WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia






secom bahia








setembro 2010
D S T Q Q S S
« ago   out »
 1234
567891011
12131415161718
19202122232425
2627282930  

editorias





itao




UMA CIDADE DESUMANA

Ricardo Ribeiro | ricardoribeiro@pimentanamuqueca.com.br

Já se vão alguns anos que o município de Itabuna, em articulação com os governos do estado e federal, firmou compromisso com o Projeto de Humanização de Cidades. Em resumo, compreendia uma série de ações para tornar esta urbe mais aprazível, organizada, menos opressora e desagradável aos sentidos.  Emfim, mais humana.

A despeito dos compromissos, reconheço com inevitável tristeza que a nossa centenária Itabuna continua profundamente desumana. As ruas são sujas e maltratadas, o patrimônio histórico é desprezado, a cidadania é achincalhada, o rio é poluído, o som ultrapassa os decibéis permitidos em qualquer local e horário. Às favas o respeito!

Itabuna é uma cidade onde se buzina muito e se pensa pouco no coletivo. Cada um acha que tem mais direito que o outro, seja no trânsito, nas filas ou nas repartições. O poder público não organiza nem planeja. Ao contrário, executa suas ações em resposta às demandas imediatas, de afogadilho, no grito.

O resultado é uma cidade que não garante o bem-estar das pessoas. Não existem boas áreas de lazer, as praças são poucas e abandonadas. Nota-se claramente que não há um tratamento prioritário para a questão da qualidade de vida, expressão usada a três por dois nos discursos e publicações oficiais.

A desatenção com algo tão importante atinge as famílias, principalmente aquelas que têm crianças. Sou obrigado a mencionar novamente o guri aqui de casa, que protesta todos os finais de semana contra a falta de diversão. Quer sair para a rua, correr num parque, se sentir livre como toda criança deseja. Mas onde?

Numa tarde de domingo, combinamos sair para um passeio de bicicleta, eu e ele. A cidade tem um trecho ridículo de “ciclovia” em somente uma avenida, de modo que a voltinha se transforma em temível aventura na mesma pista em que circulam carros e motos. Confesso que, após 10 minutos de pedalada apreensiva, desisti do passeio e ordenei meia-volta, preocupado com o risco de um acidente. Nessas horas a criança, que não tem a exata noção do perigo, fica indignada.

É uma pena que o “governar pensando nas pessoas” nunca tenha passado de promessa vazia em Itabuna. Administrá-la com foco no ser humano implicaria em proporcionar espaços públicos de lazer e convivência, como existem em tantas outras cidades. Algumas até menores, mas certamente mais aprazíveis.

Não é à toa que num feriado prolongado, como esse de 7 de setembro,  muitos itabunenses procuram se refugiar em outros lugares para reduzir seus níveis de stress. Quem fica é obrigado a suportar a incômoda companhia do tédio.

A todos, um bom feriado!

12 respostas para “UMA CIDADE DESUMANA”

  • carlo says:

    Como os politicos podem falar em humanização. Para iniciar a postulação ao cargo eletivo eles fazem de tudo e, até esquecem a dignidade do ser humano. Exceção – alías só os que estão desprovidos de money – colocam pessoas simples e incautas nas vias urbanas balançando suas flamulas e placas, totalmente expostas ao sol sem nenhuma proteção. Depois da eleição, poucas não terão no minimo um cancer de pele aí, então, se deslocam para o Hospital de Base e, alí simplesmente morrem sem nenhuma atenção, pois, os recursos necessários claramente sumiram nos bolsos do alcaide mor e seus asseclas.

  • Maria says:

    Parabens Ricardo, com clareza e estilo você conseguiu expressar o RETRATO DE ITABUNA, e chama a atenção é que estamos em período eleitoral, não ouvimos, dentre todas as promessas milagrosas, ou seja, de campanha, CANDIDATO, que abordasse,revelasse ou demonstrasse o minimo de preocupação com a ABANDONADA ITABUNA(ruas,bairros inteiros esburacados,terrenos cheios de mato e lixo) e DESUMANA ITABUNA (caos no trânsito, após 10 anos de existencia o Shooping Jequitibá tem sinaleira e faixas para pedestres..ufa!que aliás não é respeitada) é, “GOVERNAR PENSANDO NAS PESSOAS” parece não interessar muito, toma tempo das mentes brilhantes dos atuais e futuros homens públicos…

  • Álvaro Ferreira says:

    Parbéns pelo oportuníssimo artigo Ricardo.

  • jurandy lima says:

    Fiquei encantada com o texto ‘Uma cidade desumana”.Porém bastante triste com a adequação do mesmo à realidade de nossa cidade.Espero que alguém acorde a tempo de não deixá-la transformar-se numa “cidade fantasma”!

  • Juliana says:

    Simplismente,a cidade não tem Prefeito e nunca teve.
    Itabuna está de pernas para o ar,eu venho para o trabalho caminhado pela margens do rio e me deparo com varia placas dizendo q não jogue lixo no chão e outras coisas,so que não existe um vaso para jogar o lixo.Isso é falta de que?Falta de alguem que saiba administrar.

  • ewerton almeida says:

    O artigo reflete uma situação que não pode ser do desconhecimento de ningúem, não podemos fazer de conta e não encarar essa triste situação, pois o pior está por vir,se mediadas não forem tomadas em carater de urgencia urgentíssimas.
    As vezes fico a pensar como a nossa região, suas principais cidades ainda subsistem, diante desse “tsumami” que foi e ainda é, essa crise permanente na economia do cacau.
    Os nossos governantes da União e do Estado, continuam indiferentes, nos largam a sorte vária e nos tratam como pesos mortos, esquecidos que a crise foi gerada pelos próprios governantes com políticas equivocadas. QUANDO NAS MONTADORAS, NOS BANCOS E NO SETOR METALÚRGICO, EXISTEM AMEAÇAS DE EMPREGO, OS GOVERNOS LOGO TOMAM PROVIDENCIAS: DIMINUIÇÃO DO IPI, INCENTIVOS FISCAIS,PROER, etc. Aqui são, trezentos mil desempregados diretos e nunca região foi considerada como calamidade pública com a Vassora de Bruxa trazida pelo próprio governo ao fazer o Pòlo da Amazônia e não fazer a devida fiscalização, e vem o Governo do nosso Presidente Lula, para ajudar os Banqueiros e transforma débitos rurais irregulares, imorais, inconstitucionais, pois a base de correção monetária, o que não é prmitido pela Lei 4829/65 que até hoje rege o crédito rural e também usando a TR como indexador, o que foi considerado inconstituciional por decisão unânime do Supremo Tribunal Federal, e o nosso Presidente LULA, para ajudar os banqueioros transforma esses débitos em débitos fiscais.
    Essa é a verdade nua e crua, sobre ao motivos que fizeram aparecer esse comentário do Ricardo. Que Tentem me desmentir! Topo o debate.

  • Mateus Santiago says:

    Excelente Artigo que reflete com exatidão a situação de nossa cidade, há 30 anos atrás quendo se intentava controlar a velocidade do tráfego aqui e proteger os pedestres se colocavam quebra molas, hoje 2010, a solução continua sendo a mesma. O que quero afirmar com istó é que a cidade não evoluiu, problemas antigos, recebem as mesmas soluções de anos atrás. A ausência de um projeto de modernização da cidade é visível. Vivemos numa uma cidade que desvaloriza o ser humano e a família, instituição das mais combatidas e vilipendiada em seus valores fundamentais. Infelizmente até agora estamos vivendo numa cidade projetada para não crescer e tal como nosso amado Cachoeira em tempos de pouca chuva e extrema poluição, necessitamos de água nova para oxigenar e mudar esta triste realidade.

  • Hermes says:

    Itabuna uma cidade caótica.No interior da Bahia a cidade que tem um mínimo de organização é Vitória da Conquista.Itabuna e Ilhéus estão cada vez mais atoladas na inércia.

  • Souza Neto says:

    Concretamente, quantos de nós estamos dispostos a arregaçar as mangas para reverter esse quadro?

    Esse é o maior problema da Bahia. O povo permaneceu por muito tempo manipulado e oprimido. Perdeu o sentimento da indignação.

    É provável que dentro de mais algum tempo a coisa se resolva. Entretanto, é preciso agir agora!

  • SHERLOCK HOLMES says:

    Concordo com os comentários acima,temos hoje pessoas preocupadas com a situação que atravessamos, contudo tudo isto é porque nunca tivemos LIDERES, TIVEMOS E TEMOS PESSOAS DITAS LIDERES QUE COMO OS ATUAIS SÓ APOIAM OS GOVERNANDES MESMO QUE ELES NÃO ESTEJAM FAZENDO NADA PELA REGIÃO, APOIAM APENAS EM TROCA DE UM CARGO PARA SÍ OU PARA ALGUM PARENTE, NÃO SÃO LIDERES SÃO OPORTUNISTAS. SÓ TEREMOS UMA ITABUNA EM DESTAQUE QUANDO NÃO FICARMOS SUBORDINADOS A ESTES APROVEITADORES SUBMISSOS, ABAIXO ESTAS FALSAS LIDERANÇAS, VAMOS MARCHAR RUMO A MELHORES DIAS MAS COM INDEPENDENCIA,QUE O DIA DE AMANHÃ NOS INSPIRE, E LEVE OS EMPRESÁRIOS, AGRICULTORES, CAMELOS,A UMA ATITULDE DE LIBERTAÇÃO E JOGUE NO LIXO ESTES FALSOS LIDERES E SÓ ASSIM TEREMOS UMA CIDADE QUE SERÁ RESPEITADA,VAMOS FAZER UMA FAXINA NESTA CÃMARA DE VEREADORES QUE ATÉ O PRESENTE MOMENTO NADA FEZ E QUE COM ESTES ATUAIS VEREADORES NADA FARA, ONDE ESTÁ O RESULTADO DA AUDITORIA NO HBLEM? O SUCO! TUDO ESQUECIDO, ONDE ESTÁ O DEVER DE INFORMAR?PORQUR NINGUEM COBRA?
    TEMOS QUE PARTIR PARA AÇÃO.

  • leidikeite says:

    As lideranças de Itabuna estão preocupadas em bater continência para os gestores. Tem gente que odeia, tem gente que bajula, tem gente que faz que odeia, mas fora dos holofotes, participa das falcatruas. Restam os que fazem a sua parte com dignidade e por isso mesmo são segregados. Desse jeito nunca isso aqui vai ser um lugar de respeito. A bandidagem toma vulto…

  • Marcos says:

    Realmente é com TRISTEZA e VERGONHA, que vejo uma cidade do porte de Itabuna estar nessa situação. Há um ano deixei nossa cidade e vim morar em Guarapari ES,para buscar a qualidade de vida que não encontro em Itabuna. Mas continuo acompanhando as notícias de nossa cidade. E que notícias heim!
    Tudo parece que vai piorando e entrando num estágio que fica difícil achar que pode ser resolvido. Quem foi eleito com a promessa de fazer diferente, de olhar para o povo, de cuidar da cidade, é o primeiro a dar mal exemplo. Enquanto eles estão no conforto de seus gabinetes combinando quanto cada um vai ganhar de comissão nos desvios das verbas públicas, as pessoas humildes estão morrendo sem atendimento de qualidade, porque até medicamentos básicos estão faltando no Hospital de Base.
    Enquanto eles da Câmara de Vereadores estão investigando quem rouba mais, os jovens de Itabuna estão indo pro tráfico de drogas e a criminalidade.
    Até quando isso? Quantos ainda, como eu, vão deixar essa terra querida?
    Até quando vamos ser coniventes e omissos em deixar eles jogarem ainda mais nossa cidade NA LAMA?
    VAMOS DAR UM BASTA NISSO!
    FORA AZEVEDO E VEREADORES CORRUPTOS!

Deixe seu comentário










WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia