WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia


alba










março 2013
D S T Q Q S S
« fev   abr »
 12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930
31  

editorias






:: 4/mar/2013 . 23:21

BOB FERNANDES: “REGULAR MERCADO DA COMUNICAÇÃO NÃO É CENSURA”

O jornalista e comentarista político Bob Fernandes comentou, hoje, na TV Gazeta, a proposta petista de regulamentação do mercado da comunicação. Fernandes diz que regular, estabelecer regras no mercado da comunicação brasileiro é necessário e cita países exemplos que adotam dispositivos. “Regular a dinâmica da comunicação não é censurar”. Quanto à ameaça de censura com a regulação, o jornalista entende que não há espaço para censura no país.Confira comentário em vídeo.

CACAUICULTORES PROTESTAM EM ILHÉUS

Os produtores de cacau do Sul da Bahia realizam manifesto nesta terça, 5, às 9h, no Porto Internacional do Malhado, em Ilhéus. O protesto é contra a importação de cacau no momento em que há grande estoque interno do produto.

Os cacauicultores também se queixam dos baixos preços. Hoje, a arroba do cacau está sendo cotada entre R$ 58,00 e R$ 60,00. A manifestação ocorre no momento em que cerca de 5 mil toneladas de cacau são importadas de Gana.

De acordo com líderes do movimento, haverá queima de sacos de cacau no porto ilheense. Parte dos líderes da manifestação também defende protestos em praças públicas em municípios sul-baianos.

Pelo grupo de discussão “Lista do Cacau”, produtores cobram a participação de associações de município e de prefeitos regionais no movimento desta terça.

MULHER É PRESA COM MIL PEDRAS DE CRACK

Aline Bezerra foi presa com mais de mil pedras de crack.

Aline Bezerra foi presa com mais de mil pedras de crack.

Aline Bezerra da Silva, 22 anos, foi presa com mais de mil pedras de crack em Piritiba, a 321 quilômetros de Salvador. A apreensão da droga e prisão da jovem foram efetuadas por policiais da 16ª Coordenadoria Regional de Polícia do Interior (Coorpin/Jacobina). Segundo a polícia, a droga estava escondida em potes de creme para cabelo.

Aline disse que adquiriu as pedras de crack no Bairro da Engomadeira, em Salvador. A polícia investigará qual seria o destino da droga em Piritiba. A traficante está presa em Jacobina.

ELIANA CALMON ADMITE ENTRAR NA POLÍTICA… EM 2018

Eliana Calmon admite pensar em política, mas em 2018.

Eliana Calmon admite pensar em política, mas em 2018.

Eliana Calmon, ministra do Superior Tribunal de Justiça (STJ), finalmente admitiu a possibilidade de ingressar na política, mas descarta 2014. “Para eu entrar na política, aposentada, eu poderia pensar só para 2018”, disse a ex-corregedora do Conselho Nacional de Justiça (CNJ).

A magistrada concedeu entrevista à Tribuna da Bahia, e até falou do convite do governador de Pernambuco, Eduardo Campos, para que se filie ao PSB e dispute o governo baiano. “Eduardo Campos assanhou os baianos, não foi? Eu gostaria, inclusive, de dizer o seguinte: eu sou magistrada, eu não sou candidata, eu não sou política”, assegura. Confira a íntegra da entrevista aqui.

NA VIDA REAL, A VERSÃO INGLESA DE “DONA FLOR E SEUS DOIS MARIDOS”

Paul, Maria e Peter vivem um romance amadiano na vida real (Reprodução Mirror).

Paul, Maria e Peter vivem um romance amadiano na vida real (Reprodução Mirror).

Do G1

Em uma casa na região de Barking, na Inglaterra, Maria Butzki, de 33 anos, vive com dois parceiros ao estilo do romance Dona Flor e seus dois maridos, de Jorge Amado, e garante que os homens são amigos e a família vive em clima de muita harmonia.

Maria contou ao jornal Mirror que, quando deixou Paul, de 37 anos, por Peter, de 36 anos, não conseguia conviver com a ideia de nunca mais ver o primeiro, mas também não estava disposta a abrir mão do novo romance. “Sendo assim, viver com ambos os homens foi o único jeito”, disse a mulher.

Na casa vive o triângulo amoroso mais as duas filhas de Maria com Paul, Laura e Amy com 16 e 12 anos respectivamente, e a mulher diz que em “nenhum momento os três dividem a mesma cama”, e que todos dormem em cômodos separados.

Para que não haja brigas, Maria explicou que as relações sexuais entre os parceiros só ocorrem quando um deles não está em casa, e que o ato nunca acontece na presença do outro.

Leia mais

PREFEITURA CRIA “DISQUE-LIXO” PARA ATENUAR QUEIXAS COM A COLETA

Marquise teve contrato rompido com município no dia 28.

Marquise teve contrato rompido com município no dia 28.

A coleta de lixo em Itabuna, após rompimento do contrato entre prefeitura e Marquise, vem apresentando problemas. O secretário de Desenvolvimento Urbano, Marcos Monteiro, promete que ainda nesta semana caçambas darão lugar a 10 caminhões-compactadores, alugados pelo município. A perspectiva é que a entrada em ação dos compactadores regularize a coleta.

Enquanto isso, a orientação é para que os resíduos sejam colocados na porta de casa no horário habitual. Monteiro disse que os horários antigos de coleta serão mantidos. Um telefone também foi disponibilizado para que o cidadão possa informar problemas na coleta. O telefone é o (73) 8859-6060.

Ele promete para ainda este a abertura da licitação para contratar a empresa que cuidará da coleta do lixo em Itabuna. O contrato com a Marquise foi rompido pelo município no último dia 28 de fevereiro, sob alegação de que a empresa não prestava bom serviço e cobrava acima do valor de mercado pela coleta.

A Marquise cobra suposta dívida de R$ 12 milhões da Prefeitura, correspondente ao período em que operou na coleta de lixo no governo do ex-prefeito Capitão Azevedo (DEM0.

OS NEOALIADOS

WENCESLAU1Os ex-vereadores Sargento Raimundo (PTC) e Didi do INSS (PDT) tiveram longa conversa com o vice-prefeito Wenceslau Júnior (PCdoB). Ao final, ficou acertado que ambos, a pedido de Wenceslau, apoiarão a candidatura a deputado federal do economista e presidente da Bahiagás, Davidson Magalhães. Como contrapartida, Didi e Sargento Raimundo serão aquinhoados com indicações de cargos no Governo Vane.

Wenceslau tem operado em alta: melhorou a relação do governo com o deputado Geraldo Simões e fez ponte pelo equilíbrio no tratamento dispensado à gestão Vane pela Rádio Difusora.

MAXXI ADIA ABERTURA DE LOJA EM ITABUNA

Loja Maxxi tem inauguração adiada para abril (Foto Amanda Oliveira/Pimenta).

Loja Maxxi tem inauguração adiada para abril (Foto Amanda Oliveira/Pimenta).

O Atacadão do Maxxi adiou a inauguração da loja em Itabuna para o dia 28 de abril. O motivo foram os atrasos na execução da obra de construção da unidade, no quilômetro 25 da BR-415 (Rodovia Ilhéus-Itabuna).

A loja gerou cerca de 100 empregos diretos. Os comerciários já foram contratados e estão em fase de treinamento em lojas Bompreço e Maxxi. A unidade do Maxxi de Itabuna representa investimento de R$ 30 milhões da norte-americana Walmart, também detentora da bandeira Hiper Bompreço.

A área escolhida para o Maxxi de Itabuna encontra-se em franca expansão. Ao lado da loja, está sendo construído o Jardim das Hortênsias, condomínio residencial de alto padrão da Módulo. A pouco mais de 500 metros do Maxxi estão os concorrentes Makro e Atacadão, também na Ilhéus-Itabuna.

AGORA VAI?

Rui Costa (ao centro) se reúne com prefeitos de Ilhéus e Itabuna (Foto Divulgação).

Rui Costa (ao centro) se reúne com prefeitos de Ilhéus e Itabuna (Foto Divulgação).

O secretário da Casa Civil baiana, Rui Costa, disse aos prefeitos Vane do Renascer (Itabuna) e Jabes Ribeiro (Ilhéus) que as obras de duplicação da BR-415, no trecho que liga os dois municípios, começam ainda neste semestre. Há quem desconfie do início destas obras, piorou do prazo.

Mas ele dá certeza do início em até junho. E os prefeitos “botaram fé” no palavrório do secretário e pré-candidato petista à sucessão de Jaques Wagner. Calejados de promessa semelhante, os sul-baianos torcem para que, dessa vez, a obra saia.

“QUEBRA-O-CARRO-TODO”

Moradores do bairro Nossa Senhora das Vitórias, em Ilhéus, reclamam dos quebra-molas existentes nas ruas da comunidade, feitos sem autorização do poder público e totalmente alheios a qualquer padrão.

A queixa é de que as lombadas são tão altas, que tornam quase impossível passar sem arrastar o chassi dos carros. Quando os veículos transportam mais pessoas, é necessário que elas desçam antes dos quebra-molas.

Uma moradora diz não ser contra os redutores de velocidade, mas defende que eles sejam “bem feitos, sinalizados e autorizados”.

NOVAS CONEXÕES EDUCACIONAIS

Felipe de PaulaFelipe de Paula | felipedepaula81@gmail.com

Todos estão habituados a experimentar suas formações através de “caixinhas” de conhecimento. Definidas, de limites conhecidos e objetivando alcançar a formação específica. Hoje isso se redefine.

Está longe de ser novidade a ideia de que vivemos na chamada Sociedade da Informação. Uma série de teóricos apontam as bases das novas relações e ações sociais a partir da lógica de um sem número de caminhos possíveis para o aprendizado. A noção de exclusão social está formada, em muito, pela acessibilidade à informação experimentada.

Contudo, os impactos oportunizados por essa realidade nem sempre são tão conhecidos. Pode-se lançar mão da analogia de que estamos aprendendo a pilotar o avião enquanto o mesmo voa.

Passamos a lidar com a percepção da instantaneidade. Se antes podíamos viver aguardando vários dias até tomarmos conhecimento de algum acontecimento, hoje apenas alguns breves segundos são suficientes para despertar angústias variadas. Não desejamos ficar à margem.

E na educação não é diferente. Todos estão habituados a experimentar suas formações através de “caixinhas” de conhecimento. Definidas, de limites conhecidos e objetivando alcançar a formação específica. Hoje isso se redefine. A interdisciplinaridade passa a demandar um profissional sem limitações em enxergar que existem temáticas, debates, conhecimentos fundamentais para sua atividade que não pertencem ao fluxograma tradicional de seu curso.

É o tempo do aprendizado colaborativo, no qual o aluno que aprende e repassa seu conhecimento sai ainda mais enriquecido. É tempo do aprendizado dialógico, pautado fundamentalmente na resolução de problemas. É tempo de um professor que se coloca muito mais como um mediador do conhecimento e não como um dono exclusivo do saber.

A interdisciplinaridade é o caminho. Saber muito sobre seu campo sem se limitar a ele. Essa é a atitude de um profissional que se forma em um mundo em que as novas tecnologias oportunizam visitas a galerias de arte, bibliotecas, cidades, conversas com intelectuais de qualquer lugar do globo. Não dá mais para encarar educação da mesma maneira. Os conhecimentos não podem ser aplicados de forma fragmentada, mas dentro de um contexto repleto de conexões com áreas distintas e que se complementam.

É tempo de uma nova universidade – e também deve ser de uma nova escola. Pensar e repensar a educação em todos os níveis. Formar um estudante compatível com os tempos contemporâneos, prontos para lidar com as diferenças e a resolução de problemas. Diversas ações têm sido desenvolvidas nesse sentido. Algumas mais tímidas, outras mais profundas. Que tenhamos sempre a disposição de construir algo novo e mais adequado. E que o avião citado acima não demande pouso definitivo, apenas voos cada vez mais intensos, que oportunizem belas paisagens, experiências e aprendizados.

Felipe de Paula é comunicólogo, mestre em Cultura e Turismo e professor.

 

 

SEC AUTORIZA E DEPOIS DESAUTORIZA INÍCIO ANTECIPADO DO ANO LETIVO

Júnior Brandão

Vereador vai apresentar moção de repúdio contra decisão da SEC

A Secretaria da Educação da Bahia havia autorizado, por meio de documento publicado no Diário Oficial, que as escolas da rede estadual em condições de iniciar o ano letivo em março poderiam definir calendários diferenciados, os quais estariam sujeitos à homologação das Direcs. Encontram-se nessa situação escolas que, apesar da greve dos professores em 2012, não tiveram o ano letivo tão comprometido.

Um dos exemplos é o Ciso, de Itabuna, que, observando o documento da SEC, programou o ano letivo para começar no dia 6 de março, realizou todo o seu planejamento com base nessa data, mas na semana passada foi surpreendido com a informação de que a Secretaria voltou atrás e determinou que todas as escolas da rede iniciem as aulas em uma única data: 1º de abril.

Além do Ciso, outros 15 estabelecimentos de ensino da rede em Itabuna planejavam iniciar suas aulas em março, mas tiveram que mudar o roteiro em cima da hora, em função da ordem da SEC. Na semana passada, o próprio secretário Osvaldo Barreto teria telefonado para a diretora da Direc 7 em Itabuna, professora Rita Dantas, determinando que nenhum calendário diferenciado fosse aprovado. Vale destacar que não houve qualquer publicação oficial nesse sentido.

O revés é entendido como fruto de pressão da APLB/Sindicato, mas professores – a exemplo do vereador Júnior Brandão (PT), que dá aulas no Ciso – observam o detalhe de que a categoria não foi ouvida em assembleia a respeito do calendário. “Foi uma medida tomada sem qualquer explicação”, afirma o vereador, que vai propor moção de repúdio na Câmara Municipal contra a postura da SEC.

Brandão cita o constrangimento de ter anunciado aos pais o início das aulas no dia 6 e depois ver a escola desautorizada pelo Estado. “Esse é um constrangimento que não é apenas da escola, mas da educação como um todo”, diz o vereador. Ele também mostra preocupação com a vulnerabilidade dos jovens à violência, frisando que ela aumenta quando os mesmos se encontram fora da escola.

MILITARES FUNDAM REGIONAL DA ASPRA EM ITABUNA

Ato na Câmara de Itabuna marcou fundação da Aspra no município (Foto Divulgação).

Ato na Câmara de Itabuna marcou fundação da Aspra no município (Foto Divulgação).

A Associação dos Praças, Soldados e Bombeiros da Polícia Militar Bahia (Aspra), que deu muita dor de cabeça a Jaques Wagner no início de 2012, está se reorganizando no Estado.

No último sábado, 2, a associação fundou a sede regional em Itabuna, reabriu a de Ilhéus e finca pé em Porto Seguro nesta segunda, 4. A Aspra em Itabuna será composta pelos soldados José Neto, Rodrigo Rocha e Wesley Aguiar. Os atos são comandados pelo soldado e vereador soteropolitano Prisco.

CADASTRO DE AMBULANTES PARA A LAVAGEM

A Secretaria de Indústria, Comércio e Turismo da Prefeitura de Itabuna cadastra nesta terça-feira, 5, os ambulantes interessados em comercializar alimentos e bebidas na área onde ocorrerá a Lavagem do Beco do Fuxico, no próximo dia 9. Quem pretende garantir seu espaço deverá comparecer ao prédio da Câmara de Vereadores, no horário das 8 às 13 horas.

De acordo com a Prefeitura, haverá 50 vagas para barracas de bebidas, outras 50 para barracas de alimentos e serão ainda cadastradas 50 pessoas que atuam em trânsito, vendendo bebidas conservadas em caixas de isopor.

Por questões de segurança, será proibido na festa o comércio de bebidas em recipientes de vidro, bem como churrasquinho no palito.








WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia