WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia


alba

unesul bahia

uniftc






maio 2012
D S T Q Q S S
« abr   jun »
 12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
2728293031  

editorias

itao




CIENTISTAS DESCOBREM MECANISMO DE DOMINAÇÃO DA VASSOURA-DE-BRUXA

A descoberta do mecanismo de dominação do fungo Moniliophthora perniciosa – vassoura-de-bruxa – que ataca o cacaueiro e resiste a todos os agroquímicos já testados no campo foi anunciada por pesquisadores do Laboratório de Genômica e Expressão, da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp). Depois d´O Globo, uma reportagem sobre o feito foi publicada hoje, 24, pelo jornal inglês Financial Times.

Os jornais dizem que nos últimos 12 anos cerca de 100 pesquisadores se debruçaram sobre as razões de o cacaueiro não conseguir combater o parasita. Também que a equipe recebeu esta semana o primeiro lote de moléculas modificadas para atuarem como medicamento.

O estudo da Unicamp foi publicado na última edição da revista New Phytologist e pode ser o pontapé inicial para o desenvolvimento de drogas que combateriam outros fungos tropicais, como aqueles que provocam a ferrugem da soja e do café.

Os cientistas usaram dois princípios ativos, a azoxistrobina e o ácido salicil-hidroxâmico, para inibir as estratégias da vassoura-de-bruxa. Em laboratório, eles conseguiram cessar completamente o crescimento do fungo. Os resultados precisam ainda ser testados ao ar livre, diz o jornal carioca.

COMBATE A TRAGÉDIA

Gonçalo: descoberta combaterá tragédia.

O coordenador da pesquisa da Unicamp, Gonçalo Pereira, afirmou ao Globo que a descoberta combaterá uma tragédia econômica, social e ambiental. “O cacau é uma das únicas culturas agrícolas que atua em conjunto à floresta, sem necessidade de derrubá-la. Seu desenvolvimento ocorre sob remanescentes da Mata Atlântica”.

O esporo da vassoura-de-bruxa pode permanecer por muito tempo dentro da planta sem contaminá-la. Mudanças nutricionais, entre outros fatores ainda não muito conhecidos, podem “disparar” a doença.

11 respostas para “CIENTISTAS DESCOBREM MECANISMO DE DOMINAÇÃO DA VASSOURA-DE-BRUXA”

  • ewerton almeida says:

    FICAMOS ALEGRES! NOS RESERVAMOS PORÉM, PARA SOLTAR OS FOQUETES COMEMORATIVOS PARA DEPOIS.

  • Cacauicultor says:

    E a CEPLAC, entra aonde??? Teve que ser um cientista de São Paulo para descobrir? São Paulo produz o fruto?? Alguém me ajude!!!

  • BETO says:

    Espero que o mecanismo realmente funcione. Mas são necessários os testes em campo. Os resultados em laboratório ocorrem em condições controladas, completamente diferentes do que acontece no campo em que existem diversas inteferëncias físicas, biológicas e climáticas. A comemoração agora é precipitada. O mesmo ocorre com o sequenciamento genético anunciado com pompa. É sem dúvida importante e exige pesquisa e esforço. Mas representa apenas um caminho ainda a ser trilhado para desenvolver espécies resistentes.

  • Cleiton says:

    Acho que agora os cacauicultores estão mais humildes, seria uma boa hora para recomeçar, e a Mata Atlântica agradece.

  • tititi BANCO DA VITORIA disse says:

    parabém Gonçalo, a vassoura de bruxa e um crime mundial incubado e a imprensa nacional e mundial não se fala nisso, sera porque?

  • tititi BANCO DA VITORIA disse says:

    parabém Gonçalo,vamos ver se os banco facilita o credito, a vassoura de bruxa e um crime mundial incubado e a imprensa nacional e mundial não se fala nisso, sera porque?

  • Marcos Paulo says:

    Ponto para a UNICAMP.. onde esteve a CEPLAC?? este trabolho deve fechar suas portas e se transformar em Embrapa Cacau já!!

  • To de olho says:

    Parabéns aos pesquisadores da Unicamp pelo desenvolvimento da solução para uma praga que dizimou a cultura do cacau tão importante para a região sul da Bahia.
    A Unicamp é uma universidade paulista mantida por parte da arrecadação do ICMS.
    O governador baiano JW está nos EUA, será que procura solução para a greve dos professores ou para a seca que abala o sertão?
    petistas com a resposta.

  • Paulo Araujo says:

    Parabéns ao bravo Gonçalo e sua equipe. Neste momento não interessa a nós produtores se este resultado veio da Unicamp ou “onde está a Ceplac”. Gonçalo durante muitos anos se faz presente nesta luta junto aos produtores e investindo de muitas maneiras na nossa lavoura. Vamos unir forças para que os testes de campo sejam positivos.

  • Isso é muito importante! Só espero que não seja como o início da clonagem, que envolveram intereses políticos.Mas entretanto o cacauicultor tem que mudar a sua cultura e estar eberto para o novo, se não de nada adianta. A cultura do cacau tem que ser trabalhada com os princípios da teoria da trafobiose, o fungo deve ser visto pelos técnicos e produtores como o elemento vivo que atua em um determinado ecossistema,pois temos que partir de um princípio que temos que conviver com ele e controlar a sua população. E não de acabar.Os tempos mudaram e o homem tem que mudar também.

  • Credo, q coisa horrível

Deixe seu comentário



WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia