WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia


alba










abril 2011
D S T Q Q S S
« mar   maio »
 12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930

editorias






:: 5/abr/2011 . 23:15

FATURA SALGADA

D´O Trombone

O usuário pode não ter percebido, mas de alguns dias para cá cresceram as ocorrências de canos de água estourados nas ruas. A culpa pode ser da maior pressão na tubulação, devido à maior vazão – a regulagem na pressão do líquido poderia evitar o desperdício. Mas esse problema, como dissemos, até pode estar passando despercebido pelos consumidores, uma vez que não interfere no valor da conta.

Mas outras estranhas ocorrências estão atazanando a vida dos usuários, justamente porque mexem no bolso desses. A empresa estaria trocando arbitrariamente os medidores de várias residências e, coincidentemente, o valor das contas passaram a vir até três vezes mais altos do que antes, com os antigos hidrômetros.

Uma explicação lógica que caberia para esse problema é a mesma que se deduz para o primeiro, o dos canos estourados: maior oferta de água nas residências, daí o maior consumo. Outra poderia ser a de que os novos hidrômetros são mágicos. Todas são igualmente difíceis de acreditar.

Na impossibilidade de convocar o Mister M, aquele que desvenda todos os segredos dos colegas ilusionistas, muita gente já está cogitando invocar seus próprios poderes, através dos órgãos de proteção ao consumidor, para barrar esses fenômenos inexplicáveis.

Leia mais

 

CONSTRUTORA PROMETE ENTREGAR “TORRES DA PRIMAVERA” EM DEZEMBRO

Neto diante dos clientes: promessa de entrega da obra em dezembro deste ano.

Os mutuários da Caixa Econômica Federal que compraram apartamentos do residencial Torres da Primavera, da Construtora Verti, receberam da direção da empresa um cronograma e a promessa de entrega das obras em dezembro deste ano. João Bernadino Lima Neto, diretor da Verti, reuniu-se com clientes nesta terça (5), no canteiro da obra, no Jardim Primavera, em Itabuna.

Ele reconheceu que a obra enfrentou problemas de ordem financeira, mas atribuiu à falta de mão de obra qualificada o atraso na entrega, antes programada para dezembro de 2010. O residencial com 164 apartamentos terá três torres e imóveis com preços variando entre R$ 85 mil e R$ 100 mil.

Os mutuários começaram a pagar o financiamento em 2009. Quem foi à reunião estranhou a falta de representante do agente financeiro da obra, a Caixa Econômica Federal.

SE A JUSTIÇA DEIXAR, GERALDO É O CANDIDATO

Walmir Rosário

Com a “corda curta”, Geraldo Simões já não consegue “comer em todos os pastos”, como se diz na pecuária, e procura aparecer nos eventos sozinho.

Nos últimos dias Itabuna passou a ser o centro das atenções dos possíveis “prefeituráveis”. Constantemente, em eventos públicos e privados, lá estavam desfilando garbosamente políticos de todos os matizes e agremiações partidárias, com a desenvoltura de sempre, cumprimentando pessoas, distribuindo sorrisos, amabilidades nem sempre gratuitas.

Mas, enfim, é esse o comportamento do político que pretende agradar a pessoas ou grupos, além de apresentar um comportamento politicamente correto. Melhor demonstração de procedimento republicano, para usar uma palavra em moda, não existe. Circular de mesa em mesa, perguntar por pessoas, mesmo as indesejáveis, faz parte desse protocolo.

São nessas apresentações e aparecimentos públicos que o candidato ou muitos deles dão uma pista de qual o caminho pretendem seguir. Nesse périplo, também ficam conhecidos os correligionários, camaradas, companheiros ou simples coligados. Claro, eles fazem parte do séquito e buscam um lugar ao sol, ou melhor, na futura chapa. É a lei que rege a política.

Para melhor ilustrar essas mal traçadas linhas de pouco raciocínio, o comunista Davidson Magalhães “correu” Itabuna de Norte a Sul, de Leste a Oeste, visitando pessoas, instituições, dando palestras, mostrando sua competência à frente da Bahiagás. No caminho, comemorou os 89 anos do velho e renovado partidão, o PCdoB, em Itabuna, como não poderia deixar de ser.

Nada mais plausível para quem deseja vencer a eleição no próximo ano e dirigir os destinos de Itabuna. Aqui virá constantemente, para acompanhar obras e a expansão da Bahiagás, conceder entrevistas durante oferecimento de café da manhã aos profissionais de imprensa. Contudo, não deixará fora de sua agenda o encontro com os possíveis eleitores. Nada mais justo.

Quem leva uma dianteira nessa “maratona” é o atual prefeito de Itabuna, Capitão Azevedo, que com o seu Projeto de governo Prefeitura Móvel não sai da periferia da cidade. Não abre mão de suas visitas às comunidades mais carentes, prometendo um “mar de leite e uma ribanceira de cuscuz” para que os eleitores renovem seu mandato.

Enquanto o Governo Federal não manda o dinheiro para transformar Itabuna na megalópole do Sul da Bahia, segue abrindo ruas, tapando buracos, sempre perto de uma máquina e homens com picaretas a cavar valas para implantar esgotos e canos de água.

Da periferia caminha para o centro, conversa com dirigentes de partidos políticos – de preferência os nanicos – para prestarem irrestrito apoio. Também namora o PMDB, cujo latifúndio mais cobiçado é um espaço generoso no horário eleitoral gratuito e muita gente ocupando cargos de relevância no governo federal. Estratégia importante para a liberação das verbas. Sem contar com o Partido Progressista (PP), com quem mantém um affair e troca juras de amor eterno. Acredito até que teremos casamento à vista.

Mas ainda tem aqueles que, como Geraldo Simões, escondem o jogo com a mesma desfaçatez com que enganam o eleitor. Após a rejeição ao nome de sua esposa, Juçara Simões, junto aos cardeais do Partido dos Trabalhadores (PT), que não “engolem” a imposição da vontade individual de Geraldo sobre os filiados do partido.

Com a “corda curta”, Geraldo Simões já não consegue “comer em todos os pastos”, como se diz na pecuária, e procura aparecer nos eventos sozinho, seguido apenas por uns dois ou três apaniguados hospedados em seu gabinete na Câmara Federal. Juçara ao seu lado nos eventos políticos: nunca mais. Por questão de estratégia, é claro.

E foi assim, no Seminário de Marketing, onde cometeu grandes besteiras, no shopping de Itabuna, na solenidade de aniversário do PCdoB, no qual agiu com indelicadeza com os anfitriões, e por aí afora. Como uma das simples lições que nos dá o marketing, “quem não anuncia não é lembrado”, o produto a ser vendido aos itabunenses é Geraldo Simões e não Juçara Feitosa.

Se o Supremo Tribunal Federal e Tribunal Superior Eleitoral deixarem, é claro, por ter um passado administrativo não muito recomendável.

Walmir Rosário é jornalista, advogado e editor do site www.ciadanoticia.com.br

 

GNV AINDA NÃO DECOLOU EM ITABUNA

As vendas de gás natural veicular (GNV) não decolaram em Itabuna, apesar dos investimentos feitos pela estatal de gás, a Bahiagás, e dos subsídios a taxistas. A cidade é considerada pela empresa estatal a joia da coroa no sul do estado em relação à comercialização do GNV. Existem dificuldades tanto no campo logístico quando na disponibilidade do produto no único posto para abastecimento.

O gás veicular começou a ser comercializado em Itabuna em março do ano passado, quando o ex-presidente Lula inaugurou a base do Gasoduto de Integração Sudeste-Nordeste (Gasene).

O GAROTO-PROPAGANDA DO CHOCOLATE BAIANO

Nota da Folha de São Paulo, hoje

O restaurante Alameda, tocado em Pequim pelas paulistas Viviane Gonçalves e Gabriela Alves da Silva, foi escolhido para servir almoço a ser oferecido pelo governo de Dilma Rousseff a empresários chineses no próximo dia 12. A casa prepara comida contemporânea com toques brasileiros.

O governador Jaques Wagner (PT), que acompanhará a presidente, cuidou para que o chocolate servido ao final da refeição seja de cacau da Bahia. Quer aumentar as exportações.

Adendo apimentado – ou achocolatado: Wagner tornou-se fã e (mais importante) consumidor voraz do chocolate amargo produzido pela fábrica-piloto da Ceplac, no Centro de Capacitação Tecnológica Euclides Teixeira Neto.

E ultimamente vem se empanturrando com chocolate produzido na fábrica da agricultura familiar em Ibicaraí, também no sul da Bahia. É, por esses dias, o principal garoto-propaganda do cacau e chocolates aqui produzidos.

CEF ELOGIA RITMO DE OBRAS DO PAC EM ITABUNA

Acredite se quiser! Técnicos da Caixa Econômica Federal fizeram uma avaliação positiva sobre o ritmo da execução de duas obras do PAC em Itabuna. O elogio foi referente às obras de habitacionais nos bairros Daniel Gomes e Maria Pinheiro, situados na periferia da cidade.

Uma equipe da Secretaria de Desenvolvimento Urbano de Itabuna participava de videoconferência com funcionários da CEF do município e da superintendência da instituição financeira em Brasília. Foi quando estes disseram que Itabuna conduz bem os serviços nos dois bairros.

O engenheiro Marcos Alan Ribeiro de Farias, diretor de Projetos e Engenharia da Sedur, participou da videoconferência e entusiasmou-se com o elogio (até que enfim um!). “Itabuna está como uma das melhores na competência da gestão dos contratos”, festejava Alan.

JOVEM É MORTO PRÓXIMO À PONTE NOVA

Um jovem aparentando pouco mais de 20 anos foi executado por volta das 16h desta terça-feira (5), na rua Barão do Rio Branco, próximo à ponte Calixto Midlej (Ponte Nova), em Itabuna. “Júnior da Califórnia” estava com uma moto roubada há quase uma semana, no município de Barro Preto. A suspeita é de que o autor dos dois tiros fatais tenha sido o carona, que fugiu logo após os disparos.

ITABUNA: SERVIDOR PÚBLICO AGRIDE CIDADÃ E É PRESO

O chefe do setor de manutenção da Prefeitura de Itabuna, conhecido como Geraldão, foi preso esta tarde após agredir uma cidadã de prenome Ilma, em pleno Centro Administrativo.  Segundo informações, a mulher estava criando um tumulto nos corredores da sede do governo e 0 funcionário, na tentativa de contê-la, acabou extrapolando.

A cidadã apanhou e foi jogada em um fosso que fica em frente à entrada do prédio. Com algumas escoriações, a vítima chamou a polícia, que conduziu o servidor público para prestar esclarecimentos na delegacia.

Neste momento, o funcionário se encontra detido.

PT TEM NOMES, MAS GANHAR…

Juçara e Geraldo: quem vai?

Ainda é cedo para falar em 2012? Se a pergunta for feita ao mandatário-mor de Itabuna, ele certamente repetirá que sim. Os adversários, naturalmente, acreditam que não e querem explorar ao máximo o momento de avaliação ruim vivido pelo governo.

Mesmo entre os opositores e levando-se em conta o cenário atual, são poucos os que acreditam no potencial de chegada de pelo menos um nome: Juçara Feitosa, do PT. “Tem arrancada confortável com os 30% de votos historicamente petistas no município, mas possui grande dificuldade de agregar”, avalia uma fonte petista. “Resta saber se queremos repetir o erro ou temos um novo Lula, de saias”, ironiza.

Membros do partido revelam desconforto com a repetição da carta em 2012 e a ameaça de um novo tsunami no pleito vindouro. “Historicamente, a eleição de Itabuna é muito mais dominada pela emoção do que pela razão. Ela tem pouco carisma e pode enfrentar nas urnas um Azevedo, por exemplo, bem diferente do que temos hoje. Embora a grande maioria das obras executadas em Itabuna sejam executadas pelo governo federal, o prefeito as ‘tornará’ suas. Juçara terá um discurso sedutor e que convença o povo do contrário?”.

Também dentro do partido são pouquíssimos os petistas dispostos a apresentar esta leitura ao esposo de Juçara e cacique do PT itabunense, o deputado federal reeleito Geraldo Simões. Se há a leitura de que Geraldo não faria bem se expondo em 2012 e correndo sério risco de apanhar novamente numa disputa municipal, por outro lado o partido se mostra num mato sem cachorro.

O partido tem um terceiro nome, o vereador Claudenave Leite, mas as chances deste empolgar o eleitorado também são pequenas. “É nome que poderia muito bem se destacar na Câmara, mas cumpre um mandato acanhado e tem muitas contas a acertar com o principal investidor dele, o próprio Geraldo Simões”.

DESCOBRINDO OS SEGREDOS CULINÁRIOS DE A.O.

Começou nesta terça-feira, 05, o curso de culinária de peixes e frutos do mar ministrado pelo ex-prefeito de Ilhéus, Antônio Olímpio. Considerado um exímio pescador e chefe de cozinha com especialidade em pescado, A.O. (assim ele é conhecido), de 80 anos, agora transmite seus conhecimentos e experiência para um público interessadíssimo.

Entre os alunos, há ilheenses e itabunenses de todas as idades. Destaque para o empresário Eduardo “Siri” e o jornalista Walmir Rosário, assessor de comunicação da Prefeitura de Ilhéus. Este, em matéria de boa mesa, sempre jogou no ataque, mas agora diz que está determinado a atuar mais atrás, na criação.

Pelo menos estes dois alunos já prometem uma suculenta peixada de robalo após o encerramento do curso. Só a título de demonstração.

Serão cobrados…

RECADASTRAMENTO DO BOLSA-FAMÍLIA

A Secretaria da Assistência Social de Itabuna anuncia o recadastramento de todos os inscritos no programa Bolsa Família. A atualização será feita a partir do dia 25, das 8 às 14 horas, no estádio Luiz Viana Filho.

De acordo com o coordenador do programa no município, Márcio Abreu, um cronograma será elaborado para que os 21 mil beneficiários do Bolsa Família possam agendar seu atendimento de acordo com o bairro em que residem. As listas com as datas em que cada um deverá se dirigir ao local do recadastramento serão afixadas a partir do dia 11, nas unidades de saúde.

Para fazer a renovação de dados junto à Coordenação do Bolsa Família, o beneficiário deverá apresentar-se com carteira de identidade, CPF, título de eleitor, carteira de trabalho e comprovante de residência.

CEPLAC ENVIA AMOSTRAS PARA O SALÃO DO CHOCOLATE

Amostras selecionadas pela Ceplac (foto Wilde Cabra)

A Ceplac finalizou a seleção de amostras de amêndoas de cacau e as enviou nesta segunda-feira, 04, para a França. Em outubro, o fruto produzido no Brasil será avaliado no Salão do Chocolate de Brasil, no qual teve destaque em 2010, quando o produtor João Tavares, da Fazenda São Pedro, em Ilhéus, obteve o prêmio de melhor cacau da América, na categoria “Cacau Chocolate”.

Para o próximo salão, foram selecionadas 20 amostras de um total de 35 recebidas de produtores brasileiros até o dia 17 de março.

Na capital francesa, amêndoas selecionadas em diversos país serão avaliadas por um júri formado por fabricantes de chocolate e jornalistas especializados em gastronomia, entre outros representantes de setores ligados à indústria.

MORTE DE ALÍCIO BRANDÃO ENTRISTECE COMÉRCIO DA ADOLFO MARON

A morte do comerciante e produtor rural Alício Brandão, 75, deixou o comércio da rua Adolfo Maron, centro de Itabuna, triste nesta terça-feira, 5.

O comerciante era dono da Cláudia Presentes, e morreu em um hospital de Itabuna. Ele era uma das referências no comércio de joias, relógios e eletrônicos na Adolfo Maron.

Alício deixa esposa e três filhos.

A “DUREZA” DA AGERBA

A Agerba enviou ofício à Secretaria de Transporte e Trânsito de Itabuna solicitando que a pasta dê um conselhinho às empresas de ônibus urbanos do município:  respeitem os limites da cidade e, assim, não façam transporte de passageiros na área do Atacadão e Makro.

O secretário Wesley Melo recebeu o recado e já passou adiante.

Notemos que a Expresso Rio Cachoeira e a São Miguel, que operam as linhas urbanas em Itabuna, não têm a mesma sorte da Rota Transportes, que goza de uma aparente displicência da Agerba.

A agência determinou reajuste de 7,86% da tarifa na rentável linha Itabuna-Salobrinho, mas a empresa aplicou aumento superior a 11%. A atitude irritou universitários da Uesc e moradores do Salobrinho.








WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia