Jovens são apontados como autores do latrocínio (Divulgação PC-BA).

Jovens são apontados como autores do latrocínio (Divulgação PC-BA).

A polícia está à procura dos assaltantes Ivo Pereira Barreto, o “Lequinho”, e João Paulo dos Santos de Jesus da Silva, o “Sardinha”, ambos de 19 anos, apontados como autores do latrocínio do espanhol Hugo Calavia Blanco, 36 , morto com um tiro no rosto, durante assalto, na noite de segunda-feira (13), em Itapuã, em Salvador. A dupla já teve o mandado de prisão solicitado à Justiça pela Delegacia de Proteção ao Turista (Deltur).

Hugo e o amigo também espanhol Alberto Aroz Calvo, 36, foram abordados por “Lequinho” e “Sardinha” quando deixava um restaurante na Rua Calazans Neto. O objetivo dos ladrões era roubar o automóvel Ford EcoSport, de cor preta, placa PUI-5355, de Belo Horizonte (MG), alugado, utilizado pelas vítimas. Os assaltantes atiraram nos espanhóis e fugiram levando o veículo.
Alberto foi socorrido ao Hospital Menandro de Farias, em Lauro de Freitas, depois de atingido no tórax, e depois transferido para o Hospital Português, onde permanece internado com quadro estável. Ele é engenheiro e trabalha, há sete meses, no Polo Petroquímico de Camaçari.
As investigações estão sendo conduzidas pela Deltur com apoio da 12ª Delegacia Territorial (DT/Itapuã) e Delegacia de Repressão a Furtos e Roubos de Veículos (DRFRV), no intuito de localizar e prender os dois assaltantes. O Ecosport foi localizado pela equipe da 12ª DT/Itapuã, na manhã desta quarta-feira (15), no bairro do Caji, em Lauro de Freitas.