março 2014
D S T Q Q S S
« fev   abr »
 1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
3031  




CONDENADO A 12 ANOS DE PRISÃO HOMEM QUE INSERIU 31 AGULHAS EM CRIANÇA

Roberto Carlos foi condenado a 12 e 6 meses de prisão em regime fechado (Reprodução TV Bahia).

Roberto Carlos foi condenado a 12 e 6 meses de prisão (Reprodução TV Bahia).

Foi condenado a 12 anos e seis meses de prisão o homem que inseriu 31 agulhas no corpo do enteado de apenas três anos de idade. O julgamento de Roberto Carlos Magalhães, de 35 anos, acabou no final da noite de ontem (13), em Ibotirama.

Roberto Carlos será transferido para cumprir a pena em Salvador, segundo informação d´A Tarde. A sentença foi lida pelo juiz Pedro Henrique Izidro por volta das 23h50min de ontem.

À época do crime, o condenado afirmou que inseriu as agulhas na criança para vingar-se da mãe da vítima. Hoje, a criança tem sete anos e ainda tem nove agulhas no corpo.

3 respostas para “CONDENADO A 12 ANOS DE PRISÃO HOMEM QUE INSERIU 31 AGULHAS EM CRIANÇA”

  • ANTONIO FILHO disse:

    PACTO PELA VIDA NA BAHIA
    Ações Sociais do Pacto

    • Ampliação do Programa de Aquisição de Alimentos para os municípios da Região Metropolitana de Salvador que integram as Áreas Integradas de Segurança Pública (AISP)

    • Construção da terceira unidade do Restaurante Popular de Salvador

    • Programa Jovens Baianos: capacitação de 200 jovens nas AISPs de Salvador, com previsão de início de turma em agosto de 2001

    • Parceria entre Secretaria de Desenvolvimento Social e Combate à Pobreza (SEDES) com Serviço Social da Indústria (SESI) e o Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial (SENAC) para capacitação de 400 jovens nos Centros Sociais Urbanos (CSU), das AISPs de Salvador

    • Revitalização do Centro de Treinamento de Artesanato em Cerâmica do Pelourinho – Salvador.

    • Mobilização para erradicação do sub-registro civil (crianças sem registrados de nascimento) e cadastro ativo de famílias em situação de pobreza no Cadastro Único de Programas Sociais – Cadúnico, do governo federal

    • Projeto para construção do Centro Social Urbano no Subúrbio de Salvador

    • Promoção e realização de atividades de esportes para atendimento a famílias nos bairros de Salvador/Ba, beneficiando cerca de 2.300 jovens, por meio do convênio, utilizando as instalações físicas dos Centros Sociais Urbanos

    • Inauguração da Comunidade de Atendimento Socioeducativo Zilda Arns, em Feira de Santana, com previsão de atendimento a 90 adolescentes

    • Implantação de uma nova unidade de semiliberdade, em Salvador

    • Inauguração da Comunidade de Atendimento Socioeducativo, em Camaçari

    • Capacitação de Equipes e Gestores das Unidades de Serviços Socioassistenciais, como os Centros de Referência de Assistência Social (CRAS) e os Centros de Referência Especializado de Assistência Social (CREAS), focando o álcool e outras drogas

    • Cofinanciamento a municípios de grande porte, em gestão plena, para serviços de alta complexidade, às pessoas moradoras de rua ou com vínculos rompidos, usuárias de substância psicoativas

  • ANTONIO FILHO disse:

    PDP
    O objetivo do Prêmio por Desempenho Policial – PDP é estimular, reconhecer e valorizar o desempenho dos servidores das unidades policiais no processo de redução dos CVLIs no território do Estado da Bahia e nas suas diversas Áreas Integradas de Segurança Pública – AISPs.
    O PDP será pago anualmente, sempre no mês de abril, caso seja atingida a meta estadual de redução dos CVLIs em relação ao ano imediatamente anterior, estabelecida anualmente pelo Comitê Executivo (instância liderada pelo Governador que reúne os Poderes, Instituições, Secretarias do Estado e dirigente policiais).
    No ano de 2013, a meta é a redução de 6% em relação a 2012.
    São enquadrados na faixa principal de premiação (PDP-1), os policiais que atuam nas AISPs que integrem um dos seguintes rankings:
    1. Três primeiras AISPs do Estado em termos de redução em números absolutos dos CVLIs;
    2. Três primeiras AISPs do Estado da Bahia em termos de redução percentual dos CVLIs;
    3. Três primeiras AISPs de SSA e RMS em termos de redução em números absolutos dos CVLIs;
    4. Três primeiras AISPs de SSA e RMS em termos de redução percentual dos CVLIs;
    5. Três primeiras AISPs do interior do Estado em termos de redução em números absolutos dos CVLIs;
    6. Trêsprimeiras AISPs do interior do Estado em termos de redução percentual dos CVLIs.
    Saiba mais:
    O PDP É regido pela Lei nº 12.371/2011, que institui o Sistema de Definição e Acompanhamento das Metas, define como indicador estratégico do Programa Pacto pela Vida o CVLI e estabelece regras para a sua concessão do Prêmio por Desempenho Policial.

  • leidikeit disse:

    Eu só não entendo porque um crime desse tem que consumir verbas em três dias de julgamento…

    Só no Brasil, sil, sil. . .

Deixe seu comentário