WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia


junho 2011
D S T Q Q S S
« maio   jul »
 1234
567891011
12131415161718
19202122232425
2627282930  

editorias


:: 28/jun/2011 . 21:37

DEFICIENTES VISUAIS RETÊM ÔNIBUS

Cerca de 20 portadores de deficiência visual fazem protesto agora à noite em Itabuna, reivindicando gratuidade em linhas de transporte coletivo operadas pela empresa Rota. O benefício pleiteado é para os ônibus que operam com catraca ou tarifa única.

Os manifestantes estão retendo os veículos da Rota que têm como destino cidades como Ilhéus, Buerarema, Itapé e Itajuípe, todas vizinhas a Itabuna.

O Ministério Público Estadual já recomendou a gratuidade, apoiado na Convenção dos Direitos das Pessoas com Deficiência (CDPD). Para as promotoras Thiara Rusciolelli e Cleide Ramos, os ônibus com catraca, mesmo que operem em linhas intermuncipais, são equiparados aos das linhas semiurbanas, para os quais já existe previsão de gratuidade para os deficientes.

BRIGA FEIA NA EMASA

Alfredo Melo ainda não confirmou pedido de exoneração (foto Waldyr Gomes)

O PIMENTA fez várias tentativas de contato com o presidente da Empresa Municipal de Água e Saneamento de Itabuna (Emasa), Alfredo Melo, para confirmar a informação sobre sua saída do cargo. Melo atendeu apenas um dos vários telefonemas, mas disse que não podia falar no momento e ficou de retornar depois, o que ainda não ocorreu.

Segundo foi apurado pelo blog, uma briga com direito a vias de fato teria a ver com pedido de exoneração do presidente. O entrevero se deu na manhã desta terça-feira, 28, nas dependências da sede administrativa da Emasa, envolvendo o diretor financeiro Otaviano Burgos e funcionários identificados como Renato, Josa e Ailson.

O início da briga foi presenciado pelo presidente da Câmara de Vereadores de Itabuna, Ruy Machado, que logo saiu do recinto, alegando não apreciar “cenas fortes”. Duas fontes da maior confiabilidade confirmaram a troca de sopapos, mas gente próxima ao prefeito José Nilton Azevedo nega que ele tenha recebido pedido oficial de exoneração de Alfredo Melo.

“DEFUNTO” APARECE EM CASA 24H APÓS O ENTERRO

Uol Notícias:

Um rapaz de 20 anos, morador de Londrina (380 km de Curitiba), norte do Paraná, foi dado como morto pela família, que identificou como sendo dele o corpo de outro jovem e o sepultou. Um dia depois do funeral, a confusão começou a ser esclarecida, quando André Pereira da Silva, que estava fora de casa havia duas semanas, apareceu de volta.

Toda a confusão começou quando, na semana passada, um andarilho foi encontrado morto em um terreno baldio. Como André estava “sumido”, sem paradeiro conhecido já fazia alguns dias, a polícia considerou a possibilidade de o corpo encontrado ser do rapaz.

Chamado ao Instituto Médico Legal (IML) para fazer o reconhecimento, o pai de André, Luiz da Silva, foi e atestou que aquele era mesmo o cadáver do filho. E foram tomadas as providências para o velório e o enterro.

Segundo a polícia, o corpo apresentava um profundo traumatismo na cabeça, o que pode ter confundido a família na hora da identificação.

EDSON NEVES RETORNA AO CARGO

Uma semana após ter sido afastado pela Câmara, o prefeito Edson Neves retorna ao cargo por força de decisão do juiz substituto de Ubatã, Antônio Carlos Maldonado Bertacco. A determinação judicial foi expedida há pouco. Neves foi afastado na última terça (21), por 6 votos a 0, para que a Câmara pudesse apurar diversas denúncias de improbidade administrativa, segundo o site Ubatã Notícias.

A prefeitura vinha sendo administrada pela presidente da Câmara de Ubatã, Cássia Mascarenhas, que agora retorna ao legislativo e promete recorrer contra a liminar que devolveu Edson Neves ao cargo.

Conforme informações obtidas pelo PIMENTA, os vereadores podem afastar o prefeito na sessão da próxima quinta (30), quando novas denúncias serão analisadas pela Casa. Em pouco menos de dois anos e meio, Ubatã já teve quatro prefeitos (Expedito Rigaud, Agilson Muniz, Edson Neves e Cássia Mascarenhas).

Rigaud é vice eleito na chapa de Agilson Muniz e substituiu o prefeito no período em que este ficou fora para tratamento médico. Os dois acabaram cassados pelo Tribunal Regional Eleitoral (TRE-BA) em maio do ano passado, acusados de compra de votos e abuso de poder econômico na eleição de 2008.

LEOPOLDO E ALFREDO FORA

O pós-São João começou quente na prefeitura de Itabuna. Primeiro, o prefeito Capitão Azevedo tirou Leopoldo dos Anjos do comando do Hospital de Base Luís Eduardo Magalhães (Hblem). Agora, engrena mudança na direção da Emasa, como parte do projeto de privatização da empresa. O presidente Alfredo Melo seria substituído pelo engenheiro Geraldo Briglia.

A saída de Leopoldo do Hblem, conta o blog Trombone, foi definida ainda ontem, após o diretor do hospital entrar em atrito com Azevedo. Contra a vontade do prefeito, ele não quis assinar o contrato em que o estado repassará R$ 500 mil ao hospital por mês.

Leopoldo, literalmente, retou-se e lembrou que o prefeito assinaria um contrato contra o qual tanto desferiu críticas. “Não assino”, sustentou, enxergando ali uma “sentença de morte” do Hblem. O gestor itabunense mandou os bons modos às favas, argumentando que não poderia brigar com o estado.

GOVERNO PROMETE CONCLUSÃO DE OBRAS NA PEDRO JORGE

Governo pretende entregar obra em julho (foto Waldyr Gomes)

A Prefeitura de Itabuna anuncia esforço concentrado para finalizar as obras na Avenida Pedro Jorge, que tem 2,5 quilômetros e liga os bairros São Caetano e São Judas. No local, está sendo reconstruída a rede de saneamento básico e o projeto também inclui pavimentação, meio-fio, passeios e novo sistema de iluminação.

Segundo o secretário municipal do Desenvolvimento Urbano, José Alencar, resta concluir os trabalhos em 1,5 quilômetro da avenida, o que deve ser feito até o final de julho. A ideia é encerrar a obra a tempo de incluí-la como no pacote de ações do governo para o aniversário de 101 anos de Itabuna (28 de julho).

RESSACA JUNINA DA APPM

A 3ª regional da Associação de Praças da Polícia Militar (APPM) promove, na próxima sexta (1), a partir das 19h, arrasta-pé do bom regado a música, bate-papo, comidas e bebidas típicas. A Ressaca Junina da APPM será realizada na sede da Usemi, na avenida Manoel Chaves, próximo ao estádio Luiz Viana Filho (Itabunão).

“A festa é um momento de confraternização para a categoria que, também no período junino, trabalha para garantir a segurança da população”, diz o presidente da regional da APPM, Sargento Cavalcanti.



CURSO DE FOTOGRAFIA

As comunicólogas Anabel Mascarenhas e Tacila Mendes abriram período de inscrições para a segunda turma do Curso Básico de Fotografia. As aulas serão ministradas de 14 a 16 de julho, na Fundação Cultural de Ilhéus, e o valor da taxa de inscrição é R$ 50,00. O curso oferece apenas 15 vagas.

Para mais informações, clique AQUI.

DEM TIRA ONDA COM BIRA CORÔA

Bira Corôa: chove "convite" (Foto Bocão).

O DEM resolveu “tirar onda” com a situação do deputado estadual Bira Corôa (PT), que foi barrado na pretensão de disputar a prefeitura de Camaçari, na região metropolitana. O presidente do diretório do Democrata, Hélder Almeida, disse que o DEM e a oposição “como um todo” está de “portas abertas para o deputado”.

A intenção está mais do que clara no “convite”: aumentar ainda mais a tensão política interna no PT quanto à escolha do nome governista que disputará a sucessão de Luiz Caetano.

SENA: “FRITURA É COISA DE PARTIDO DE DIREITA”

Sena, na foto entre Davidson e Wenceslau, diz que no PCdoB não tem fritura

O ex-vereador e dirigente sindical Luís Sena, afirmou considerar “estranha” a informação atribuída ao diretor-presidente da Bahiagás, Davidson Magalhães, sobre a definição do PCdoB acerca da sucessão itabunense.

Na noite de ontem (27), um professor ouviu de Magalhães que o candidato do partido à Prefeitura de Itabuna seria o próprio presidente da Bahiagás ou o vereador Wenceslau Júnior. Ficou descartada, assim, a opção por Luís Sena.

Para o sindicalista, a informação destoa do que vem sendo discutido internamente no PCdoB. “Estou seguindo aquilo que está colocado no partido”, afirmou Sena, acrescentando que a legenda somente se definirá quanto a um nome para a sucessão em setembro ou outubro próximo.

Sena repetiu o discurso de que a prioridade dos comunistas é discutir projetos em vez de nomes. “Temos que combater em Itabuna a falta de planejamento estratégico, a malversação de verbas”, disse o sindicalista.

Sobre a possibilidade de estar sendo alvo de fritura política, Sena desconversou. Segundo ele, “fritura é coisa de partido de direita; se houver no PCdoB, é condenável”.

WAGNER PREFERE GERALDO

Geraldo e a esposa, Juçara, são os nomes do PT (Fotomontagem Contudo).

Enquanto a presidente do PT itabunense, Miralva Moitinho, prefere Juçara Feitosa como o nome do partido para disputar a prefeitura local, o governador Jaques Wagner relembra 2008 e não vê a segunda suplente da senadora Lídice da Mata (PSB) como o nome mais forte para enfrentar o prefeito Capitão Azevedo (DEM).

Tanto em restrito como em conversas com aliados, Wagner deixa claro que o nome do partido em Itabuna deveria ser mesmo o do ex-prefeito Geraldo Simões. Em bom português: Juçara não teria cacife nem carisma suficientes para enfrentar o “pula-pula” Azevedo.

Ele também não vê com bons olhos a divisão na base aliada com a possibilidade de duas candidaturas (uma do PT outra do PCdoB). Para o governador, dois nomes no campo “progressista” facilitaria o caminho para uma possível reeleição de Azevedo.

Wagner insistiu com Geraldo, em 2008, para que saísse da pasta da Agricultura e disputasse a prefeitura itabunense. GS não ouviu os conselhos e ouviu “coitado”: meses depois da disputa em que Juçara saiu derrotada, o deputado foi exonerado do comando da Seagri.

RESCISÃO ATRASA (AINDA MAIS) CONSTRUÇÃO DA PRIMEIRA UPA 24H DE ITABUNA

As obras da Unidade de Pronto-Atendimento (UPA) do Jaçanã, em Itabuna, estão paralisadas há mais de um mês. O “mini-hospital” com funcionamento em regime 24h deveria ter sido inaugurado ao final de 2010 como parte de um plano para desafogar a rede de urgência e emergência.

A obra parou desde o início de maio. De acordo com a subchefia de gabinete do governo baiano, a MPF, construtora responsável pela obra, foi desqualificada e novo edital de licitação para substituí-la será lançado no próximo mês. Herbert Frank, subchefe de gabinete do governador Jaques Wagner, diz que a rescisão com a MPF “foi amigável”.

Antônio Filho: preocupação com obra.

O itabunense Antônio Filho havia denunciado a paralisação da obra e suposto sumiço de materiais do canteiro, mas, de acordo com o subchefe de gabinete, “pertenciam à construtora”. Antônio lembra que outras UPAs baianas encontram-se em fase adiantada e algumas até já foram entregues.

A UPA 24h presta atendimentos de baixa e média complexidade aos pacientes, além do primeiro atendimento em casos mais graves.

A unidade do Jaçanã, na avenida Manoel Chaves (Kennedy), foi anunciada oficialmente em maio do ano passado pelo governador Jaques Wagner e custará, segundo previsão do estado, R$ 3 milhões e prestará cerca de 300 atendimentos diários (relembre aqui).

A promessa, no entanto, completará dois anos. Foi quando o secretário Estadual de Saúde, Jorge Solla, esteve em Itabuna para reinaugurar o Hospital São Lucas, em julho de 2009 (reveja).

O BOOM NO SETOR DA MINERAÇÃO

Com a entrada de siderúrgicas na mineração e a chegada de novatas, como a Ferrous – controlada por fundos estrangeiros – e a ENRC, do Cazaquistão, cidades mineiras e baianas estão vivendo um novo ciclo de expansão econômica. Na região de Serra Azul, província mineral do Quadrilátero Ferrífero (MG) onde a Vale ainda não pôs os pés, duas cidades despontam na nova corrida pelo minério de ferro: Brumadinho e Itatiaiuçu. Na Bahia, Ilhéus e Caetité são as apostas.

Elas fazem parte de um novo ciclo da mineração, que deve atrair US$68 bilhões em investimentos entre 2011 e 2015, um recorde para o setor, segundo levantamento do Instituto Brasileiro de Mineração (Ibram). Dois terços desse total vão para projetos de minério de ferro, carro-chefe do segmento no Brasil.

CARGILL FRUSTRA REINTEGRAÇÃO DE POSSE

Beneficiada por uma sentença do juiz Gustavo da Silva, da Vara da Fazenda Pública, a Prefeitura de Itabuna retomaria ontem a posse da área onde funcionou a fábrica da indústria de calçados Kildare, no bairro São Caetano.

Com reforços da polícia e da guarda municipal, uma equipe esteve nos galpões para cumprir o mandado de reintegração expedido pela justiça, mas o procedimento acabou frustrado quando se descobriu que a indústria de alimentos Cargill alugou os galpões junto à família Kauffmann e os utiliza para estocagem de produtos.

A Prefeitura já era dona de parte da área e brigava pela outra em juízo. Agora, é dona de tudo, mas ainda não levou.

O juiz da Vara da Fazenda Pública determinou que a Cargill desocupe os galpões.

HOTÉIS TIVERAM AUMENTO NA OCUPAÇÃO

A rede hoteleira baiana registrou aumento na ocupação durante os festejos juninos, na comparação com o mesmo período de 2010. Quem confirmou o crescimento foi o governador Jaques Wagner, ressaltando que o governo investiu R$ 10 milhões para apoiar a realização da festa em 100 municípios do Estado.

Segundo Wagner, os hotéis registraram aumento de até 85% na ocupação, como foi o caso da Chapada Diamantina. Em Porto Seguro, a elevação foi de 20%, enquanto a rede hoteleira da capital recebeu 13% mais hóspedes este ano. Esse crescimento também se deve ao Dia de Corpus Christi, que ampliou o feriado e estimulou mais gente a viajar.

Os resultados dos investimentos no São João estão entre os assuntos abordados por Jaques Wagner no programa semanal Conversa com o Governador. No programa, ele fala também sobre qual deve ser, em sua opinião, o destino dos royalties do pré-sal.

Clique no player abaixo para ouvir o programa:

COBRAS ATACAM NO PARQUE SÃO JOÃO

Eury no estilo mata cobra e mostra o pau.

Moradores do Parque São João, localizado entre os bairros Castália e Pontalzinho, reclamam da falta de manutenção no bairro e das constantes “visitas indesejadas”.

O bancário Eurivaldo Batista foi surpreendido por uma cobra coral, nesta noite de segunda, por volta das 22h, ao sair na varanda do apartamento.

“Eury” mora na rua M e recorreu a um “arsenal” para impedir que a cobra entrasse na residência. O bancário diz que não restou outra alternativa a não ser matar a cobra.

“Infelizmente, a nossa cidade anda em total abandono”, reclama. A cobra media aproximadamente 1 metro de comprimento.

“EU OU WENCESLAU”

Nesta noite de segunda, professor encontra Davidson Magalhães no Salvador Shopping. Os dois conversam, rapidamente, sobre eleições 2012. O comunista confirma que o PCdoB terá candidato a prefeito em Itabuna.

– E qual será o nome? – pergunta o professor.

– O meu ou o de Wenceslau – responde o prefeiturável Davidson.



WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia