WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia




alba



bahiagas





abril 2013
D S T Q Q S S
« mar   maio »
 123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
282930  

editorias





itao






A BAHIA QUER, O BRASIL PRECISA

Walter-Pinheiro-Wilson-Dias-AbrWalter Pinheiro | imprensapinheiro@gmail.com

A Bahia se mobiliza para que não haja mais atraso em seu cronograma de obras (o que traria prejuízos ao Estado e ao Brasil como um todo).

A Bahia tem uma história econômica caracterizada por sua vocação para o mercado externo. Em tempos imemoriais, ainda no século XVI, após o desembarque de Cabral em terras brasileiras a Capitania teve no pau-brasil sua primeira commodity, que mais tarde se juntaria ao açúcar, ao fumo e ao cacau reforçando sua pauta de exportações.

Hoje, as commodities são outras. Somos o quinto produtor brasileiro de bens minerais, a exploração mineral da Bahia é responsável pela geração de 13 mil empregos diretos, dos quais 11.400 estão em municípios da região do semiárido.

A Bahia tem ainda a explorar grandes jazidas de 40 diferentes substâncias. Somos o primeiro produtor brasileiro de urânio, cromo, salgema, magnesita e talco, e destaque nacional na produção de níquel, cobre e ouro, além de possuirmos a maior diversidade cromática de rochas ornamentais do País.

Os projetos para exploração dessas jazidas somam atualmente investimentos de R$ 20 bilhões, até 2015. Há outros projetos em fase inicial, que vão desde as matérias-primas para fertilizantes até as terras-raras.

Para que isso ocorra, precisamos de uma logística que possibilite o transporte das minas até os centros de consumo ou a portos marítimos que permitam ao Estado sustentar sua histórica vocação de exportador.

Mas quando se fala em transporte de minérios, o modal só pode ser o ferroviário. E no caso específico dessa grande província mineral em que se constitui a Bahia, espalhada de forma especial pela região do semiárido do Estado, a saída natural está na construção da Fiol (Ferrovia Oeste-Leste).

Com extensão de 1.527 quilômetros, partindo de Ilhéus até atingir Figueirópolis, no Tocantins, onde se encontrará com a Ferrovia Norte-Sul, a Fiol vai mudar a vida de 147 municípios localizados ao longo do seu trajeto, com o mesmo impacto das ferrovias dos Estados Unidos no desenvolvimento do oeste daquele país.


Num eixo horizontal, a ferrovia vai formar com o Porto Sul, que será construído na região de Ilhéus, o maior corredor de exportações de toda a região Nordeste. Além de minério, a Fiol servirá para escoar as safras de grãos e de frutas produzidas no Oeste do Estado, contribuindo para aumentar sua competitividade.

Neste sentido, a Fiol deve fomentar o desenvolvimento para ampliar a vocação e promover o crescimento econômico e social de diversas regiões da Bahia com estímulo e verticalização da produção e implantação de um grande e vigoroso parque de logística em todo o Estado, além da nova fronteira agrícola brasileira, que engloba o Maranhão, Tocantins, Piauí e Bahia.

Estima-se que já em 2015 sejam escoados 6,7 milhões de toneladas de grãos, além de uma produção de 45 milhões de toneladas de minério a partir de 2015, de acordo com cálculos da Valec, a estatal responsável pela construção da ferrovia. Com a sua implantação, a Bahia será dotada da logística necessária para distribuir sua produção e impulsionar seu crescimento.

De acordo com a licitação lançada há três anos, a ferrovia deveria ter seu traçado concluído no ano passado. Mas uma série de problemas envolvendo desapropriações e impactos ambientais, ou que ensejaram questionamentos do Tribunal de Contas da União, acabaram afetando o cronograma das obras, que agora tem sua conclusão prevista apenas para os próximos dois anos.

É preciso superar esses obstáculos, até para que a obra não se dissocie da política de desenvolvimento do Estado voltada para a expansão econômica e de uma política industrial cuja diretriz objetiva agregar valor à cadeia produtiva, de tal forma que a maturação dos projetos coincida com o início das operações da ferrovia.

Como novo corredor de desenvolvimento, a Fiol será mais uma alternativa para escoar a produção, integrar regiões, contribuindo de forma positiva para a estratégia de crescimento da Bahia e do País. É por isso que a Bahia se mobiliza para que não haja mais atraso em seu cronograma de obras (o que traria prejuízos ao Estado e ao Brasil como um todo), tendo promovido em Barreiras, na última sexta-feira, um seminário sobre a importância da Fiol.

Walter Pinheiro é senador (PT-BA).

12 respostas para “A BAHIA QUER, O BRASIL PRECISA”

  • Antonio says:

    O mesmo Pinheiro de sempre, êle pensa que ainda tá nos palanques do sindicato dos funcionários da TELEBAHIA, após a descoberta do mensalão, alguns membros do PT, entre eles Walter Pinheiro queriam passar um pente fino na legenda, como se isso fosse possível, o Lula chamou todos num canto e ameaçou expulsa-los, alguns não aceitaram e foram realmente expulsos, o bravo Pinheiro baixou a cabeça jamais comentou mais nada contra os erros do PT. Agora de quando em vez aparece com várias sugestões como se não fosse um senador governista, sem mostrar realmente o que falta seu governo fazer, só pra refrescar sua brilhante memória, o Pimenta publicou algo que poderá ser-lhe útil, segue abaixo:

    MOLHO DE PIMENTA

    “Desde 2012, R$ 3,5 bilhões foram aprovados, mas apenas R$ 1,1 bilhão será pago. Os R$ 2,4 bilhões restantes são de companhias que, após reavaliar os projetos depois de vencer a concorrência, desistiram de assinar o acordo.

    Apimentada – A notícia publicada pelo Brasil Econômico é ruim para o Sul da Bahia. Baseando-se na aplicação do RDC, o ex-ministro dos Transportes Paulo Sérgio Passos apostava no início das obras de duplicação da Ilhéus-Itabuna (BR-415) ainda neste ano. Resta saber qual a saída a ser encontrada pelo governo para este imbróglio.”
    (MOLHO DE PIMENTA)

    SENADOR, JUNTE ISSO AÍ A TOTAL INCOMPETÊNCIA DE SEU GOVERNO E A EQUAÇÃO SERÁ RESOLVIDA FACILMENTE.

  • To de olho says:

    Senador, acorda o atraso é devido a incompetência do governo federal que ao invés da obra está tendo que investigar roubos dos dirigentes petistas e aliados no governo . A obra tomara que não receba os trilhos bichados que foram comprados da China que certamente pagaram uma propina para os fiscais da obra.
    Melhor seria entregar tudo a iniciativa privada , sairia mais barato para o contribuinte.

    http://www1.folha.uol.com.br/mercado/2013/04/1266158-trilho-chines-ruim-reduz-capacidade-da-ferrovia-norte-sul.shtml

  • A VERDADE É... says:

    A atriz Luana Piovani usou sua conta oficial no Twitter na manhã desta quinta-feira (25), para falar sobre a situação política do Brasil. Ela usou o microblog para desabafar sobre a corrupção no país e sobre a Comissão de Constituição e Justiça da Câmara ter aprovado a proposta da emenda à Constituição que dá ao Congresso o poder de derrubar decisões do Supremo Tribunal Federal (STF).

    “Que isso da Câmara querer tirar o poder do STF? Vou matar esses mensaleiros desgraçados! Não se tem paz nesse país? Bora fazer passeata, gritar, pintar a cara, tirar a roupa, dormir na frente da pau mandado Dilma… Ninguém vai fazer a gente de otário”, escreveu a atriz na rede social.

    Revoltada com a situação, Luana continuou: “Não dá pra pagar tanto imposto e fingir de burro! Vamos botar fogo nesse circo, mas ficar aqui fingindo que está tudo bem, não dá! Tem alguém aí? Freixo? Marina Silva? Jean Willys? Tem alguém aí mais preparado politicamente que pode pensar em algo relevante para fazermos? Que canseira dessa corrupção! Desse pensamento carniça-egoísta que assola esse país…”, disse a atriz.

  • Jader de Oliveira Tavares says:

    Burguês! Senado pobre! Não
    Passa de mais um sindicalista PELEGO. A Ferrovia, o Porto, com a atraso
    Que já tem…. Esse medíocre Senador, vai demorar e muito. E estão no PODER fEDERAl. Amigo de LULA e da DILMA. Amigo? Quem mora em Salvador sabe o comportamento do tal Senador. Não passa de mais um NOVO RICO.

  • O ser humano para conquistar à admiração de outrem,não precisa conhecer pessoalmente,basta,suas ações,gestos,ideias,caráter e pensamentos.
    Desta forma que fiquei admirado pelo então e desconhecido Walter Pinheiro,sua maneira de expressar suas ideias e defender os pontos de vistas etc tal.
    Uma vez deputado da oposição conquistou de vez a minha admiração,sempre se posicionando a favor da ética e contra quaisquer tipo de corrupção neste país e a favor de CPI.
    Eu pensei,este que é o homem.
    Uma vez fazendo parte do governo,eu fiquei decepcionado com o deputado Walter Pinheiro,por alguns instantes,o mesmo foi ameaçado de ser expulso do partido do PT. Eu pensei se ele sair
    deste partido vai continuar com a minha admiração. Todavia,o mesmo ficou e se melou todinho da lama de esgoto que é o partido do etão ente-admirado por mim.
    O Sr.Walter Pinheiro,sempre dizia que a Bahia,não quer deputado
    ou senador de A ou B,a Bahia quer senador e deputado da Bahia.
    O Sr.Walter Pinheiro,referia aos então candidato a cargos eletivos que usava o slogan que era candidato de ACM.
    Para a minha decepção o Sr.Walter Pinheiro,nesta última eleição
    seu slogan era do time de A! meu Deus! Que contradição e incoerência,poderia ser senador da Bahia!
    Outrossim,o homem é admirado pelo seu caráter ideias,atos,gestos,pensamentos e atitudes. O que hoje o Sr.Walter Pinheiro não as tens!

  • Zelão says:

    Zelão, diz: – Entre o discurso e a realidade, está a incapacidade de realizar

    “Se a necessidade é flagrante. Se a realidade aponta a solução viável. Se existe projetos que se compatibilizam com as necessidades e a realidade. Porque então não viabilizá-los? Fica evidente o fato: – Existe incapacidade do governo em realizá-los.

    Mero discurso de palanque. É assim que se pode interpretar as palavras do senador Walter Pinheiro na busca de se tornar o “nome” do governo na sucessão do governador Jaques Wagner.

  • Roberto Mota says:

    Tá certo,senador…de falácia e retórica a Bahia,e notadamente o sul dela,já está cheio!

  • jacinto pinto says:

    COM UM GOVERNADOR IMPORTADO, MELHOR DIZENDO, PIRATIADO DO TIPO “XING LING” DE PÉSSIMA QUALIDADE, ACHO MUITO POUCO PROVÁVEL QUE TAIS MELHORIAS OCORRAM.

  • Oritas says:

    Já que o digníssimo senador se insinua como candidato, sugiro ao mesmo procurar as duas super super poderosas e as mais competentes tocadoras de obras que o país já teve. Me refiro a Rose de Lula e a Erenice da Dilma. Segue abaixo os curriculum vitae das duas “MUSQUITERAS”.

    ————————————————————–
    http://www.blogdailha.org/itaparica/
    Lula e Rosemary Noronha. Uma relação estreita e imoral
    In: Mauricio Vergne

    ————————————————————–

    http://bdtesta.blogspot.com/2013/04/erenice-mais-poderosa-do-que-nunca-ex.html

  • CÁRITA says:

    Esses projetos duvidoso que vcs pretendem realizar no sul da bahia não vejo nenhuma vantagem para as comunidades locais.Quanto ,a mineração vcs querem bater record na produção desapropriando a troco de banana as terras produtivas dos agricultores de cacau.Isso ñ é coisa de Deus é uma ambição do PT que todos os brasileiros devem saber.Pois a região de Coaraci Almadina, Ibicaraí e Floresta Azul é rica EM MINERAIS. ALÉM DISSO É UMA TERRA PRODUTIVA. É FÁCIL TOMAR AS TERRAS DO POBRE PARA BENEFICIAR O BOLSO DE VCS.OS PRODUTORES DE CACAU DIZEM NÃO AS DESAPROPRIAÇÕES!

  • CÁRITA says:

    Eloy Fenker
    A criaçao de Unidades de Conservação por ambientalistas radicais (muitas vezes com interesses escusos não declinados oficialmente) tem sido acompanhada de um autoritarismo muito grande, de ilegalidades e inconstitucionalidades.

    São feitos estudos técnicos profundos (mais de 3/4 dos espaços dos relatorios) envolvendo borboletas e bichinhos, mas…POUCO OU NADA É DEDICADO para estudos..DAS PESSOAS ! , das relações sociais e das perdas que eles experimentam.
    Sob o aspecto econômico, entao, são cometidos verdadeiros absurdos, sem estudo fundiário amplo e completo, avaliação prévia e justa das áreas, indicação das verbas orçamentárias e recursos para indenizações prévias e justas. A indenização deve ANTECEDER A CRIAÇAO, pois o Estado nao pode criar uma Unidade de Consevaçao em PROPRIEDADE PRIVADA!
    Recente decisão, em Santa Catarina é emblemática. Recomendo sua leitura por parte de todos envolvidos. MEDIDA CAUTELAR INOMINADA Nº 2007.72.01.000670-0 (SC) / 0000670-73.2007.404.7201
    Data de autuação: 02/03/2007 .

Deixe seu comentário








WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia