WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
cenoe





março 2012
D S T Q Q S S
« fev   abr »
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728293031

editorias





itao bebeto

ITABUNA INDICA ÁREA DE 200 HECTARES PARA UFESBA

Comissão confere o "Mapa da Mina" da Ufesba...

Um terreno com cerca de 200 hectares às margens da Rodovia BR-101, nas proximidades do acesso ao povoado rural do Serrado, a três quilômetros ao sul de Itabuna, recebeu a visita da comissão que elabora o projeto de criação da Universidade Federal do Sul da Bahia (Ufesba), no sábado passado, 24.

A área será oferecida pelo município ao Ministério da Educação como possível sede da futura Reitoria e um dos três campi – os outros são Porto Seguro e Teixeira de Freitas. A possível localização do futuro campus contraria todos os estudos urbanísticos realizados em Itabuna desde a década de 1970, que indicam a área Oeste como de maior vetor de crescimento pela facilidade de acesso, através da Rodovia BR-415.

Ali também se localiza o bairro de Ferradas, vila que deu origem à cidade e berço do escritor Jorge Amado, na extinta Fazenda Auricídia, a 12 quilômetros do centro da cidade.

O prefeito José Nilton Azevedo e os secretários municipais Gustavo Lisboa (Educação) e Fernando Vita (Planejamento) devem abrir mais suas consultas. Mas sem claques e vaias como na sessão realizada no auditório da Faculdade de Tecnologia e Ciências (FTC).

19 respostas para “ITABUNA INDICA ÁREA DE 200 HECTARES PARA UFESBA”

  • Jose carlos Menezes says:

    Certamente é uma área próxima a áreas pertencentes a amigos e aliados do governo municipal. Triste cina dessa cidade que caminha para desperdiçar mais uma grande chance de ser grande e fazer a coisa certa. Mais uma vez os caras, por interesses próprios, deixam de desenvolver a cidade para a área oeste onde realmente ela cresce, além de virar às costas de vez ao grande escritor Jorge Amado no ano de seu centenário. As consequências de uma eleição errada e de uma candidatura absurda são essas: casuísmo, interesses próprios acima do coletivo ecorrupção desenfreada. Pobre Itabuna!!! E esse prefeito mentecapto ainda dizia que seu governo ia ser pautado pelo planejamento. Qual o quê!!!! Espero que o governo federal não permita esse absurdo e não deixe essa decisão na mão dessa camarilha.

  • Zelão says:

    Zelão diz: – “A Terra Prometida!”

    Se não houver falha ou engano do meu GPS, a área indicada pelo “governo do capitão” para a instalação do Campus da Ufesba – mesmo contrariando o Plano Diretor Urbano do Município – é a da fazenda que era do produtor João Fontes e que depois foi vendida ao ex-prefeito de Ilhéus (hoje foragido) Valderico Reis e, segundo fontes “anônimas,” foi vendida recentemente (após as notícias da vinda da Ufesba), para pessoas ligadas e muito próximas ao “governo do capitão.” Por isso é bom o MPF; o Ministério da Educação e a CGU, averiguarem com cuidado a “qualidade do presente.”

  • Alfinete says:

    O local não é de tudo ruim, se o prefeito construir uma avenida partindo da Kennedy até lá. Ficar dependente de uma viagem pela BR não é bom. Se tudo for planejado direitinho será muito bom. Não votei nem nunca vou votar neste prefeito, mas temos que ter bom senso, a área num é ruim..

  • dengosa says:

    O Capitão Azevedo e o Gustavo Lisboa estão de parabéns. Estão valorizando o local e vendo que a vinda da Ufesba para Itabuna só tem benefícios.
    Muito bom saber que a prefeitura está empenhada nesta causa. Os itabunenses agradecem!

  • Magno says:

    essa chance para ferradas sair do marasmo de 100 anos é unica, mais uma prova concreta que o prefeito não gosta dos moradores de ferradas vamos acordar povo de ferradas. Urgente

  • Sérgio Oliveira says:

    Incrível como já há alguns idiotas criticando a área escolhida, …!!!

    Será que há alguma área próxima a alguma cidade – em nosso país – que ainda não tenha dono, …?!?!?!

    Depois ainda se queixam que nada vem para cá, …!!!

    Vão te catar, ou bando de espíritos de porco, …!!!

  • Itabunense says:

    Eu preferia que fosse na Zona Oeste por causa do centenário de Jorge!

  • Critico says:

    O Grealdo Simões ta querendo que a area seja em Ferradas porque o seu irmão entraria na jogada, e ainda tem dois agravantes primeiro que la é uma zona industrial e a área no serrado vai ser doada em ferradas vai ser vendida.Etenderam agora?

  • Zelão says:

    Zelão diz: – “Quando os fins justificam os meios”

    “O mal dos espertalhões é pensar que todos os demais são idiotas.”

    A história é recente: – “Prefeito de Itabuna, inicia construção do Centro de Convenções e Teatro Municipal, em terras de sua propriedade.”

    Na época, “espertalhões” da estirpe do senhor Sérgio Oliveira também defenderam a “negociata,” acusando os que denunciavam a tramóia de serem contrários ao desenvolvimento da cidade. É a conhecida retórica dos que defendem o critério de que: – “Os fins justificam os meios.”

    São espertalhões travestidos de cidadãos honestos, que na defesa dos seus interesses venais, não se importam dos meios que se utilizam para atingi-los.

  • Pensativa says:

    Parabéns Capitão e todos que estão envolvidos no projeto! Tenho certeza de que o local escolhido será bem estruturado e consequentemente nossa cidade vai se desenvolver cada vez mais! A UFESBA além de trazer benefícios econômicos, também traz esperança para muitos estudantes da região.

  • Marcão says:

    Ainda acho que, a UFESBA deveria ser implantada na região onde fica o los pampas. O Eixo IOS-ITB é o melhor lugar para crescer! Favorecendo ainda mais para a futura Região Metropolitana Ilheus-Itabuna.

  • Cristina Meira says:

    Srs.
    PAra que os alunos das cidades circunvizinhas, que com certeza terão acesso a esta Universidade, o melhor local seria pelo lado OESTE,em Ferradas, além de que a BR 101 é perigosíssima, dando saída fácil inclusive a ladrões ( carros etc) o que poderá já ser evitado .
    O Local é de péssima escolha. Por favor moradores, alunos, associações, façam um grande movimento em prol da mudança do local ora escolhido.

  • Sérgio Oliveira says:

    Esse tal de Zelão, que, na verdade, segundo as minhas fontes, trata-se do Sr. Gerson Menezes, parece mesmo ser um bobão, pois escreve coisas sem pé nem cabeça, …!!!

    Eu quero que ele aponte alguma área, nos arredores de Itabuna, que não tenha dono, …?!?!?!

    De qualquer forma, sempre alguém terá que vender uma área para implantação de algum equipamento, …!!!

    Gente como ele nunca fica satisfeito, …!!!

    É o verdadeiro espírito de porco, além de um bestão, é claro, …!!!

    A propósito, do jeito que ele demonstra “pensar”, certamente uma ilha muito cinhecida aqui do Rio achoeira, bem no centro da cidade, em Itabuna, recebeu o nome histórico em homenagem a ele, …!!!

    Aff, …!!!

  • WILSON says:

    INCRIVEL COMO ESSES SANGUESSUGAS DA PREFEITURA DE ITABUNA NÃO DEFENDE O CAMPUS EM FERRADAS, LEVANDO DESENVOLVIMENTO PARA REGIÃO DE ITABUNA. SÓ PODE SER INTERRESSES´PESSOAIS.

  • Jose carlos Menezes says:

    Justificar o injustificável. Defender o indefensável. Essa é a máxima de alguns ditos “iluminados” que comentam algumas notas aqui no Pimenta. E ainda se intitulam professores!!! Professores que são incpaazes de atentar para a evidência clara de casuísmo e interesses próprios do executivo municipal em tirar mais uma vantagem com os recursos do governo federal. Como se já não bastasse os absurdos com as obras do canal da Amélia Amado. A sede por dinheiro desse povo não tem medidas. Querem tirar vantagem e ganhar dinheiro fácil em tudo. Que o MPF abra bem os seus olhos quanto a mais essa excrescência.

  • Revoltado says:

    Defendi desde o primeiro momento que a UFESBA fosse as margens da BR 101, acredito que por se tratar de um corredor de onibus que naturalmente facilitaria a vida dos estudantes em relação a carona, acesso. E se fica 3km ao sul melhor ainda… Infelizmente admito que o prefeito que estivesse a frente iria doar o terreno de acordo seus intere$$e$…

  • Zelão says:

    Zelão diz: – “Amarrando o burro, onde o burro do dono manda!”

    Um elemento deletetério e pernicioso se torna mais perigoso para a sociedade, quando pelo cargo ou função que ocupa, nesta sociedade, todos esperam dele um comportamento ético e palavras sensatas.

    Pois é, seu Sérgio Oliveira! Esse tolo ao qual o senhor se refere é capaz de enxergar o seu cinismo e oportunismo barato, que se esconde sob o manto de vestal. Sou, assim como todos que exergam o mal que figuras nefastas – assim como o senhor – fazem a nossa sociedade.

    Quanto a figura do “asno,” a qual fui comparado, reconheço que sobre o assunto (segundo informações), o senhor é “expert” e por eles nutre paixão “sexual” animalesca.

  • Luciano Marques says:

    Sinceramente eu não consigo entender (Talvez por eu não ser político ou não gostar muito deles), esses políticos que se dizem da base do governo ameaçar dizendo que vai deixar de votar a favor do povo, se não atenderem a um pedido deles, me parece aquelas crianças “A dona da bola”, Eu não sei, mas acho que a função dos representantes do povo, é lutar pelo povo, não pelos seus interesses ou por votos.
    Eu acredito que as pessoas que estão no Senado ou na Câmera dos Deputados, tem a obrigação de lutar pelo melhor para o povo, eu não deixaria de votar um projeto que vai melhorar a vida dos brasileiros, porque o governo que eu “APOIO” não atendeu a um pedido meu, como eu falei antes, essa briga pela reitoria não se da por haver a necessidade da mesma vir para que se possa desenvolver um projeto que vai mudar a nossa região, mas sim, porque achando que irão manipular a grana que vem. Pouco importa se a reitoria será em Porto e ou em Itabuna o que importa é que venha uma universidade forte, com ótimos cursos e excelentes profissionais, que venham ótimos pesquisadores, isso sim importa.
    É importante também para Itabuna que veja para qual lado é melhor para a cidade crescer. Eu acredito que se a universidade independente de ter a reitoria ou não for instalada na Joaquim Bahiana, Itabuna teria 13 Km na BR 101 para crescer, muito melhor que ficar nessa briga eterna pelas terras de Ilhéus, imaginem ai se Itabuna cresce até Itajuípe esses 13 Km. Podemos dizer que Itabuna dobra o seu tamanho, com isso a sua renda a sua população.
    Alguns empresários de visão já observaram que esse é o melhor caminho e já se instalaram lá, como é o caso da Kibon, da Wolksvagem caminhões, o posto Nego Velho, o restaurante Nego Novo, a fabrica de pré-moldados, etc.
    Alem das vantagens para a cidade de Itabuna que foram relatadas acima, a Joaquim Bahiana é o melhor local porque já é uma área da União e não será necessário gastos de dinheiro publico para desapropriar o terreno, porque lá já tem infraestrutura pronta como: Água, luz, telefone, prédios construídos, acesso fácil com paradas de ônibus na porta das suas instalações nos dois sentidos da pista, reserva ambiental já definida, e não haverá custos para a desapropriação do terreno uma fez que ele já é da União, alem disso já existe área pronta para a construção sem a necessidade de desmatamento, e o terreno apresentado nessa reportagem não tem nada disso.
    Cadê o pessoal do meio ambiente? Só a lagoa encantada que não pode ser desmatada? E o resto da Mata Atlântica pode?
    A Joaquim Bahiana, está nas terras de Itabuna e pode ser instalada a UFESBA lá, dando um foco diferente ao crescimento da cidade, que ficará muito maior com a implantação da UFESBA na Joaquim.
    Com a Universidade na Joaquim podemos imaginar a rodoviária de Itabuna fora da cidade, nas proximidades do posto Nego Velho, desafogando o centro da cidade, com isso podemos imaginar o comercio que o acompanhará, Itabuna tem tudo para crescer, de forma ordenada, basta um pouco de coerência, vontade e inteligência, eu acredito que os politocos que são citados em toda essa página nunca tenha pensado dessa forma, (acredito porque não estão defendendo essa vertente).
    Eu não sou político, nem quero ser, mas o mais correto para no meu ver, seria fazer dessa forma, Itabuna tem que ter um plano de crescimento que seja viável e não um coisa qualquer escrita no papel, ele tem que ser escrita e executado.

  • EducacaoResolve says:

    Sou dessa cidade, moro fora dai a 30 anos e constato sempre que os reflexos da falta de escolarizacao basica continuam a governar opinioes e mentes. Essa geracao ja era. Quem vai tomar conta dela sao os vermes da terra mesmo. Esperanca de mudanca somente com as geracoes futuras, caso tenham a sorte de ter acesso a educacao. A educacao pode ser praticada por todos, dia a dia, com amigos, vizinhos, no transito, na rua, apenas temos de deixar de lado as amarras do preconceito e partilhar o que recebemos, de todas as formas que pudermos. Quem esta no poder praticando desonestidades em beneficio proprio quer que acreditemos que a educacao esta restrita a sala de aula e que nos, cidados comuns (nao professores) nao temos como contribuir. Pense…. Obs: concordo com as ideias do Luciano. Parabens.

Deixe seu comentário






WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia