Morte do adolescente Nadson Almeida será lembrada na manifestação (arquivo de família)

Morte do adolescente Nadson Almeida será lembrada na manifestação (arquivo de família)

Militantes da União da Juventude Socialista (UJS) se reúnem na manhã deste sábado (23), no Centro de Itabuna, em um protesto contra o que chamam de “extermínio da juventude negra”. O ato será realizado a partir das 9 horas, na Praça Adami.

Segundo o diretor da UJS, Thiago Fernandes, o ato lembrará o caso do adolescente Nadson Almeida, de 14 anos, morto durante uma perseguição policial, depois de ser supostamente confundido com um traficante. Para a entidade, uma das alternativas para combater o extermínio de jovens seria a desmilitarização da polícia.

Durante a manifestação, haverá recital de poesia e apresentação de rappers. Os candidatos a deputado estadual, Aldenes Meira, e a federal, Davidson Magalhães, do PCdoB, estarão presentes no protesto.