WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia


alba










maio 2011
D S T Q Q S S
« abr   jun »
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
293031  

editorias





itao




ESTAMOS COM MEDO DE VIVER

Manu Berbert | manuelaberbert@yahoo.com.br

Vejo crianças estressadas, criadas entre paredes de concreto ou em brinquedotecas monitoradas por vídeos. Observo adolescentes fadados a diversões e relacionamentos virtuais.

Sou de uma geração que passeava por Itabuna. De uma geração que saía de casa a pé e visitava amigos. De uma geração que sentava na sorveteria Bobby’s aos domingos para bater papo e voltava andando, naquela ‘prosa’ toda de adolescentes.

Faço parte de uma geração que caminhava na Beira-Rio até o anoitecer, que fazia os trabalhos do colégio na casa dos colegas, de uma geração que participava de gincanas escolares de madrugada, que ‘fechava a rua’ e produzia um arraiá com o nome do bairro.

Hoje, encontro-me com amigos como Cristiano Anunciação, mestrando em jornalismo em Florianópolis, e digo: “Que sorte a nossa, hein?!”. É o que sinto diante do caos que a minha cidade se tornou. É o que sinto quando fico insegura na porta da minha própria casa. É o que sinto quando observo os adolescentes de hoje, trancafiados dentro de apartamentos, dentro de carros, dentro de academias climatizadas, dentro de amizades cultivadas nas telas dos computadores.

Estamos cada vez mais amedrontados dentro de nossas próprias residências, condenados à solidão. Vejo crianças estressadas, criadas entre paredes de concreto ou em brinquedotecas monitoradas por vídeos. Observo adolescentes fadados a diversões e relacionamentos virtuais. Todos com medo de viver. Essa é a verdade!

Além disso, estamos nos acostumando com a violência, com o descaso, com o medo. Estamos nos adequando a uma vida limitada, sem a liberdade que merecemos. Estamos até agradecendo a Deus quando somos assaltados e ‘nada de pior’ nos acontece. Ou achando um absurdo alguém reagir a um assalto, tomado pela emoção. “Fulano reagiu, por isso aconteceu aquilo!”. Triste realidade.

Me dói na alma escrever isso aqui, mas estamos com medo de viver livremente. E viver, na minha humilde opinião, é o maior e mais belo direito que temos!

Manu Berbert é jornalista e colunista da Contudo.

17 respostas para “ESTAMOS COM MEDO DE VIVER”

  • Kaka Pitombo says:

    É realmente lamentável Manuela como tudo mudou, e eu que por vezes ou melhor quase sempre pego-me a pensar sobre como tive uma infancia e adolescencia plena e livre( como queria repetir muitos momentos), cansei de andar pela noite sem preocupações ,o único medo que existia era a “bronca” que ia ouvir em casa por chegar tarde.(risos).Sou dessa geração que tudo era feito sem medo de ser assaltado, da mesma geraçao que caminhava com amigos e nao preocupava-se com o relógio ou em ter algo pra dá em troca da vida, parece historinhas de filmes de terror ou drama disacerbado , mais o pouco que acompanho daqui e que “nossa” Itabuna está transformada em cidade modelo de marginais. Se era pra cresçer torna-se pólo industrial, ter inúmeras faculdades dá opçao de trabalho a população e ter que levar o peso do acentuamento da marginalidade e dá preocupaçao que vai do simples fato de está a porta de casa até ao retornar da escola. Que continuasse a antiga cidade que por menos VIVIA-SE bem melhor. Ter até tem o que ser feito basta apenas achar que o faça!…

  • João Paulo Coelho / Ilheense says:

    INDISCUTIVELMENTE A MELHOR E A MAIS BONITA NO GALPÃO NA QUINTA FEIRA. PENA NÃO TER OLHOS PARA ESSE POBRE FÃ-LEITOR. RSRSRRRSSSSS

  • DANIEL says:

    PARABÉNS, BELISSIMO TEXTO.

  • MADEIRA says:

    na moral Manu, conto de fadas uma hora dessa?

    porque não responsabiliza logo o Senhor Jaques Wagner pela IN segurança no nosso estado?

    porque não responsabiliza a Senhora Presidente Dilma do Chefe pela entrada de drogas e compras de armas do exército brasilieiro?

    falar assim é fácil fizinha… eu já vivi isso, e te digo, faça como eu faço, se apegue a Deus!

  • O CIDADÃO says:

    SÁBIAS PALAVRAS. MAS ESTA É A GERAÇÃO MESA DE BAR, DA COCAÍNA, DA MACONHA, DO CRAK E AGORA DO OXI. TRISTE FUTURO NOS RESERVA ESTA GERAÇÃO.

  • Sérgio Oliveira says:

    Boa parte disso voltaria se o (des)governo da Bahia tomasse as rédeas da Segurança Pública, …, se nosso país endurecesse a fiscalização nas fronteiras, …!!!

    Por enquanto é apenas nostalgia e conto de fadas, …!!!

    Por incrível que pareça, as coisas só estão piorando ao longo do tempo, …!!!

    Veio o progresso, mas muita gente só fez involuir, …!!!

    É uma pena, …!!!

  • Mestre dos Magos says:

    Não tenho medo de nada e de ninguém. Entro e saio em qualquer lugar aqui em Itabuna e nada me acontece…Posso aparecer e desaparecer em fração de segundos se estiver em perigo.
    Essa Manuela é exagerada demais.

  • notorio norberto says:

    Belo texto Manuela! Lembro, com saudades, da Itabuna de outros tempos..

    Mas, não se preocupem. Infelizmente vai piorar.

  • Maria says:

    Que saudade daquele tempo! Que pena de nossas crianças e nossos jovens!

  • DAlLAI LAMA 2 says:

    Cara Manu,
    De vez em quando leio suas inocentes e empíricas postagens nesse blog. Devo ser de sua geração, tenho 38 anos. Esse pseudo saudosismo (que gostaria muito de discorrer aqui e lhe contrariar em muitas dessas suas afirmações, mas não tou com “vontade”), incomoda à lógica, pois como vc se orgulha de algo que vc viveu quando criança mas, não foi capaz de propiciar para essa geração que te foi posterior? De quem é a culpa? Dos nossos filhos sentados à frente do pc ou do PS 2, 3, PSP, etc, ou nossa que ficamos nesse egoísmo ridículo de termos vivido uma época “romântica” e aí não tivemos a competência ou, como gostaria de te dizer, a “impossibilidade”, graças a todos os deuses, de repetirmos essas bobas ciências de baixa tecnologia para nossos posteriores?
    Estamos condenados a sermos livres, baby! (Sartre)o baby é meu rararrrr
    Ainda bem!!!! rarararrrrr

  • heraldo says:

    ACHO QUE CADA GERAÇÃO COM SUAS MAZELAS.
    GERAÇÕES PASSADAS FILHOS TINHAM MEDO DOS PAIS,NÃO ERA RESPEITO ERA MEDO. QUANTAS MENINAS CRIANÇAS AINDA ERAM CASADAS POR IMPOSIÇÃO DOS PAIS.
    QUANTOS FILHOS CRESCERAM ODIANDO A DEUS , POIS OS PAIS OBRIGAVAM IREM AS IGREJAS.
    QUANTOS POLITICOS QUE AINDA HOJE FAZEM PARTE DOS DESTINOS DA NOSSA NAÇÃO , QUE FORAM CRIADOS NESTA GERAÇOES QUE HOJE VOCES ELOGIAM E ATE SENTEM SAUDADES.
    ESTAMOS VIVENDO EM UMA GERAÇÃO NOVA , POREM COM VALORES CHEIOS DE ROTOLOS , COLOCADOS PELAS IGREJAS , PELOS PRECONCEITOS ( pré – conceito).
    quantas mulheres meninas odiavam seus maridos arranjados pelas famílias, e as igrejas sabiam que estavam celebrando, a escravidão daquela menina mulher . e aquele menino homem ou grande fazendeiro sendo o senhor de uma menina e logo apois sendo o senhor da família, que seus pais arranjaram , ai criaram filhos mal amados ou bem amados.
    criaram homens com maxismo ou homossexuais enrutidos , praticadores de homofobias dentro e fora da familia, quantas mulheres foram agradidas na alma por esta geração seria geraçao do exemplo.
    HOJE A MULHER TEM DIREITOS E DEVERES COM SIGO E COM A SOCIEDADE. NO BRASIL TEMOS UMA PRESIDENTE, TEMOS SENADORAS , PREFEITAS , MEDICAS , E ETC E ACIMA DE TODOS ESTES DOTES ESTA O DOM DE SEREM MÃES.
    ESTA GERAÇÃO ATUAL TEM MUITOS DEFEITOS , POREM NAO DEPENDEM SÓ DOS GOVERNANTES, NEM DE UMA SÓ PESSOA , DEPENDE DE TODOS NÓS , FAZENDO ISSO QUE ESTAMOS FAZENDO AGORA COMENTANDO , DIALOGANDO.
    CRITICAR POR CRITICAR NAO VALE.
    ESTA GERAÇÃO JÁ ESTA CAIDA . TEMOS QUE CANALIZAR FORÇAS ESPIRITUAIS , MORAIS E MATERIAIS E A FORÇA DE DEUS REEGUER ESTA GERAÇÃO . DEUS NAO ABANDONA SEUS FILHOS . SE CRE TERAS A FORÇA.
    VIVEMOS EM UM PAÍS, QUE SUA HISTÓRIA , APRENDEMOS UMA COISA NO PRIMARIO TOTALMENTE MENTIROSA.
    TERRAS, INDIOS , PORTUGUESES , HOLANDESES, AFRICANOS E ETC.
    A CORRUPÇÃO E UMA AÇÃO PRESENTE NA POLITICA DESTE PAÍS DESDE 1500 E CHEGA TÃO FORTE ATE NOSSOS DIAS.
    É UM PAÍS CHEIO DE IGREJAS , POREM POBRE EM CRENTES, EVANGELICOS ( PESSOAS QUE VIVEM OS ENSINAMENTOS DE JESUS CRISTO
    MESMO SEM SABEREM LER).
    EXISTEM MUITOS PAIS , MÃES, PASTORES , PADRES , PROFESSORES , POLITICOS E ETC, QUE CONHECEM A BÍBLIA POR INTEIRA POREM NUCA
    TIVERAM UMA VERDADEIRA ESPERIENCIA COM CRISTO JESUS, POR ISSO ESTE VAZIO E ESTE MEDO, ESTE PRE CONCEITO .

  • To de olho says:

    Manu, o problema do Brasil eh que a seguranca publica deixou a muito de ser prioridade dos governantes, Lula deixou o governo com a sensacao que as drogas passam livremente pelas fronteiras, principalmente da Bolivia e Paraguai, armas e drogas, hoje praticamente todas as cidades foram contaminadas pelo crack e agora o oxi, cade algum pronunciamento do governante? cade uma acao de fechamento das fronteiras? nada eh feito. Bandidos agora explodem caixa de banco em pleno centro de Itabuna e ontem deixou toda uma cidade refem.
    Cice esta certa no seu saudosismo, so falta agora um artigo criticando os verdadeiros motivos que levaram a esta situacao de desespero que nos atinge.

  • heraldo says:

    É “TO DE OLHO”
    RECONHEÇO QUE O GOVERNO PT AINDA TEM MUITO A FAZER PRINCIPALMENTE NA SEGURANÇA.
    NOSEU GOVERNO PASSADO OU ESTES PROBLEMAS SURGIRAM AGORA COM O GOVERNO PT.
    AQUELA GRANDE MATANÇA DO RIO DE JANEIRO EM GOVERNO PFL DEM PSDB
    A POLICIA FEDERAL NUMCA PRENDEU TANTA DROGA , QUANTOS RICOS ATRAVES DA DROGA ,QUE ESTÃO PRESOS, ATE O FILHO DE PELE FOI PRESO NESTE GOVERNO.
    ESTE PROBLEMA É GOVERNAMENTAL , CULTURAL E ESPIRITUAL PARA ESTA NAÇÃO.

  • Paulo Fontes says:

    Paulo Fontes
    Este seu texto nos remete a pura e atual realidade do Sec. XXI, o mundo virtua, o medo, a violência as drogas onde vai parar os nossos jovens… fica assim as lembranças de outroras .. Tempo bom das brincadeiras de ruas, que maravilha era a nossa lliberdade,
    da PAZ e traquilidade….

  • leidikeiti says:

    Está assim, porque as pessoas acham que tudo é engraçado. “Comecei pensando que só usaria em fstas, mas não, virei viciado”. Esta é a fórmula de tudo neste país.

    Penso que as mulheres brasileiras do pos guerra escolheram com quem casar,se queriam ter filhos, quantos queriam, usar pílula, até se queriam passar pelo ritual do “pedido de casamento”. O saudosismo está em recordações do início do século XX, coisa que ninguém que escreve neste blog viveu. Quanto ao respeito aos pais, sem medo, por consideração e amor a si próprio, até crianças de 10 anos tem,enquanto muitos de 40, 50, 60 não tem.

    A culpa não é dos governantes de hoje, mas da forma como estão sendo criadas as pessoas: arrogantes, sem escrúpulos, sem caráter, traços de personalidades que sempre existiram e o ECA corrobora. Após vinte anos, de vigência, o resultado aí está. Não adianta achar que a polícia vai dar jeito,pois não haverá um policial para pajear cada pessoa. Quando se fala em criança nos condomínios, nas salas de MSN, esquecemos que a maioria delas estão nos guetos, nas mãos dos bandidos, vivendo em intensa promiscuidade e elas vão comandar os destinos da nação, ou melhor, vão continuar escolhendo os políticos que se identificam com seus sensos deturpados. Ao invés de contrapartidas de tom jocoso, é bom observar que desenvolvimento inclui valores que muitos acham piegas, coisa de frouxo, de velho!

    Bom você abordar essa questão, Manuela! A realidade é: você sabe se sai, mas não sabe se volta. E a bomba no caminho é ninguém menos que nosso semelhante.

  • Jamile Rosa says:

    Achei ótimo esse texto..
    na realidade vc falou tudo que eu penso, não vamso colocar a culpa só nos governantes pq temos culpa tbm…quando vc falou das gincanas escolares lembrei de um tempo que naum vejo mais,era brincadeiras com aprendizagem,hoje tem torneio de ps 2, antes brincavamos de esconde esconde, corda, elastico, amarelinha, baleado,bandeirinha, a única brincadeira que memso o nome sendo ruim mas era divertido era policia e ladrão. Lembro tbm que só tinhamos medo dos “pivetes” nada como é hj,o mundo ta do jeito que tá pq as sociedade deu muito poder a criança, hj ninguém pode bater nos filhos pq crescem revoltados, eu apanhei a minha infância toda, e nunca tive vontade de sair batendo em ninguém na rua,o filho hj grita com pai e mãe como se estivesse gritando com um amiguinho, ah no meu tempo eu que respondesse minha mãe pra eu ver o tapão na boca que eu recebia, e se eu chegasse falando que a prof bateu com a régua na minha mão minha mãe não ia lá tirar satisfações com a professora não e eu ainda apanhava em ksa, pq se bateu com a régua era pq eu tinha merecido, professor antes era mestre, vai hj professor gritar com aluno e ainda sai como errado pq os pais não aceitam…o mundo ta do jeito que ta hj pq estão deixando.Psicologos dizendo como vc deve tratar seu filho,quando eu tiver um vai ser do meu jeito e ele que naum obedeça pra ver…Infelizmeente Manu as coisas ainda vão piorar pq a maioria está sendo conivente com toda a situação.

  • Diego says:

    … É TRISTE E AO MSM TEMPO ATERRORIZANTE VER QUE AO INVÉZ DA EDUCAÇÃO, SAÚDE E O EMPREGO CRESCER VC SE DEPARA NOS NOTICIÁRIO COM UMA ENCHORRADA DE CRIMES QUE NA MAIORIA DAS VEZES SÃO TRAMADOS POR JOVENS QUE PODERIAM SER “O FUTURO DO PAÍS”, ISSO FAZ REFLETIR AOS JOVENS DE AMANHÃ. “O QUE ESTÁ POR VIR?”

Deixe seu comentário








WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia