WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
cenoe





outubro 2013
D S T Q Q S S
« set   nov »
 12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
2728293031  

editorias






:: 31/out/2013 . 19:38

CONTAS DE AZEVEDO: RELATÓRIO SERÁ LIDO AMANHÃ

Zé Silva é o relator das contas (foto blog "A Voz e a Vez da Juventude")

Zé Silva é o relator das contas (foto blog “A Voz e a Vez da Juventude”)

O vereador José Silva (PSDB), que é o relator das contas do ex-prefeito de Itabuna, Capitão Azevedo, apresentará nesta sexta-feira (1º), às 14 horas, seu parecer sobre a matéria. O resultado da análise do tucano será lido na Sala das Comissões Temáticas da casa.

Caberá a José Silva recomendar a aprovação ou a rejeição do parecer do Tribunal de Contas dos Municípios (TCM), que reprovou a gestão do ex-prefeito nas duas contas já analisadas (2009 e 2010). A partir da divulgação deste relatório, a expectativa é de que o plenário decida a questão dentro de 30 dias.

Ao que tudo indica, a decisão do colegiado será ao estilo “no escurinho do cinema”, já que a proposta do vereador Júnior Brandão (PT) de estabelecer o voto aberto na Câmara, perdeu-se entre chorumelas convenientes, mas nem um pouco convincentes.

SECRETÁRIO DIZ QUE TEM POUCOS FUNCIONÁRIOS PARA FISCALIZAR COMÉRCIO

O secretário de Indústria, Comércio e Turismo de Itabuna, José Humberto Martins, disse nesta quinta-feira (31), na Câmara de Vereadores, que não dispõe de servidores em quantidade suficiente para fiscalizar o comércio na cidade. Na área central de Itabuna, é grande o número de queixas por conta da invasão de ambulantes às calçadas.

Segundo o secretário, uma fiscalização eficiente dependeria de um número entre 100 e 200 fiscais, mas o município só conta com 12. Ainda assim, ele informou que os ambulantes que hoje ocupam os passeios da Avenida Cinquentenário e suas transversais já foram avisados para deixar a via pública até o dia 10 de novembro.  Martins afirmou que são os próprios comerciantes do camelódromo da Praça Adami que estão abrindo “filiais” na Cinquentenário.

O secretário disse que a solução virá somente após a construção do shopping popular, que a Prefeitura planeja instalar em um prédio com três pavimentos, a ser erguido na área em frente à Policlínica Dois de Julho. A escolha da empresa responsável pela obra, segundo ele, ocorrerá em dezembro.

O vereador Glebão (PV) propôs uma nova audiência pública, que ficou agendada para o dia 12 de novembro, com a finalidade de ouvir os ambulantes. Para a reunião de hoje, convocada pelo vereador Ruy Machado (PTB), os representantes do comércio informal não foram convidados.

RECEBIMENTO DE SEGURO-DESEMPREGO PODERÁ EXIGIR CURSO DE QUALIFICAÇÃO

Wellton Máximo | Agência Brasil

Os trabalhadores que recebem o seguro-desemprego poderão ser obrigados a fazer curso de qualificação para ganhar o benefício, disse hoje (31) o ministro da Fazenda, Guido Mantega. Segundo ele, o governo estuda a medida para conter o aumento dos gastos com o benefício, que crescem cerca de 10% ao ano e devem encerrar 2013 em torno de R$ 30 bilhões.

O governo também quer segurar o aumento dos gastos com o abono salarial, pago uma vez por ano a trabalhadores cadastrados no Programa de Integração Social (PIS) que recebem até dois salários mínimos. O ministro, no entanto, não anunciou que medidas podem ser tomadas em relação a esse benefício, cujas despesas cresceram 17% neste ano e devem alcançar R$ 15 bilhões em 2013.

Juntos, os gastos com o seguro-desemprego e o abono salarial devem encerrar o ano em R$ 45 bilhões, o equivalente a 1% do Produto Interno Bruto (PIB), soma das riquezas produzidas no país.

Na próxima semana, o ministro pretende reunir-se com as centrais sindicais para discutir as medidas. Segundo Mantega, a contenção de gastos com o seguro-desemprego e o abono salarial é necessária para assegurar o cumprimento das metas fiscais e a redução das despesas públicas.

Leia mais

BICALHO EXPLICA PAGAMENTO À EMPRESA DO DIRETOR-MÉDICO DO HOSPITAL DE BASE

Presidente da Fasi diz que salário dos servidores vai pra conta logo após repasse da Sesab (foto Wilson Oliveira)

Presidente da Fasi afirma que pagamento à empresa foi feito para cobrir salário de médica (foto Wilson Oliveira)

O diretor-presidente da Fundação de Assistência à Saúde (Fasi), Paulo Bicalho, esclareceu denúncia feita pelo vereador Geraldo Barbosa Filho (PMN),  envolvendo o nome do médico Archibaldo Daltro Barreto Filho, que exerce o cargo em comissão de diretor-médico do Hospital de Base desde junho deste ano.

A uma comitiva de vereadores que o procurou nesta quinta-feira para tratar do assunto, o presidente da Fasi afirmou que não procede a acusação de que o médico recebe para prestar serviço como cardiologista, pois Daltro não exerce qualquer outra atividade no hospital, além da diretoria clínica.

Bicalho disse que o pagamento feito em nome da empresa Patury Barreto Serviços Médicos Ltda. destinou-se a um repasse para remunerar os serviços prestados por uma plantonista médica, que trabalhou por 60 dias no Base, mas que, “por problemas técnicos”, não teve como receber o salário.

Paulo Bicalho informou aos vereadores que já havia mandado sustar outros pagamentos em condição parecida nos últimos meses. “Infelizmente, havia uma tradição de pagamentos a profissionais feitos por meio de empresas de terceiros”, informou o diretor-presidente da Fasi. Ainda segundo ele, “o próprio vereador Geraldo Barbosa Filho conhece a situação e, com certeza, sabe que o pagamento feito via a empresa do Dr. Archibaldo ocorreu somente para evitar prejuízo à profissional que, efetivamente e com eficiência, prestou o serviço ao Hospital de Base e à população”.

ABERTAS INSCRIÇÕES EM CONCURSO DO MINISTÉRIO DO DESENVOLVIMENTO

Correio

concursosO Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior (MDIC) abriu nesta quinta-feira (31), as inscrições do seu concurso público com 105 vagas, sendo 30 para o cargo de agente administrativo, que exige nível médio, e 75 para analista técnico-administrativo, para candidatos que possuam nível superior em qualquer área.

A remuneração para o cargo de agente administrativo é de R$2.943,62 mensais, sendo R$1.568,42 de vencimento-base e gratificação de R$1.001,60. Já o analista técnico-administrativo tem o salário de R$4.353,62, sendo R$1.990,22 de salário-base e gratificação de R$1.990,40. Os valores já incluem o auxílio-alimentação no valor de R$373. Em ambas as funções, a carga de trabalho é de 40h semanais.

Os interessados no concurso podem se inscrever até 20 de novembro através do site do Cespe/UnB. As taxas são de R$60 (agente) e R$90 (técnico). As provas objetiva e discursiva terão a duração de quatro horas e meia, e serão aplicadas em 9 de fevereiro de 2014.

O prazo de validade do concurso será de dois anos, contados a partir da data de publicação da homologação do resultado final, podendo ser prorrogado, uma única vez, por igual período. Os nomeados serão contratados sob regime estatutário, que garante estabilidade, e serão lotados em Brasília, onde também serão aplicadas as provas.

CNC DIZ QUE ENDIVIDAMENTO E INADIMPLÊNCIA CRESCERAM EM OUTUBRO

Moeda ABrDepois de uma queda observada em setembro, os níveis de endividamento e inadimplência voltaram a crescer em outubro deste ano. Segundo a Pesquisa Nacional de Endividamento e Inadimplência do Consumidor (Peic), da Confederação Nacional do Comércio (CNC), o percentual de famílias inadimplentes no país chegou a 21,6% em outubro.

Em setembro, o percentual havia sido 20,6%. Entre as famílias com renda até dez salários mínimos, o nível de inadimplência, ou seja, o número de pessoas que têm contas ou dívidas em atraso, foi 23,8% em outubro, ante 22,9% em setembro. Entre as famílias com renda mais alta, o percentual subiu de 10,7% em setembro para 12,3% em outubro.

O tempo médio de atraso para o pagamento de uma conta é 59,6 dias, segundo a CNC. A maior parte das famílias (42,7%), no entanto, estava com contas em atraso por mais de 90 dias, em outubro. A pesquisa também mostrou que o percentual de pessoas com contas em atraso e sem condições de pagá-las subiu de 7% em setembro para 7,3% em outubro.

DIRETOR MÉDICO DO HOSPITAL DE BASE É ACUSADO DE RECEBER SEM TRABALHAR

Vereador acredita em esquema para engordar salário do diretor clínico do Base

Vereador acredita em esquema para engordar salário do diretor clínico do Base

O vereador Geraldo Barbosa Filho (PMN), de Itabuna, apresentou nesta quarta-feira (30) uma denúncia envolvendo a Fundação de Assistência à Saúde de Itabuna (Fasi), que administra o Hospital de Base. Segundo Barbosa, a entidade estaria fazendo pagamentos indevidos ao diretor-clínico do Base, Archibaldo Daltro Barreto Filho.

O vereador obteve uma nota fiscal, correspondente ao pagamento de R$ 5 mil à empresa Patury Barreto Serviços Médicos Ltda. O valor, segundo a descrição constante na nota, seria para remunerar “serviços médicos prestados pelo Dr. Archibaldo Daltro Barreto Filho”. Os atendimentos teriam sido feitos no ambulatório do hospital e a remuneração era relativa a um mês de serviço. O médico já teria feito o empenho de cinco notas do mesmo valor junto à contabilidade da Fasi.

Barbosa diz que o médico estaria recebendo os pagamentos para dar plantões como cardiologista, mas – segundo ele – a escala de serviços do hospital denuncia que Barreto Filho não realizou os atendimentos pelos quais recebeu. O vereador afirma ter conversado com funcionários do Base, que igualmente negam a presença do médico nos plantões.

Como diretor-clínico do Hospital de Base, Barreto Filho recebe R$ 4,5 mil mensais. Para o denunciante, a Fasi pode ter simplesmente buscado uma fórmula para engordar” o salário do diretor, pagando-lhe por um serviço inexistente. Barbosa propõe a instalação de uma Comissão Especial de Inquérito (CEI) na Câmara de Vereadores para apurar o fato.

Pela manhã, o PIMENTA solicitou posicionamento do diretor-presidente da Fasi, Paulo Bicalho, sobre a denúncia do vereador. Até este momento, o blog não obteve resposta.

DEBATE SOBRE A “FEIRA” DA CINQUENTENÁRIO

A Câmara de Vereadores de Itabuna discute nesta quinta-feira (31), a partir das 14 horas, a situação da Avenida do Cinquentenário e outras áreas do Centro da cidade, que vêm sendo ocupadas irregularmente pelo comércio informal. A proposta de fazer esse debate foi do vereador Ruy Machado (PTB).

A audiência terá a participação de representantes de ambulantes, Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL), Sindicato do Comércio Atacadista e Varejista (Sindicom) e Associação Comercial e Empresarial de Itabuna (ACI). O secretário municipal de Indústria, Comércio e Turismo, José Humberto Martins, foi convidado para dar esclarecimentos sobre o que o governo pretende fazer para reordenar o comércio.

FESTIVAL MOVIMENTA SERRA GRANDE

folheto_festival_conduru 1Teve início nesta quarta-feira (30) e prossegue até este sábado, em Serra Grande, o Festival Conduru. A ação é um desdobramento da “1ª Semana do Pesc – um  exercício de gestão participativa no Parque Estadual Serra do Conduru”, realizada em 2012.

Na abertura do festival, que reúne várias manifestações culturais, houve apresentação do Circo da Lula e Sílvia Matos, Kirimurê e do grupo Chorinho Brasil.

Hoje, a partir das 18h30, na praça de Serra Grande, a programação inclui Levada da Serra, Ira & Maciel, Pão Francês e dança contemporânea com o coreógrafo Carlos Ramirez. Para esta sexta-feira, com início às 18 horas, a agenda será aberta com encenação da peça O Casamento Suspeitoso, inspirada na literatura de cordel, e segue com mostra de vídeos e apresentação do Ubiratan Quinteto.

No sábado, último dia do festival, as atrações serão capoeira e samba de roda com o Barracão Angola e apresentações de Afro Raiz, Grupo Vaidade e do Mou Brasil Quarteto.

Segundo os organizadores, o festival tem, entre outros objetivos, dar visibilidade às atividades socioeconômicas, culturais e ambientais desenvolvidas na unidades de conservação do minicorredor ecológico Serra do Conduru-Boa Esperança.

unisa






WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia