WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
festival chocolate






alba










outubro 2012
D S T Q Q S S
« set   nov »
 123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
28293031  

editorias





itao






PT AMPLIA VOTAÇÃO NA BAHIA

João Pedro Pitombo | A Tarde

As eleições municipais de 2012 consolidaram o PT como o partido com maior patrimônio de votos na Bahia. Após disputar  219 prefeituras, os petistas conquistaram um espólio de 1,8 milhão de votos nas majoritárias – o que representa  25% dos votos válidos registrados no Estado. Ou seja, um em cada quatro baianos votou num candidato do PT para prefeito.

O espólio representa um crescimento de 100% na votação do partido comparado às eleições de 2004, quando o PT ainda não havia sido eleito para o governo baiano, mas obteve 923 mil votos.  “Esta votação é resultado de candidaturas competitivas e alianças consistentes”, avalia o presidente  do PT, Jonas Paulo.

O desempenho do PT, contudo, ainda é inferior que o do PFL há oito anos, quando o partido ainda comandava o governo baiano. Na época, o hoje Democratas teve 2,0 milhões de votos, quando disputou 275 prefeituras.

Leia matéria completa clicando aqui

23 respostas para “PT AMPLIA VOTAÇÃO NA BAHIA”

  • João de Souza says:

    Sim, e quem é o DEMos hoje? Zero a esquerda, partido falido, tentou mudar a siglas e só piorou. 😉

  • Robson Almeida says:

    Sim, embora na Bahia o PT tenha nascido no “Sindicato” dos trabalhadores da Ceplac, uma “tchurma” pra lá de terrorista, o partido hoje tem bons quadros no resto do Estado.
    Quanto aos partidos da chamada “base alinhada” (melhor seria chamar de aninhada) é o nosso lixo político. Gente que apoiou ACM, apoia o Carioca, a amanhã apoiará o senhor que estiver no poder. Impressionante como a escória da política brasileira forma maioria. Maioria sob o comando de José Sarney, Romero Jucá, Renan Calheiros e Cia Ltda….

  • ana paula says:

    Estou amadurecida em termos de política, não gosto do puritanismo ideologico q não leva a nenhum lugar principalmente para os mais pobres. Nós, que ainda nos damos ao luxo de discutir política ideológica, mas o pobre sem renda, ele não enxerga da mesma maneira…reconheço erros , mas quem não os tem????????????????

  • Promotoria says:

    Escrito por um Itabunense:
    De renascer para o reviver: Itabuna disse não ao capitão e não ao “coronel”

    Em Itabuna, os eleitores disseram não tanto ao capitão quanto ao coronel. O capitão Azevedo (DEM) não vai mais governar a cidade. Mas perdeu demonstrando densidade eleitoral, ostentando um número expressivo de votos, 44. 516. O vencedor do pleito, o candidato Vane do Renascer (PRB), conseguiu pouco mais de 1.100 votos na frente, totalizando 45.623, elegendo-se prefeito. Em termos percentuais, 40,61% contra 41,62%, respectivamente.

    Derrotado mesmo e de forma acachapante foi o “coronel”, o senhor Geraldo Simões (PT). Espero que o mesmo entenda – e para homens públicos a derrota é uma oportunidade de rever posições – que o Partido dos Trabalhadores se originou combatendo práticas autoritárias e que o mesmo não sobrevive se no seu interior se reproduz as mesmas táticas e estratégias ditatoriais oriundas em um tempo de terror, tempo este que o próprio PT, através da Comissão da Verdade instituída pelo governo da presidenta Dilma quer esclarecer e punir os algozes de sujeitos que lutavam pela restauração da democracia no país.

    O tempo dos feudos acabou. Precisamos ampliar e aprofundar a democracia e isso deve se estender para a nossa prática social. Um partido político, independente da sua coloração, precisa ouvir a sua base e não insistir em algo que não representa o anseio da mesma. Ainda mais quando a insistência se funda em algo que foi testado e não foi aprovado em outro pleito, como foi o caso da candidata Juçara, nas eleições de 2008. Se naquele momento, o seu nome já não representava os anseios da base, o que mudou de lá para cá para a manutenção do seu nome? Absolutamente, nada!!! Por que, então, a insistência no mesmo? Fica a pergunta no ar.

    Política não se faz com arrogância, mas, sim, cultivando a arte do possível, dialogando e ponderando sempre pelos interesses da classe que o partido representa, no caso do PT, os trabalhadores assalariados. Em política não existe espaço vazio e precisamos, nós todos que acreditamos no PT e não no PT do G, como o partido é conhecido pelos grapiúnas, tamanha a ingerência do senhor Geraldo Simões, aproveitar o momento e refundar o partido na cidade. Em nível nacional este movimento está sendo pensado, principalmente pela corrente O Trabalho e podemos, também, reproduzir este movimento no interior do PT grapiúna. O que nos impede?

    O momento é mais do que de reflexão. É de estudo, de debate, de retomada da formação política e de quadros, de voltar para a base, para as comunidades, para a organização da classe trabalhadora, levantar a bandeira do socialismo, em síntese, politizar a sociedade e o debate sobre questões fundamentais para a cidade de Itabuna.

    Mais do que RENASCER, precisamos REVIVER todas as utopias emancipatórias forjadas pela esquerda em diferentes momentos do desenvolvimento da humanidade. O tempo histórico é mais do que propício para esta empreitada. Aproveitemos as cinzas que restaram do último pleito e façamos delas a fênix que restaurará Itabuna.
    Postado por Welington Silva às 17:01

  • Antonio says:

    Apesar de toda essa proeza no estado, em Salvador o PT elegeu 7 vereadores, sendo que apenas 3 foram reeleitos com votação menor que em 2008, com um total de 55 mil votos já o PTN elegeu 6 vereadores com 66 mil votos, ou seja, 11 mil votos a mais que o PT.

    OBS – 1:
    Em Salvador, mesmo com o bombardeio Lula/Dilma/Wagner, dos 7 vereadores do PT, apenas o ex-governador Waldir Pires passou dos 10 mil votos, ao contrário do PTN onde quase todos 6 passaram dos 10 mil.

    OBS – 2:
    Após 10 anos de administração petista, a legenda continua em 3º lugar em número de prefeituras e de eleitores no resto do país, atrás do PMDB e PSDB.

    OBS – 3:
    Em 2004, o PT venceu em 9 capitais, em 2008 em 5, agora em 2012 provavelmente só em 3.

  • HERALDO says:

    O PRECONCEITO E A ARROGÂNCIA FALOU MAIS AUTO DO QUE O CAMINHO DO PROGRESSO DE NOSSA CIDADE, VIMOS NA FESTA DA VITORIA DO VERDINHO DO QUE SE DISSE NOVO, MUITAS MULHERES COM BIGODES, SIGNIFICANDO QUE O BIGODE GANHOU PARA A MULHER. E PIOR ELAS AS MULHERES ESTAVAM FESTEJANDO MUITAS DELAS SE DIZEM EVANGÉLICAS. POBRE ITABUNA. AMANHA DOMINGO ITABUNA ESTARÁ NO PROGRAMA FANTÁSTICO , COM A NOTICIA DO AFASTAMENTO DOS 13 VEREADORES , E QUE ATE O MOMENTO NENHUM VEREADOR APRESENTOU A IMPRENSA UM DOCUMENTO PROVANDO SUA INOCÊNCIA SÓ SABE DIZER QUE ESTA INOCENTE. PODERÍAMOS AMANHA APARECER COM, A NOTICIA DE QUE NO SUL DA BAHIA AS MULHERES TERIAM ELEGIDO DUAS MULHERES NAS URNAS ELETRONICAS. O ARREPENDIMENTO SEMPRE VEM A GALOPE.

  • Ailson Oliveira says:

    A força de Wagner nesta eleição

    O PT saltou de 65 para 92 prefeituras. E ainda faltam
    resultado de Salvador e Vitória da Conquista que terá eleição em segundo turno. A base aliada elegeu 333 prefeituras, o que mostra a força do Governador Jacques Wagner que enfrentou duas greves com grande repercussão.

    Os números indicam que Jacques Wagner se consolida como grande força política do PT no grupo das lideranças em nível nacional, o que deixa muita gente insatisfeita com esse resultado.

    É bem provável que JW receba pressão para se desincompatibilizar do cargo seis meses antes do fim do mandato para se candidatar à única vaga ao Senado em 2014, já que desponta como o grande favorito em função dessa expresssiva vitória.

    Muitos dos opositores poderão apontar as vitórias de Soldado Valéria em Itabuna e do Cabo Prisco em Salvador (considerados líderes da greve da PM) com expressiva votação, como argumento de que o governo estava equivocado. Mas, isso não é suficiente porque os números estão a favor do governo baiano.

    Uma coisa é opinião, outra é fato. Embora é aceitável a ideia de que “contra fatos” há argumentos. Nesse sentido, gostaria de ter acesso ao argumento que contraria os fatos de que Wagenr saiu vitorioso e que por isso, se consolida como grande liderança política do partido dos trabalhadores.

    Ailson Oliveira
    Professor

  • Geraldo says:

    O desempenho do PT, contudo, ainda é inferior que o do PFL há oito anos, quando o partido ainda comandava o governo baiano. Na época, o hoje Democratas teve 2,0 milhões de votos, quando disputou 275 prefeituras.

    E tome 25 !!!

  • HERALDO says:

    o 25 vai ter que viver do passado. que para quem amada de verdade a Bahia não deixou saudade, fez só o quew tinha de fazer.

  • Roberto Mota says:

    Querido Aílson..
    Isso não é prestigio de Wagner não.É apenas os partidos da “base aliada” que,sedentos pelo poder,se unem a quem comanda.Veja que o PP já quer a cabeça de chapa em 2014,e o PSD de Otto está se desagradando…
    Quanto ao Heraldo,Vane nem tomou posse e o cara já vem zicar..sai pra lá,encosto!!

  • Antonio Antonio says:

    Mesmo com toda a campanha do PIG e a ajuda do STF, que marcou o julgamento do chamado ” mensalão” justamente para o mês das eleições e, fato inédito na corte, com sessões diárias e julgamento dos petistas envolvidos justo na semana das eleições (coincidência né?) O PT foi o grande vitorioso.
    Na Bahia o PT tinha 68 prefeituras e foi para 93; o DEM tinha 43 e caiu para 8; o PSDB tinha 26 caiu para 10.
    No Brasil os candidatos petistas às prefeituras receberam 17,2 milhões de votos, dois milhões a mais que o PMDB e 4 milhões acima dos tucanos. O PT também ampliou consideravelmente o número de prefeituras governadas, de 550 para 624, podendo chegar a 646 no 2º turno (enquanto o PMDB perdeu 168, caindo de 1.193 para 1.025, e o PSDB perdeu 94, caindo de 787 para 693). Por fim, foi o partido que mais ganhou novos vereadores, 1.896, passando de 3.206 para 5.102, ou seja, crescimento de 59,1%, suplantando largamente o PMDB, que aumentou o número de vereadores em 18,2% e o PSDB, que cresceu 14,1%.

  • João de Souza says:

    Muito bom o texto do professor Ailson Oliveira.

    De fato o PT se tornou um grande partido e engraçado que até hoje o grande PMDB continua sendo frase de novela: “PMDB se prepare, quero lhe usar”. kk

  • Promotoria says:

    Geraldo… na época a fiscalização nao existia…Waldir Pires que o diga quando derrotou o candidato de ACM O TAOL DE ORNELLAS para senador..

  • Antonio says:

    Devo lebrar ao nobre professor Ailson Oliveira quê, dessa tão propalada base governista de Wagner, mais da metade tem o DNA carlista, a começar do vice-governador visse, não se admirem muito se o próximo governador eleito não seja o Oto Alencar, apoiado pelo PSD, PP, PR e o PDT, esse último tem mais carlistas que os outros, vejam bem, não estou criticando o governador por essa brilhante ideia em se juntar aos carlistas natos, não de jeito nenhum, até que apoio essa atitude pois sem ela a Bahia já teria sumido do mapa do Brasil, até uma criança sabe que quem governa o estado é a turma de ACM liderada pelo Oto alencar.

  • heraldo says:

    kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

  • Gilberto says:

    Diante de toda votação dada ao PT nesses 10 anos de governo petista, não vi até hoje nenhuma melhoria no estado. Estaria Jaques Wagner perdendo prestígio apesar de suas fortes relações de amizade com Dilma? Cada governador briga com unhas e dentes pra trazer benefícios para seus respectivos estados, então a Bahia que brigue também para ter suas necessidades atendidas, pernambuco consegue o que quer a hora que quer, agora mesmo temos aí um problemão com os exportadores de laranja, enquanto São Paulo e outros estados da oposição tem lutado e conseguido ajuda para os produtores e exportadores de laranja de lá, aqui na Bahia, nossos municípios produtores de laranja estão sem nenhum tipo de ajuda, para quem não sabe, com a crise internacional, vários municípios encabeçados por Rio Real, estão passando maus pedaços, com milhares de demissões no campo e nas áreas urbanas, é assim que é vantajoso votar nos candidatos de Lula/Dilam? não fosse as ameaças de Lula/Dilma, avisando que as tais obras que nunca saem do papel só seriam concluidas se o Pelegrino vencer, não fosse essas ameaças veladas o ACM NETO teria vencido no 1º turno, ainda bem que os feirenses e os Laurofretenses não cairam nesse canto da sereia, como Salvador é o campeão em bolsa família não deu outra.

  • J.ROQUE / GUARUJÁ -SP says:

    Nenhum Governo é para sempre

    Queridos itabunenses (Azevedistas),não chorem.Nenhum governo subsistem eternamente;

    Vargas Governou o Brasil por 18 anos e meio,até que em 24 de Agosto de 1954,se ¨suicidou¨ no Palácio do Catete,Rio de Janeiro, então Capital Federal.

    O regime Militar durou no Brasil, exatos 21 anos (1964/1985).Os Senhores Militares, já se achavam donos do Brasil.Engano.A voz da democracia falou mais alto.

    ACM,governou a Bahia por 3 vezes, a ferro e fogo,pensou que já era dono do estado.Pensou…

    Fernando Gomes e Geral Simões, um dia pensaram que subsistiriam seus reinos para sempre sobre os itabunenses. Fim da linha.

    Aos egressos da políticas,lembrem-se.Nenhum Governo é para sempre.

    O povo que coloca, é o mesmo que tira.

    Moro,trabalho e estudo em São Paulo.Mas sou filho de Itabuna,durmo e acordo com SEU PIMENTA !!!

    ATT: José Roque Santos
    Guarujá-SP

  • HERALDO says:

    EM ITABUNA , ALGUNS PROFESSORES E POLICIAIS , DERAM UM TIRO NO PÉ FAZENDO CAMPANHA CONTRA O PT DE WAGNER E GERALDO, SO QUE O TIRO ATINGIU AO DESENVOLVIMENTO E A MORAL E CIVISMO DA NOSSA CIDADE.
    POR CULPA DO TRE E TSE, OS VEREADORES E O PREFEITO FORAM APROVADOS PARA CONCORREREM A REELEIÇÃO SENDO QUE OS DOIS ESTAVAM SOB SUSPEITA , DIGO INVESTIGAÇÃO JUDICIAL.

    PROFESSORES E POLICIAIS VOCÊS QUE VOTARAM EM VANE ESTAVAM VOTANDO NO GOVERNO WAGNER KKKKKKKKKKKKKKKK, DEIXARAM POR VINGANÇA SEGA DE VOTAR NAS CANDIDATAS FICHAS LIMPAS COM APOIOS POLÍTICOS DE VERDADE COMO A PRESIDENTE DILMA E SEUS MINISTROS.

  • Lamentável... says:

    Vejo coerência em boa parte do discurso do Sr. “Antonio”, cortando obviamente os exageros, extrai-se um retrato razoável do que está acontecendo no Estado da Bahia. Lamento mesmo é comentários do tipo “kkkkkk” que nada acrescentam ao debate, apenas refletem a falta de conhecimento politico e o que é pior, civilidade, algo tão necessário e tão raro quanto coerência quando o assunto é nossa pobre… digo, falida política regional. Será mesmo que Vane irá trabalhar para o grupo de Wagner ???? Será mesmo que Otto Alencar, Gilka Badaró e tantos outros “mudaram de lado” e agora são “vermelhos”… Sei não heim, tão logo Wagner se desgaste ( natural do processo), o barco… ou a arca petista na Bahia,como queiram, ficará intacta ???? Perguntas que não querem calar.

  • Eu amo itabuna says:

    É melhor fazer greve e revindicar alguma coisa no governo do PT…que no do DEM,pois aí sim, a história seria diferente e policiais e professores estariam Ferrados e demitidos com justa causa.

  • Eu amo itabuna says:

    Onde o PT governa…a cidade se desenvolve!Parabéns Bahia!

  • Zé ninguém says:

    O Pt em Ilheus teve dinheiro para carros de som, teve dinheiro para carreatas, mas os funcionários estão com dois meses de salários atrasados, partido que massacra os funcionários públicos.

  • Lamentável... says:

    É verdade… A Bahia é um belo exemplo desse “desenvolvimento”.

Deixe seu comentário








WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia