WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia


alba










outubro 2015
D S T Q Q S S
« set   nov »
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728293031

editorias





itao




ESCOLA DE JUSSARI CONCORRE A PRÊMIO ESTADUAL DE BOAS PRÁTICAS

Fachada do Colégio Amélia Amado, em Jussari.

Fachada do Colégio Amélia Amado, em Jussari. Escola concorre a prêmio estadual.

A comunidade escolar do Colégio Estadual Amélia Amado pode se orgulhar das conquistas depois da implantação do Programa de Organização e Limpeza Amélia Amado (Polaa). Com a iniciativa, o colégio concorre ao Prêmio Dia Você Servidor, do Governo da Bahia, na categoria Boas Práticas.

Alunos, professores, funcionários e familiares desenvolvem ações de conscientização que promovem a manutenção, limpeza, saúde e autodisciplina na unidade. A premiação acontece na quarta-feira (28/10), às 17h, no Teatro Castro Alves, em Salvador.

– O Polaa surgiu da necessidade em estabelecer um padrão de qualidade na unidade escolar. Então, pensamos num programa pedagógico que contemplasse a conscientização dos diversos segmentos da comunidade escolar para noções de conservação e manutenção do ambiente escolar, impactando na mudança de hábito dos envolvidos dentro da escola e fora dela, além de beneficiar o meio ambiente e a diminuição de custos da própria unidade – destaca o diretor David Assis.

Alunas do Amélia Amado falam dos efeitos do Polaa.

Alunas do Amélia Amado falam dos efeitos do Polaa.

Para o programa, em cada segmento foram selecionados coordenadores que promovem o diálogo entre seus pares. “O projeto busca este fator descentralizador para que todos se sintam responsáveis pelas ações, agindo como gestores do programa e motivando a democratização nas decisões”, conta o diretor.

A estudante do 2º ano e líder de classe, Ivone dos Santos, 18 anos, relata que o programa contribuiu para que a escola criasse um ambiente mais agradável, tornando o estudante um cidadão mais consciente. Segundo ela, as ações influenciaram no seu cotidiano e contribuíram para que seus hábitos em casa também fossem alterados. “Hoje, realizo a seleção do lixo para reciclagem, economizo água, não desperdiço alimento”.

Já Livia Gonzaga, 15 anos, estudante do 1º ano, ressalta sua participação em sala de aula. “Sempre estamos conversando com os colegas. É um papel de bala no chão ou um risco na parede. Mas percebo que a postura está mudando e a nossa escola realmente é um exemplo”.

Presidente do Colegiado, a mãe de Lívia, dona Amélia Maciel, afirma que, em todo o processo, a participação dos familiares é fundamental. “Esse programa tem uma característica de ser algo permanente e uma aprendizagem que os estudantes vão levar para a vida inteira. Por isso, os pais têm que estar próximos para contribuir e, porque não, também aprender.”

PREMIAÇÃO

O prêmio Boas Práticas é voltado para servidores estaduais que desenvolveram projetos, atividades ou tarefas que melhoram a prestação de serviços do Estado por meio de ações inovadoras, com resultados reconhecidos e comprovados, visando à redução de custos e melhoria na qualidade dos serviços prestados à sociedade.

1 resposta para “ESCOLA DE JUSSARI CONCORRE A PRÊMIO ESTADUAL DE BOAS PRÁTICAS”

Deixe seu comentário






WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia