WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia






secom bahia








dezembro 2010
D S T Q Q S S
« nov   jan »
 1234
567891011
12131415161718
19202122232425
262728293031  

editorias





itao




MOTIVOS INCONFESSÁVEIS

O artigo escrito pelo jornalista Elio Gaspari,, e publicado neste domingo n’O Globo, esclarece bastante porque a diplomacia brasileira tem enfrentado severo bombardeio da grande imprensa e da direitona conservadora.

Os americanos, cujos interesses têm no Brasil ferrenhos e engajados defensores, vêm há muito tempo procurando minar a supremacia do Itamaraty nas negociações internacionais. Aos olhos dos “donos do mundo”, os diplomatas tupiniquins agem com excessiva independência.

Clique aqui para ler o artigo.

14 respostas para “MOTIVOS INCONFESSÁVEIS”

  • Sérgio Oliveira says:

    O que é que é isso, …?!?!?!

    A diplomacia brasileira, ultimamente, tem substituído os trapalhões, os três patetas, ou qualquer outro programa de comédia pastelão, com muita competência, isso sim, …!!!

    Tendo à frente, o improvisador “inter fêmures”, Celso Amorim “glúteos flácidos”, …!!!

    O Brasil não tem levado a melhor nem com os vizinhos nanicos, tais como Bolívia, Paraguai e outros bichos, …!!!

    Melhor rever certas atitudes, …!!!

  • Juca says:

    S.O., vc é claramente um admirador do conservadorismo nefasto e do vendilhismo pátrio. Não espanta seu posicionamento, já que nos acostumamos a ler aqui suas posturas antiquadas de borra-botas quadrúpede (no sentido do bípede que aprecia ficar de quatro). Quem precisa rever conceitos é o senhor, que é dono de uma mentalidade tacanha e ultrapassada, e que deve escrever sandices vestido de verde-oliva. Ao final, ainda se levanta, bate continência e grita: Anauê!
    E eu digo: me poupe!

  • Silvana Miserinha says:

    Lá vem de novo Sérgio Oliveira com seu integrismo bunda mole.
    É um chato de galocha, ninguém aguenta esse bobalhão.

  • Kiko says:

    Quem é esse Sergio Oliveira?
    Só sai “merda” das idéias do cara!

  • aluaieu says:

    O que e isso!? eu nao consegui entender nada q ele falou.tanto sinais de pontuaçao repetido ta mas parecendo texto de redaçao do fundamental I, tambem nao entendi nada dessas palavras de duplo sentido, ta lendo demais viu.

  • Souza Neto says:

    Acho que o Sérgio Oliveira está precisando “sair da caixa” e ler um pouco mais.

    Ségio, que tal você se matricular no curso de Política e Estratégia da Escola Superior de Guerra!?

  • Ricardo Seixas says:

    O Sérgio Oliveira paspalhão reproduz todas as tentativas de menoscabar o grande diplomata Celso amorim. Certamente ele ler com bastante atenção Reinaldo Azevedo, Arnaldo Jabor, Diogo Mainard e outros vassalos.

    Com certeza eles devem admirar a subserviência do ridículo ex-chanceler de Fernado Henrique Cardoso, Luiz Felipe Lampreia, aquele que tirou os sapatos no aeroporto dos Estados Unidos da América, e que ficaria de quatro se os gringos mandassem.

    O paspalhão confunde diplomacia com subserviência e gritaria. Deixa de ser colonizado, Sérgio.

  • que vergonha says:

    o obamo botou no lula o otario se achando que era o caro como chamou obamo mais e ocara de pau ou o cara de otario deu um a zero na indicaçao para membro

  • Edgard Freitas says:

    “Supremacia” brasileira?

    Pera lá. Dizer que nossos itamaratecas agem com independência, tudo bem, ainda que independência, no nosso caso, não venha acompanhada de sensatez.

    Mas qual a substância da “Supremacia” brasileira? Levamos uma tungada do Evo, tratamos as FARC como uma categoria política séria, ajudamos o Sudão a barrar as tentativas de impedir o genocídio de Darfur, ajudamos a China a entrar na OMC e, em troca, a China não nos ajudou a entrar no Conselho de Segurança da ONU, fingimos que o apedrejamento de Sakineh não era nada de mais, ajudamos o Hamas a continuar oprimindo os Palestinos em Gaza, quase conseguimos provocar uma Guerra Civil em Honduras, deportamos os pugilistas Cubanos antes que eles pudessem pedir asilo (um conseguiu fugir depois da Ilha-Prisão dos irmãos Castro)…..

    Se nossos itamaratecas são supremos, é na suprema patetice!

  • Seu Pimenta says:

    Caríssimo Edgard, respeitamos sua opinião, mas esclarecemos que não nos referimos à “supremacia brasileira”, mas sim à “supremacia do Itamaraty” nas negociações internacionais. Essa supremacia, como deixa claro o texto do Elio Gaspari, é do Itamaraty com relação a outras esferas do Governo Federal, como os ministérios da Defesa, da Fazenda etc.

  • Edgard Freitas says:

    Seu Pimenta

    Não se preocupe que não me referi a vcs, e sim à opinião do articulista, por que ele fala na tal “Supremacia”.

    Só a propósito, “Supremacia Brasileira” e “Supremacia do Itamaraty” acabam redundando na mesma coisa, por que em suas manifestações oficiais o Itamaraty representa a posição oficial do Brasil. Se o Itamaraty tem posição “Suprema” em alguma negociação internacional é o Brasil quem tem essa posição “Suprema”, por via de consequência.

    abraços!

  • Ricardo Seixas says:

    Os idiotas colonizados se aborrecem com a política que “naõ fala fino com Washington, e não fala grosso grosso com a Bolívia e o Paraguai”, coisa que os medíocres não admitem, tão acostumados estavam em adorar impérios. São uns tontos colonizados. Patetas!

  • Victor Costa says:

    Os entusiastas do Império Megalonanico que me perdoem, mas precisamos nos lembrar que a diplomacia internacional é lugar para conveniência, não amizade. Sem dúvida o Brasil goza de um prestígio mundial maior do que nos tempos de FHC (mérito do Lula), só que ainda come poeira perto dos países industrializados e já quebrou a cara nessa mania de parecer maior do que é (visto o pé na bunda que levou da Bolívia na questão das refinarias da Petrobrás naquele país e o fato de a China ser frontalmente contra a presença tupiniquim no Conselho de Segurança da ONU mesmo depois de termos apoiado a entrada dos asiáticos na OMC, como bem lembrou Edgard).

  • Victor Costa says:

    “Os idiotas colonizados se aborrecem com a política que “naõ fala fino com Washington, e não fala grosso grosso com a Bolívia e o Paraguai”,”

    > Sob a batuta da petralhada, o Brasil só fala grosso com Washington pq os americanos têm como líder o embananado Obama. E não fala grosso com Bolívia e Paraguai (países economicamente menos desenvolvidos que o nosso, diga-se de passagem) porque Evo e Lugo não são frouxos como a “companherada” lotada no Itamaraty.

Deixe seu comentário










WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia