WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia




alba








março 2013
D S T Q Q S S
« fev   abr »
 12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930
31  

editorias






:: 6/mar/2013 . 23:15

(FALTA DE) LIMPEZA E CAOS

Lixo na 25 de Dezembro vem sendo recolhido por particulares. Custo: R$ 3 a R$ 5...

Lixo na 25 de Dezembro vem sendo recolhido por particulares. Custo: R$ 3 a R$ 5…

Moradores do São Caetano estão pagando entre R$ 3,00 e R$ 5,00 para terem o lixo recolhido, diariamente. Queixam-se que estão sem a coleta regular – aquela da prefeitura, há seis dias. As vítimas residem em travessas e ruas como a 25 de Dezembro.

O que é paliativo para os residentes na rua natalina tornou-se pesadelo para quem trabalha na Feira do São Caetano. É que o lixo recolhido por particulares em carros de mão nessas ruas estão sendo lançados na feira livre, formando o cenário que se vê abaixo.

... E o lixo recolhido na 25 de Dezembro é lançado nas conchas próximas à feira livre.

… E destino dos resíduos vem sendo as conchas próximas à feira livre (Fotos Pimenta).

O secretário de Desenvolvimento Urbano de Itabuna, Marcos Monteiro, estipula que até domingo, 10, a coleta de lixo seja regularizada. O município locou 10 caminhões compactadores de lixo para empregar na coleta. As dificuldades na limpeza aumentaram após a prefeitura rescindir contrato com a Marquise, acusada de cobrar acima dos preços de mercado para executar o serviço.

CASTRO DEFENDE PRESSÃO PARA ACELERAR LICENÇA AMBIENTAL DO PORTO SUL

Augusto defende mobilização pelo Porto Sul.

Augusto defende mobilização pelo Porto Sul.

O deputado Augusto Castro (PSDB) foi eleito, hoje, presidente da Comissão Especial do Porto Sul na Assembleia Legislativa. Rosemberg Pinto (PT), também do centro-sul do Estado, foi reconduzido à vice-presidência da comissão. A escolha de ambos foi por unanimidade.

O novo presidente da comissão disse ao PIMENTA que defenderá uma agenda mais propositiva em torno do Porto Sul. Uma das primeiras ações da comissão será convidar o secretário da Casa Civil do Estado, Rui Costa, e o presidente da Bahia Mineração (Bamin), José Francisco Viveiros, para falar do andamento da construção do terminal portuário em Ilhéus.

Para o deputado tucano, o projeto Porto Sul, de forma preocupante, “esfriou”.

– O que chega para todos nós é isso. O debate esfriou. Vamos definir agenda, provocar debates, com resultados práticos, para que possamos acelerar a autorização das obras, a licença ambiental do Porto – disse Castro. Ano passado, o Ibama concedeu apenas a licença prévia ao projeto.

Uma das preocupações do parlamentar é o calendário eleitoral. “2013 é ano de realizações. Ano que vem é processo eleitoral. Vai que o PT defina a candidatura e Rui Costa, que está liderando o processo do Porto Sul dentro do governo, acabe se incorporando à campanha política ou apoiando [outro nome]…”, diz, salientando o risco de novos atrasos no projeto de, aproximadamente, R$ 2,5 bilhões.

O tucano alerta para os interesses empresariais contrários ao Porto Sul. Para ele, o marasmo em torno do projeto é nocivo. “Se não houver movimentação política, [o tema] acaba esfriando e a região perde esse investimento. Nossa ideia é fortalecer o trabalho, mobilizar, de forma suprapartidária”.

GOVERNO FEDERAL

Para que o porto saia, defende Augusto Castro, o governo federal também tem que acelerar a construção da Ferrovia de Integração Oeste-Leste. “A gente já está vendo a terraplanagem da ferrovia, apesar de suspensa a [licitação] de trilhos. A alternativa é pressionar para que o porto saia”.

O parlamentar ainda reforça a necessidade da bancada federal baiana (deputados e senadores) participar mais ativamente das discussões e do acompanhamento da Fiol e do Porto Sul, “para que a coisa ande”. “Tem que haver unidade estadual e federal”.

A Comissão Especial do Porto Sul é integrada por deputados sul-baianos ou com base na região do estado, a exemplo de Ângela Sousa (PSD), Coronel Santana (PTN), Ronaldo Carletto (PP) e Pedro Tavares (PMDB).

UM SINCERO PEDIDO DE DESCULPAS

Devido a uma manutenção não-programada pela LocaWeb, este blog ficou fora do ar das 17h30min às 22h04min nesta quarta. Pedimos desculpas a anunciantes e leitores. O problema registrado na LocaWeb afetou blogs regionais e, também, grandes portais localizados no sudeste do país. Em linguagem técnica, a empresa, líder em hospedagem de sites no país, diz que “problemas de roteamento interno” afetaram vários de seus servidores, “impedindo a comunicação entre os DNS e os domínios”. Da nossa parte, informamos que iniciamos testes em busca de solução definitiva em respeito a quem acessa o PIMENTA.

Agradecemos pelo carinho de sempre.

RISCO DE DENGUE EM CEMITÉRIO DE ÔNIBUS

Ônibus escolares foram abandonados em garagem localizada em terreno da OI (Foto Neandra Pina).

Ônibus escolares abandonados em garagem no terreno da OI (Foto Neandra Pina).

Moradores de trecho da Avenida Itajuípe, no Santo Antônio, em Itabuna, estão assustados com “cemitério de ônibus” localizado em terreno pertencente à companhia telefônica Oi. No local, existem oito carcaças de ônibus e uma caçamba, além de matagal.

O medo dos moradores da região é que os veículos abandonados se transformem em criadouros de larvas do mosquito Aedes aegypti, transmissor da dengue. Há pouco movimento no local, a não ser de três cães ferozes…

AROLDINHO, GODÓ E OSCAR NA PRÉ-LAVAGEM

Se Armandinho com sua indefctível guitarra baiana será a principal atração da Lavagem do Beco do Fuxico, em Itabuna, neste sábado, 9, a “pré-lavagem” não ficará atrás.

Acima do beco, na travessa Ithiel Xavier, também conhecida como Alto Beco do Fuxico, um grupo de boêmios participa da inauguração da Confraria, refinado estabelecimento que se dedicará ao comércio de variedades etílicas selecionadas, com destaque para cachaças das melhores regiões produtoras do Brasil.

A inauguração da Confraria começa às 18 horas desta sexta-feira, 8, e as grandes atrações serão o trio Arnaldinho, Godó e Oscar e o grupo Amor a Dois. O jornalista Walmir Rosário, confrade de primeira hora, já reservou lugar no evento.

À ESPERA DA “REBARBA”

ricardo xavier siteQuem acompanha de perto a briga de Solon Pinheiro pelo mandato do vereador Carlos Coelho, ambos do DEM, é o peemedebista Ricardo Xavier.

Entendendo a possibilidadade de anulação dos votos de Coelho pode determinar recálculo do quociente eleitoral , o diretório do PMDB interpôs embargos de declaração na justiça . Quer saber qual a extensão da sentença do juiz André Vieira Dantas, da 28ª Zona Eleitoral, que cassou o mandato do democrata por compra de votos.

A interpretação da legenda é a de que, caso os votos sejam anulados, o DEM ficará abaixo do quociente e até Solon Pinheiro dança. Nesse caso, quem pode ser dar bem é Xavier.

PREFEITO CONCEDE FUNÇÃO GRATIFICADA PARA FILHO

Por meio da portaria de número 7.590, de 27 de fevereiro, o prefeito de Itabuna, Claudevane Leite (PRB), concedeu função gratificada que dobra os vencimentos do servidor Bruno Moreira Magalhães Leite, agente de serviços gerais na Secretaria da Educação e filho do gestor. A medida é retroativa a 1º de fevereiro.

Em janeiro, o prefeito chegou a nomear o filho, que é concursado, para um cargo comissionado na Fundação Marimbeta, mas voltou atrás devido à repercussão negativa. Não se sabe por que decidiu novamente contemplar o herdeiro.

O fato já repercute em novos questionamentos sobre a disposição do atual governo de mudar os rumos e práticas da política local…

VOCALISTA DO CHARLIE BROWN JR. É ENCONTRADO MORTO

Alexandre Magno Brandão, o Chorão, que era vocalista do Charlie Brown Jr., foi encontrado morto pelo motorista da banda na madrugada desta quarta-feira, 6. Chorão estava em seu apartamento no bairro paulista de Pinheiros, onde neste momento a polícia civil realiza perícia. A causa da morte ainda não foi determinada.

O vocalista faria 43 anos em abril. Ao longo de 20 anos de carreira, o Charlie Brown Jr. vendeu 5 milhões de discos. Com informações de agências.

Veja abaixo o clipe da música “Só os loucos sabem”, sucesso do grupo.

POR ESCRITO: PLANO DE SAÚDE TEM QUE JUSTIFICAR ATENDIMENTO NEGADO

Da Agência Brasil

Operadoras de planos de saúde vão ter que justificar por escrito qualquer tipo de negativa de atendimento caso o serviço seja solicitado pelo beneficiário. A resposta, em linguagem clara, deverá ser enviada por correspondência ou por meio eletrônico em até 48 horas. A norma foi anunciada hoje – ontem – (5) pela Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS), em parceria com o Ministério da Saúde.

De acordo com a Resolução Normativa nº 319, para obter o documento, o beneficiário deverá fazer a solicitação das informações por telefone, por exemplo, e anotar o número do protocolo. A resposta repassada pela operadora deve incluir a cláusula contratual ou o dispositivo legal que justifique a negativa do atendimento.

O diretor-presidente da ANS, André Longo, lembrou que o órgão tem acompanhado as demandas relacionadas a negativas de atendimento desde 2011. No ano passado, 76% das reclamações recebidas pela agência envolviam a cobertura de planos de saúde. “É uma iniciativa bastante importante para empoderar o cidadão a exercer seus direitos”, disse.

Leia mais

PIMENTA DO DIA

Da leitora que assina como “Leidkeit”, em comentário à nota “PROJETO AUXILIA CRIANÇAS A TER RECONHECIMENTO DE PATERNIDADE”

Por favor, lembrem as mães de que criança não é brinquedo e elas precisam escolher melhor os pais para seus filhos, porque no frigir dos ovos, as crianças são usadas por mães e pais ignorantes. Mães, crianças e familiares das mães distraídas são quem mais sofrem. Eduquem as mulheres!

COLETA DE LIXO COMEÇA A SER NORMALIZADA

Compactadores faziam a coleta nesta terça-feira (foto Pedro Augusto/Ascom)

Compactadores faziam a coleta nesta terça-feira (foto Pedro Augusto/Ascom)

Desde que rompeu o contrato com a empresa Marquise, na semana passada, a Prefeitura de Itabuna vinha realizando a coleta de lixo com o uso de caminhões abertos. Era uma medida de improviso, que não dava conta do volume do serviço.

Ainda sem ter anunciado a nova empresa que ficará responsável pelo setor, a administração vai tentando normalizar a coleta com o aluguel de dez compactadores (leia mais aqui). Os dois primeiros já operavam nesta terça-feira (5), e a expectativa é de que mais três cheguem hoje.

Ontem à noite, os veículos realizaram a coleta em áreas centrais da cidade e bairros como Jardim Vitória, Pontalzinho, Castália e Fátima. De acordo com a Secretaria do Desenvolvimento Urbano (Sedur), o compactador permite agilizar significativamente o trabalho.

PROGRAMAÇÃO PARA O DIA DA MULHER

Intervenções teatrais, panfletagem, mesa redonda e exposições sobre violência contra a mulher farão parte da programação que os coletivos Marcha das Vadias,  LGBT Uesc, Feminista Maria Quitéria e o Ciclo de Encontros das Margaridas prepararam para o Dia Internacional da Mulher, 8 de março.

As intervenções, seguidas de panfletagem, ocorrerão em diversos bairros de Itabuna, nos horários das 7h às 8h e das 11h às 14h, contando com a participação de militantes e artistas.

Na Uesc, uma programação com mesa redonda e exposições será desenvolvida ao longo de todo o dia.

AÇÃO POLÍTICA E GESTÃO PÚBLICA – OU ‘HABEMUS CACAO!’

Domingos Matos2Domingos Matos | matos.domingos@gmail.com

Os produtores queimam cacau hoje, em protesto contra a importação do produto da África, porque os nossos armazéns estão abarrotados. O que temos de amêndoas aqui dá – de sobra – para atender a planta moageira instalada no país. Isso é autossuficiência.

No dia em que o presidente da Venezuela Hugo Chavez fez a viagem, e o mundo viu a população em peso nas ruas chorando sua morte, poucas horas antes, em Ilhéus, um protesto contra a importação de cacau pelas indústrias moageiras instaladas no Brasil também chamou a atenção do país.

O leitor deve estar se perguntando o que teria a ver El Comandante com o protesto em Ilhéus. Muita coisa, diria. Uma, importantíssima: os dois fatos – o luto dos venezuelanos e o luxo de se queimar cacau na rua – derivam de uma ação política.

Da parte de Chavez, sabemos que sua popularidade veio da execução de um projeto (social) que fez com que o país auferisse ganhos econômicos e sociais bastante expressivos.  No sul da Bahia, o fato – repito – luxuoso de se queimar cacau em praça pública também só é possível porque houve, antes disso, um projeto, gestado, implantado e gerido a partir de uma ação política, visando um resultado que beneficiasse toda a sociedade.

Esse projeto foi parido dentro da Ceplac, divulgado com antecedência, e hoje permite que a região possa dizer que já não precisa de cacau importado. Falo aqui do projeto “Autossuficiência com Sustentabilidade”, oficializado no Dia Internacional do Cacau, no auditório da Ceplac, mas que foi apresentado ao ex-ministro Geddel Vieira Lima em janeiro de 2012 pelo superintendente da Ceplac/Bahia, Juvenal Maynart, em conjunto com o chefe do Centro de Pesquisas do Cacau, Adonias de Castro.

Lembremos que dias antes da oficialização, a Ceplac voltava, vitoriosa, de sua participação na conferência da ONU para a sustentabilidade, a Rio+20, onde o cacau da Bahia foi inserido no documento oficial do governo brasileiro para as Nações Unidas como uma das premissas para a sustentabilidade, capaz de contribuir para a diminuição da fome e das desigualdades no país (o cacau cabruca foi consignado como a nona das 10 premissas do MAPA para uma agricultura sustentável).

Pois bem. A safra de 2012 na Bahia bateu 154 mil toneladas – segundo consultoria independente – e a desse ano tem previsão de ultrapassar as 160 mil toneladas. Ora, os produtores queimam cacau hoje, em protesto contra a importação do produto da África, porque os nossos armazéns estão abarrotados. O que temos de amêndoas aqui dá – de sobra – para atender a planta moageira instalada no país. Isso é autossuficiência. E essa autossuficiência foi prevista como uma ação política, direcionada para a sociedade regional.

:: LEIA MAIS »








WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia