ricos do Brasil dos pobres, sempre abordou temáticas que alertavam para a necessidade de romper o enorme fosso das desigualdades sociais, além de denunciar as mazelas da classe política, que quase sempre se preocupa mais com a própria independência.

Independência financeira, per supuesto!

Este ano, a exemplo do que ocorreu no ano passado, não irá desfilar no 7 de Setembro, mas isso não quer dizer que deixará de ir às ruas.

Ao contrário, a Comissão Pastoral da Terra, o Conselho Indigenista Missionário e as Comunidades Eclesiais de Base, além de outras entidades comunitárias, estão unidas numa campanha da mais alta relevância e que tem tudo a ver com o momento atual.

Trata-se de uma imensa mobilização popular para banir os candidatos envolvidos em irregularidades, os chamados “ficha-suja”, da vida política.

A mobilização, que acontece em todo o Brasil, tem o objetivo de coletar 1,3 milhão de assinaturas, necessárias para a apresentação de um Projeto de Lei de iniciativa popular, que declare inelegíveis os políticos envolvidos em corrupção.

A campanha também busca conscientizar a população a não eleger ou reeleger políticos que usam os cargos apenas se locupletar.

Diante do lamaçal em que se transformou a atividade política do Brasil, dos seguidos exemplos de irregularidades dados pelo Senado e pelo Congresso Nacional, além de alguns setores do Executivo, a campanha é mais do que necessária.

Nos últimos meses, às práticas escusas, somaram-se o escárnio e o deboche, como se tudo fosse permitido diante da passividade popular, da quase certeza de que eles podem fazer tudo, porque sempre se mantém infinitamente no poder.

A maneira de evitar que isso aconteça é justamente usar não apenas a lei, porque eles sempre dão um jeitinho de driblá-la, mas essa arma infalível chamada voto.

Para dar um grito de independência desses maus políticos, o povo brasileiro, essa imensa legião de excluídos deve se conscientizar de que tem não apenas o direito, mas também o dever de excluir da política essa gente que tem folha corrida em vez de currículo.

Em Itabuna, os postos de coleta de assinaturas ficam instalados até o dia 7 de Setembro, nas praças Adami, Olinto Leone e Camacã.

Assinemos, pois!

Daniel Thame é jornalista e blogueiro

www.danielthame.blogspot.com



WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia