WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia


alba

unesul bahia

uniftc






fevereiro 2016
D S T Q Q S S
« jan   mar »
 123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
2829  

editorias

itao




NEGLIGENTE COM O DEVER DE CASA, ESTADO OFERECE PALIATIVO CONTRA CRISE DE ABASTECIMENTO EM ITABUNA

Prefeito foi recebido ontem em audiência na Secretaria de Infraestrutura Hídrica e Saneamento (foto Ascom/SIHS)

Prefeito foi recebido ontem em audiência na Secretaria de Infraestrutura Hídrica e Saneamento (foto Ascom/SIHS)

Nem um dilúvio será capaz de resolver o problema da falta de água em Itabuna no longo prazo. O que a cidade precisa, e todos sabem disso, é de uma melhor infraestrutura para regularizar o abastecimento, evitando tanto sofrimento da população em períodos de pouca chuva.

Itabuna, uma cidade com mais de 220 mil habitantes, continua sem um reservatório de água. A barragem no Rio Colônia, cujas obras pararam há três anos, continua a ser uma promessa. Em novembro do ano passado, o governador Rui Costa assinou ordem de serviço para retomar a construção, e o prefeito Claudevane Leite declarou que os trabalhos seriam reiniciados no prazo de 60 dias. O tempo passa e mais uma falácia se confirma.

Enquanto isso, a população sofre. A pouca água que a Emasa fornece vem batizada com sal e não serve para o consumo humano. A própria empresa reconhece e adverte que sua água é prejudicial à saúde.

E o Estado, como não cuida da infraestrutura, sinaliza com remendos. Nesta quinta-feira (25), Claudevane Leite foi recebido pelo secretário de Infraestrutura Hídrica e Saneamento da Bahia, Cássio Peixoto. Ouviu dele a promessa de que o governo utilizará carros-pipa para levar água da Embasa para Itabuna. Também serão fornecidos 100 tanques e o governo ainda se comprometeu a ajudar a Prefeitura na retirada de baronesas do Rio Cachoeira.

A necessária infraestrutura, por enquanto, continua na relação de débitos do Governo do Estado com Itabuna. Da parte de quem deveria ser mais incisivo da cobrança do essencial, nota-se certo conformismo com as migalhas oferecidas.

3 respostas para “NEGLIGENTE COM O DEVER DE CASA, ESTADO OFERECE PALIATIVO CONTRA CRISE DE ABASTECIMENTO EM ITABUNA”

  • Paulo Santana says:

    Excelente reportagem, Parabéns ao Pimenta!!

    VANE, você não apoiou Rui Costa?? Por que não cobra a barragem?????

    KD a barragem Davidson Magalhães????? Você não defende tanto o governo????

    KD a barragem Geraldo Simões??????

    Prefeito mais fraco e omisso que Itabuna já teve na história se chama VANE. Ainda se contenta com “migalhas”. Queremos é a barragem seu peso morto!

  • Nelson Santos de Jesus says:

    Por quarenta anos o grupo de A.C.M prometerarm,a barragem a duplicação da famigerada 415 ,Ponte do pontal ….
    Traduzindo os bestas somos nos !

  • Tô de olho says:

    O blog Pimenta faz uma declaração verdadeira o governo do PT nestes últimos 9 anos não fez nenhuma coisa importante para Itabuna. precisamos cobrar e jogar duro com estes políticos que querem salvar a CEPLAC para poderm continuar indicando seus aliados enquanto obras importantes são esquecidas na gaveta do governador .
    Precisamos de água, de uma nova via para Ilheus , de conclusão do Centro de Convenções. de mais segurança . Acorda povo itabunense , sem pressão esta turma não trabalhará pela cidade

Deixe seu comentário



WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia