Dilma mantém nível de recuperação após protestos.

Dilma mantém nível de recuperação após protestos.

A presidente da República, Dilma Rousseff (PT), ampliou a vantagem que já possuía em relação aos seus adversários na corrida eleitoral de 2014, segundo a última pesquisa Ibope encomendada pelo Estadão. Dilma ampliou de 8 para 22 pontos a diferença sobre Marina Silva (sem partido): 38% a 16%. Antes, na pesquisa de julho, Dilma aparecia com 30% a 22%.

Aécio Neves (PSDB) oscilou de 13% para 11%, apesar de ser a estrela da propaganda do PSDB em exibição na televisão aberta. Eduardo Campos (PSB) tinha 5% e escorregou para 4%. A mesma pesquisa anota que o percentual de eleitores sem candidato permanece alta: 31% do universo pesquisado.

Quando o candidato do PSDB é José Serra, Dilma aparece com 37%, Marina tem 16% e Serra surge com 12%. Campos fica nos 4%. O percentual de “sem candidatos” cai apenas um ponto: 30%. Nos dois cenários, revela a pesquisa, Dilma teria chances de levar a disputa no primeiro turno.

A pesquisa foi feita de 12 a 16 de setembro em 141 municípios, em todas as regiões, com 2.002 eleitores. A margem de erro é de 2 pontos percentuais.