O conselho do grupo francês Vivendi anunciou nesta sexta-feira (19) a venda da filial brasileira para a companhia espanhola Telefónica. Segundo a agência EFE, o grupo espanhol controlará 92,5% da empresa resultante da integração da Telefónica Brasil com a GVT. A Vivendi controlará 7,5%.

A Telefónica vai pagar 4,66 bilhões de euros (cerca de R$ 14 bilhões) para a Vivendi. A empresa francesa receberá ainda 12% do capital da sociedade resultante da integração da Telefônica Brasil e da GVT.

A GVT está presente em mais de de 10,4 milhões de locais, em 21 estados brasileiros, além de 2,5 milhões de clientes de banda larga. Agências e Correios.