WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia


alba










outubro 2010
D S T Q Q S S
« set   nov »
 12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930
31  

editorias





itao




POR QUE O DISCURSO DE SERRA NÃO NOS ATINGE?

Daniela Galdino

O favelismo cenográfico comprova muito mais do que o cinismo político: confirma o distanciamento entre Serra e os eleitores pobres

Segundo o nosso digno Mano Brown, na democracia de Serra, se houver duas crianças, sendo uma magra e faminta e outra robusta e bem alimentada, o “Zé” joga o único sanduíche para cima e aguarda para que a “justiça social seja feita”.

Essa alusão comprova o que Serra ignora: os desiguais precisam ser tratados de maneira diferente, para que a justiça social ocorra. Além de concordar com Brown, não me espanto com essa atitude do tucano, afinal, para quem foi capaz de levar ao ar, no programa eleitoral, uma favela cenográfica, isso é coisa pouca.

O favelismo cenográfico comprova muito mais do que o cinismo político: confirma o distanciamento entre Serra e os eleitores pobres – que falam o português não canônico, que nem sempre fazem as três refeições por dia, mas que, contraditoriamente, figuram, em época de eleições, nas “missões humanitárias aliadas” do PSDB.

A fala de Serra, sempre rasa como uma piscina regan tamanho P, possui uma baixa ressonância numa parcela significativa da população brasileira. Jamais se deve esperar, no discurso circular do tucanato paulicêntrico, preocupações com o Brasil profundo.

Certamente não foi durante os 8 anos do governo FHC – tendo Serra como Ministro em duas pastas de destaque, é bom lembrar – que os maiores programas sociais foram implementados, muito menos as ações afirmativas nas universidades, nem a ampliação do numero de universidades federais, ou o incentivo à educação quilombola, o respeito à diversidade e a democratização na distribuição de recursos para financiamento de projetos socioeducativos, culturais e de geração de renda.

Essas e outras medidas foram tomadas nas duas gestões do governo Lula, somente os desavisados por opção ou os distanciados dos pobres por motivos de assepsia não percebem isso.

Uma pergunta para o (e)leitor: como o candidato tucano pode combater as desigualdades, se o passado da era FHC/Serra no governo federal nos legou um recorde imbatível no desmantelamento da educação em todos os seus níveis e modalidades? Como democratizar a universidade brasileira dentro de um projeto político que, por varias vezes, já nos deu provas incontestes de uma “privataria” desvairada?

O suplicio mesmo do Brasil é o PSDB. Esse partido, que movido por um paulicentrismo tipo exportação, tenta, a cada eleição, medir o Brasil pela régua de São Paulo. Obviamente pela régua da classe média paulistana, que se autoproclama esclarecida o suficiente para dizer ao resto do país o que precisamos. Ao ignorar diversidades regionais, ao voltar as costas para os reais problemas das classes populares, o discurso de Serra e dos seus aliados – em geral representantes de DEMo – só pode nos oferecer um conjunto de propostas incipientes para reverter os níveis de pobreza no país.

É por esses – e outros – motivos que a candidatura tucana, no primeiro turno, teve desempenho irrisório nas regiões mais pobres do Brasil, a exemplo de amplas áreas do norte e nordeste. Mas, como já era de se esperar, para justificar esses resultados, o discurso paulicentrista difunde a idéia de que nessas mesmas áreas pobres os eleitores são desprovidos de discernimento para votar.

Com isso, Serra e seus comparsas fixam mais uma figurinha no seu vasto álbum de equívocos e, numa só tacada, retomam infelizes idéias a respeito de nós, nordestinos, por exemplo. Eu, ironicamente, agradeço a Serra, com isso, ele comprova a distância enorme que nos separa. Distância que, fica confirmado, ele tem cada vez menos condições de ultrapassar.

Daniela Galdino é professora da UNEB, Doutoranda em Estudos Étnicos e Africanos pelo CEAO/UFBA, Professora da Rede Estadual da Bahia

28 respostas para “POR QUE O DISCURSO DE SERRA NÃO NOS ATINGE?”

  • seu zé says:

    ISSO É QUE É UM COMENTÁRIO TENDÊNCIOSO,COMO O BLOG SEMPRE FAZ, E ONDE FICA A LIBERDADE DE IMPRENSA?,EM ITABUNA É UMA VERGONHA.
    TODO MUNDO TEM BLOG…

  • seu zé says:

    NÃO VI NENHUM “ESCRITOR” , COMENTAR SOBRE DILMA OU LULA , NUMA VEDADEIRA DEMONSTRAÇÃO DE IMPRENSA MARRON, E VIVA A DEMOCRACIA !!!!

  • Djon says:

    Daniela Galdino,parabéns esses comentários são nota 13é13é13 e acabou só se Deus não querer, mais ele quer.

  • Jean says:

    Até que enfim um texto coeso! Não sei porque premitiram Manoela Berbet ser publicada aqui…

  • Fernando says:

    O curioso, minha cara professora, é que antigamente o PT era mais votado pelos mais politizados, hoje ocorre o contrário. Sinal dos tempos.

    Outra coisa, nem tudo o que se diz ter sido feito pelo governo do Lulla, foi realmente devido a ele. Tem muita coisa por trás desse discurso que ainda vai aflorar.

    O nosso grande consolo é que o Brasil não é uma Venezuela e que dentro do próprio PT tem muita gente com instinto democrático.

    O assunto é vasto é poderíamos ficar discutindo isso o dia inteiro. O maniqueismo esconde muita coisa.

  • Paulo says:

    Muito bom! Meus parabéns.

  • José Carlos Seixas says:

    Boa tarde Professora Daniela,
    Como se vê, Vossa Senhoria desconhece profundamente o que é governar para todos, sem distinção, e não somente para a classe pobre ou excluída, como queira! Dizer ou acusar de que o governo tucano distanciou as classes brasileiras, sinceramente, partindo de uma doutoranda me sinto surpreso, já que desta forma demonstra um fanatismo esquerdista irresponsável e desvairado.
    Vejamos algumas situações que fazem do seu governo, o de Lula, um mentor dos mais profissionais da proliferação das drogas, principalmente o crake, em meio as familias nordestinas, ou seja, de menor renda, primeiro porque através das ações populistas fazendo com que o cidadão desta região desista de aprender uma profissão e fique acomodado pelo recebimento do tal Bolsa Familia que comprovadamente fez crescer o consumo da droga e a produção da mesma, justamente para aumentar a renda de muitas familias desasistidas pelo seu governo que nunca se interessou em investir na produção, na geração de empregos.
    Lamentavelmente a Senhora não conhece os dados oficiais de tudo que durante o governo do tucano FHC avançou, principalmente com as privatições que o seu PT tanto combateu.
    Todas as empresas privatizadas combatidas pelo PT tiveram crescimentos vultosos, além da geração de emprego e renda que ao contrário, quando estas empresas eram estatais viviam ano a ano provocando prejuizos aos cofres públicos e o seu partido nada dizia prevendo certamente um dia chegar ao poder e transformar as mesmas em propriedades privadas do Lula e do seu primogênito Lulinha, atualmente um dos homens mais ricos do nosso país.
    Senhora professora, por acaso já imaginou se todos os escandalos que aconteceram no governo do Lula fôsse no período do FHC, hein? Com certeza estariam todos mortos e nenhum ferido, pois é assim que vocês do PT agem e sem piedade. Ainda hoje eu lí que o Palocci declara no seu mais novo ivro de que a própria Dilma já o agrediu moralmente com acusações infundadas, então imagine com os adversários o que não se é capaz de fazer, hein professora?
    Todos os escandâlos na era Lula foram abafados, foram escondidos, mas se ao contrário acontecesse as ruas deste nosso Brasil estaria coberta de manchas vermelhas, não pela cor do seu partido, mas pelo sangue de homens e mulheres inocentes agredidos pela violência explicita que carrega cada um dos seus comparsas, ou companheiros, como queira também.
    Não vamos fazer da politica brasileira uma disputa de ódios e raivas como vocês carregam no peito, mas de dialogo, de debate, de disputa civilizada, sem sangue, sem objetos atirados, sem agressões, somente assim não nos tornaremos o que vocês desejam, uma Venezuela do comparsa de você Hugo Chavez.
    O Brasil hoje é um castelo de areia, escreva o que estou te dizendo, e nas mãos da Senhora Dilma sua comparsa, existe uma tendência natural de que o mesmo se desmorone porque a sua parceira nada mais sabe fazer do que usar armas e idéias truculentas, já que é uma mulher vingativa e traiçoeira, quem conviveu com ela sabe perfeitamente e sem nenhuma modestia em declarar.
    Boa sorte para todos nós! O melhor deverá vencer, ao contrário, entreguemos o nosso futuro nas mãos de DEUS e aguardar. Amém!

  • Eu says:

    José Carlos Seixas,

    Simplesmente fantástico o seu comentário. Não sei nem como deixaram passar nesse blog… Parabéns

  • Sérgio Oliveira says:

    Os mais pobres, os menos escolarizados, os menos escolarizados, tal qual nordestino, os metidos a intelectuais, mas que são, na verdade, ignorantes, só pensam num pedaço de pão, em coisas imediatistas, em óbolos, …!!!

    Por isso mesmo, um discurso sério e consequente não os atinge, …!!!

    Simples assim, …, o resto é querer procurar pelo em ovo, …!!!

  • Gesil Amarante says:

    Prezada Daniela,
    Parabéns pelo texto. Gostaria de acrescentar também que muitos simpatizantes do PSDB, por ignorância ou pretensa esperteza, advogam que Lula age contra a liberdade de imprensa, quando eles têm ao seu lado empresas de comunicação de grande audiência que, cinicamente, se dizem isentas mas atacaram o Lula e seus aliados das formas mais descabidas. da mesma forma como o canal FOX, nos EUA, constituem-se não em órgãos de imprensa, mas em extensões de partidos políticos (às vezes parece que os partidos são braços deles). Mesmo assim, não houve qualquer ação da presidência contra eles.
    Mais honesto foi o jornal O Estado de São Paulo, que declarou abertamente apoio ao Serra, coisa que outros não tiveram coragem de fazer.
    Ditadura disfarçada seria a situação em que um governo, além do poder político, também tivesse apoio desmedido da imprensa e cobertura de órgãos de fiscalização do estado, o que aconteceu durante o governo FHC, com seu “Engavetador-Geral da União”, citado até mesmo em entrevista do FHC para a BBC. Também não foi muito republicana a operação de enquadramento da TV Cultura, estatal paulista, durante o governo Serra, com substituição de jornalistas por tocarem no tema pedágios.
    Um governo que é constantemente atacado pelos erros que cometeu e mesmo pelos que não cometeu e que não age contra seus detratores, honra, mais ainda, a democracia.
    Quanto a outra “bandeira” dos apoiadores do PSDB, a alternância do poder, esta é garantida pela Lei, mas exige que a oposição convença o povo de que mudou e que é melhor que seu passado. Se continuar a reafirmar as políticas da era FHC, só jogará pela falta de memória das pessoas, o que não é, exatamente, de se orgulhar. O PSDB deve parar de querer ser mais parecido com o PFL e, ao menos, virar um partido social-democrata de verdade.

  • Emanoel Guimaraes says:

    Daniela parabéns pelo texto, brilhante!

    Seixas corra em quanto a tempo, faça com Zé Chirico vá para o Chille.

    Empregos gerados no governo Lula:
    *15.000.000 (quinze milhões) e com carteira assinada;

    Vá procurar um profissional autônomo como pedreiro, eletricista,
    encanador, e ouça que terá que esperar uma fila enorme, por conta da demanda elevada.

    Na era FHC/Zé Chirico a Polícia Federal não dispunha nem de combustível para por nos carros, quanto mais diárias, avião, recursos para realizarem investigações.
    Lula triplicou o efetivo da Federal, o orçamento e nunca se investigou e se prendeu poderosos neste país! Banqueiros, Governadores, Juizes, Auditores Federais, Policiais Federais, Deputados, Prefeitos, Desembargadores.
    Isso se dá por conta de ação de Governo para coibir a corrupção, a ponto de Gilmar Dantas o Supremo Presidente do STF gritar aos quatro cantos contra o o estado policialesco, isto porque não se estava prendendo apenas pobre, puta e preto! Os grandões também estavam indo em cana, seja do PT, PSDB, DEMOS, PDT, PSB, PPS,…

    Somente quem é insensível pode achar que R$ 60,00 ou R$ 100,00, poderá acomodar alguém e deixar de trabalhar para ser “sustentado” pelo Governo. Bom mesmo era quando essas pessoas, que sempre existiram, tinha que se submeter a humilhação, disputar uma senha, e esperar a distribuição de uma cesta básica, que não sabiam se receberiam no mês seguinte.
    Não esqueça que ainda somos um dos países com uma taxa de desigualdade social das maiores do mundo, que avançamos um pouco, nos últimos anos com o Governo do Presidente Lula.

    Não se esqueça que filho de doméstica, pedreiro, cozinheira, pode ser um Doutor.
    *Prouni – 700.000 bolsas de estudo superior

    *Universidades Federais mais que dobrou o número de vagas,
    saltando de 113.000/ano para 259.000 ano agora em 2010;
    150 novos extensões no interior do país e 15 novas Universidades
    Federais;

    * Escolas Técnicas e Tecnologicas(nível superior): 214 novas, o
    número de alunos chegará a 300.000.
    Fhc/Zé Chirico = zero e proibição de construção de novas escolas.

    Vá pesquisar nos países desenvolvidos, e veja como o governo cuida dos seus miseráveis, ou melhor, como muito deles evitam que os seus cidadãos se tornem miseráveis.
    Ligar a questão das drogas a distribuição de renda por parte de governo federal, demonstra a sua ignorância em relação ao tema.
    A miséria do Crack está ligada ao preço e ao seu poder de viciar p usuário em pouco tempo de uso.

    no mais PT saudações!!!

  • CRÍTICA says:

    José Carlos Seixas PARABÉNS! Vc foi brilhante concordo com tudo e sem ressalvas! Meu querido DJON, aí que ´”pérola”!!!!!!

    “…e acabou só se Deus não querer, mais ele quer”. Amiguuuinho, não seria: “só se Deus não quiser, mas ele quer”! RSRSRSRSRS! Esses são os “informados” eleitores da “companheira” Dilma.

  • corruPTo says:

    Vocé, Daniela, está mais para assistente da escolinha do Prof. Raimundo. Tendenciosa, petista de carteirinha, teu comentário é uma idiotice sem precedentes. Que tal falar sobre os seus favoritos comparsas do Lulla, da Dillma? Quero que você deixe de ser hipócrita e comente sobre os “novos” companheiros do pt, a exemplo de Collor, Sarney, Renan Calheiros, Jáder Barbalho e cia., que, de braços dados com os “velhos” companheiros Dirceu, Genuíno, Palocci, Lulla, Dillma, praticaram a maior corrupção já instalada e vista neste país, desde o início da República. Esqueceu quem deu a estabilidade econômica a este país? Hoje o pt está colhendo os frutos do Plano Real e querendo ser o pai de tal fato. Só imbecis como você acredita nesta estorinha mal contada.

  • Everton says:

    Rídiculo o texto, sem base científica alguma, quer dizer, a única tentativa para tanto foi a remissão aos títulos da professora. Dilma certamente será eleita, mas não por suas propostas, seguirá apenas uma verdade inafastável, vivenciamos o presidente mais carismático da nossa história. Sendo assim, qualquer que fosse o representante do PT teríamos fatalmente um presidente da situação. O que, de certo, deveria ter ocorrido, se fosse verdade o texto, uma vitória acachapante de Dilma.
    Só tenho a lamentar a carência abismática de veículos de comunicação isentos em nossa região.

  • Jr. says:

    Assino em baixo Daniela!!!
    Muito bom texto…

  • VOTO CONSCIENTE says:

    Daniela, você com certeza deve estar pleiteando um carquinho ou uma boquinha nas ostes petistas. Com um texto tendencioso e fora de esquadro político, é bom rever suas análise para aquilo que você domina. No mais, vá agradar o pt de uma outra forma, pois nessa você pisou na bola e feioooooooo!

  • Adriano Almeida says:

    Professora, a sua explanação é algo que foge os conceitos de uma tese porque transpassa tal limitação, também perpassa o casuísmo descomprometido; seu texto é argumentativamente coeso porque leva às claras fatos do cotidiano social brasileiro aversos às teorias paulistanas do que é “governar para todos”. A eloquencia é precisa e os comentários que tentam descaracterizar seu texto, são desprovidos de inteligência mediana. Acho importante quando autoridades do seu quilate e do quilate da professor Marilena Chauí (que os ignorantes não sabem de quem se trata) descem do pedestal acadêmico e se misturam aos anseios do povo.
    Não resta dúvida de que quem tem a gritar inconformismos são as velhas raposas que governaram essas terras por mais de 500 anos e seus desidiosos bajuladores (que aqui se fazem presentes). Observei os “argumentos” de cada um e não vi nada senão palavras desconexas e permeadas por uma esquizofrenia política psdb-demista.
    Afora isso, quando quero trabalhar minha consciência crítica não são os comentários aqui postados por figuras como “seu Zé”, “Fernando”, “Jose Carlos Seixas” , “corruPTo” e “Sergios Oliveiras” que opbservo. Prefiro aqueles como os seus, os de Marilena Chauí, Roberto da Mata, etc. PARABENS

  • Gesil Amarante says:

    Prezado Emerson,
    O Lula não foi apenas um presidente carismático. Foi um presidente mais competente que os antecessores. E a Dilma, tendo feito parte da sua equipe, compartilha parte do mérito.
    Tem toda a legitimidade para ser eleita (e já foi).
    Qualquer governante, especialmente se bem suscedido, tem o direito de tentar fazer seu sucessor, até porque o que é eleito é um projeto político e uma forma de governar, não uma única pessoa.
    Não sei em que “base científica” o senhor sustentaria sua tese contrária. O que dizes, no fundo, é que se o próprio Lula se candidatasse ele ganharia por muito mais. E daí?? Acrescenta em quê? O mesmo projeto foi aprovado para continuar em vigor. Os outros que construam algo melhor para concorrer daqui a 4 anos, não só de boca, não só de trololó…
    Sem usar religião e sem bolinha de papel, por favor.

  • Adriano Almeida says:

    Ou esse Everton é míope ou ele não viu a mídia trabalhar para SErra. Abre os olhos “serrista ladeira a baixo”!

  • Antonio Santos says:

    O seu ex-chefe, secretário de educação, será por anda anda?.

  • Antonio Santos says:

    Esquecí, voçê foi defenestrada na secretaria muniucipal ou na estadual? Estou em dúvida.

  • Agenceslau says:

    “Daniela Galdino,parabéns esses comentários são nota 13é13é13 e acabou só se Deus não querer, mais ele quer.” São pessoas deste naipe que te enaltecem,
    Veja o mapa do Brasil e veja onde o PSDB ganhou, perceba o quanto está distante a realidade dos seus comentários.
    “Com isso, Serra e seus comparsas fixam mais uma figurinha no seu vasto álbum de equívocos” , comparsa é a quadrilha liderada por Renan , Jader Barbalho , Sarney , Roseana, Collor de Mello , todos sem exceção ao lado do atraso.
    Sugiro que voce estude mais sua Doutoranda em Estudos Étnicos e Africanos pelo CEAO/UFBA…eca

  • José Carlos dos Reis says:

    Excelente texto e, como não poderia deixar de ser, gera críticas das mais violentas e elogios de quem realmente entendeu e viu a verdade no mesmo. Vou me ater ao comentário bisonho do Sr Jose Carlos Seixas, cheio de baboseiras e de falácias. A principal delas ao dizer que todos os escândalos do governo Lula foram abafados. Cidadão de memória curta esse ao não ver que tudo que aconteceu no governo Lula foi apurado e entregue à justiça, todos os envolvidos foram demitidos. Onde está o abafa aí?? Fizeram aquele estardalhaço da quebra do sigilo fiscal do pessoal do PSDB e quiseram colocar no colo da Dilma essa conta, para depois serem desmentidos pela PF que apurou que tudo não passou de fogo amigo do PSDB na disputa entre Serra e Aécio. Disso esse cidadão não fala, esconde e depois vem acusar o PT. Abafa foi o caso da quebra do sigilo fiscal de 60 milhões de brasileiiros promovido em 2001 pela empresa da filha de Serra e da irmã de Daniel Dantas, a DECIDIR.COM, denunciada à época e a imprensa não noticiou e a PF não apurou. O SR Armino Fraga, presidente do BC à época, sequer apurou ou ofereceu denúncia à PF. Esse sim, foi um grandissíssimo abafa, não é ô sabichão??? E quanto ao rombo de 15 milhões feitos pelo assessor de FHC, Sr Sérgio Guerra quando das privatizações e uso indevido de recursos dos Fundos de Pensão à época que nada foi apurado e nínguém foi processado? Isso sim é conivência, isso sim é um governo corrupto, pois a corrupção quando tem conivência, quando nada é apurado e ninguém é punido é que se caracteriza como prática de um governo e nisso, meu caro, vocês foram campeões sim!!! Para comprovar é só pegar as reportagens de capa da revista VEJA á época, se você não conseguir eu mando-lhe com todo prazer. Isso são fatos e não opiniões de pessoas raivosas e mal informadas como você. Portanto, procure ler mais e se atenha a verdade dos fatos e não venha com ofensas e acusações infundadas e sem provas para tentar amenizar essa sua frustração por mais uma derrota seguida desse seu partidinho nas eleições presidenciais.

  • José Carlos dos Reis says:

    Sr Agenceslau, reveja o mapa das eleições e veja que em Minas Gerais vocês foram DERROTADOS!!! E agora Jo~sé? O que você quiz dizer com esse seu comentário infeliz, que o Brasil deve ser dividido e termos aqui uma guerra entre Norte e Sul. Saia fora com esse seu preconceito!!! Veja também que em São Paulo, terra do seu candidato e que é o cerne do artigo da autora, seu pártido ganhou por uma diferença muitíssimo pouco. Portanto, lá tamabém a hora de vocês tá chegando.

  • XUNDA says:

    PARECE QUE O PT TRANFORMOU O BRASIL NUMA EUROPA, PELO JEITO TÁ TUDO AS MIL MARAVILHAS, PARABÉNS DOUTOURA, SÓ CAMINHANDO PARA FRENTE, SINTO PENA DO BRASIL.

  • adalberto lima says:

    Preferia que lula escolhesse Wagner para Presidente. Este sim, é um homem democrático e certamente teríamos um pais pacífico.E olha que eu não gostava do galego não.Depois de assistir aos 4 anos de governo desse DEMOCRATA,passei a admira-lo,assim como acho que lula fez uma péssima escolha DILMA.

  • Raul Toso says:

    mais juízo de valor do que argumentos…esperava mais!

  • Joana says:

    porque as pessoas não gostam de ouvir verdades?Velam os ouvidos apenas para o que querem ouvir?Muito oportuno o texto e mais oportuno ainda os comentários de José Carlos dos Reis.

Deixe seu comentário






WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia