WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia


alba










julho 2015
D S T Q Q S S
« jun   ago »
 1234
567891011
12131415161718
19202122232425
262728293031  

editorias





itao




DILMA, PT E A OPOSIÇÃO

marco wense1Marco Wense

Os principais defensores do impeachment podem ser réus a qualquer momento.

Se existisse outra oposição, diferente dessa protagonizada por tucanos (PSDB) e democratas (DEM), o governo da presidente Dilma Rousseff estaria mais fragilizado, sem força para reagir.

Quando o assunto é a desenfreada cobiça do poder, o PT e o PSDB são a mesma coisa, comportam-se do mesmo jeito. Rezam na cartilha de que o fim justifica os meios. O petismo com o mensalão e o petrolão. O tucanato com os escândalos da reeleição e das privatizações.

Ora, não é a vontade de partidos e de lideranças pregadoras do golpismo, ainda inconformadas com o fracasso nas urnas, que vão respaldar um pedido de impeachment, e sim provas sólidas obtidas pelas instituições.

Os principais defensores do afastamento da presidente Dilma podem ser réus a qualquer momento. O presidente da Câmara dos Deputados, o incendiário Eduardo Cunha, é alvo da Operação Lava Jato.

O presidente do Senado, Renan Calheiros, já é réu em processo na Justiça Federal de Brasília. O senador é acusado de ter recebido propina da construtora Mendes Junior para apresentar emendas parlamentares que beneficiavam a empreiteira.

Agripino Maia, dirigente-mor do diretório nacional do DEM, coordenador da campanha do candidato Aécio, é acusado de receber propina de R$ 1 milhão para aprovar uma lei que torna obrigatório a inspeção veicular no seu estado, o Rio Grande do Norte.

Como não bastasse, tem o depoimento do doleiro Alberto Youssef dizendo que Aécio Neves pegava mesada de US$ 120 mil. O ex-presidenciável comandava uma das diretorias de Furnas no então governo FHC.

Ainda vem o José Serra defendendo a implantação do parlamentarismo, querendo ser primeiro-ministro, como se o parlamento brasileiro, adepto do toma-lá-dá-cá, estivesse preparado para tal missão.

E, para finalizar, o sincero e corajoso depoimento de Alberto Goldman, vice-presidente do PSDB: “Os tucanos não são capazes de dizer o que fariam se tivessem vencido as eleições presidenciais. Nós não temos um projeto de país”.

Portanto, uma óbvia e inquestionável conclusão: a oposição, desprovida de credibilidade e coerência, não tem moral para acusar ninguém. É o sujo falando do mal lavado, como diria a ex-presidenciável Luciana Genro.

PS – Se a presidente Dilma Rousseff, na condição de ex-presidente da República do Brasil, resolvesse escrever um livro sobre a banda podre do PT, o título seria “Nunca vi nada igual”.

Marco Wense é articulista do Diário Bahia.

10 respostas para “DILMA, PT E A OPOSIÇÃO”

  • Osvaldo de Melo Palmeira Júnior says:

    Os petistas, os judeus e o… nazismo. O que eles tem em comum? Assista e divulgue.

    https://www.youtube.com/watch?v=GfKITOrRkQM

  • antonio amparo Badaró says:

    Vai ter muito articulador falando mal de Dilma e do PT depois que ela for afastada.

  • Giovana says:

    Prefiro o PSDB. Controlou a inflação, deu uma nova cara a comunicação Brasileira, Temos quantos celulares e linhas telefonicas quisermos hoje por causa da forma democratica de nao segurarem empresas que não rendiam. Promovia a paz. Defendeu os pobres, nunca fez arrocho… O pobre tinha emprego. e hoje?

  • Giovana says:

    compolemento: no fundo no fundo foi melhor o PT ter continuado no poder. Só assim o povo conhece quem são eles e a Presidente prova sua propria mordida. Pena que administração é essa que estamos vendo e sentindo…

  • O anunciado faz se sentido,porem só faltara inseri a corte maior do Brasil,o Supremo Tribunal Federal,pelo qual poderemos iguala na altura de rodapé também o Supremo tribunal Eleitoral e o Executivo.

    Entretanto,de acordo o anunciado,cujas mazelas citadas dos legislativos,pelos quais a promiscuidade é uma pandemia e STF? É de conhecimento que o Srs. ministros desta corte estão a nível de caráter abaixo ou igual dos citados dentro do congresso Nacional e a presidente do Brasil?

    Os ministros sem credibilidade ou seja o sujo falando do mal lavado,segundo o anunciado,o que significa um julgamento destes ministros a respeito dos roubos da Petrobras?

    Já se posicionaram a respeito do mensalão,o Sr.Dias Toffoli e Ricardo
    Lewandowski,no entendimento destes,o mensalão foi uma invenção da imprensa,até aqui o posicionamento do Sr.Teori Zavaski é uma interrogação?

    Portanto,o anunciado poderia inseri o Supremo Tribunal Federal e igualar o mesmo tamanho,ou seja,não tem moral nenhuma pra julgar quaisquer representações contra a presidente Dilma ou o Sr.Lula da Silva.

    Mas o país não pode deixar ao léu, cada cidadão e cidadã,cada idoso e idosa,cada criança,em fim,a juventude deste pais que clama por o Impeachment da Dilma,a mesma não possuem extremamente nenhuma moral pra ocupar o maior cargo do Brasil,
    bem como ser uma policial militar da Bahia,esta criatura é uma extrema vergonha e uma desonrada.

    Portanto,cujas ofensas ao congresso nacional e só poupou a presidente Dilma,sendo a mesma a maior corrupta deste país e se no mundo tivesse um centro de prostituição e bandidos e ladrões,o centro estaria instalado no palácio do Planalto em Brasilia.

    Enfim, o anunciado quer igualar o povo brasileiro por baixo,da altura de um rodapé,imorais, bandidos e ladrões,portanto,nivelando por baixo,o povo brasileiro que representa as oposições deste país.

    É o que o anunciado deseja,continuar a prostituição e a roubalheira do Brasil e nenhum ser humano tem moral de acusar Dilma e o PT de bandidos e quadrilheiro e assaltantes dos cofres público do país.

  • NILO CESAR JUNIOR says:

    Muito pertinente esse comentário.

  • Carlos Costa says:

    Parabéns Marco Wense pelo belíssimo e esclarecedor artigo. Infelizmente a atual oposição brasileira além da vocação golpista é fraca e carece de credibilidade.

  • Pirógrafo says:

    Óia, nem tudo que é sólido desmancha no ar, essa logística na qual o poder está assentado no Brasil parece anti dialética: Troca-se as peças mas não derruba-se o tabuleiro
    Niilismo? não, mas é preciso indagar de um Marx do futuro o significado dessa afirmação, de novo e de novo. O momento presente é de se estarrecer, desencantar e sair catando as migalhas de utopia sem as quais não conseguimos viver pois é disso que nos alimentamos.

  • Carlos says:

    Giovana,

    Acho que você sofre de amnésia.

  • Augusto says:

    Desses partidos que estão aí, o menos pior ainda é o PT. PSDB, nunca mais.

Deixe seu comentário






WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia