WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia


alba










julho 2014
D S T Q Q S S
« jun   ago »
 12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
2728293031  

editorias






:: 26/jul/2014 . 21:41

DEM QUER PROIBIR VOX POPULI NA BAHIA

Aleluia: na Bahia, só Ibope.

Aleluia: na Bahia, só Ibope.

A cúpula do DEM informou hoje que tentará impedir qualquer pesquisa Vox Populi na Bahia. O porta-voz da mensagem foi o ex-deputado José Carlos Aleluia, e ocorre dias após a divulgação da pesquisa Ibope/TV Bahia que gerou ranger de dentes entre opositores e desconfiança entre analistas políticos.

A TV Aratu havia anunciado intenção de contratar pesquisa Vox Populi para aferir as intenções de voto na corrida ao Palácio de Ondina. Aleluia diz que a coligação do candidato a governador Paulo Souto (DEM) trabalhará para impedir qualquer pesquisa Vox Populi por considerá-la “suspeita”.

Uma nova tentativa de pesquisa do Vox Populi será alvo de ação judicial – anuncia o democrata.

A suspeição decorre de uma questão que buscava aferir a importância dos apoios de Lula, Jaques Wagner e Dilma Rousseff ao candidato do PT ao governo baiano, Rui Costa.

Baseando-se em análises, a coligação de Rui acredita que as intenções de voto no petista podem até triplicar, mesmo em início de campanha, se o eleitor associar o petista aos principais nomes do partido no cenário nacional. Daí o temor democrata de novas pesquisas – que não sejam a do Ibope.

VIA UNO É CONDENADA A PAGAR R$ 2 MILHÕES POR TERCEIRIZAÇÃO ILÍCITA

via unoAção civil pública movida pelo Ministério Público do Trabalho (MPT) na Bahia levou a Via Uno S.A. Calçados e Acessórios a ser condenada a pagar indenização por danos morais coletivos de R$2 milhões. A decisão foi do juiz Murilo Carvalho Sampaio Oliveira, da Vara do Trabalho de Conceição do Coité, que também determinou o cumprimento imediato de uma série de normas de saúde e segurança no trabalho e de acabar com a prática de contratar empregados por meio de empresas, como forma de tentar se eximir de obrigações trabalhistas.

Para a procuradora Annelise Leal, autora da ação, a Via Uno iniciou a terceirização ilícita em 2007, quando os setores de corte, costura e montagem de cada unidade passaram a pertencer a empresas de razões sociais diferentes, resultando num total de dez empresas que produzem com exclusividade para ela.

– É uma decisão muito importante pois reconhece a terceirização ilícita praticada pela empresa, além das violações às normas de saúde e segurança, que trazem prejuízos aos trabalhadores e a toda a sociedade, que acaba arcando com os custos de recuperação de pessoas adoecidas ou acidentadas por falta de atenção com as normas – afirmou a procuradora.

A ação reuniu informações apuradas durante inquérito que envolvia as operações das unidades localizadas nos municípios baianos de Conceição do Coité, Serrinha e Valente. De acordo com Annelise Leal, a Via Uno “buscou eximir-se de suas obrigações legais mediante a ‘fórmula mágica’ repelida pela lei: terceirização ilícita”.

Enquanto em 2004 a empresa possuía 2.400 trabalhadores em seu quadro funcional, em 2012, possuía apenas 25 empregados, devido à terceirização de suas atividades-fim. O fato de a empresa estar em processo de recuperação judicial não interfere no cumprimento da sentença.

Como o pedido feito pelo MPT na ação foi atendido pelo juiz na sentença, a empresa terá que eliminar a terceirização ilícita e deverá contratar todos os trabalhadores que prestam serviços de fabricação nas suas plantas produtivas de Serrinha e Conceição do Coité, no prazo de 90 dias.
:: LEIA MAIS »

VITÓRIA BATE O CRICIÚMA POR 3 A 1

O Rubro-Negro baiano voltou a vencer no Campeonato Brasileiro, após oito jogos. Há pouco, o Vitória bateu o Criciúma por 3 a 1, na casa do adversário. Caio fez dois e Ayrton completou. Serginho descontou para o Tigre.

Com o triunfo, o time deixou a zona de rebaixamento, temporariamente. Está em 16º lugar, com 11 pontos. E empurrou o Esquadrão de Aço para a “zona”. Mas o Bahia ainda enfrenta o Internacional, hoje, às 21h. O Vitória volta a jogar novamente no próximo sábado (2), quando enfrenta o Grêmio.

CÂMARA ENTREGA PROJETO DO CONCURSO

Vane recebe projeto do concurso da Câmara (foto blog Na Chapa Quente)

Vane recebe projeto do concurso da Câmara (foto blog Na Chapa Quente)

O presidente da Câmara de Vereadores de Itabuna, Aldenes Meira (PCdoB), entregou nesta sexta-feira (25), ao prefeito Claudevane Leite, o projeto de lei que cria os cargos a serem preenchidos por concurso público no legislativo municipal. A matéria tramitou durante três meses e foi aprovada em plenário por unanimidade.

A Câmara de Itabuna nunca promoveu concurso público e mais de 90% do quadro de servidores foi contratado por indicação política. A realização do processo seletivo, que estabeleça a contratação por mérito, vinha sendo cobrada pelo Ministério Público e Tribunal de Contas dos Municípios (TCM).

Ex-vereador por dois mandatos, o atual prefeito disse que o concurso foi também um objetivo dele quando atuou no legislativo. “Esse é um momento histórico”, definiu Claudevane. Agora, caberá ao gestor municipal sancionar o projeto que cria os novos cargos e reduz o espaço para contratações sem concurso. Se não houver contratempos, o certame poderá ocorrer ainda em 2014.

Além do presidente da Câmara, compareceram à entrega do projeto os vereadores Paulo Ferreira, o “Paulinho do PT”; Joilson Rosa (Pros) e Jairo Araújo (PCdoB), além da secretária parlamentar Margareth Brandão. As secretárias municipais Cleide Oliveira (Governo) e Mariana Alcântara (Administração) também estavam presentes.








WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia