WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia


alba










julho 2014
D S T Q Q S S
« jun   ago »
 12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
2728293031  

editorias






:: 1/jul/2014 . 18:17

CRIANÇA AGUARDA HÁ 11 DIAS POR TRANSFERÊNCIA PARA UTI EM SALVADOR

Um bebê de pouco mais de dois meses precisa ser transferida com urgência para uma Unidade de Terapia Intensiva (UTI) pediátrica. De acordo com os pais do pequeno Samuel, já são 11 dias de espera. Ele está no Hospital Manoel Novaes, em Itabuna. Como não há vaga, o bebê deveria ser transferido para Salvador.

A criança sofre com problema cardíaco e tem o quadro de saúde agravado pela demora no atendimento. Apesar da urgência, somente no domingo (29) a Secretaria de Saúde de Itabuna acionou a Central de Regulação do Estado.

Atualização às 9h50min – A vaga para o bebê foi confirmada pela central estadual nesta quarta (2). A transferência depende de liberação e informações do setor de assistência social do Novaes, conforme familiares.

UMA PAUSA PARA A FANTASIA

celina artigoCelina Santos | celinasantos2@gmail.com

Ao mesmo tempo em que vibra, aplaude, vaia, chora, grita, a nação deixa claro que é hora de devanear. Já que não foi acionado novamente o “botão” da realidade, segue a festa, o batuque, a contagem para o apito final do juiz.

Nas gigantescas “arenas” construídas em 12 capitais, é um espetáculo à parte o “brado retumbante do heroico povo brasileiro” ao entoar o Hino Nacional à capela; torna-se difícil não se emocionar, ainda que do outro lado do televisor, quando a torcida canta “eu sou brasileiro/ com muito orgulho/ com muito amor…”.

Definitivamente, a Copa do Mundo envolve na redoma da fantasia, onde a maioria das pessoas é simbolicamente transportada para um universo regido pelo mais puro ufanismo. É como se a carinhosamente chamada camisa “canarinho” fizesse cair por terra qualquer sentimento negativo em relação ao país.

O momento, vivenciado a cada quatro anos, lembra uma célebre frase atribuída ao filósofo Georg Hegel, para quem “nada existe de grandioso sem paixão”. A despeito de preferências pessoais, não há como negar: Um dos mais inquestionáveis componentes da identidade brasileira é a paixão pelo futebol.

Neste ano de 2014, em especial, a mobilização é incomparavelmente maior. Afinal, a “terra adorada” é a anfitriã da maior competição do esporte mundial. Cerca de 600 mil visitantes vieram para assistir aos jogos, muitos ávidos por conhecer as tão alardeadas maravilhas do país. Em enquetes, eles já destacam a culinária diversa, a cordialidade e alegria dos “donos da casa”. Além, é claro, de testemunhar o quão forte é a ligação entre a torcida e a Seleção Brasileira.

Como bem definiu o jornalista Tino Marcos, a Seleção é uma instituição cultural para o Brasil. Através dos dribles geniais dos jogadores, parecemos dizer: que venham os obstáculos, porque somos brilhantes o suficiente para derrubá-los. Ilusão? Alienação? Por ora, nada importa! As vitórias nas “quatro linhas” chegam como uma catarse, a expurgar toda espécie de frustração lá do mundo real.

Enquanto o lugar de torcedor se sobressai em relação aos demais papéis, o brasileiro cria uma espécie de carapaça, de modo a impedir que qualquer discussão sociopolítica (ou algo que o valha) invada o sagrado cantinho do sonho. Aliás, está aí a razão pela qual de nada adiantam as tentativas de atrelar política a futebol.

Ao mesmo tempo em que vibra, aplaude, vaia, chora, grita, a nação deixa claro que é hora de devanear. Já que não foi acionado novamente o “botão” da realidade, segue a festa, o batuque, a contagem para o apito final do juiz. Espera-se, porém, que a torcida possa desembarcar do “planeta fantasia” dando passes acertados na relação com o próximo (família, amigos, patrões, empregados, vizinhos, desconhecidos…) e, principalmente, levando a bola do voto para longe do gol contra.

Celina Santos é chefe de Redação do Diário Bahia, pós-graduada em Jornalismo e Mídia e membro da Academia de Letras de Itabuna (Alita).

AJUSTE DE AGENDA

O prefeito Claudevane Leite havia marcado para hoje uma entrevista coletiva para falar da troca do secretário de Saúde.

No final da manhã, Vane cancelou a coletiva, alegando ajuste de agenda.

Poucos da imprensa entenderam, mas meia hora depois veio a explicação: o prefeito não queria mais dores de cabeça. Preferiu ir para a sua tribuna quinzenal na TV Cabrália.

ALMIR ALEXANDRINO ASSUME PROVEDORIA DA SANTA CASA

Alexandrino assume provedoria da Santa Casa (Foto Divulgação).

Alexandrino assume provedoria da Santa Casa (Foto Divulgação).

Com a saída de Eric Ettinger, o médico nefrologista Almir Alexandrino assumirá a provedoria da Santa Casa de Misericórdia de Itabuna. Ettinger deixou o cargo para a assumir a Secretaria de Saúde de Itabuna (relembre aqui).

Alexandrino afirma que dará continuidade ao trabalho de Ettinger. “É uma grande honra assumir o comando da Santa Casa”, disse ele, enfatizando fazer parte da irmandade há quase quatro décadas. Ele ainda apelou pela união de esforços para que a gestão seja bem-sucedida.

O nefrologista ficará à frente da instituição filantrópica, pelo menos, até 2015. A Santa Casa administra três hospitais (Calixto Midlej Filho, Manoel Novaes e São Lucas) e possui, aproximadamente, 1,8 mil funcionários.

STF REJEITA PEDIDO DO PSDB PARA LIBERAR PROTESTOS EM ESTÁDIOS DA COPA

O Supremo Tribunal Federal (STF) rejeitou pedido de liminar feito pelo PSDB para permitir manifestações ideológicas de torcedores dentro dos estádios que abrigam partidas da Copa do Mundo.

Por 8 votos a 2, os ministros decidiram manter a validade do Artigo 28 da Lei Geral da Copa (Lei 12.663/2012), que proíbe a entrada de cartazes, bandeiras e símbolos com mensagens ofensivas. O partido alegou no STF que a regra impede a liberdade de pensamento, direito garantido pela Constituição Federal.

A maioria dos ministros seguiu voto do relator da medida cautelar, ministro Gilmar Mendes, que rejeitou o pedido por entender que a lei não limita a liberdade de expressão e foi elaborada para prevenir confrontos dentro do estádio. O voto do relator foi seguido pelos ministros Luís Roberto Barroso, Teori Zavacki, Rosa Weber, Luiz Fux, Dias Toffoli, Cármen Lúcia e Ricardo Lewandowski.

O presidente da Corte, Joaquim Barbosa, e o ministro Marco Aurélio votaram a favor dos argumentos apresentados pelo PSDB. Para Barbosa, a manifestação ideológica dos torcedores não pode ser impedida. “Não há razão para restringir a expressão do público nos jogos da Copa ao que a organização e o governo entendem como adequado”, disse o ministro. Informações da Agência Brasil.

PR CONFIRMA APOIO A CHAPA GOVERNISTA

Executiva estadual do PR confirma apoio à Rui Costa.

Executiva estadual do PR confirma apoio a Rui Costa.

O PR baiano deu fim às incertezas. Após a executiva nacional decidir pela coligação com a presidente Dilma Rousseff (PT), o diretório estadual confirmou apoio ao petista Rui Costa, que disputa o governo baiano, além do candidato ao Senado, Otto Alencar (PSD), por unanimidade.

O partido também teve mudanças no comando estadual. Saiu o deputado federal José Rocha e entra João Bacelar. Ambos participaram da decisão, ontem (30).

PLANO REAL COMPLETA 20 ANOS

dinheiro3Da Agência Brasil

Em meio a um misto de expectativa e de desconfiança, a economia brasileira experimentava uma revolução há exatamente 20 anos. Em 1º de julho de 1994, entrava em vigor o Real, moeda que pôs fim à hiperinflação que assolou a população brasileira nos 15 anos anteriores.

Apenas no primeiro semestre daquele ano, a inflação totalizou 757%, média de 43% ao mês de acordo com o Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA). Nos seis meses seguintes, o índice desabou para 18,6%, média de 2,9% ao mês.

Em vez de cortes de zeros na troca de moedas, o caminho para domar a inflação passou pela Unidade Real de Valor (URV). Cada real equivalia a uma URV, que, por sua vez, valia 2.750 cruzeiros reais, moeda em vigor até o dia anterior. Definida como uma quase-moeda, a URV funcionava como uma unidade de troca, que alinhava os preços seguidos de vários zeros em cruzeiros reais a uma média de índices de inflação da época.

Em vigor por quatro meses, de março a junho de 1994, a URV, na prática, promoveu a dolarização da economia sem, de fato, abrir mão da moeda nacional. Como cada URV valia um dólar, o real iniciou sua trajetória também cotado a um dólar. O mecanismo uniformizou todos os reajustes de preços, de câmbio e dos salários de maneira desvinculada da moeda vigente, o cruzeiro real, sem a necessidade de congelamentos e de tabelamentos, como nos planos econômicos anteriores. Leia mais

ASSEMBLEIA LEGISLATIVA APROVA AUTONOMIA DO CORPO DE BOMBEIROS

Corpo de Bombeiros 1

Corpo de Bombeiros será desvinculado da PM na Bahia.

Zé Neto é líder do governo na AL-BA.

Zé Neto é líder do governo na AL-BA.

A Proposta de Emenda Constitucional (PEC) que torna independente da Polícia Militar o Corpo de Bombeiros na Bahia foi aprovado nesta segunda (30) pela Assembleia Legislativa (AL-BA). Com a autonomia, a corporação passará a ser chamada Corpo de Bombeiros Militar da Bahia.

– Eles agora terão autonomia e liberdade para se adequar às suas necessidades, ter planejamento e diretrizes próprias, sem com isso perder condição militar – afirma o líder do Governo, Zé Neto (PT).

A proposta de autonomia do Corpo de Bombeiros foi discutida durante a greve da Polícia Militar, em abril. A PEC foi encaminhada pelo governador Jaques Wagner ao legislativo em maio (relembre aqui).

A Assembleia ainda deverá votar, nos próximos dias, a Lei de Organização Básica da Polícia Militar, segundo o deputado Zé Neto (PT). O projeto está recebendo emendas e modificações, sugeridas por militares, e deverá ser apreciado em regime de urgência.

PROFESSORES

Ainda na sessão de hoje, o legislativo baiano aprovou  duas propostas que beneficiam os professores. A primeira altera o Estatuto do Magistério e modifica itens na carreira. Os docentes de níveis fundamental e médio farão um curso de aperfeiçoamento que garantirá as promoções.

Outro ponto é que aqueles educadores que exercem cargos de confiança terão a opção de continuar a receber a Gratificação de Estímulo a Atividades de Classe ou receber a Gratificação por Condições Especiais de Trabalho (CET), que passará a ser a diferença entre o valor atribuído ao cargo comissionado e o da primeira bonificação. Redação com informações do Bahia Notícias.






WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia