Homenagem do Bahia ao atleta da base (Reprodução).

Homenagem do Bahia ao atleta da base (Reprodução).

O corpo do atacante Paulo Henrique, de 19 anos, será enterrado na manhã deste domingo (27), em Coaraci, no sul da Bahia. A previsão é de que o corpo chegue ao município hoje, onde também será velado.

O ex-jogador de futebol do Bahia morreu na noite de quinta (24), em Belo Horizonte, vítima de leucemia. A doença foi detectada no início de 2014, após Paulo Henrique ter passado mal em um treinamento do clube de Salvador. O atleta estava internado em Belo Horizonte.

O atleta foi uma das maiores revelações do clube nesta década e amealhou prêmio de melhor jogador em competições nacionais.

Paulo Henrique será homenageado pelo Esquadrão de Aço, hoje, durante a partida contra Luverdense, na casa do adversário, em jogo válido pela Série B do Brasileiro de Futebol.

“PH lutou bravamente contra a leucemia”, diz nota da diretoria do Bahia, publicada no site do clube. Dentre os títulos conquistados por Paulo Henrique, estão campeonatos estaduais pelo Bahia nas categorias sub-16, sub-18 e sub-20, além da etapa brasileira da Copa Nike. Também conquistou títulos internacionais, pelo Brasil Sub15, a exemplo da MiniCopa América na Venezuela, em 2011.

Confira a íntegra da nota do Bahia no “leia mais”, abaixo.


Um Guerreiro Tricolor.

A diretoria do Esporte Clube Bahia manifesta solidariedade à família de Paulo Henrique Freitas Oliveira, atleta da divisão de base tricolor, que faleceu na noite desta quinta-feira (24), em Belo Horizonte.

O promissor atacante de 19 anos, nascido em maio de 1996, lutou bravamente contra a leucemia desde o primeiro semestre de 2014, mas infelizmente acabou não resistindo ao tratamento.

O corpo de Paulo Henrique chegará a Coaraci, no interior baiano, neste sábado (26), e será sepultado diante dos familiares no domingo (27), pela manhã, no cemitério municipal da cidade.

O Esquadrão prestará homenagem a PH no jogo contra o Luverdense, neste sábado, no Mato Grosso, pela Série B do Campeonato Brasileiro. Além disso, solicitou um minuto de silêncio para todas as partidas das categorias de base e profissional, envolvendo o clube, neste final de semana.

Paulo Henrique foi campeão estadual pelo Bahia nas categorias sub-16, sub-18 e sub-20 e também conquistou os títulos da etapa brasileira da Copa Nike, da Copa Metropolitana sub-17, da Copa Catalão, da Copa Cerquilho e da Copa Irecê (duas vezes), quando foi artilheiro e eleito o melhor jogador.

Convocado pela seleção brasileira sub-15, ganhou a Mini Copa America na Venezuela, em 2011.

Um Guerreiro Tricolor.