WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
cenoe
prefeitura de ilheus





setembro 2013
D S T Q Q S S
« ago   out »
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
2930  

editorias






:: 4/set/2013 . 18:48

CÂMARA DE ITABUNA APROVA FIM DO “DJ DO BUZU”

Itabuna aprova lei que disciplina o uso aparelhos em ônibus.

Itabuna aprova lei que disciplina o uso aparelhos em ônibus.

A Câmara de Itabuna aprovou nesta quarta-feira (4) projeto de lei que acaba com o chamado “DJ do Buzu” nas linhas urbanas do município. De autoria do vereador Nadson Monteiro (PPS), o projeto agora vai à sanção do prefeito Claudevane Leite.

Após a sanção da lei, fica proibido o uso de aparelhos de som ou celulares no modo alto-falante, o que tanto inferniza a vida de usuários de ônibus. Em março, passou a valer lei semelhante para ônibus de linhas intermunicipais em toda a Bahia.

Quem não respeitar a lei, será convidado a deixar o buzu.

CARRO DA PM ESTACIONADO EM VAGA PARA DEFICIENTE

Picape utilizada pelo comando do policiamento no Sul da Bahia estacionada em vaga para deficiente.

Picape utilizada pelo comando do policiamento no Sul da Bahia estacionada em vaga para deficiente.

Uma picape utilizada pelo comando do policiamento regional sul (Polícia Militar) foi flagrada estacionada em vaga reservada apenas a portadores de necessidades especiais.

O veículo ocupou a vaga, na Avenida do Cinquentenário, por cerca de 30 minutos, mesmo não estando em diligência. Mas, informemos, em nenhum momento o policial desavisado foi advertido pelos agentes de trânsito – nem se sabe da existência de multa.

Péssimo exemplo.

FAMÍLIA QUE TRAFICAVA UNIDA… ESTÁ PRESA

Vanessa, Tchutchuca e Tânia foram apresentados hoje. No destaque, João, de 76 anos (Fotos Divulgação).

Vanessa, Tchutchuca e Tânia foram apresentados hoje. No destaque, João, de 76 anos (Fotos Divulgação).

Uma família de traficantes foi presa pela Polícia Civil com dois quilos de maconha em Salvador. Três dos quatro membros foram apresentados hoje no auditório do Departamento de Homicídios, em Salvador, dois dias após as prisões.

João Pereira de Assis tem 76 anos e é padrasto de Demilson Sales das Neves, o Tchutchuca, de 24 anos, autor do assassinato do policial civil Mauro Sales Escabia Motta Coelho, 47 anos, morto em dezembro de 2012. A quadrilha ainda é composta pela mãe de Tchutchuca, Tânia Maria Sales das Neves, 53 anos,  e pela companheira, Vanessa Nascimento dos Santos, 23 anos.

Além da droga, foram apreendidos R$ 18,00 e quatro aparelhos celulares. Segundo os delegados Clelba Regina Teles e Luiz Marcelo, Vanessa disse que a família sobrevive do tráfico há sete anos. A mãe de Tchutchuca, Tânia Maria, afirmou que o jovem traficante comete crimes desde os 15 anos.

João, Tânia, Vanessa e o traficante e homicida foram autuados por tráfico de drogas e associação ao tráfico. “Tchutchuca”, segundo a polícia, integrava a quadrilha do presidiário Reinaldo dos Santos Catureba, o “Nau Catureba”.

DEPUTADO RESPONSABILIZA GOVERNO POR PARALISAÇÃO DE OBRAS EM BARRAGEM

Augusto Castro visitou canteiro de obras nesta terça-feira

Augusto Castro visitou canteiro de obras nesta terça-feira

Em pronunciamento duro na sessão desta terça-feira, 3, na Assembleia Legislativa da Bahia, o deputado estadual Augusto Castro (PSDB) acusou o governo estadual de não repassar os recursos destinados às obras de construção da barragem no Rio Colônia, em Itapé. As verbas são do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC).

Segundo o tucano, o projeto foi paralisado seis meses após o início da execução, o que compromete o cronograma das obras, que deveriam estar concluídas em setembro de 2014.  “O estado não está repassando o recurso do PAC e os moradores da região estão preocupados. É preciso investir nesta obra para que Itabuna retome o crescimento”, declarou o deputado.

Augusto Castro esteve em Itapé nesta terça e verificou que o canteiro de obras da barragem está sendo desmontado. Ele destacou que a obra, orçada em R$ 18 milhões, beneficiará mais de 340 mil pessoas, de Itapé, Itabuna e Itaju do Colônia.

ESCRAVOS DE JÓ

A sessão tensa da Câmara de Vereadores de Ilhéus, nesta terça-feira, 3, teve momentos de gozação escancarada com alguns vereadores. Foi o caso do presidente do legislativo, o “Doutor Jó” (PCdoB).  Diante de temas espinhosos, como o pedido de afastamento do prefeito Jabes Ribeiro, Jó se apressava a chamar outros vereadores da base para conversar.

A turma do Reúne Ilhéus não perdoava, atacando com cantiga de roda:

“Escravos de Jó, jogavam caxangá. Tira, bota, deixa ficar…”

Das opções apresentadas, o povo ilheense está mais para o “tira” (Jabes). A Câmara, onde o governo tem maioria, opta pelo “deixa ficar”.

O VELHO JABES, A VELHA POLÍTICA

jabesribeiroDo Jornal Bahia Online

A Prefeitura de Ilhéus decidu retirar, de uma vez por todas, os estudantes do Movimento Reúne Ilhéus acampados na porta da Prefeitura há mais de 40 dias.

Lideranças do movimento foram notificadas agora à tarde pelo oficial de Justiça e têm um prazo de 15 dias para se pronunciar sobre a ocupação. A Prefeitura de Ilhéus pediu reintegração de posse à juíza Carine Nassri da Silva.

De acordo com a notificação, não sendo, nestes 15 dias, contestada a ação, presumir-se-ão aceitos como verdadeiros os fatos apresentados pelos advogados da Prefeitura, cabendo aos estudantes deixarem o local.

Leia mais

TUPINAMBÁS: NILO CRITICA JUSTIÇA E DIZ QUE INVASÃO DE PROPRIEDADE “É INACEITÁVEL”

Nilo defende solução negociada (Reprodução TV Cabrália/Pimenta).

Nilo defende solução negociada (Reprodução TV Cabrália/Pimenta).

O presidente da Assembleia Legislativa baiana, Marcelo Nilo, defendeu o diálogo entre produtores rurais e índios tupinambás e afirmou que é “inaceitável” a invasão de propriedades. “É inaceitável que você esteja em sua casa e ela seja invadida por índios”, disse em entrevista ao programa Balanço Geral (TV Cabrália).

Nilo ainda criticou decisão judicial que derrubou ordem de reintegração de nove propriedades na área do conflito, entre os municípios de Buerarema, Una e Ilhéus.  “O agricultor que planta seu milho, seu feijão e, do dia para noite, é afastado por decisão judicial. Eu defendo negociação entre índios e agricultores”, disse, afirmando ter apreço pelos índios, mas defende os agricultores.

VOTO ABERTO

O parlamentar também falou, na entrevista, da decisão da Câmara dos Deputados que aprovou a PEC que derruba o voto secreto. “Acho que toda vez que a Câmara comete erro, como cometeu em não cassar mandato de deputado preso [Natan Donadon], a sociedade reage”.

O presidente da Assembleia Legislativa fez defesa do voto aberto. “Só o povo tem direito a voto secreto [nas eleições]. Agora, o deputado e representante do povo, o povo tem que saber como ele vota”.

O deputado abordou a sua pré-candidatura a governador da Bahia. “Estou preparado para ser governador. Estou trabalhando, mas a decisão é do povo. Serei um governador nem de direita nem de esquerda, mas candidato que pensa no futuro”.

ALÉM DA QUEDA…

Clientes do serviço de telefonia móvel da Oi, na modalidade pré-pago, estão se queixando por outro motivo, além das mais de nove horas de “caladão”, das 15h50 de ontem até a 1h10 de hoje.

Outra razão para bronca é que, nesta manhã de quarta-feira, 4, usuários estão recebendo mensagens de texto informando sobre débito de ligações que não foram realizadas.

Aos lesados, o remédio é Anatel.

ITABUNENSE PERDE 70 KG SEM BARIÁTRICA

Há 11 meses, o professor itabunense Walisson Moura, de 25 anos, era obeso, hipertenso, sofria de apneia do sono e comia de maneira desregrada. Por dia, chegava a devorar quatro acarajés, quantidade não contabilizada de hambúrgueres e outras bagaças. O almoço era “encharcado” por um litro de refrigerante, o mesmo ocorrendo com o jantar.

Nessa época do “comendo tudo adoidado”, Walisson apresentava números preocupantes. Pesava 160 quilos, vestia manequim 64 e a pressão estava em 22 por 18. Forte candidato a um infarto ou um AVC, o jovem tinha também altos índices de colesterol e triglicérides.

A vida do itabunense mudou quando ele viu que sua saúde estava em perigo. E foi graças a muita força de vontade, que Walison procurou uma nutricionista, mudou os hábitos alimentares e substituiu o sedentarismo por atividades físicas diárias. Resultado: em menos de um ano, o professor perdeu 70 quilos e normalizou pressão arterial, glicemia e colesterol.

Walisson escolheu o caminho mais difícil (e saudável) para perder peso, quando a maioria tem optado pela cirurgia bariátrica. E ele quer virar exemplo. O professor criou um blog, onde relata sua batalha contra a balança (confira aqui) e virou assunto de matéria exibida na Rede Bahia.

Em seu blog, o professor diz que não precisou ingerir “nenhum tipo de medicamento ou fórmula mágica” e explica que descartou a bariátrica devido à “agressividade” e aos riscos para seu organismo.

walisson

Walisson: à esquerda, quando devorava quatro acarajés e dois litros de refrigerante por dia

TUPINAMBÁ É MORTO EM BUERAREMA

O corpo de um indígena tupinambá da região da Serra do Padeiro, entre Una e Buerarema, foi recolhido no início da noite de ontem por agentes da Polícia Federal e peritos do Departamento de Polícia Técnica (DPT). A primeira versão é de que o indígena, que não teve o nome divulgado, teria sido assassinado.

Os agente federais se deslocaram para o local do crime em seis viaturas. Apesar do corpo ter sido recolhido à noite, o assassinato ocorreu no final da manhã de ontem. A polícia investiga as circunstâncias da morte do indígena.

SINAL DA OI É RESTABELECIDO 9 HORAS DEPOIS

oiOs sinais de telefonia fixa e móvel e de internet banda larga da telefônica OI no sul e sudoeste da Bahia foram reestabelecidos somente por volta de 1h10min desta madrugada de quarta-feira (4). Os usuários ficaram sem os serviços da operadora desde as 15h50min em Itabuna, no sul da Bahia.

A OI emitiu nota para informar que a perda de sinal ocorreu devido ao rompimento de cabos de fibra ótica em três localidades, mas não reconheceu que o problema também afetou municípios da região sudoeste do Estado, principalmente Vitória da Conquista, o terceiro mais populoso da Bahia.

Casas lotéricas e agências bancárias também foram afetadas.

DEPUTADOS APROVAM O FIM DO VOTO SECRETO. PEC SERÁ ANALISADA PELO SENADO

Sessão em que o voto aberto foi aprovado por unanimidade (Foto Laycer Tomaz/Ag. Câmara).

Sessão em que o voto aberto foi aprovado por unanimidade (Foto Laycer Tomaz/Ag. Câmara).

Da Agência Câmara

O plenário aprovou, por 452 votos a favor e nenhum contra, a Proposta de Emenda à Constituição do Voto Aberto (PEC 349/01), que acaba com o voto secreto em todos os tipos de votação. A medida vale para as deliberações da Câmara, do Senado, das assembleias legislativas, da Câmara Legislativa do Distrito Federal e das câmaras de vereadores.

A PEC foi aprovada em segundo turno e seguirá para o Senado, onde também será votada em dois turnos. Os deputados já haviam aprovado por unanimidade (383 votos) a PEC em primeiro turno, em 2006.

O presidente da Câmara, Henrique Eduardo Alves, afirmou que a votação do texto é uma resposta à sociedade após a manutenção do mandato do deputado Natan Donadon (PMDB-RO). Donadon, que cumpre pena de 13 anos na penitenciária da Papuda, em Brasília, teve o mandato mantido por votação secreta do Plenário na semana passada.

“Nesta noite, se constrói uma resposta que não pode demorar. Que cada parlamentar assuma seu voto, sua decisão e sua consciência nessas questões”, afirmou Alves.

unisa






WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia