WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia


alba



policlinica





junho 2012
D S T Q Q S S
« maio   jul »
 12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930

editorias





itao




O PT ESTÁ MALUFADO HÁ MUITO TEMPO

Ricardo Ribeiro | [email protected]

Quantas esperanças desfeitas diante da constatação de que, ao fim e ao cabo, o PT era só mais um partido interessado no poder pelo poder.

Que novidade existe no PT que malufa? A imagem que fulminou o resto de utopia e sonho que ainda existia em alguns petistas puros (ainda há uma meia dúzia) nada mais é do que a consagração de um processo de erosão moral que já acomete a legenda há bastante tempo. Atribua-se a cena indecente, mas coerente com a degradação petista, à falta de freios que tem marcado a atuação do ex-presidente Lula nos últimos lances políticos da Terra Brasilis.

A união com Maluf espanta por revelar que o PT realmente perdeu os cinco por cento de pudor que ainda lhe sobravam. Não pela aliança em si, que já estava celebrada e macomunada há muito, mas pela desfaçatez do ato, pelo seu potencial de escárnio e desprezo pela opinião pública. Não é batom na cueca, mas adultério explícito em plena Avenida Paulista, na hora de pico.

Como bem escreveu um jornalista, o PT não se aliou a um ex-adversário, mas a um ladrão incluído na lista de grandes corruptos catalogados pelo Banco Mundial. Um sujeito procurado pela Interpol, mas encontrado pelo Partido dos Trabalhadores (sic) para dar vazão a projetos eleitorais divorciados da moral e dos bons costumes.

É nisso que se transformou o PT, partido que já alimentou o sonho de que a política e o Brasil poderiam ser diferentes e faltava pouco para reivindicar para si um espaço na lista de sinônimos da palavra “ética”.

Quantas esperanças desfeitas diante da constatação de que, ao fim e ao cabo, o PT era só mais um partido interessado no poder pelo poder. Aliás, não era mais um, era sim o mais perigoso, pois conseguiu, durante tanto tempo, omitir sua verdadeira identidade, escondendo-se sob uma máscara de decência. E enganou a muitos, inclusive a este que vos escreve.

Esse PT mofado e malufado perdeu as bandeiras e a vergonha. Está irremediável, trágica e ridiculamente nu.

Ricardo Ribeiro é blogueiro e advogado.

22 respostas para “O PT ESTÁ MALUFADO HÁ MUITO TEMPO”

  • Zelão says:

    Zelão diz: – A dolorosa constatação: – “O Rei Está Nu!”

    Pois é, caro Ricardo;

    Lamento que as desilusões e o vilipêndio dos ideais tenham atingindo a você, bem como a milhões de jovens que acreditaram estar nascendo no Brasil à esperança de um futuro melhor.

    Para os da minha geração – aqueles a quem vocês jovens culpam por todos os descaminhos hoje vividos pelo nosso povo, nada nos surpreende. Nós também acreditamos e confiamos em outros falsos líderes. Em outros salvadores da pátria que fora do poder eram pródigos defensores da ética na política nacional e dos bons costumes na gerência do bem público.

    Sabemos como é triste ver jovens idealistas assistirem a morte indigna dos seus sonhos e das suas esperanças. Essa é apenas mais uma aula do aprendizado ao qual vocês jovens serão submetidos ao longo da vida. Vocês só não podem desistir, nem aceitar passivamente a derrota. Lembre-se, que no passado próximo da nossa história, em um período não democrático, jovens, muitos dos quais nem tiveram a oportunidade de envelhecer, lutaram e deram a vida para mudar o rumo da história nacional.

    Assim como a história é escrita pelos homens enquanto outros homens são os protagonistas, vocês; hoje derrotados nos ideais que sonharam, têm ainda a oportunidade de reescrever a história ao mesmo tempo em que serão os protagonistas.

  • CAÇA AS BRUXAS says:

    Perfeito, Ricardo! Parabéns pelo excelente texto, nota 1.0000000000000000000000000000000000000000000000000000,
    Falou a dura e nua realidade, que há muito tinha que ser dita aos leitores do conceituado Site do Pimenta.

  • ricardo seixas says:

    Na verdade, o povão nunca votou no PT. Os eleitores do partido sempre formaram uma parcela da população em sua maioria composta por formadores de opinião, estudantes, enfim, pessoas que acreditavam que o PT pudesse ao menos esgotar uma possibilidade.

    O povão só decidiu-se por Lula, e nele, sim, foram concentrados os votos, quando perderam a esperança de que os mesmos, os de sempre,já não correspondiam às suas expectativas. Isso transformou Lula em forte cabo eleitoral.

    Nessa esteira, pessoas nem um pouco popular, antipáticas até, conseguiram se eleger em diversos estados da União.

    Mas o ex operário vem abusando da sorte, assim como alguns próceres do partido. Subiu-lhes à cabeça o poder, e o projeto de mudar o país virou clara obstinação de monopolizar o poder, transformando tudo à sua volta em meros coadjuvantes, incluindo os aliados e o povo de modo geral.

    Hoje já percebemos a insatisfação do PCdoB, por exemplo, de ser sempre visto como figurante no processo político estabelecido pelo partido liderado pelo ex presidente Lula.

    Mas tudo que alcança o cume, um dia desce, isso Newton já sabia. E me parece que já começa a derrocada de Lula. Ele, se achando inatingível, estrapolou. Sua blindagem começa a fazer água. Só quero ver quando os ratos começarem a abandonar o navio.

    Adios muchaços! Gozem o que amealharam, certos da impunidade. Afinal, este foi o país que vocês construiram.

    Viva o PSOL!

  • Luiza Erundina: tudo por uma foto

    Enviado por luisnassif, qua, 20/06/2012 – 10:21

    Autor: Luis Nassif

    Tenho um carinho histórico por Luiza Erundina.

    Quando foi alvo de uma tentativa de golpe por parte do Tribunal de Contas do Município (TCM) devo ter sido o único jornalista a sair em sua defesa. Tinha o programa Dinheiro Vivo, na TV Gazeta, de público majoritariamente empresarial. Externei minha indignação que deve ter tido algum peso na decisão do presidente da FIESP (Federação das Indústrias do Estado de São Paulo) Mário Amato, de visitá-la com uma comitiva de empresários, hipotecando-lhe solidariedade.

    Defendia-a também quando operadores do PT criaram o caso Lubeca. E, recentemente, o Blog conduziu uma campanha de arrecadação de fundos, para ajudar Erundina a pagar uma condenação injusta dos tempos em que foi prefeita.

    Sempre admirei sua luta pelos movimentos sociais, das quais sou periodicamente informado por irmãs lutadoras.

    Por tudo isso, digo sem pestanejar: ao pedir demissão da candidatura de vice-prefeita de Fernando Haddad, Erundina errou, pensou só em si, não nas suas bandeiras políticas nem nos seus movimentos sociais. Foi terrivelmente individualista.

    À luz das entrevistas que concedeu ontem, constata-se que os motivos foram fúteis. Estava informada da aliança do PT com Paulo Maluf; chocou-se com a foto de Lula e Haddad com ele. Foi a foto, não a aliança, que a chocou.

    A foto tem uma simbologia negativa, de fato. Aqui mesmo critiquei o lance. Mas apenas simbologia. Não se tenha dúvida de que, eleito Haddad, Erundina seria a vice-prefeita plena para a periferia, seria os movimentos sociais assumindo uma função relevante na administração municipal.

    No entanto, Erundina abdicou dessa missão, abriu mão de suas responsabilidades em relação aos movimentos sociais, devido ao simbolismo de uma foto. Ela sabia que, eleito Haddad, seria mínima a participação do malufismo na gestão da prefeitura; seria máxima a intervenção de Erundina nas políticas sociais.

    Poderia ter dado uma entrevista distinguindo essas posições, externando sua repulsa do malufismo, mas ressaltando a diferença de poder entre ambos.

    Mas Erundina se sentiu preterida, não por Haddad, mas por Lula, que deixou-se fotografar com Maluf e não com Erundina.

    Seu gesto foi para punir Lula, pouco importando o quanto prejudicaria seus próprios seguidores, os movimentos sociais. Ela abriu mão de um cargo que não era seu, mas de seus representados, para punir Lula.

    E quem ela procura para a retaliação? Justamente os órgãos de imprensa que mais criminalizam os movimentos sociais, que tratam questão social como caso de polícia. Coloca a bala no revólver e o entrega à revista Veja. A quem ela fortaleceu? Ao herdeiro direto do malufismo na repulsa aos movimentos sociais: Serra.

    Saiu bem na foto da mídia, melhor do que Lula com Maluf, mas a um preço muito superior. E quem vai pagar a conta são os movimentos sociais, pelo fato de sua líder ter abdicado de um cargo que a eles pertencia.

  • ricardo seixas says:

    Adios Muchachos

    Carlos Gardel

    Adios muchachos, ex-compañeros de mi vida,
    Barra querida de aquellos tiempos.
    Me toca a mi hoy emprender la retirada,
    Debo alejarme de mi buena muchachada.
    Adios muchachos. ya me voy y me resigno…
    Contra el destino nadie la talla…
    Se terminaron para mi todas las farras,
    Mi cuerpo enfermo no resiste más…

  • ritinha says:

    Meu caro amigo Ricardo, sem palavras ….só PARABÉNS como sempre você se superou.Disse o que muitos gostariam de dizer e por não ter a sua experiência e sabedoria não conseguem se expressar.o PT acabou(graças a Deus).

  • Antonio says:

    Uma análise brilhante meu caro Ricardo, até que enfim você acordou, só espero que não tenha nenhuma recaida, já andava preocupado, achando que você a muito tinha caido no canto da SEREIA MALDITA, me refiro ao esquema montado pelo PT sob a coordenação de Franklin Martins e Paulo Henrique Amorim, no intuito de arregimentar o maior número possível de blogueiros para iludir os mesnos avisados, ALELUIA!! e bem vindo a nossa triste realidade.

  • Justo Veríssimo says:

    KKKKKKKKKKKK o Maluf que se achava muito esperto entrou numa fria, todo castigo pra bandido burro é pouco, o cara já enfrentou o FBI, INTERPOL, CIA e até a famosa SCOTLAND YARD,
    faz uma burrada desse tipo se juntando aos piores escroques do planeta, vai perder até as cueca.

  • Deraldo says:

    MEUS CAROS E MINHAS CARAS, JÁ É HORA DE OLHAR O PT COMO ÊLE REALMENTE SEMPRE FOI, E NÃO FICAR CULPANDO OUTROS POR SUAS PILANTRÁGENS.

    Não concordo com a tese de que o PT, em processo de degradação, acabou no colo de Maluf em São Paulo, e no resto do país, como se o partido tivesse tido algum dia alguma moralidade muito superior a essa. Eu estou entre aqueles que consideram que Maluf, em muitos aspectos, é até menos nefasto do que o PT. No encontro dos dois, quem tem mais reputação a perder, por incrível que possa parecer, ainda é o ex-governador de São Paulo. O seu método de fazer “aquelas coisas” vai morrer com ele. Já o método petista se transformou numa doença que tomou o sistema, em outras palavras, quero dizer que desgraçadamente se institucionalizou. Maluf por si, é um mal de curta duração. O esquema petista não, esse ficará entranhado na política e na máquina administrativa por décadas sabe-se lá por quanto tempo.

  • Cris says:

    Para muitos ideologia é a conta cheia de dinheiro ou um cargo que só dura 4 anos, no máximo 8!

  • O CIDADÃO says:

    -EU SEMPRE DIGO; SÓ EXISTEM DOIS PARTIDOS POLÍTICOS NO BRASIL,O QUE ESTÁ NO PODER COMENDO E OS QUE ESTÃO FORA DOIDO PARA COMER.
    E O PT ESTÁ AI PARA PROVAR O QUE DIGO.
    -NÃO FOI POR SER RADICAL, QUE HELOÍSA HELENA, LUCIANA GENRO, BABÁ, MARINA SILVA E A PROPRIA ERUNDINA, ABANDONOU O PT, ELES PERCEBERAM QUE O PT ATRAVÉS DO SEU LIDER MAIOR, LULA, SE TORNOU UM PARTIDO DE TRAPACEIROS, A MASCARA DO PARTIDO QUE CHEGOU AO PODER COM SEU DISCURSO ÉTICO CAIU, NO MOMENTO EM QUE LULA COMEÇOU A CHANCELAR OS HOMENS MAIS CORRUPTOS DESTE PAÍS, SARNEY, JADER BARBALHO, COLLOR, ACM E TANTOS OUTROS, VENDEU A SUA ALMA AO DIABO EM NOME DE UMA GOVERNABILIDADE, QUE DE FATO NÃO PASSA DE BLIDAGEM PARA ACOBERTAR AS SUAS MARACUTAIAS.
    -VOLTO A REPETIR O BRASIL É UM CASO PERDIDO.

  • Maria Meneses says:

    Faço minhas as suas palavras… Quanta decepção!

  • Ubirajara Pimentel says:

    O autor se esquece que o mesmo PT “mofado” e “malufado” governa este país há dez anos e promoveu a retomada do desenvolvimento econômico e social no Brasil. Ricardo, não permita que sua contenda pessoal com um deputado do PT, influencie seus textos.

  • filosofo says:

    Ricardo você precisa fazer um mestrado em ciências politica,o PT não chegou no poder com a lutar armada,foi pelo voto democrático,na politica nos aprendemos que não samos o dono dá verdade,e que as pessoas não são diferentes e aprendemos com viver com essas diferenças,se ele roubou, o dever e obrigação de jugar é dar justica,o povo já o jugou dando-lhe seiscentos mil votos,a coligação não é com Maluf,e sim com PP.nos chegamos ao poder,via democracia,e não pela luta armada,tiramos 30.000.000.00 milhões de pessoas da classe menos favorecida,e levamos para classe media,fizemos uma revolução neste país,mesmo sem pegar nas armas.viva o PT… viva a democracia.

  • Otto says:

    O PT esqueceu sua base. A base está calada, omissa, impotente. É lamentável onde o PT chegou.

    Expulsaram Heloísa Helena para acolher o ladrão do Maluf.

    PT precisa voltar para suas origens, do movimento social, mudança política com o povo.

    Mergulhar na lama, em alguns casos até se pode para ter projetos, mas aceitar a vagabundagem, é demais.

  • Paulo says:

    Meu caro Ricardo
    Assim como você eu também sou um dos traídos nessa historia. Não que eu achasse que tudo seria, totalmente, diferente, mas não esperava que a canalhice do Senhor Lulla chegasse a tal ponto.
    Muito boa a entrevista concedida para a Record News, ontem, pela Deputada Luisa Erundina. Essa sim, totalmente, congruente com o seu passado, seus eleitores e com o nosso Brasil.
    Agora, meu caro Ricardo, não se deixe levar pelos gorgeios de um certo elemento aqui da Terra, que já anuncia a sua volta gloriosa (Deus é mais e isso não vai ocorrer) e de sua corte de aproveitadores e descarados.
    Não temos outro jeito senão trabalhar pela eleição da primeira mulher para o comando desta sofrida terra.
    Dos males o menor!!!

  • POLÍCIA JÁ! says:

    Só vocês é que nunca enxergaram isso!!! rsrsrsrsr

  • professor entristecido says:

    Texto espetacular.Direto, centrado, racional, sem firulas e paixões exacerbadas.Percebe-se q foi fruto de reflexão demorada e que mostra a decepção e indignação compartilhada por muitos de nós.
    E graças a deus q não precisamos de “mestrado em Ciência Política” para perceber que o sonho de construir um país democrático com o partido q nos encheu de tanta esperança acabou, ficou imerso na luta do poder pelo poder, nas quedas de braço pra ver quem pode mais,nas gestões despóticas(vide JW), no enfoque populista dos discursos(“fazendo mais pra quem mais precisa”), na corrupção dos que imaginávamos incorruptíveis.
    Por falar o que estava entalado em minha garganta e que transborda pelos meus olhos, obrigado Sr.Ricardo…

  • Sérgio Oliveira says:

    É, …, meu caro Ricardo, …!!!

    Eu disse muitas vezes, aqui mesmo, que com o tempo o povo iria enxergar quem era quem, …, iria acordar para a vida, …, deixar de se iludir. Demorou, mas chegou a época, …!!!

    Fui criticado várias vezes, mas nunca deixei de afirmar que tem gente que só sabe das coisas depois que elas acontecem, …!!!

    Ainda bem que algumas pessoas começaram a enxergar as coisas, …!!!

    Não me sinto vitorioso com isto, mas tenho certeza de que, mais uma vez, eu estava certo, com convicção de que o que não presta um dia vem à tona, …!!!

    O nosso “Povo Gabriela” – que nasceu assim, cresceu assim, será sempre assim, vai morrer assim, parece que, finalmente, dá sinais de que está acordando do longo sono letárgico, …!!!

    Mas, como diz o velho e bom ditado: “Antes tarde do que nunca”, …!!!

  • anonimo says:

    Parabés Ricardo!!! muito boa a sua materia.

  • Muniz says:

    O PT elegeu um presidente porque ampliou as suas alianças eleitorais, governou (e governa) porque compôs um governo de coalizão. Os puristas reclamam da qualidade ideológica destas alianças mas não se perguntam: quem mudou mais ao compor estas alianças, o PT ou os seus aliados? Um estudo empírico (Power e Zucco, 2009) indica que, ao contrário do PSDB cujas alianças o fez se aproximar mais do conteúdo programático dos seus aliados, as alianças do PT fez os seus aliados se aproximarem mais do seu programa. Em outras palavras ao longo do tempo o PSDB ficou mais parecido com o PFL/DEM ao passo que o PP ficou mais parecido com o PT, baseado nas políticas públicas que eles apoiam. Visto desta forma pragmática, não é o Maluf que corrompe o PT, mas o PT que redime o Maluf. Seja como for, eu não posaria para foto com ele.

  • Itabunense says:

    O PT NUNCA ME ENGANOU.VOTEI 2 VEZES EM CANDIDATOS DESSE PARTIDO, MUITO MAIS PELAS PESSOAS: GUILHERME MENEZES, QUANDO CANDIDATO A PREFEITO DE VITORIA DA CONQUISTA A PRIMEIRA VEZ E ZÉ RAIMUNDO PARA DEPUTADO ESTADUAL NA ELEIÇÃO PASSADA.NO MAIS É UMA VERDADEIRA QUADRILHA, RARAS EXCEÇÕES.ESTE PARTIDO ESTÁ SENDO COLOCADO NO SEU DEVIDO LUGAR: O MESMO SACO QUE OS OUTROS PARTIDOS JÁ ESTÃO HÁ TEMPOS.

Deixe seu comentário






WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia