WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia






secom bahia








abril 2010
D S T Q Q S S
« mar   maio »
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
252627282930  

editorias





itao




GERALDO PEDE REMISSÃO PARA PEQUENOS PRODUTORES

Para Geraldo, o perdão das dívidas poderá reanimar o produtor

O deputado federal Geraldo Simões (PT/BA) participou hoje de uma reunião com membros da bancada nordestina no Congresso Nacional, na qual foram discutidas propostas para reduzir o impacto do endividamento rural na região.

 A questão da dívida é objeto da Medida Provisória 472/2009, que tramita no Senado e na qual o governo pretende incluir emendas. Para Simões, uma medida justa seria a remissão total dos débitos contraídos por pequenos produtores (dívidas de até R$ 10 mil) nas primeiras etapas do Programa de Recuperação da Lavoura Cacaueira.

Como se sabe, as medidas recomendadas pela Ceplac não produziram resultados e só restou para os produtores que as seguiram um pesado volume de faturas para quitar.

“Em condições normais de produção, essa dívida seria saldada facilmente, no entanto uma conjunção de fatores desfavoráveis, desde condições de mercado até equívocos no combate à vassoura-de-bruxa, levou os agricultores a uma situação generalizada de insolvência”, argumenta o deputado.

De acordo com o petista baiano, os produtores que seriam contemplados pela sua proposta equivalem a 60% dos contratos. Esse grupo responde por “um montante relativamente reduzido dos créditos concedidos”, frisa o parlamentar, acrescentando que o socorro a esses agricultores permitiria “seu retorno ao sistema financeiro, intensificando a produção das propriedades”.

6 respostas para “GERALDO PEDE REMISSÃO PARA PEQUENOS PRODUTORES”

  • Isto pe pura campanha eleitoreira deste senhor que quer continuar sendo deputado, ou seja não quer parar de mamar nas tetas dos contibuintes os quais pagam seu salário.

  • wallace sergio says:

    Ele deveria se peocupar com os que se mataram com a chegada da vassoura de bruxa e ofertar as congratulações às famílias. Quanto ao perdão, remssão, ou seja lá o que ele queira chamar, é um absurdo. Continuo enxergando agricultores “falidos” passeando de carro de luxo e novo por ai, além de vê-los viajando para a Europa…De quem será o dinheiro desta farra SR. incompetente Geraldo Simões? Perocupe-se em legislar, o que você não faz!

  • MORDE E ASSOPRA says:

    “Reputa-se induvidoso que a introdução e a disseminação da doença vassoura-de-bruxa na região sul da Bahia decorreu de ato humano deliberado”, conforme relata a delegada da Polícia Federal, Denise Cavalcante, responsável pela apuração e conclusão do inquérito cujo processo tem o número 2007.01.00.042532-6, página 272. Como pode o cacauicultor pagar por um crime que não cometeu ainda mais se lhe tiraram de forma criminosa a sua moeda de troca (produto cacau)? O cacauicultor é vítima de terrorismo biológico comprovado pela Polícia Federal. Isso é um escândalo mundial incubado. Uma vergonha para a justiça. É como se um inocente estivesse preso, pagando por crime que não cometeu mesmo que a polícia já tenha o inocentado”.

  • VASSOURA DE BRUXA says:

    ESSE AI, É O ATOR DO “ESCÂNDALO DA VASSOURA DE BRUXA”, MAS CONSEGUIU ARQUIVAR SEU PROCESSO E ELE CONTINUA SOLTO, INCLUSIVE PÔDE SAIR CANDIDATO A DEPUTADO NOVAMENTE. AFFFF… É O BRASIL DA CORRUPÇÃO!

  • Sérgio Oliveira says:

    Com o dinheiro alheio, e em época de eleição, todo mundo é “bonzinho”, …!!!

    Só tem “anjo”, …!!!

    Que beleza, …!!!

  • Flôres Alpênis says:

    Infelizmente, essa remissão chegou um pouquinho tarde, vocês não acham? Vá pentear macaco Vassourão!

Deixe seu comentário










WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia