A guerra das pesquisas eleitorais à presidência da República teve apenas um instituto vencedor, o Datafolha. Foi quem mais se aproximou do resultado das urnas ontem.

O Datafolha cravou, na véspera do pleito, que a diferença para Dilma Rousseff seria de 4 pontos percentuais (52% a 48%).

O resultado ficou bem próximo, com diferença de 3,28 pontos percentuais  (51,64% a 48,36%).

Outros mais próximos foram os institutos MDA e Ibope. MDA dava pouco menos de um ponto de vantagem para Aécio Neves (a margem de erro era 2,2 pontos percentuais), enquanto Ibope dava 6 de vantagem para Dilma.

Vox Populi (com oito pontos de vantagem para Dilma) e Sensus (com 9,2 pontos de vantagem para Aécio) ficaram mais distantes do resultado.