WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia


alba










junho 2013
D S T Q Q S S
« maio   jul »
 1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
30  

editorias






:: 11/jun/2013 . 19:09

GOVERNO NÃO CONCLUI OBRA E CÂMARA QUASE APROVA MOÇÃO DE REPÚDIO CONTRA WAGNER

Centro de convenções abandonado em Itabuna.

Centro de convenções abandonado em Itabuna.

Faltaram só 3 votos para moção contra Wagner (foto) ser aprovada.

Faltaram só 3 votos para moção contra Wagner (foto) ser aprovada.

A Câmara de Vereadores de Itabuna acabou rejeitando a moção de repúdio contra o governador Jaques Wagner proposta por José Silva (PSDB). O vereador cobra a conclusão do teatro e do centro de convenções de Itabuna.

A obra foi interrompida em outubro de 2006, pelo então governador Paulo Souto (DEM). Wagner assumiu em 2007, mas não retomou a obra, alegando erros estruturais.

Para Zé Silva, o governador deveria concluir a obra de, aproximadamente, R$ 20 milhões e na qual já foram investidos mais de R$ 3 milhões. A construção virou um elefante branco e já foi objeto de matéria no Fantástico (Rede Globo).

Zé Silva acabou obtendo 11 votos, mas precisava de 14 para que a moção fosse aprovada. Vereadores de partidos da base do Governo Wagner e até de oposição votaram contra a proposição.

Votaram contra os vereadores Júnior Brandão (PT), Aldenes Meira e Jairo Araújo (ambos do PCdoB), Glebão (PV), Nadson Monteiro (MD), Joilson Rosa (PSDC), Paulinho do PT e Pastor Francisco (PRB). Brandão lembrou que o município precisava reforçar a sua parceria com o governo e a aprovação da proposta de Zé Silva não era boa para Itabuna.

Dentre os vereadores que aprovaram a moção, está o líder do Governo Vane na Câmara, César Brandão (MD).

Ruy Machado (PTB) e Soldada Valéria (PSC) não compareceram à sessão de hoje.

PRÉDIO DO MESSIAS ABRIGARÁ REITORIA DA UFESBA

Vane (c) e o secretário Marcos Cerqueira vistoriam condomínio em Ferradas (Foto Gabriel Oliveira)

Vane (c) e o secretário Marcos Cerqueira vistoriam condomínio em Ferradas (Foto Gabriel Oliveira)

O prédio da central de distribuição da antiga rede de supermercados Messias, em Ferradas, vai abrigar, provisoriamente, a sede da reitoria e o campus da Universidade Federal do Sul da Bahia (Ufesba), em Itabuna, segundo anunciou o prefeito Claudevane Leite. O prédio fica na margem esquerda do trecho Itabuna-Ibicaraí da BR-415.

De acordo com a assessoria do município, a coordenação de implantação da universidade considerou o local o melhor para abrigar a Ufesba enquanto não é construída a estrutura definitiva. A previsão é de aula inaugural da instituição em setembro do próximo ano, após realização de concurso e contratação de pessoal administrativo e professores.

EM NOTA, NESTLÉ DIZ QUE NEGOCIA COM TRANSPARÊNCIA

Funcionários da Nestlé em Itabuna na paralisação de duas horas, ontem.

Funcionários da Nestlé em Itabuna na paralisação de duas horas, ontem.

A Nestlé Brasil emitiu nota em resposta à postagem em que o diretor do SindAlimentação, Eduardo Sodré, questiona a tentativa da empresa de impor piso e percentuais salariais diferenciados para as unidades em Feira de Santana e Itabuna, na Bahia. Os 1.500 trabalhadores ameaçam cruzar os braços nas duas unidades.

As negociações com representantes do Sindicato “ainda estão abertas e dentro do calendário previsto pela categoria”, diz a nota. A empresa informa, ainda, que ocorreram três rodadas de negociação em Feira e uma em Itabuna.

“Novas reuniões estão agendadas para os próximos dias para que seja dada continuidade à negociação das propostas. As empresas reiteram que estão abertas ao diálogo com os representantes do sindicato e reafirmam sua disposição em colaborar com o processo de negociação”, reforça.

A empresa reforça que possui política transparente de negociação e que respeita a legislação trabalhista. Para conferir a íntegra da nota, clique em “leia mais”.

:: LEIA MAIS »

TARGINO GONDIM ABRE E VICTOR E LEO FECHAM O SÃO JOÃO DE ITAGIBÁ

A dupla Victor e Leo está confirmada no São João de Itagibá

A dupla Victor e Leo está confirmada no São João de Itagibá

A Prefeitura de Itagibá divulgou a grade do São João 2013. A festa começa no dia 21 e vai até 24. Pela grade, o arrasta-pé será aberto com o sanfoneiro Targino Gondim e a banda Só Filé. Na noite de São João, Victor e Leo e Zabumbahia garantem a animação na Praça do Forró, no centro da cidade.

A grade reúne 18 atrações regionais e de renome. Além de Targino Gondim e Victor e Leo, também estão confirmadas as bandas Cavaleiros do Forró, Cangaia de Jegue e Magníficos e o forrozeiro Adelson Viana.

O prefeito de Itagibá, Marcos Barreto (Marquinhos), afirma que as atrações e a estrutura preparada pelo município visam inserir a cidade, novamente, no circuito das melhores festas juninas do Nordeste. Confira a grade completa do São João de Itagibá clicando no “leia mais”, abaixo.

:: LEIA MAIS »

ASA BRANCA É AQUI?

claudio_rodriguesClaudio Rodrigues | aclaudiors@gmail.com

Elegemos, no último pleito, um prefeito de fato, mas não de direito. O prefeito Claudevane Leite, recebeu os votos, assumiu a prefeitura, mas quem manda é o Partido Comunista do Brasil (PCdoB).

Na década de 80 a Rede Globo de televisão exibiu um dos maiores sucesso da teledramaturgia brasileira, se não o maior, a novela Roque Santeiro, escrita por Dias Gomes e Aguinaldo Silva. A história se passa na cidade fictícia de Asa Branca, em algum lugar que reúne características e personagens de diversas regiões do Brasil.

O coroinha Luiz Roque Duarte, conhecido como Roque Santeiro por sua habilidade em modelar santos, morreu ao defrontar os homens do bandido Navalhada, logo após seu misterioso casamento com a desconhecida Porcina. Santificado pelo povo, que lhe atribui milagres, tornou-se um mito e fez prosperar a cidade ao redor da sua história de heroísmo.

Só que Roque não está morto, e volta à cidade, ameaçando pôr fim ao mito. Sua presença leva ao desespero o padre Hipólito, o prefeito Florindo Abelha e o comerciante Zé das Medalhas, principal explorador do santo. Mas o maior prejudicado é Sinhozinho Malta, o todo-poderoso fazendeiro do lugar, que vê ameaçado o seu romance com a “viúva” Porcina, que nunca foi casada com Roque e sempre viveu à sombra de uma mentira articulada por Malta. Mentira institucionalizada para fortalecer o mito e tirar vantagens pessoais.

Florindo Abelha era um grande “pau mandado”, prefeito de fato, mas não de direito, quem ditava as ordens na prefeitura de Asa Branca era o coronel Sinhozinho Malta. Abelha só dizia amem para as decisões do coronel. Faço essa viagem no túnel do tempo, para chegar ao atual momento por que passa Itabuna. Elegemos, no último pleito, um prefeito de fato, mas não de direito. O prefeito Claudevane Leite, recebeu os votos, assumiu a prefeitura, mas quem manda é o Partido Comunista do Brasil (PCdoB).

A demissão do médico sanitarista Humberto Barreto, da diretoria de Planejamento da Secretária de Saúde, atendendo às ordens do PCdoB, mostra que temos um prefeito sem pulso, que não têm as rédeas da administração e, a exemplo do prefeito da ficção Florindo Abelha, segue piamente as ordens dos Comunas.

O prefeito abriu mão de um homem de caráter e índole ilibados, profissional altamente competente e com serviços prestados a Itabuna, por que o partido de “sua base” resolveu colocar interesses partidários acima dos interesses da coletividade, na busca do poder pelo poder, por defender que os fins justificam os meios.

Se o prefeito Claudevane Leite fizesse valer o poder que os eleitores lhe conferiu através do voto, e mantivesse o diretor de planejamento da Saúde, o vice-prefeito Wenceslau Júnior e os demais cururus, sob o comando de Davidson Magalhães, teriam mesmo coragem de romper com o prefeito e deixar os cargos que detêm no município e que tanto adoram?

Prefeito, o poder é para ser exercido. Quem não sabe fazer uso dele, corre o risco de se transformar num Florindo Abelha. E fazer de Itabuna uma Asa Branca.

Cláudio Rodrigues.

GENILSON SE DEU MAL

Genilson, o dono do alheio (Reprodução TV Cabrália).

Genilson, o amigo do alheio (Reprodução TV Cabrália).

Genilson Santos Almeida resolveu dar uma passeadinha pelo Shopping Jequitibá, ontem à tarde. Queria levar para casa um celular da moda. Sem pagar.

O amigo do alheio passou a mão em um celular Samsung zero bala, na loja Love in Box. Enfiou o aparelho no bolso e saiu livremente com o objeto de desejo avaliado em R$ 806,00.

O plano parecia ter dado certo, mas seguranças perseguiram o lanceiro e conseguiram detê-lo já próximo à Câmara de Vereadores. Genilson acabou tendo que se explicar no Complexo Policial de Itabuna.

LUIZ RIBEIRO PRESIDIRÁ A ACI

luiz ribeiro buriti foto pimentaO empresário Luiz Ribeiro, das Lojas Buriti, foi eleito, ontem à noite (10), o novo presidente da Associação Comercial e Empresarial de Itabuna (ACI). Ele vai substituir o médico e empresário Eduardo Fontes, que comandou a entidade por dois mandatos consecutivos e não pôde disputar reeleição.

Fontes defendeu o nome de Ribeiro para a presidência da entidade. A posse da nova diretoria da associação deve ocorrer até o início de julho.

HORÁRIO ESPECIAL NO COMÉRCIO DE ITABUNA

casal-namoradosOs estabelecimentos comerciais de Itabuna vão funcionar em horário especial nesta terça-feira (11), véspera do Dia dos Namorados. Por acordo dos sindicatos patronal e dos comerciários, as lojas ficarão abertas hoje até as 19h30min, segundo comunicado do Sindicato do Comércio Varejista de Itabuna (Sindicom).

Lojistas preveem que as vendas deste ano sejam, na média, 5% superiores às registradas no Dia dos Namorados em 2012. A data é uma das que os lojistas mais faturam.

ÔNIBUS COM ÍNDIOS PATAXÓS TOMBA NA BR-324 E DEIXA 12 FERIDOS

Cláudio Rodrigues

Um ônibus da Viação Novo Horizonte que saiu ontem (10), às 20h, do distrito de Coroa Vermelha, em Santa Cruz Cabrália, com cerca de 40 indígenas da etnia pataxó, tombou hoje por volta das 6h30min, na BR 324. O acidente ocorreu no trecho de Amélia Rodrigues da rodovia, logo após passar pela praça de pedágio da concessionária ViaBahia.

Os índios seguiam para Salvador para participar, na manhã de hoje, de um evento na sede da Funai. 12 passageiros feridos foram levados para o Hospital Clériston Andrade, em Feira de Santana, cinco deles em estado considerado grave.

Segundo relato de um passageiro, o ônibus foi fechado por uma caminhonete Hilux, tombando logo após. Nesse momento, há um congestionamento de aproximadamente 15 quilômetros na rodovia que liga Feira de Santana a Salvador.

NILO: “A MAIORIA DOS DEPUTADOS NÃO TEM INTERESSE EM VOTAR PROJETO DE DEPUTADO”

nilo perfilMarcelo Nilo é presidente da Assembleia Legislativa pela quarta vez consecutiva e está no sexto mandato como deputado estadual. Após a experiência de mais de 20 anos de legislativo, Nilo agora sonha com o Executivo e iniciou andanças pela Bahia e tenta se cacifar para disputar a sucessão do governador Jaques Wagner.

Nilo concedeu entrevista exclusiva e falou desse sonho, do perfil governista da Assembleia Legislativa (“deputado não tem interesse de votar projetos de deputado”) e de temas como a maioridade penal. Nilo defende a redução.

A entrevista foi concedida ao jornalista Marival Guedes que, a partir de hoje, fará a cobertura da política, cultura e negócios em Salvador para o PIMENTA.


BLOG PIMENTA – Vamos começar pelos projetos aprovados pela Assembleia. Quais os mais importantes aprovados nos últimos meses?

MARCELO NILO – Os mais importantes são o aumento de salário do servidor público, a modernização do meio ambiente, o empréstimo de R$ 1 bilhão que o Executivo tomou, ampliação das penitenciárias, ampliação da Agerba. Enfim, alguns projetos dessa magnitude. Vamos votar a Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) agora, no final do mês.

BP – Quase todos os projetos foram enviados pelo Poder Executivo. Isto pode caracterizar o Legislativo baiano como um poder governista? A partir de agora, vai ter mais projetos da própria Casa?

MN – Olhe, os deputados, uma grande parte, não tem interesse de votar projetos de     deputado. Eu nomeio comissão, eu peço, eu apelo, mas grande parte  não tem interesse em votar nos próprios projetos. E aqui só se passa projeto de interesse de deputado através de acordo. Mas eles, infelizmente, apesar da nossa pressão, não gostam de votar nos próprios projetos. Eles preferem votar os projetos do Executivo.

nilo perfil______________

ASSEMBLEIA GOVERNISTA – Como você não pode fazer projeto de impacto, os parlamentares não querem fazer projetos menores, que não têm impacto perante à sociedade.

______________
BP – Por causa da competição…

MN – Na realidade a Constituição Federal tirou a prerrogativa dos parlamentares. Você não pode fazer projeto que gere despesa. E o próprio papel já é uma despesa. Então, como você não pode fazer projeto de impacto, os parlamentares não querem fazer projetos menores, que não têm impacto perante à sociedade. É uma tradição dos parlamentos estaduais do Brasil, porque não pode votar projeto que aumente o orçamento do Estado. Consequentemente, perde-se a força, a vontade, o estímulo de você ter mais criatividade nos respectivos projetos.

BP – Qual a avaliação que o senhor faz do governo Dilma Roussef?

MN – O governo Dilma manteve as reformas sociais iniciadas no governo Fernando Henrique com a redução drástica da inflação e manteve as reformas sociais do governo Lula. E agora está tentando implantar sua marca, que é melhorar a infraestrutura do país, com modernização dos portos, que infelizmente estão defasados, recuperar as estradas, fazendo o papel de permitir o escoamento agrícola com mais facilidade, iniciando  ferrovias.

BP – E o governo Jaques Wagner?

MN – É um governo que fez muitas obras: um milhão de pessoas alfabetizadas pelo Topa, recuperou mais de oitenta por cento das estradas da Bahia, tendo em vista que ele as recebeu intransitáveis, fez quatro mil poços artesianos, diversas adutoras no interior do estado, a nova Fonte Nova e  entregou cento e vinte mil casas populares. Mas a marca principal do governador  Jaques Wagner é uma obra que não custa um centavo sequer: é fazer um governo democrático e republicano sem perseguir ninguém. Essa pra mim é a grande marca, é a grande força do governador.

BP – E o prefeito ACM Neto, como o senhor avalia estes cinco meses?

MN – Eu diria que tá muito cedo para emitir uma opinião, porque com cinco meses, até agora, não deu pra ver uma marca do ACM Neto, não deu pra ver que Salvador tá diferente. Mas é lógico que você tem um prefeito que tá fazendo parceria com o governo do estado, o que é bom para o estado e é bom para o município. Mas não dá, ainda, pra ter uma marca porque o tempo tá muito curto, cinco meses não dá pra a gente ter a noção exata sobre qual será o planejamento estratégico do seu governo.

nilo perfil______________

MAIORIDADE PENAL – O jovem de 16 anos pensa completamente diferente do jovem de 1940. Eu defendo o plebiscito e nele votarei favorável que a maioridade pena seja a partir dos 16 anos.

______________

BP – Uma questão polêmica: qual a opinião do senhor sobre a redução da maioridade penal?

MN – Sou favorável que se reduza pra 16 anos. Somente no Brasil, Peru, Colômbia e uma parte dos Estados Unidos a maioridade penal é 18 anos. Agora recentemente, um jovem de 16 anos matou uma dentista queimada só porque ela tinha R$ 30,00 na conta. O crime abalou a sociedade brasileira. O Código Penal brasileiro foi elaborado em 1940, portanto, tem 73 anos. Ou seja,o jovem de 16 anos pensa completamente diferente do jovem de 1940. Então o jovem de 16/17 anos tem discernimento do que é bom e o que é ruim. Eu defendo o plebiscito e, nesse plebiscito, votarei favorável que a maioridade pena seja a partir dos 16 anos.

BP – Mas muda alguma coisa sem mudar a infraestrutura do país, a educação, a saúde?

MN – Se ficarmos preocupados com educação, saúde, segurança pública, tudo isso, nós nunca vamos reduzir. Se você reduz de 18 para 16 anos, claro, você dificulta a criminalidade. Claro que se tivéssemos uma boa educação, saúde, empregos suficientes é obvio que a criminalidade reduziria. Mas como você não tem educação, saúde e geração de empregos cem por cento perfeitas, acho que a melhor coisa é reduzir a maioridade penal. Você não tem a ala masculina e feminina? Vamos criar a ala de 16 e 18 anos. Agora, o que não dá é um jovem cometer cinco, seis crimes e quando chega aos 18 anos aquilo é zerado porque ele não pode ser penalizado nem processado com menos de 18 anos.

BP – No próximo ano vai ter eleições. O senhor será  candidato?

MN – Olha, eu sou um deputado de seis mandatos, quatro vezes presidente da Assembleia, fui o deputado estadual mais bem votado em 2010, com 140 mil votos, governador interino por cinco vezes (é óbvio que a caneta não tinha muita tinta porque o cargo não é meu, é de Jaques Wagner)… Fui escolhido pela mídia, pela oitava vez consecutiva, como o melhor deputado da casa, e agora quero ser governador.

nilo perfil______________

ELEIÇÕES 2014 – Eu quero um governador que tenha raiz interiorana, que conheça os 417 municípios da Bahia, saiba seus problemas, angústias e tenha soluções.

______________
BP – E por que o desejo de ser governador?

MN – Tem 51 anos que saiu um governador do interior do estado. Eu quero um governador que tenha raiz interiorana, que conheça os 417 municípios da Bahia, saiba seus problemas, angústias e tenha suas soluções. Quero fazer um planejamento estratégico de desenvolvimento regional. O problema de Itabuna é diferente do problema de Barreiras, o de Barreiras é diferente de Porto Seguro. Nós temos que fazer um governo com planejamento e desenvolvimento regional. Itabuna, nós homens públicos, devemos muito à região de Itabuna. [O ex-governador] Lomanto Júnior me dizia,quando era governador, que ficava esperando a saca do cacau pra poder pagar o servidor público, esperando o ICMS do cacau pra pagar o servidor público.Portanto, nós devemos retribuir isso a lavoura cacaueira, que passa por dificuldade. Devemos aplicar os recursos pra cada área específica: terreno fértil, agricultura, área turística, turismo. Por que Porto Seguro cresceu? Porque foi feito um aeroporto internacional. Por que a Chapada Diamantina não cresceu? Porque, infelizmente, demoraram muito para construir o aeroporto, consequentemente os turistas não foram. Agora com o aeroporto está começando a se iniciar o potencial turístico da Chapada. O que nós devemos é investir em cada área específica num planejamento estratégico regional.

BP – Vai tentar ser candidato do governador ou vai sair pela oposição?

MN – Eu quero ser candidato a governador nem de esquerda nem de direita. Espero ter o apoio do governador Jaques Wagner.

MINISTRO ACREDITA QUE DESAFIOS PARA A COPA DAS CONFEDERAÇÕES FORAM SUPERADOS

Aldo fala em desafios superados (Foto ABr).

Aldo fala em desafios superados (Foto ABr).

Luana Lourenço | Agência Brasil

A cinco dias do início da Copa das Confederações, o ministro do Esporte, Aldo Rebelo, disse hoje (10) que o governo conseguiu superar “todos os desafios” para realização do evento. Na lista, segundo o ministro, estão itens como entrega e teste de estádios, planos de mobilidade, serviços de telecomunicações, centros de comando e controle para segurança e monitoramento de preços de hospedagem.

A Copa das Confederações começa no próximo sábado (15), com o jogo entre as seleções do Brasil e do Japão, no Estádio Mané Garrincha, em Brasília. Belo Horizonte, Recife, Rio de Janeiro, Salvador e Fortaleza também vão receber jogos do torneio.

“Superamos todos as dificuldades, todos os desafios relacionados com a preparação da Copa”, disse Rebelo, após reunião com os ministros da Casa Civil, Gleisi Hoffmann, da Justiça, José Eduardo Cardozo, da Saúde, Alexandre Padilha, das Comunicações, Paulo Bernardo, de Minas e Energia, Edison Lobão, das Cidades, Aguinaldo Ribeiro, e da Secretaria de Aviação Civil, Moreira Franco.

Rebelo reiterou que o governo, junto com órgãos estaduais e municipais de defesa do consumidor, vai monitorar os preços da rede hoteleira nas seis cidades-sede do evento para coibir abusos nos valores cobrados pelo serviço.

Quanto às obras de infraestrutura relacionadas aos grandes eventos esportivos, o ministro disse que o que ainda não está pronto deverá ser concluído a tempo da Copa do Mundo de 2014, como ampliação de aeroportos e obras de mobilidade urbana.

:: LEIA MAIS »

PC DO B ACERTOU QUEDA DE MÉDICO NO SÁBADO

A queda do médico Humberto Barreto foi decidida pelo PCdoB no último sábado (8) numa reunião com os “cabeças” do partido. Liga daqui, liga dali, definiu-se no encontro dos capas-pretas uma linha de ação.

A estratégia primordial era derrubar o médico do cargo de diretor de Planejamento. E, na sequência, fazer aprovar a lei que redefine a composição do Conselho Municipal de Saúde, mas ao gosto do freguês. E o freguês não é o cidadão, obviamente.

(Aqui, um adendo: o Ministério Público está de olhos bem atentos à jogada envolvendo o Conselho. E o governo conhece muito bem o trabalho do MP. E aqui não vai nenhum juízo de valor, obviamente).

Foi no sábado que o secretário de Saúde, Renan Araújo, disse ao prefeito Claudevane Leite que era ele ou Humberto na Saúde. Vane titubeou.

O PCdoB local entrou no circuito e acionou os capas-pretas de Salvador, dentre eles o presidente da Bahiagás, Davidson Magalhães.

Agora, a mensagem era outra. Ou Renan ou Humberto. Com um complemento: se Humberto ficar, o PCdoB rompe com a administração.

Entre a seriedade de Humberto e a aliança política com os comunistas, Vane fez a escolha de todos (ou quase todos) já conhecida.

Os comunas até alegaram que o prefeito já havia retirado, do partido, o comando do financeiro da Saúde, quando exonerou Almeciano Maia, cunhado do secretário de Saúde.

Para completar as pressões, o presidente da Câmara, Aldenes Meira, também foi acionado. Vane, literalmente, viu-se encurralado.








WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia