WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia


alba










julho 2014
D S T Q Q S S
« jun   ago »
 12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
2728293031  

editorias






:: 12/jul/2014 . 19:44

DEPOIS DO CHOCOLATE…

Garoto chora em derrota do Brasil contra a Alemanha (Foto Getty Images/Fifa).

Garoto chora em derrota do Brasil contra a Alemanha (Foto Getty Images/Fifa).

O Brasil tomou sonoro (e vergonhoso) 3 a 0 diante da Holanda na disputa pelo terceiro lugar da Copa 2014. O time mostrou erros semelhantes aos do jogo contra a Alemanha (do inesquecível 7 a 1) e despediu-se da competição de forma vergonhosa, tomando dez gols em dois jogos. Fez um. Como resultado, torcedores – adultos ou mirins – lamentando, e chorando, por mais uma derrota na Copa das Copas.

CBF DEFINE NOVO TÉCNICO DO BRASIL

Bombando nas redes sociais após a sequência desastrosa de jogos na reta final da Copa…
IMG-20140712-WA0001

JOÃO BACELAR: PRIMOS HOMÔNIMOS DISPUTAM USO DE NOME NAS ELEIÇÕES

Primos homônimos disputam nome João Bacelar (Montagem Pimenta).

Primos homônimos disputam nome João Bacelar (Montagem Pimenta).

Evandro Éboli | O Globo

Primos de primeiro grau, os deputados federal João Carlos Bacelar (PR-BA) e estadual João Carlos Bacelar (PTN) estão em pé de guerra na Bahia. Nesta eleição, os dois decidiram disputar uma vaga à Câmara dos Deputados.

Os dois querem usar na campanha e nas urnas o nome completo, de João Carlos Bacelar, o que não é permitido. É um ou outro. Até então havia um acordo entre os primos. O Bacelar federal vinha utilizando apenas João Bacelar. E o Bacelar estadual, o nome completo.

— Esse pacto valia apenas com ele concorrendo a estadual e eu, a federal. Quem tem o direito de usar o nome completo sou eu, que sou federal. E João Carlos Bacelar era meu pai, que me pediu, no leito de morte, para honrar e usar seu nome como político — disse o Bacelar federal.

O Bacelar estadual replica:

— Quem tem a preferência sou eu, que já uso o nome completo há várias eleições, desde 92. Foi um pacto que fizemos e que ele quer rever agora — conta o Bacelar estadual, que já foi secretário de Educação e culpa os pais e os tios pela confusão: — A culpa é dos nossos pais, que me batizaram com o nome do meu tio. Ele é um primo querido, mas politicamente somos bem diferentes.

Leia mais aqui

FELIPÃO DIZ QUE FARÁ MUDANÇAS PARA DISPUTA DO 3º LUGAR

Felipão e o zagueiro Thiago Silva em coletiva (Foto Marcello Casal Jr/ABr).

Felipão e o zagueiro Thiago Silva em coletiva (Foto Marcello Casal Jr-ABr/Arquivo).

O treinador da seleção brasileira, Luiz Felipe Scolari, disse, em entrevista coletiva, que fará duas alterações em relação ao time que iniciou o jogo contra a Alemanha, na fase semifinal da Copa do Mundo. O objetivo, segundo o treinador, é dar oportunidade a atletas que jogaram pouco, mas ele também indicou que a estrutura tática da equipe deve mudar para enfrentar a Holanda, amanhã (12), em Brasília.

“Vou mexer em uma ou duas posições daquele time que iniciou contra a Alemanha, até porque tem jogadores que jogaram pouco ou nem jogaram. Uma substituição vou fazer porque entendo que um jogador em determinada posição será bom”, disse o técnico.

A volta do zagueiro e capitão Thiago Silva ao time, suspenso na última partida, é certa, mas o treinador não explicou se essa é uma das duas alterações previstas ou se haverá outras trocas na equipe que inicia o jogo.

Felipão também procurou mostrar que o time está motivado para a partida de amanhã e que a seleção brasileira deve valorizar o terceiro lugar no Mundial.

Segundo a Agência Brasil, ele citou o exemplo da própria seleção alemã, que enfrentou na disputa de terceiro lugar na Copa de 2006, quando treinava Portugal. “Perdi para Alemanha de 3 a 1 a disputa de terceiro lugar e vi o tanto que eles valorizaram aquele jogo”.

O zagueiro Thiago Silva, presente na coletiva, reforçou que o grupo quer honrar a camisa nessa última partida na Copa. “A motivação é a maior possível. Não é o primeiro lugar que estará na disputa, mas sim a honra a dignidade. Temos que honrar a camisa da seleção acima de tudo”.

O capitão do time não escondeu a frustração por ficar fora da final, mas ressaltou que os jogadores aprenderam com a eliminação. “É frustrante sim, porque passei muitas noites sem dormir pensando nessa Copa, nessa final e não vai acontecer. Mas temos que crescer com os erros e esse erro do jogo passado nos faz mais fortes”, disse Thiago.








WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia