Paralisação afeta todas as universidades estaduais baianas.

Paralisação afeta todas as universidades estaduais baianas.

Os professores das universidades estaduais baianas aderiram ao Dia Nacional de Luta em Defesa das Instituições Estaduais e Municipais de Ensino Superior, nesta quarta (28). As aulas foram suspensas e haverá manifestações nesta manhã e à tarde na Assembleia Legislativa e na Secretaria Estadual de Educação, em Salvador.

Os docentes das universidades estaduais de Santa Cruz (Uesc), Sudoeste da Bahia (Uesb), de Feira (Uefs) e da Bahia (Uneb) cobram aumento de repasse de 5% para 7% das receitas líquidas do Estado. Também denunciam queda de R$ 12 milhões nos repasses de custeio das universidades.

Por meio de nota da Secretaria Estadual de Educação, o governo nega queda no repasse às universidades. Ainda em nota, a SEC sustenta que os repasses para as universidades dobraram nos últimos anos, saindo de R$ 460.726.000,00 em 2007 para uma previsão de R$ 1.021.537.000,00 em 2014.