WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia




alba



bahiagas





julho 2013
D S T Q Q S S
« jun   ago »
 123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
28293031  

editorias






:: jul/2013

AOS GRITOS DE OLÉ, BAHIA APLICA 3 A 0 NO FLAMENGO

O Bahia bateu o Flamengo por 3 a 0 na Fonte Nova, há pouco, e assumiu para a vice-liderança do Brasileirão 2013, com 19 pontos. Já o Flamengo, caiu na zona de rebaixamento. Está em 17º lugar com 10 pontos.

A rede balançou aos 29 minutos do primeiro tempo. Hélder chutou de longa distância e o goleiro do Flamengo, Felipe, bateu roupa. A bola sobrou nos pés de Fernandão, que chutou cruzado para ampliar.

Aos 47 minutos do primeiro tempo, após cobrança de falta, Felipe rebateu e Wallyson chutou da entrada da área. Bahia 2 x 0. O auxiliar de arbitragem marcou impedimento, mas Héber Roberto Lopes validou gol em que houve impedimento em dois lances – cobrança da falta e no rebote.

O gol que fechou o placar na Fonte Nova foi de Marquinhos Gabriel, aos 32 minutos da etapa final. Raul cruzou e Marquinhos chutou de primeira e estufou a rede adversária.

Por ter uma partida a mais, o Bahia volta a jogar só no próximo dia 7, às 21h, na Vila Capanema, contra o Atlético Paranaense. O Flamengo joga no domingo, às 16h, contra o Atlético Mineiro, no Estádio Mané Garrincha.

COLÉGIOS UNIVERSITÁRIOS

Felipe de PaulaFelipe de Paula | felipedepaula81@gmail.com

Além de disponibilizar formação geral capaz de expandir horizontes intelectuais, a UFSBA permitirá que estudantes sul baianos alcancem e frequentem uma universidade de alto nível sem saírem de suas cidades.

Na semana em que as chaves do Campus Jorge Amado da Universidade Federal do Sul da Bahia foram entregues ao seu Reitor é conveniente que reflitamos a respeito do quão importante é a chegada de uma Universidade desse porte à nossa região. Não é preciso conhecer profundamente a dinâmica acadêmica para obter noção das revoluções que ocorrerão em breve em terras sul baianas. E, em se tratando de revolução, talvez a questão mais chamativa da Universidade que chega são os Colégios Universitários (CUNI).

Embora ainda causem curiosidade devido ao seu caráter de inovação, os CUNIs não se constituem em novidade no mundo. Nos Estados Unidos, há mais de um século formam jovens através dos Junior Colleges. No Canadá, Collèges D’Enseignement Général ET Professionnel (CEGEP) oferecem um ciclo inicial que dá acesso às universidades públicas desde os anos 60. Na Venezuela mais de mil Aldeas Universitárias funcionam em mais de 300 municípios.

Nascidos no Brasil a partir da idealização do educador baiano Anísio Teixeira, os Colégios Universitários constituíram-se na base da reforma universitária da UNE nos anos 60 e foram fortemente debatidos em diversas reuniões à época.

Em 1962, na reunião de Belo Horizonte, foi documentado o seguinte: “O Colégio Universitário atenderia aos anseios da massa na medida em que, obedecendo a rigoroso planejamento, procurará dar ao aluno que nele ingresse uma visão geral das profissões, dentro de uma perspectiva mundial e brasileira, permitindo uma escolha consciente, voltada para a comunidade e não para si mesmo.” Mais adequado aos anseios do mundo contemporâneo, impossível. Contudo, daí por diante veio o golpe militar que derrubou os esforços de avanços sociais e políticos da educação brasileira.

A década de 2000 trouxe novamente à tona os CUNIs. O regime de ciclos de formação passar a ser efetivamente disponibilizado. Em 2007, a UFABC implanta Bacharelado Interdisciplinar (BI) em Ciência & Tecnologia. No ano seguinte, a UFBA faz o mesmo em todas as áreas de formação. Em 2014, a UFSBA recebe seus primeiros alunos dos BIs. A grande revolução que o Sul da Bahia experimentará é que a etapa de formação geral dos BIs da UFSBA poderá ser feita nos Colégios Universitários.

Os CUNIs serão implantados em municípios da região que contem com mais de 20.000 habitantes e situados a mais de 30 km do campus de referência (Itabuna, Porto Seguro ou Teixeira de Freitas). A entrada dos alunos na formação geral será através do ENEM, contudo sem utilizar o SISU. As vagas serão exclusivas para estudantes residentes no município, que tenham cursado todo o ensino médio em escolas públicas.

:: LEIA MAIS »

MÉDICOS PROMOVEM FEIRA DE SAÚDE EM PROTESTO EM SALVADOR

Médicos durante protesto na Feira de Saúde em Salvador (Foto Marival Guedes/Pimenta).

Médicos durante protesto na Feira de Saúde em Salvador (Foto Marival Guedes/Pimenta).

Médicos do SUS-Sistema Único de Saúde promoveram na tarde de hoje (31) manifestação na Avenida Centenário, em Salvador, contra o programa Mais Médico, do Governo Federal. Para atrair a população, os médicos promoveram uma feira de saúde com atendimento gratuito.

Nesta semana as entidades representativas da categoria colocaram anúncio publicitário nos veículos de comunicação convocando profissionais da área de saúde e estudantes a retornar às ruas para participar do protesto. A manifestação reuniu cerca de 100 médicos.

O programa Mais Médicos visa trazer profissionais de outros países ou brasileiros que estão no exterior para trabalhar nos municípios onde não existem médicos. Antes, segundo o Governo Federal, haverá concurso para a contratação de médicos brasileiros.

Durante o protesto, eles criticaram o projeto afirmando que o governo tenta colocar a população contra a categoria e que “os problemas de atendimento não serão resolvidos apenas com médicos. É preciso também investimentos e uma gestão eficiente, moderna e transparente”.

VIVALDO NEGA CANDIDATURA

vivaldo2Apontado por muitos políticos como nome forte para disputar uma vaga na Assembleia Legislativa, o diretor-executivo da Companhia de Desenvolvimento e Ação Regional (CAR), José Vivaldo Mendonça, nega o interesse de ser candidato.

“Tenho isso já definido e muito tranquilo. Não serei candidato”, disse o diretor ao PIMENTA, ao mesmo tempo em que procurou desautorizar rumores de que sua decisão teria a ver com a disputa interna dentro do PP. O partido deverá ter nomes como os secretários Wilson Brito (Desenvolvimento e Integração Regional) e Eduardo Salles (Agricultura) na briga para se eleger deputado estadual.

Vivaldo, que é do Sul da Bahia e formado em Agronomia pela Uesc, tem feito um trabalho elogiado na CAR. Além de técnico eficiente, ele é visto como bom articulador.

GALO PEDE HUMILDADE A TARGINO

Galo pede que Targino Machado siga o Papa Francisco

O sempre ácido deputado estadual Targino Machado (sem partido) tem criticado o PT por ter, segundo ele, comprado o passe de lideranças do PMN, como estratégia para evitar a fusão desta legenda com o PPS, formando o MD (Movimento Democrático).

Após um pronunciamento em que Machado fez a acusação, o petista Marcelino Galo saiu em defesa de seu partido e disse que o colega de Assembleia se sente como a “palmatória do mundo”. Na discussão, até o nome do pontífice entrou no meio.

Segundo Galo, Machado deveria “seguir o Papa Francisco e ser mais humilde, em vez de querer ser a palmatória do mundo”. O petista disse ainda que o colega tenta encontrar culpados para o “naufrágio do MD” e “deixa a emoção falar mais alto que a razão”.

Sobra a acusação em si, Galo naturalmente nega. Mas afirma que o PT defende critérios rígidos para a formação de novos partidos, of course.

CENTRO LUZ E PAZ COMEMORA 69 ANOS

O Centro Espírita Luz e Paz, de Itabuna, terá programação especial na próxima semana, para festejar seus 69 anos de existência. A data será marcada pela 1ª Jornada Espírita da instituição,  nos dias 5 e 6, tendo como tema “O Mensageiro de Jesus”.

A jornada consistirá de duas palestras de estudiosos da doutrina espírita. Na segunda-feira, 5, às 18 horas, Cristiane Novais, fala sobre o tema “Kardec e sua missão espiritual”; na terça, dia 6, o palestrante será Ricardo Ferreira, da União Espírita de Vitória da Conquista, abordando o tema “Allan Kardec – o missionário e sua obra”.

O Centro Espírito Luz e Paz funciona na Avenida Amélia Amado, 53, próximo ao Hotel Imperial. A jornada terá entrada franca.

ONDE ESTÁ AMARILDO?

Ato no Rio foi realizado hoje (Foto ABr)

Ato no Rio foi realizado hoje (Foto ABr)

O desaparecimento do ajudante de pedreiro Amarildo Souza, morador da Rocinha que desapareceu em 14 de julho, após ter sido levado para uma averiguação por policiais militares, foi lembrado hoje (31) em ato simbólico na Praia de Copacabana, na zona sul da cidade do Rio.

Integrantes da organização não governamental Rio de Paz fincaram na areia dez manequins cobertos por um tecido branco simbolizando os desaparecimentos registrados pela Polícia Civil no estado e que ainda não foram solucionados. Entre eles, está o de Amarildo.

“O Rio está cheio de cemitérios clandestinos. São pessoas que jamais retornaram para suas famílias. Isso nos envergonha e nos entristece muito por saber que jamais esses familiares poderão ver seus entes queridos de novo”, disse o presidente do Rio de Paz, Antônio Carlos Costa. Segundo dados do Instituto de Segurança Pública (ISP), foram registrados quase 35 mil desaparecimentos de janeiro de 2007 a maio deste ano.

A esposa, filhos e parentes de Amarildo eram esperados no ato em Copacabana, no entanto, ficaram muito abalados com a notícia de que um corpo foi encontrado na Rocinha, na noite de ontem (30). A Polícia Civil, no entanto, informou que o corpo era de uma mulher. Amanhã (1º), uma nova manifestação está prevista na comunidade, às 18h, para marcar 18 dias de desaparecimento do pedreiro. Informações da Agência Brasil.

MORADORES DO SANTA INÊS FAZEM PROTESTO E INTERDITAM POSTO DE SAÚDE

Moradores interditaram ruas e posto de saúde no Santa Inês (Foto Marli Vitória).

Moradores interditaram ruas e posto de saúde no Santa Inês (Foto Marli Vitória).

Cerca de 200 moradores do Santa Inês interditaram as principais vias de acesso ao bairro nesta manhã de quarta (31) e fecharam a Unidade de Saúde da Família Corbiniano Freire. Eles cobram mais médicos, equipamentos, ampliação do Programa Saúde da Família e reforma da unidade.

Além das obras e ações em saúde, os moradores cobram pavimentação da Rua de Mutuns e transversais, água encanada, ampliação da rede de esgoto e melhoria no campo de futebol do bairro e aumento das linhas de ônibus que atendem ao bairro.

Durante o protesto de quase três horas, a Avenida Bionor Rebouças e a Rua Nova foram interditadas com barricadas com pneus e madeira.

Moradores ocupam posto de saúde e interditam unidade (Foto Marli Vitória).

Moradores ocupam posto de saúde e interditam unidade (Foto Marli Vitória).

Segundo o líder comunitário Gilvan Barbosa (“Júnior”), a reforma da unidade é cobrada pelos moradores há nove anos. “Sempre há reforma de postos, mas nunca o do Santa Inês”, afirma. “Na verdade, não é reforma. Tem que construir outra unidade”.

Conforme Júnior, há dentistas, mas falta material para atendimento. O bairro conta com apenas uma equipe de Saúde da Família para atender a toda a comunidade, que hoje tem quase 10 mil pessoas.

O forro da unidade de saúde virou abrigo para morcegos, o que provoca forte odor. As agentes de saúde, segundo Júnior, estão sem sala para reuniões.

Ônibus ficaram retidos durante o protesto dos moradores (Foto Pimenta).

Ônibus ficaram retidos durante o protesto dos moradores (Foto Pimenta).

POSTO SERÁ REABERTO SÓ APÓS ACORDO
Os moradores passaram cadeado no portão da unidade de saúde. A promessa é só reabrir a unidade quando representantes do governo municipal sentarem à mesa para conversar com representantes da comunidade.

Posto de saúde é fechado após protestos contra condições precárias (Foto Pimenta).

Posto de saúde é fechado após protestos contra condições precárias (Foto Pimenta).

CONFIRA VÍDEO DO PROTESTO NA TV PIMENTA

SOLIDARIEDADE NO PROTESTO

Grevistas ofereceram café da manhã aos manifestantes do Reúne Ilhéus (foto Maurício Maron/JBO)

Grevistas ofereceram café da manhã aos manifestantes do Reúne Ilhéus (foto Maurício Maron/JBO)

Um momento de demonstração de solidariedade entre grupos que protestam por questões diversas em Ilhéus. Na manhã desta quarta-feira, 31, os manifestantes do “Reúne Ilhéus” saíam das barracas onde estão acampados há 16 dias, em frente à Prefeitura, quando receberam mais que um “bom dia” dos servidores do município, em greve e também num plantão há mais de uma semana no mesmo local, na esperança de amolecer o coração do prefeito Jabes Ribeiro.

Os servidores traziam pães, bolos, biscoitos e garrafas com sucos de frutas para oferecer aos jovens que reivindicam redução no valor da passagem de ônibus. O gesto comoveu a molecada e quem passava por ali. Alguns transeuntes quiseram dar um jeito de mostrar que não estão indiferentes e doaram uma graninha para reforçar o caixa e a despensa dos acampados.

Presidente da Associação dos Professores Profissionais de Ilhéus (APPI), Enilda Mendonça comentou o significado do gesto. “Estão aqui os nossos filhos, o futuro da cidade que precisa de respeito e apoio”, disse ao Jornal Bahia Online. Em torno da “mesa” farta, os dois grupos fizeram uma oração, agradecendo pelo alimento e clamando por gestores mais sensíveis às demandas do povo.

WAGNER ANUNCIA CANDIDATO DO PT ATÉ O FINAL DO ANO

Rui Costa fala de sucessão estadual.

Rui Costa fala de sucessão estadual.

O secretário da Casa Civil, Rui Costa, disse hoje (31) que o governador Jaques Wagner anunciará o candidato do PT à sucessão estadual até o final deste ano.

A decisão, segundo Rui, será tomada a partir do diálogo com os partidos da base aliada, movimentos sociais, lideranças e prefeitos. “Juntos com todos eles será formado um juízo de valor para até o final do ano definir quem será o candidato”.

Rui Costa, que foi eleito deputado federal, é um dos pré-candidatos a governador pelo Partido dos Trabalhadores. Na disputada interna há também o secretário de Planejamento da Bahia, José Sérgio Gabrielli, o senador Walter Pinheiro e o ex-prefeito de Camaçari e ex-presidente da UPB Luís Caetano.

Por outros partidos, também pretendem se candidatar – com o apoio do governador – a senadora Lídice da Mata (PSB) e o presidente da Assembleia Legislativa, deputado Marcelo Nilo (PDT). Outro nome ventilado é o do vice-governador, Otto Alencar (PSD). Rui Costa expôs o plano do PT durante entrevista ao programa Acorda Pra Vida (Tudo FM).

RESTAURANTE PORCALHÃO

Restaurante despeja lixo no canteiro central da Avenida Firmino Alves (foto João Victor Andrade)

Restaurante despeja lixo no canteiro central da Avenida Firmino Alves (foto João Victor Andrade)

É impossível manter a cidade limpa quando alguns dos próprios moradores não zelam por isso nem se preocupam com a forma como descartam seu lixo. Em Itabuna, um restaurante situado na Avenida Firmino Alves, Centro, tem a prática de despejar uma “montanha” de resíduos no canteiro central da via, sobre a grama, sem o menor respeito ao espaço público.

O que se vê no local é lixo espalhado por toda parte, remexido por animais, revelando um aspecto de imundície que infelizmente se nota em várias partes de Itabuna.

Não é só falta de higiene. É ausência total de cidadania.

MESMO PRODUTO. JÁ O PREÇO…

roxa

À esquerda, cupom fiscal do Bompreço, com o quilo da cebola roxa a R$ 5,99. À direita: o mesmo produto saiu por R$ 1,85 em outro supermercado

O corretor de imóveis Nilton Borges descobriu no último fim de semana que a cebola roxa pode fazer mal à saúde do bolso. Mas isso depende de onde se compra o produto.

Borges foi no sábado, 27, ao Hiper Bompreço, em Itabuna, onde comprou 775 gramas de cebola roxa por R$ 4,64. Nesse caso, o quilo do item era comercializado a R$ 5,99.

No dia seguinte, o corretor foi ao Makro, na rodovia Ilhéus – Itabuna,  e tomou um susto quando descobriu que ali o quilo da mesma cebola roxa era vendido a R$ 1,85.  Ou seja, conforme verificou o consumidor, o que ele gastaria para comprar um quilo de cebola roxa no Bompreço daria para levar três quilos no outro supermercado.

Desse jeito, a salada fica indigesta.

BAIXA NA SEDUR

Alfred Melo2O engenheiro ambiental Alfredo Melo decidiu deixar a Diretoria de Planejamento da Secretaria de Desenvolvimento Urbano de Itabuna (Sedur). Melo retornará para a Empresa Municipal de Águas e Saneamento (Emasa). Ele é funcionário concursado da empresa.

A Sedur tem a segunda baixa de um nome oriundo dos quadros do governo do ex-prefeito Capitão Azevedo. No início do ano, o ex-titular da Sedur, José de Alencar, foi exonerado. De acordo com fontes, outras baixas são aguardadas na pasta.

A PRESSÃO FUNCIONOU

No sábado, 27,  a Prefeitura de Itabuna foi impedida de reinaugurar uma unidade básica de saúde no bairro São Roque, pois os moradores da rua onde fica a mesma fizeram protesto contra o abandono do local.

Os manifestantes exigiram ação imediata do governo para melhorar as vias de acesso, o serviço de coleta de lixo, bem como o abastecimento de água e a manutenção da rede de esgoto. O secretário de Desenvolvimento Urbano, Marcos Monteiro, esteve no São Roque ainda na manhã de sábado e ouviu as reivindicações, comprometendo-se a atendê-las.

Na noite desta terça-feira, 30, máquinas da administração municipal patrolavam as ladeiras do São Roque, inclusive – naturalmente – aquela onde funciona a unidade de saúde Dilson Cordier. Somente após a ação, a Prefeitura ficou liberada para reinaugurar o posto.

A solenidade está marcada para esta quarta-feira, 10 horas.

SABACK, DO MPL: “ACM NETO ESTÁ IMPEDIDO PELO MP DE AUMENTAR TARIFA DE ÔNIBUS ATÉ 2014”

André Saback Movimento Passe Livre entrevista

Marival Guedes, de Salvador

O Movimento Passe Livre Salvador, que ocupa a Câmara de Vereadores desde o dia 22 deste mês, criou uma Tribuna Popular na porta no legislativo, onde serão realizadas diversas atividades. A Câmara está ocupada por 14 integrantes, sendo 11 fixos e três flutuantes, para a troca de informações.

Nesta entrevista, um dos ocupantes, André Saback, formado em Marketing pela Estácio/ Fibe, fala sobre o esvaziamento do MPL, a nova postura do movimento, que agora convoca partidos, a desoneração de PIS/Cofins e o acordo que impede ACM Neto de aumentar a tarifa até 2014. Saback também comenta como seria a implantação do passe livre universal.

BLOG PIMENTA- O presidente da Câmara marcou audiência, mas cancelou. Por quê?

ANDRÉ SABACK – Ele havia marcado na sexta-feira (26) uma audiência para ontem (29), pra buscar caminhos para a solução, inclusive poderia ter a presença do secretário Aleluia. Ele desmarcou a reunião por conta da nossa agenda de atividades e para entender melhor nossas ações e conversar depois.

PIMENTA – Quais as atividades?

SABACK – Nós começamos ontem (segunda-feira) e até a sexta teremos uma tribuna popular aberta a todas as pessoas para que, durante o dia,  se manifestem sobre a questão. À noite, palestras com professores e filmes de movimentos sociais e outras revoltas populares.

__________

Todo movimento popular tem um pico. Nós chegamos a botar 30 mil pessoas. Há um refluxo e o retorno à base inicial.

______________

PIMENTA – Nas últimas manifestações, houve uma grande redução do número de participantes. O que provocou este esvaziamento?

SABACK – Todo movimento popular tem um pico. Nós chegamos a botar 30 mil pessoas. Há um refluxo e o retorno à base inicial. No momento, temos nas ruas para participar dos atos nossos membros mais orgânicos e os movimentos sociais mais próximos. Há um poder menor de convocação por que a sociedade já teve esta participação e percebe – talvez por conta da mídia – que o movimento chegou num ápice e declínio. Acaba numa certa acomodação.

PIMENTA – Além da tribuna popular, o que será feito para revitalizar o movimento?

SABACK – A gente está com articulações com os movimentos sociais que não fizeram parte [no primeiro momento], a exemplo dos partidos políticos, sindicatos e movimentos estudantis, porque havia um consenso de que seria “aparelhar”. Mas estamos convocando estes movimentos pra agente poder ter vitalidade pra ir pra rua. Então, pra este ato de quinta-feira, 1º de agosto, nós vamos convocar a população em geral e estes movimentos.

______________

O MPL nunca foi antipartidário. O apartidarismo se mantém, a gente tem um mecanismo nas nossas assembleias que detecta quais as correntes que estão atuando.

______________

PIMENTA – Então, acabou o antipartidarismo no MPL Salvador?

SABACK – Na verdade, o MPL nunca foi antipartidário. O apartidarismo se mantém, a gente tem um mecanismo nas nossas assembleias que detecta quais as correntes que estão atuando e consegue com horizontalidade, seguindo nossa Carta de Princípios, bloquear alguma tentativa de aparelhar o movimento.

PIMENTA – Qual o comportamento da mídia durante todo este processo?

SABACK – Teve um comportamento de gangorra. Em alguns momentos, teve um viés interessante que favorecia o interesse pelo movimento. Em outros tentava esfriar, não sei exatamente por qual motivo. Teve altos e baixos no mês de junho e após a ocupação a gente teve a presença da mídia dando certo apoio. Depois começou a se desinteressar,  fazer as entrevistas e não publicá-las ou publicá-las com viés negativo. Talvez isto também seja um agente desmobilizador.

PIMENTA – Quais os dois pontos principais do MPL neste momento?

SABACK – Tiramos da carta de 21 pontos, sete pontos voltados para o município, mas que não precisa basicamente do legislativo. O prefeito [ACM Neto] tendo boa vontade política, pode realizar. E a gente radicalizou num ponto inegociável que é a redução da tarifa. Além disso, ônibus 24 horas, que favorece a população, a ter acesso no dia a dia e à cultura e lazer nos finais de semana quando há atividade à noite e as pessoas são impedidas por falta de transporte.

______________

A desoneração foi transformada em nova parcela de lucro para os empresários, o que acaba virando uma espécie de reajuste. Então, nada que gere lucro para os empresários até 2014 pode imperar.

______________

PIMENTA – Qual a proposta de redução?

SABACK – A gente pediu de R$ 2,80 para R$ 2,50 com base na desoneração do PIS/Cofins, que dá mais ou menos 20 centavos.

PIMENTA – O prefeito ACM Neto alega que há dois anos não tem aumento…

SABACK – O último governo tentou aumentar, mas o Ministério Público agiu e houve um Termo de Ajustamento de Conduta (TAC) definindo que não haverá aumento até 2014. Então, ele não pode aumentar porque está bloqueado.

PIMENTA – E a desoneração não beneficiou as pessoas…

SABACK – A desoneração foi transformada em nova parcela de lucro para os empresários, o que acaba virando uma espécie de reajuste. Então, nada que gere lucro para os empresários até 2014 pode imperar. Vale dizer que o lucro dos empresários do transporte de Salvador é demasiado. Temos uma das maiores tarifas do Nordeste.

PIMENTA – Quando você fala em Passe Livre, é apenas para o estudante ou toda a população?

SABACK – Nossa proposta é gradual. Primeiro a redução, depois o passe livre para estudante, idoso, deficiente.  Uma série de leis que tramitam na Câmara de Salvador nos leva a um segundo passo. Quando o empresário começar a se familiarizar com estas propostas, a gente começa a caminhar em direção ao Passe Livre Universal. Então, que seja o Passe Livre Estudantil o primeiro passo.

______________

Nós temos municípios que adotaram esta medida, sendo o mais recente exemplo o de  Paulínia (SP) onde a tarifa era R$ 1,00 e neste mês foi decretado o Passe Livre Universal, o fim das catracas.

______________

PIMENTA – E como será viabilizado?  De onde sairiam os recursos?

SABACK – Uma das possibilidades é o IPTU progressivo, taxando uma alíquota maior dos imóveis com maior porte e destinando esta diferença para um fundo de transporte. Nós temos municípios que adotaram esta medida, sendo o mais recente exemplo o de  Paulínia (SP) onde a tarifa era R$ 1,00 e neste mês foi decretado o Passe Livre Universal, o fim das catracas.

PIMENTA – Qual a outra forma?

SABACK – Temos uma série de estudos que podem criar um novo imposto sobre combustíveis, penalizando o usuário do veículo individual que gera o congestionamento atual, já que há uma lógica errada no sistema de transporte. A gente pensa na inversão, colocando sistema de transporte de massa para toda a população e quem tem carro deve usar para o lazer ou em momentos específicos.

PIMENTA – Haverá uma sessão especial no próximo dia oito na Assembleia Legislativa.  Qual o resultado concreto  que esta reunião pode gerar?

SABACK – Um dos pontos principais, no que se refere ao Estado, é Passe Livre para a Região Metropolitana ou a redução da tarifa coligada à integração com os modais da região e os de Salvador. Porque os ônibus da RM têm tarifa diferente, não aceitam smart card e não estão integrados. O metrô que virá também deverá ser integrado à tarifa daqui. O governo tem que conversar sobre isto, inclusive com outros municípios.

PAULISTA E BAIANO LIDERAM PESQUISA DE ATUAÇÃO PARLAMENTAR

Teixeira está entre os dois mais votados na enquete do Congresso em Foco.

Teixeira está entre os dois mais votados na enquete do Congresso em Foco.

O baiano Amauri Teixeira (PT) está entre os mais votados na pesquisa do site especializado Congresso em Foco que define o deputado federal mais atuante. A briga é acirrada com o paulista Otoniel Lima (PRB) e o mineiro Weliton Prado (PT).

Ao lado da senadora Lídice da Mata (PSB), o petista baiano é o único deputado do estado na lista dos 10 melhores parlamentares (a eleição também envolve o Senado) para o público brasileiro. Ao todo, mais de 50 mil pessoas participaram desta sondagem de opinião em todo o país.
Nos últimos dias, a corrida pela preferência do internauta na Câmara afunilou entre o paulista e o baiano. Com 141 votos do público especializado, Amauri abriu 44 de vantagem para o correligionário mineiro Weliton Prado, mas continua em 2° lugar atrás dos 393 votos do paulista Otoniel Lima.
No Senado, a senadora Lídice da Mata (BA) está na sexta posição, atrás dos tucanos, Aécio Neves (MG) e Álvaro Dias (PR), do comunista Ignácio Arruda (CE), o republicano Eduardo Lopes (RJ) e do petista, Delcídio de Amaral (MS).

O detalhe é que a pesquisa induz o internauta a escolher uma lista pré-estabelecida pela organização do Prêmio Congresso em Foco. Na hora de escolher o parlamentar, deve-se ficar atento e marcar a opção “Quero votar em outro parlamentar”.

Para participar da escolha, basta acessar o endereço http://premiocongressoemfoco.com.br/Voto.aspx e validar posteriormente com uma mensagem enviada pela organização da sondagem através do e-mail.

UNACAFÉ CONDENADA A PAGAR R$ 1,1 MILHÃO DE INDENIZAÇÃO POR TRABALHO ESCRAVO

A 4ª turma do Tribunal Regional do Trabalho da 5ª Região (TRT5) condenou a Unacafé Agrícola Ltda a pagar R$ 1,178 milhão de indenização por submeter trabalhadores rurais a situações análogas à de escravidão na propriedade situada no município de Una, sul da Bahia. A ação foi movida após investigação feita pelo Ministério Público do Trabalho (MPT) e Ministério do Trabalho e Emprego em 2008.

Cláudia Soares, procuradora do Trabalho, diz que o julgamento do recurso ocorreu no dia 9 deste mês. O valor total refere-se a R$ 500 mil por danos morais coletivos por trabalho escravo e dez salários mínimos a cada um dos trabalhadores escravizados. O julgamento do recurso é desdobramento de ação movida na 3ª Vara do Trabalho em Ilhéus.

– Essa decisão restabelece a justiça neste caso, já que não se pode admitir que jovens, pais, mães e crianças sejam confinados em alojamentos imundos, sem alimentação e locais adequados para a realização de necessidades básicas, entregando sua força de trabalho em troca de alguns trocados – afirma a procuradora Cláudia Soares.

A decisão, explica, reforma sentença inicial que negou os pedidos do MPT por entender que a Unacafé e seus sócios tinham apenas contrato de comodato com um ex-funcionário da empresa, responsável pelas contratações e que havia contrato de parceria agrícola familiar. A investigação teria comprovado que “os contratos apenas tentavam mascarar a verdadeira relação de emprego dos trabalhadores explorados com a Unacafé”.

TRABALHADORES SEM SALÁRIO E EM CONDIÇÕES DEGRADANTES

Na investigação em 2008, procuradores do MPT e fiscais do Ministério do Trabalho encontraram 59 trabalhadores vivendo em situação degradante, “semelhante à de escravos”. Os trabalhadores rurais eram obrigados a viver em alojamento sem água, alimentação e transporte. Ganhavam apenas por produção e sem garantia de salário e sem carteira assinada.

O conjunto agrícola entrou com recurso no TRT. Propriedade voltada à produção de café e cacau, a Unacafé tem como sócios Cláudio Abel Ribeiro, Ivo Alves da Cunha, José Álvaro da Silva, Cimob Companhia Imobiliária e Cimob Participações S.A. Independente do recurso contra a indenização, eles estão obrigados a cumprir a lei trabalhista e normas de saúde, segurança e medicina do trabalho.

RENAN ARAÚJO ATIRA PARA TODOS OS LADOS

Renan cai por falta de "resolutividade".

Médico diz que foi tratado com preconceito

OS ALVOS: TOM RIBEIRO, CLAUDEVANE LEITE E ASSESSORIA DE COMUNICAÇÃO DA PREFEITURA

O médico Renan Araújo tenta adotar um discurso de tranquilidade e dever cumprido em sua saída da Secretaria da Saúde de Itabuna, mas não consegue esconder certa mágoa. Isso ficou evidente na entrevista que ele concedeu ao  Blog do Gusmão (leia e escute aqui), na qual listou feitos de sua gestão e atribuiu a queda a uma campanha de desgaste executada por setores da imprensa.

Dando “nome aos bois”, Araújo mirou principalmente no âncora do programa Balanço Geral (TV  Cabrália), Tom Ribeiro. Segundo o médico, o apresentador “fez um trabalho sujo” e o atacou “de maneira baixa e vil, com chacotas e comentários desqualificantes”. Ele chamou a ofensiva de “missa encomendada”.

Diante de uma intervenção do entrevistador, que fez referência à vinculação política do apresentador com o PRB, partido do prefeito Claudevane Leite, o ex-secretário declarou que os motivos da “campanha” deveriam ser investigados. Mas ele se queixou também da imprensa local de maneira genérica, pois esta o teria tratado com preconceito, baseando-se em sua condição de “forasteiro”.

Na entrevista de quase 15 minutos, Araújo também lamentou não ter conseguido maior autonomia na Secretaria da Saúde, inclusive para realizar licitações que permitiriam abastecer as unidades com insumos e medicamentos. Ao dizer que não teve apoio do governo para formar as comissões licitantes, ele desabafou, mudando a direção da artilharia: “a caneta é do prefeito”.

Como avalia que conseguiu avanços importantes em todas as metas das quais se incumbiu, principalmente o retorno do comando único do SUS, o médico declarou que o motivo da sua saída deveria ser perguntado a Claudevane Leite.

Uma “bala” do arsenal do ex-titular da Saúde foi reservada para a Assessoria de Comunicação da Prefeitura, que, na opinião de Araújo, não teria sido generosa com sua atuação. “O que foi feito de positivo não chegou ao público; a volta da plena passou quase despercebida”, disse o médico.

A ISSO CHAMAM FILANTROPIA

dinheiro-saudePaciente com suspeita de apendicite procurou, na última sexta (26), o pronto-socorro do Hospital São Lucas. Quadro delicado, fortes dores, foi encaminhada para atendimento… que não ocorreu.

Primeiro, não existia maca para que o médico fizesse o exame clínico. Segundo, como era um só médico para atender a todos e os quadros de urgência levavam às lágrimas qualquer humano, o esposo decidiu levar a mulher para atendimento no Hospital Calixto Midlej Filho, também da Santa Casa de Misericórdia de Itabuna.

No Calixto, nada de atendimento pelo SUS. O casal teve que se desfazer de R$ 600,00. Era o custo do atendimento médico, de um simples hemograma e medicamento contra dor e desconforto abdominal (Buscopan via soro).

Já se sentindo melhor e livre do hospital, a paciente passou a lupa na conta e teve a primeira surpresa. Pagou R$ 5,00 por um copo de leite enquanto era medicada na instituição filantrópica.

A segunda surpresa veio um dia depois. No sábado, novamente sentindo dores, ela soube da telefonista do hospital que não teria direito a retorno. Se quisesse atendimento, precisaria pagar uma nova caução de R$ 600,00.

Adoecer não é para fracos…

CURSO ENSINA PESCADORES A USAR GPS

Curso atende 50 pescadores de Ilhéus e Itacaré

Curso atende 50 pescadores de Ilhéus e Itacaré

Um curso promovido pela empresa Bahia Pesca, vinculada à Secretaria da Agricultura do Estado, ensina pescadores sul-baianos a utilizar o sistema de localização definido pela sigla GPS (do inglês Global Positioning System). Cerca de 50 profissionais participam da capacitação, que começou nesta terça-feira, 30, em Ilhéus, onde prossegue amanhã.

O curso, que tem carga horária de 16 horas, será ministrado também em Itacaré, nos dias 1º e 2 de agosto (quinta e sexta-feira). No treinamento, os pescadores são orientados acerca do funcionamento do GPS, sistemas de unidades, coordenadas geográficas, cartas náuticas, entre outros temas.

Segundo a empresa, a ação faz parte do Programa de Infraestrutura e Logística da Cadeia de Pesca da Bahia.

GOVERNO FECHA ACORDO NO MP E NOVA LEI DO CONSELHO DE SAÚDE DEVE SER REVOGADA

Após acordo, Vane revogará lei (Foto Pimenta).

Após acordo, Vane revoga decreto (Foto Pimenta).

Aprovada pela Câmara de Vereadores e sancionada pelo prefeito Claudevane Leite, a polêmica lei de adequação do Conselho Municipal de Saúde de Itabuna (CMSI) deverá ser revogada.

O acordo foi fechado por membros da comissão executiva do conselho, da Procuradoria-Geral do Município e do Ministério Público da Bahia, ontem, em reunião coordenada pelo promotor público Clodoaldo da Anunciação. O promotor deverá mediar reuniões do conselho com o legislativo neste sentido.

O acordo se tornou possível a partir do entendimento de que a lei sancionada pelo prefeito no dia 21 de junho contém vícios e usurparia o papel de controle social do CMSI.

Os erros ocorreram já na tramitação do projeto na Câmara de Vereadores, quando os conselheiros de saúde não puderam opinar – o que era uma imposição da lei anterior, de 1997.

Seguindo uma recomendação do Ministério Público, uma nova lei será elaborada, desta vez seguindo dispositivos e resoluções nacionais, ou serão adicionadas emendas à já existente. O acordo foi fechado em ambiente amigável.

Enquanto a nova lei não for elaborada, o prefeito Claudevane Leite deverá manter os conselheiros que representam entidades que possuem assento no colegiado. Para isso, ficou acordado que o prefeito revogará decreto que suspendia a posse dos membros permanentes.

Uma eleição do conselho, baseada na nova lei, havia sido marcada para o último dia 20. Acabou sendo cancelada devido a recomendações do MP (relembre aqui) e uma ação judicial movida no dia 19. Atualizado às 16h58min.

SOLLA X GERALDO

Não convidem para a mesma mesa o secretário estadual de Saúde, Jorge Solla, e o deputado federal Geraldo Simões (PT). Os dois trombaram no ar, na Rádio Difusora, no último sábado (27).

Solla era entrevistado em uma solenidade no Hospital de Base de Itabuna, quando afirmou que R$ 1,5 milhão para a saúde de Itabuna foram obtidos via emenda de bancada.

Geraldo concedia entrevista ao programa Resenha da Cidade e cortou o secretário. Segundo o parlamentar, os recursos foram obtidos por meio de inclusão de uma emenda de sua autoria. Solla tentou dizer que não. Geraldo passou a expor os bastidores da negociação pela emenda em favor do Base.

O secretário teve que ceder.

 








WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia