cidadelle

abril 2013
D S T Q Q S S
« mar   mai »
 123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
282930  


itao

VIGILÂNCIA SANITÁRIA APREENDE 1.800 QUILOS DE ALIMENTOS ESTRAGADOS EM SUPERMERCADOS

Vigilância aumentou ações de fiscalização em Itabuna (Pimenta).

Vigilância aumentou ações de fiscalização em Itabuna (Pimenta).

A Vigilância Sanitária de Itabuna apreendeu 1,8 mil quilos de carnes e queijo impróprios para consumo humano. As apreensões ocorreram em três supermercados do centro de Itabuna. A ação foi divulgada nesta sexta, mas os flagrantes ocorreram na quinta, 4.

A Vigilância, no entanto, adota orientação da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) e não divulga os nomes dos estabelecimentos onde ocorreram os flagrantes.

Dentre os produtos estragados, foram apreendidos carne bovina, frango, queijo, calabresa e peixe. Segundo Antônio Carlos Carvalho, diretor da Vigilância Sanitária, 1.150 quilos de peixe miraguaia foram recolhidos em dois dos supermercados.

O terceiro supermercado estocava, aproximadamente, 650 quilos de carne bovina, frango congelado, calabresa e queijo fora do prazo de validade.

A Secretaria de Saúde reforçou as ações de fiscalização de estabelecimentos que comercializam gêneros alimentícios ou refeições. Há duas semanas, foram apreendidos 310 quilos de queijo, presunto e carne estragados e 115 litros de óleo de soja saturado (reutilizado) em uma fábrica clandestina de salgados, que eram vendidos em uma barraca de pastel ao lado do Fórum Ruy Barbosa.

17 respostas para “VIGILÂNCIA SANITÁRIA APREENDE 1.800 QUILOS DE ALIMENTOS ESTRAGADOS EM SUPERMERCADOS”

  • leitor disse:

    TEM QUE DIZER O NOME DOS SUPERMERCADOS, Ñ ENTENDO PQ ESCONDER, PESSOAS CMO ESSAS Ñ PODEM ESTAR NO COMERCIO ISSO É CRIME

  • J. Reis disse:

    Parabéns à Vigilância Sanitária. Esperamos que essas e outras fiscalizações sejam frequentes pelo bem da cidadania.

  • Comunista da Sibéria disse:

    “A Vigilância, no entanto, adota orientação da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) e não divulga os nomes dos estabelecimentos onde ocorreram os flagrantes”.

    E pode isso ô Arnaldo? Eu não tenho o direito cidadão de saber que tipo de estabelecimento adota essa prática criminosa?

    Segundo o código de defesa do consumidor, constitui crime contra as relações de consumo vender, ter em depósito para vender, expor à venda ou entregar matéria prima ou mercadoria em condições impróprias para o consumo, cuja pena prevista é de dois a cinco anos de prisão e/ou multa. A vigilância sanitária, órgão oficial do governo, não tem o dever de divulgar o nome dos responsáveis pelo crime contra o consumidor?

    Acho um absurdo esse protecionismo. Quem leva a pior é o consumidor, um alimento contaminado pode matar uma pessoa. E os donos de mercado que estão localizados na área divulgada pela Vigilância Sanitária de Itabuna e respeitam as normas e padrões de higiene?! Serão prejudicados como MALEFÍCIO DA DÚVIDA?

  • Mr Anderson disse:

    Carvalho está fazendo um ótimo trabalho, seria bom dá um pulo lá no Macdonald do shopping, cujo deixei de frequentar após a barata no copo. ;)

  • Walter disse:

    “…A Vigilância, no entanto, adota orientação da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) e não divulga os nomes dos estabelecimentos onde ocorreram os flagrantes.”

    Ah, isso é balela… Será interêsse econômico?!!! Já vi estabelecimentos irregulares assim, sendo lacrados publicamente…
    Isso não tá cheirando a clientelismo…?!!!
    Perguntar não ofende!!!

  • Jésu Marques disse:

    PORQUE NÃO DIZ O NOME DO SUPERMERCADO?

  • Pedro Thiago disse:

    Isso é um absurdo! Como é que a Vigilância Sanitária não divulga os nomes dos estabelecimentos? É quase a mesma coisa você descobrir a casa do ladrão que roubou alguém conhecido seu e fazer “vistas grossas”. Ê, capitalismo desgraçado, onde os interesses econômicos se sobrepõem à saúde humana!

  • CIDADÃ disse:

    TEM QUE DIZER O NOME DOS SUPERMERCADOS!
    PARA QUE O CONSUMIDOR FIQUE VIGILANTE E ATENTO. DIGAM OS NOMES DOS ESTABELECIMENTOS MULTADOS!!!

    Da Redação: Cidadã, tentamos contato com o diretor da Vigilância Sanitária para que explicasse – com maior clareza – essa omissão dos nomes dos estabelecimentos. Infelizmente, não obtivemos sucesso.

  • Jose disse:

    Mr Anderson,

    Pois Anderson eles foram lá no Mc!!!! Eu tava na hora no Balcão comprando quando os agentes da Vigilancias estiveram no mc do Shopping, E não encontraram nada! fiz questão de ficar olhando e perguntei aos agentes como estava o restaurante!

  • DOMIRES disse:

    É valida a fiscalização,parabéns por estas ações que a vigilância sanitária estar fazendo. Agora é preciso divulgar os nomes dos empreendimentos comerciais envolvidos… Houve uma um local fiscalizado na semana passada, que apreenderam vários alimentos na Av Kennedy, faziam coxinhas e afins com alimentação e condições sanitárias repugnates e não falaram a onde foi… agora foram os supermercados… se não disserem como vamos saber quais foram os locais que a fiscalização atuou?como vamos denuciar a vigilância uma possível reiscidência do estabelicimento?…

  • Mendes disse:

    Queremos os nomes dos supermecados?!

  • Lomanto disse:

    Os três grandes supermercados do centro da cidade eu frequentava e parei de comprar produtos neles principalmente os perecíveis. Semana passada quando peguei uma carne seca para fazer minha feijoada estava cheia de bicho andando. Pensei que fosse algum castigo católico por querer comer carne na sexta-feira Santa. Quando mostrei para o balconista ele raspou os bichos com a faca e perguntou se eu queria levar.

  • Itabunense disse:

    Se fosse um mercadinho de bairro, o nome estaria estampado em letras garrafais.Mas deve ser algum mercado grande, por isso a informação vem pela metade.

  • promotoria disse:

    A dúvida vai pairar sobre todos. Acho pertinente a divulgação, considerando que a punição Irá para todos os Supermercados do Centro.
    Outra sugestão seria que os mercados NÃO envolvidos fizessem O SEU REGISTRO ATRAVÉS DO BLOG, aí faríamos nossa análise, por eliminação, já que quem de direito não divulga.

  • CLAUDIA disse:

    NOME DOS SUPERMERCADOS!!!!!!!!! TEM Q SER DIVULGADOS

  • Mau Mau disse:

    Tem que dizer os nomes dos supermercados, que babozeira é essa? Em outros países a vigilância sanitária coloca adesivos NA FRENTE dos estabelecimentos informando que estes estão inaptos para a atividade comercial e só são retirados após pagamento de multa e adequação às normas de sáude. Mas, aqui neste país tupiniquim parece que o gosto pelas coisas erradas é o que prevalece!

  • Hayttle disse:

Deixe seu comentário