WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia


alba










novembro 2011
D S T Q Q S S
« out   dez »
 12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
27282930  

editorias






:: 17/nov/2011 . 23:16

NADA ALÉM DE INFANTILIDADE

Ricardo Ribeiro | ricardoribeiro@pimentanamuqueca.com.br

 

Chamar uma mulher de chimpanzé doido me lembra aquelas patéticas discussões de crianças de quatro anos de idade.

 

 

Professor Marcos Peres, na boa, não estou certo se o senhor é preconceituoso, mas é sem dúvida alguma um sujeito que não pensa no que diz. Tudo bem, este é um tempo – felizmente – de liberdade de expressão, em que somos livres para manifestar nossas opiniões, muito embora devamos saber que há um preço a ser pago quando se ultrapassa o limite do direito, respeito e sentimento alheios.

O professor tem todo direito de não gostar de arrocha e axé, e devo admitir que esses dois estilos também não tocam aqui em casa. Concordo que boa parte das músicas que fazem a cabeça da galera colocam a mulher abaixo do chão, mas comparar as beldades a chimpanzés doidos não foi uma ideia das mais felizes e inteligentes. Depois, para escapar do vexame, recorrer ao xamanismo e outras saídas pela tangente… Não cola.

O senhor faz parte do corpo docente de uma universidade pública, milita com as ciências humanas e deveria ser mais tolerante com as diferenças. No mínimo, o professor deveria ser mais prudente com as palavras… Em vez disso, sendo um paulista, fez um ataque duro às mulheres baianas e nordestinas.

Escutei hoje numa rádio de Ilhéus o comentário de um ouvinte que afirmou concordar com o senhor, mas só pela metade. Ele também desaprova as músicas depreciativas, mas considera que o mestre extrapolou ou se empolgou, talvez com os freios do bom senso adormecidos pela facilidade e informalidade que nos inspiram – e às vezes no traem – no Facebook.

Soube que estão fazendo fila nos corredores da faculdade e tem gente se amontoando em frente à sala onde o senhor leciona. Não se preocupe com ataques xenofóbicos porque baiano sempre tratou paulista com a maior fidalguia, muito embora a recíproca nem sempre tenha ocorrido. A turma que curte um fuá está só de calundu, mas isso passa.

Para finalizar, uma reminiscência: chamar uma mulher de chimpanzé doido me lembra aquelas patéticas discussões de crianças de quatro anos de idade, quando uma chama a outra de algo como “cara de lagartixa” e a outra responde “e você, seu cabeça de caramujo”… Ou “seu chimpanzé doido”, sei lá…

Certo é que para uma criança algo assim é inofensivo e no máximo engraçado. Para um professor universitário, não passa de infantilidade.

Ricardo Ribeiro é um dos blogueiros do PIMENTA.

BURACO “ENGOLE” RODA DE CAMINHÃO

Confusão geral no bairro do Pontal, em Ilhéus, na tarde desta quinta-feira, 17. Um caminhão passava pela Rua Eustáquio Bastos quando, de repente, eis que havia um buraco no meio do caminho.

Surpreendido, o motorista não teve tempo de desviar e acabou enfiando a roda do veículo na cratera. Um  guincho e quatro homens tiveram que ser mobilizados para remover o caminhão, numa operação que durou cerca de uma hora e contribuiu com o caos do trânsito naquela parte da cidade.

Isto é Ilhéus…

Caminhão ficou preso no buraco (foto do leitor Paulo Landi)

PRESOS ENCERRAM GREVE DE FOME

Protestando contra a demora no julgamento de processos, presos da cadeia pública de Almadina fizeram uma greve de fome que durou seis dias e foi encerrada nesta quinta-feira, 17.

O encerramento do protesto se deu após a ida do juiz Alisson Camilo à cadeia pública. O magistrado pertence à comarca de Itapitanga, que abrange o município de Almadina.

De acordo com o site G1, a justiça expediu alvará de soltura de quatro presos. Outros quatro detentos já haviam sido soltos.

SEGUNDO PRESIDENTE DO COMDEMA, POPULAÇÃO QUER O G BARBOSA

Nazal diz que atraso se dá por culpa da empresa

O presidente do Conselho Municipal de Defesa do Meio Ambiente de Ilhéus (Comdema), José Nazal, entrou em contato com o PIMENTA e atribuiu exclusivamente ao supermercado G Barbosa a responsabilidade pelo atraso no início da construção do supermercado da rede no bairro do Pontal, zona sul de Ilhéus.

Nazal disse que a maioria da população defende a vinda do G Barbosa para a cidade, mas salienta que é preciso obedecer determinados critérios para que o empreendimento possa ser executado. “Não se constroi sem alvará”, exemplificou o presidente.

Segundo Nazal, os questionamentos dos moradores e membros do Comdema têm a ver com aspectos como, por exemplo, o acesso ao supermercado. “Não existe projeto aprovado”, declarou, salientando que um engenheiro do próprio G Barbosa admitiu que o atraso se dá por culpa  do empreendedor.  “Eles deram entrada no processo de licenciamento ambiental em março e só agora apresentaram a documentação”, diz Nazal.

O presidente do Comdema também descartou a possibilidade do G Barbosa deixar de vir para Ilhéus. “Nenhuma empresa vai investir R$ 5 milhões na compra de um terreno para depois abandonar o projeto”, justificou.

A RAIZ DE TODOS OS PROBLEMAS

EXEMPLO: Com mais de 100 anos, a baiana Enedina matriculou-se no programa Todos pela Alfabetização (Topa) e aprendeu a ler

Violência, miséria, desemprego e uma série de outros problemas possuem uma raiz comum: a falta de educação. E nesse quesito a Bahia, infelizmente, continua sendo campeã.

De acordo com o último censo do IBGE, considerados os números absolutos o Estado é o primeiro em analfabetismo. São 1.729.297 baianos com idade superior a 15 anos que não sabem ler nem escrever. Isso corresponde a 16,6% da população.

Se for contabilizar os analfabetos funcionais…

Em tempo: a Bahia reduziu o índice de analfabetismo entre os dois últimos censos do IBGE. O problema é que o “buraco” é muito grande.

PROFESSORES DA UESC CONSIDERAM OPINIÃO DE COLEGA UMA “VIOLÊNCIA CONTRA A MULHER”

Marcos Peres responderá por discriminação.

A plenária de professores do Departamento de Filosofia e Ciências Humanas (DFCH) da Universidade Estadual de Santa Cruz (Uesc) divulgou nota em que condena e considera “discriminatória” a afirmação do professor Marcos Peres. O titular da disciplina Sociologia da Educação usou o Facebook para comparar as mulheres baianas e nordestinas a “chimpanzé doido”, no momento em que dançam ritmos típicos da região.

Na nota a qual o PIMENTA teve acesso, os professores consideram que “entre as muitas manifestações de violência contra as mulheres, a humilhação, a depreciação e menos valia em razão de aparência estão entre as mais frequentes, porém, menos reconhecidas”. E acrescentam: “a violência simbólica produz estigmas”.

Ainda  na nota, os docentes apontam a necessidade de casos como este, de “violação de direitos humanos”, serem denunciados, enfrentados e eliminados. De origem paulista, o professor está há pouco tempo na Uesc e, no Facebook, fazia elogios ao tango quando “fuzilou” o comportamento das baianas e nordestinas.

CONFIRA MAIS SOBRE O CASO

Os professores lembram que “manifestações de tal escopo são consideradas inaceitáveis, revelam padrões culturais identificados com a intolerância social e a valorização de modelos únicos de beleza. Propõem a inibição social de jovens e mulheres adultas, produzindo prejuízos à sua identidade e afirmação social”.

Os docentes dizem que o comentário do professor Marcos Peres é “discriminatório e pejorativo”. A nota assinada pela diretora do DFCH, Janete Macedo, fala em “descontentamento e desaprovação” à atitude do professor e informa que “providências cabíveis” já estão sendo tomadas contra o educador. Clique no Leia Mais, abaixo, e confira o conteúdo da nota.

:: LEIA MAIS »

FALTA DE DOCUMENTOS PODE IMPEDIR ACESSO AO “MINHA CASA, MINHA VIDA”

A Prefeitura de Ilhéus não divulga o número, mas diz ser grande a quantidade de pessoas que se inscreveram no programa habitacional “Minha Casa, Minha Vida” e deixaram de apresentar os documentos exigidos pela Caixa Econômica Federal (CEF) para garantir a inclusão no programa.

De acordo com a Secretaria Municipal de Assistência Social, que encaminha os cadastros para a CEF, quem estiver com pendências relativas à documentação poderá ficar de fora do “Minha Casa, Minha Vida”. A Secretaria informa que já notificou os inscritos, mas muitos deles não regularizaram a situação.

O secretário Ari Santos, da Assistência Social, afirma que as pendências deverão ser resolvidas até a próxima segunda-feira, 21, na Secretaria, instalada na Avenida Soares Lopes, 1.724. Segundo ele, a permanência da irregularidade acarretará o cancelamento da inscrição.

BAHIA E O PT

Tido como eminência parda do governo ilheense, o secretário de Planejamento Jorge Bahia é visto por grande parte da imprensa local como uma pedra no sapato dos petistas que aportaram em peso na administração municipal. Ledo engano, diz uma fonte do Palácio Paranaguá…

Segundo esta fonte, Bahia  se aproximou do deputado Josias Gomes (PT) e do secretário de Organização do diretório estadual do partido, Everaldo Anunciação. Tornou-se interlocutor frequente dos dois petistas, mas tem um com o qual não se dá mesmo: seu nome, Alisson Mendonça, que substituiu Bahia na Secretaria de Governo.

“CHAFARIZ” NA RUA SANTO ANDRÉ

Moradores da rua Santo André, no Conceição, estão na bronca com a Empresa Municipal de Águas e Saneamento (Emasa). A tubulação geral da rede de abastecimento de água rompeu há uma semana, e nada da empresa consertar a rede. “O vazamento faz brotar água do chão e destruir o que resta de asfalto na rua”, afirma o morador Gilberto Costa. A estrutura das casas ao redor do local do vazamento também está ficando comprometida.

TUCANOS VOLTAM A TROCAR FARPAS

Augusto Castro e Adervan divergem sobre os rumos do PSDB

O jornalista José Adervan, presidente do diretório do PSDB em Itabuna, assina artigo publicado hoje no Jornal Agora, que tem como alvo o deputado estadual Augusto Castro, seu correligionário.

Castro esteve recentemente em encontro com o prefeito de Itabuna, Capitão Azevedo (DEM), e lhe prometeu apoio em 2012 , mas Adervan rejeita esse caminho.

“Queremos declarar que nada temos de pessoal contra o prefeito de Itabuna, Capitão Azevedo, por recusar o apoio à sua candidatura. Apenas julgamos que o PSDB, para crescer como partido, precisa lançar um nome oriundo de suas bases”, afirma o jornalista no artigo. Adervan defende a candidatura do arquiteto Ronald Kalid, que foi secretário de Viação e Obras no governo Ubaldo Dantas (1983-1988).

O presidente deu a entender que a escolha tucana será feita pelo diretório e não pelo deputado. “Sempre que João Piton ou José Adervan conversam com Sérgio Passos, presidente regional do PSDB, a resposta é simples e direta: vocês têm a maioria do diretório? Pronto”.

Adervan fez ainda referência ao argumento utilizado por “aliados do deputado Augusto Castro”, de que o posicionamento deste seria preponderante no PSDB pelo fato de que é o deputado que tem votos.  Segundo o presidente, Castro teve votos para a Assembleia Legislativa, mas foi rejeitado para a presidência da legenda em Itabuna.

O presidente tucano ainda insinuou que o deputado pode ter utilizado meios ilegais para se eleger. “Quem foi candidato é que deve, realmente, obter os votos, seja pelos mecanismos naturais de atração, ou por meios que a Justiça Eleitoral, cega, faz questão de não observar, atentamente, como deveria”, atacou o jornalista em seu artigo.

DONO DA CALÇADA

Enquanto a prefeitura de Ilhéus fecha os olhos, empresas especializadas em vender serviço de coleta de entulhos vão mandando no pedaço. Na foto acima, uma empresa achou de ocupar toda a calçada pondo uma concha coletora e obrigando os pedestres a caminhar pelo meio da rua. É algo que se repete constantemente. Isso, bem no centro da cidade que, não esqueçamos, é turística…

ESPIRITISMO COM DIREITO

A Associação Jurídico-Espírita do Sul da Bahia promove a partir desta sexta-feira, 18, em Itabuna, o 5° Encontro do Espiritismo com o Direito, cujo tema central é “Brasil – Coração do Mundo, Pátria do Evangelho”. O evento será realizado até sábado, no auditório da FTC de Itabuna.

A pelestra de abertura será proferida pelo professor e advogado Ary Quadros Teixeira, sobre o tema “Justiça, Amor e Transformação Social”. No sábado, o encontro terá as presenças dos advogados Ricardo Silva e Gabriel Salum, e do profesor Lindomar Coutinho. Entre as abordagens a serem apresentadas no segundo dia do evento, estarão os “Aspectos Jurídicos da Assistência e Promoção Social nas Organizações Religiosas” e “Viver: um direito de todos”.

E O G BARBOSA VAI FICANDO PELO CAMINHO

Ilhéus corre verdadeiramente o risco de perder a loja do G Barbosa que estaria para ser instalada na Avenida Lomanto Júnior, bairro Pontal. No início desta semana, membros do Conselho do Meio Ambiente se reuniram e o que mais se viu foram petardos lançados contra o empreendimento. De questões ambientais a problemas de mobilidade, muito foi dito.

Argumenta-se que o trânsito naquela área se tornaria ainda mais caótico, até que o sonho de uma nova ponte se torne realidade. Ou seja, é a falta de ação do poder público que ameaça inviabilizar o investimento privado.

Em outra ponta, boicotando nos bastidores, haveria um supermercado de raízes ilheenses. Sem nenhum interesse de ganhar um forte concorrente…

ANUNCIAÇÃO

Da coluna Política, Gente,Poder (Diário Bahia):

RENATO COSTA tem conhecimento na intimidade, em seu ego, que não há possibilidade objetiva do PMDB disputar a Prefeitura daqui de Itabuna com Leninha Alcântara, Maruse Dantas, ter candidato próprio em 2012. Traduzindo, na verdade, o partido de Geddel Veira, Lúcio Vieira, Renato Costa, quer indicar o vice de uma chapa que se apresente com possibilidades, com chances reais.

TODO MUNDO MANDA, MENOS O PREFEITO

Alguém sabe quem é o prefeito de Itabuna? Pelo menos é isso que andam a se perguntar os camelôs que perderam seus boxes na Avenida Amélia Amado e ainda esperam pela conclusão do próximo destino, no Centro Comercial. Além de suportar o atraso das obras, os ambulantes ainda enfrentam a dúvida sobre quem está conduzindo essa transferência: se a prefeitura ou o empreiteiro contratado para construir os novos boxes.

Segundo o camelô Antônio Carlos Parahyba, presidente da Associação dos Vendedores Ambulantes de Itabuna (Avai), o tal empreiteiro tem dito que os boxes são dele próprio, assim como será do mesmo a decisão sobre quem ocupará as unidades.

“Diante da omissão da Prefeitura, agora estamos nas mãos de um empreiteiro que não respeita os ambulantes e diz que ele é quem vai organizar a distribuição dos boxes”, reclama Parahyba.

FORTALEZA: JORNALISTA EM ÓRGÃO PÚBLICO, SÓ COM DIPLOMA

Do Comunique-se:

A prefeita de Fortaleza, Luizianne Lins (PT), sancionou o projeto de lei que obriga os órgãos públicos do município a contratar apenas jornalistas com graduação na área para o exercício da profissão. O PL foi iniciativa da vereadora Magaly Marques (PMDB) e teve como relator Guilherme Sampaio (PT).

Com mais essa aprovação, a capital do Ceará se torna a quinta cidade brasileira a proibir a contratação de jornalistas sem diploma para atuar em órgãos públicos, ao lado de Belo Horizonte, Campina Grande, Natal e Maceió. Os estados de Mato Grosso do Sul e Rio Grande do Sul também aprovaram projetos com a mesma exigência.

No ano passado, políticos do Rio de Janeiro e do Amazonas apresentaram projetos semelhantes em seus respectivos estados, mas os PLs foram rejeitados.

Os projetos foram discutidos após a decisão do Supremo Tribunal Federal (STF), que em junho de 2009 derrubou a obrigatoriedade de graduação em jornalismo para o exercício da profissão.








WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia