WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia


alba










junho 2016
D S T Q Q S S
« maio   jul »
 1234
567891011
12131415161718
19202122232425
2627282930  

editorias





itao




GOVERNO ESTÁ IMPEDIDO DE NOVAS CONTRATAÇÕES PARA A SEGURANÇA, DIZ RUI

Rui alega que Estado ultrapassou limite prudencial (Foto Pimenta).

Rui alega que Estado ultrapassou limite prudencial (Foto Pimenta).

O governador Rui Costa disse hoje (1º) que o Estado se encontra impedido de fazer novas contratações para a área da segurança pública. Segundo ele, isto se deve ao fato de o governo ter ultrapassado o limite prudencial de 46,17% e atingido 48% de comprometimento da receita com o pagamento da folha de pessoal.

Rui observou que 2 mil policiais militares foram incorporados este ano e 639 novos policiais civis, convocados no dia 14 de maio, já estão em processo de admissão, a depender apenas da perícia da Junta Médica Oficial do Estado. A convocação dos que ficaram na lista de espera, de acordo com o governador, dependerá da evolução das finanças do Estado.

Os convocados da civil têm reclamado do ritmo lento das perícias médicas, já que a Secretaria da Administração limitou em no máximo 25 o número de atendimentos diários e a expectativa é de que a “via crucis” dure até o início de agosto. Até mesmo os médicos da junta têm manifestado estranheza com a lentidão, mas alegam que apenas cumprem determinação da Saeb.

Há suspeita, entre os convocados, de que a perícia em ritmo de tartaruga seja um artifício para retardar as nomeações. Os futuros policiais, que fizeram o concurso há mais de três anos, dizem que a demora tem implicado em gastos pesados com sucessivos deslocamentos a Salvador, onde acontecem todos os procedimentos para a admissão.

11 respostas para “GOVERNO ESTÁ IMPEDIDO DE NOVAS CONTRATAÇÕES PARA A SEGURANÇA, DIZ RUI”

  • Petista Democrático KK says:

    Pelas atitudes desse “senhor”, fica claro pq o Jaques Wagner impôs o seu nome para o Governo do Estado.

    É da “trupe” dura na enrolação do “petê”.

    Enquanto isso, eles devem estar colocando suas frustrações pra fora, saboreando um belo vinho do porto e fumando um charuto cubano.

    PT NUNCA MAIS!

  • DPC says:

    Exmo. Senhor Rui Costa
    Governador da Bahia

    É na condição de convocado para o cargo de Delegado de Polícia Civil da Bahia que me dirijo a Vossa Excelência, com todo o respeito que lhe é devido.
    Há mais de três anos fomos aprovados no concurso desta honrosa corporação, que tão imprescindíveis serviços presta ao povo baiano, na esperança de também poder servir à sociedade desse maravilhoso Estado. Entendemos que a Polícia Civil da Bahia passa por um momento de transformação e o ingresso dos mais de 800 aprovados no certame de 2013 tem muito a contribuir com esse processo.

    No entanto, lamentamos constatar que a Polícia Civil e este concurso em particular não têm recebido do seu governo a atenção que merecem. Essa percepção se fundamenta nos sucessivos entraves que são colocados em nosso caminho até a nomeação e aqui abro um parênteses para observar que, tanto o senhor como o secretário da Segurança Pública já afirmaram, em meados de maio, que 639 aprovados no concurso estariam “nomeados”, quando fomos simplesmente “convocados” para apresentar documentos e nos submeter a uma perícia médica.

    Parece uma pequena diferença terminológica, mas a disparidade é enorme. A começar pelo fato de ser a partir da nomeação que se abre o prazo de 30 dias para a posse, efeito que não deriva da convocação publicada no Diário Oficial do Estado de 14/05/2016. Vale ressaltar que fomos convocados para apresentar documentos e informações que, em grande parte, já havíamos entregue à Polícia Civil em outras oportunidades de nossa Odisseia.

    Pois bem, Excelência, a contrastar com as efusivas e entusiasmadas manifestações oficiais sobre uma esperada, mas ainda inexistente nomeação, perdoe-me externar o sentimento de que há uma má vontade explícita do Estado para conosco. Ela se reflete, por exemplo, no agendamento “a conta-gotas” das perícias na Junta Médica, o que causa estranheza até mesmo aos próprios médicos do referido órgão. Um trabalho que poderia ser feito em no máximo dez dias, com folga, tem previsão de estender-se por meses agonizantes e sofridos. Por que?

    Governador, Vossa Excelência há de compreender que é impossível deixar de ter a sensação de que estamos sendo, como se diz, “empurrados com a barriga” para que a nomeação de verdade seja postergada a não mais poder. Enquanto isso, Vossa Excelência nos ilude, assim como à sociedade baiana que clama por melhorias na segurança pública, anunciando que 639 novos membros já foram incorporados à Polícia Civil.

    É forçoso afirmar que há, no mínimo, uma impropriedade nessas declarações oficiais. A verdade é que, após três anos e gastos exorbitantes, que incluíram um período de mais de quatro meses morando em Salvador e incontáveis viagens para as diversas etapas dessa verdadeira via crucis, ainda nos vemos no escuro, recebendo informações desencontradas e, por incrível que pareça, sem nenhuma perspectiva segura da nomeação.

    Excelência, perdoe o ceticismo desta carta, mas estou apenas manifestando o que eu e, certamente, centenas de colegas sentimos nesse momento. Deveríamos estar comemorando, mas estamos apreensivos, por tudo o que já sofremos nesse concurso. O que esperamos de Vossa Excelência é tão somente uma manifestação franca e providências efetivas para que sejam aceleradas as perícias na Junta Médica, a fim de que nossa nomeação – de verdade – ocorra o mais breve possível. Ficaremos imensamente felizes quando as declarações do governo estiverem em plena conformidade com o Diário Oficial.

    Cordialmente,
    Um convocado que sonha em se tornar nomeado e, consequentemente, empossado.

  • Escrivão não convocado says:

    Somos 46 escrivães aprovados DENTRO DAS VAGAS previstas no edital que foram preteridos da convocação do dia 14/05

    Pedimos o apoio da população para cobrar do Governador para sanar esse equívoco e não violar o edital, já que eram previstas 100 vagas e apenas 54 escrivães foram convocados.

    Muita irresponsabilidade desse Governo em deixar de fora 63 Delegados e 46 Escrivães que aguardam convocação. Todos devidamente treinados e prontos para servir o estado da Bahia.

  • Luiz Oliveira says:

    Caro Pimenta,

    Um grupo de *46 APROVADOS PARA O CARGO DE ESCRIVÃO DE POLÍCIA CIVIL* todos aprovados DENTRO das vagas, NÃO foi contemplado com a convocação do dia 14/05/2016 referente ao Concurso Público da Polícia Civil da Bahia/2013. O único CARGO que não foi preenchido com todas as vagas de acordo com o Edital do Concurso (100 vagas). Continuaremos a luta pela Nomeação de todos.

    #SomosMais46Escrivães

  • EPC says:

    Referente a esse concurso da Polícia Civil da Bahia de 2013, ou seja, 03 anos atrás…Ainda restam 109 aprovados entre Delegados e Escrivães, e estão aguardando essa convocação!!!! Simplesmente esses APROVADOS foram esquecidos pelo Governo!!! São 46 Escrivães de Polícia e 63 Delegados!!!! #nomeação63dpcs #nomeação46ecps

  • B_Santos says:

    Estamos cansados de discursos vazios!Divulgar nas redes sociais que convocou o número de vagas previsto no edital, foi o cúmulo, pois 46 escrivães (Dentro das vagas) não foram convocados, e não têm sequer previsão de quando serão!Sabemos que não te interessa que após sermos aprovados por mérito próprio, abandonamos nossos empregos para o curso de formação e investimos muito financeiramente e emocionalmente acreditando nesse concurso!Por isso, pedimos ao menos RESPEITO com nossas vidas!
    #chega de falsas promessas
    #convoca Rui Costa

  • Carla Lorena says:

    Ainda restam 109 aprovados entre Delegados e Escrivães, e estão aguardando essa convocação!!!! Cobre das autoridades a nomeação desses guerreiros que foram esquecidos pelo Governo!!! #nomeação63dpcs #nomeação46ecps

  • Diana says:

    É realmente uma falta de respeito com os aprovados no concurso e demonstra um grande descaso com a segurança pública. Mas o governador em uma mensagem divulgada no Twitter disse que estado seguro NÃO é aquele que tem mais policiais, então tá explicado.

  • João Silva says:

    Senhor governador, isso é uma grande mentira, pois o parecer do TCE foi indicando que o senhor poderia chamar a todos, uma vez que a própria lei de Responsabilidade Fiscal permite contratação no caso da segurança publica. Dessa forma os 46 ESCRIVÃES DE POLICIA que vossa excelência deixou de fora foi uma grande injustiça, uma vez que eles estão dentro do numero de vagas do edital e o senhor resolveu chamar excedentes de outros cargos. Fica comprovado que o Senhor como administrador do nosso Estado não sabe ou não quer usar o principio da proporcionalidade e razoabilidade. O interesse coletivo deve estar acima da vontade individual do governante e como todos sabem o interesse coletivo é o de ter uma segurança maior, bem como a resolução de todos os crimes que ocorrem em nossa Bahia, mas para isso é necessário chamar estes 46 guerreiros que ficaram de fora. É FUNDAMENTAL LEMBRAR QUE O MAIOR TRABALHO EM UMA DELEGACIA FICA A CARGO DO ESCRIVÃO. Ademais, é desde ano de 2013 que estamos nessa peregrinação, gastamos dinheiro e o mais importante ficamos longe de nossa família para fazer curso de formação e deixamos nossos antigos empregos na esperança que o Senhor como gestor deste Estado convoca-se para a nomeação apos o final do curso de formação. Mas infelizmente como já era de se esperar o governo da Bahia não se preocupa nenhum pouco com os baianos. Se a Bahia estar nadando na criminalidade é porque falta recurso Humano para investigar, mas como mencionei Rui Costa pouco se importa se tem muitos crimes ocorrendo na Bahia, pois ele tem segurança particular e mora em area nobre da cidade de Salvador e quando viaja é apenas de avião, então se dane o povo baiano e os 46 ESCRIVÃES CONCURSADOS QUE PASSARAM DENTRO DO NUMERO DE VAGAS DO EDITAL.

  • escrivä aprovada nas vagas e nao convocada says:

    Depois muito estudo fui aprovada nas vagas de escrivä.Estar entre as 100 vagas foi a realizacao de um sonho.Mas, depois do curso de formacao, ficamos na expectativa e quando saiu a convocacao, apenas 55 candidatos a escrivao foram convocados.46 ficaram com seu direito liquido e certo suspenso.Mas os cargos de delgado e investigador o governador chamou ate os excedentes.Faltam escrivaes de carreira nas delegacias, por isso ninguem se aposenta, quase nao existem mais escrivaes na policia civil da Bahia.Estou desempregada há qse um ano, desde a convocacao para o curso de formacao em Julho de 2015.Esta aberraçao jurídica precisa ser corrigirda, 46 escrivaes aprovados nas vagas ficaram de fora da nomeacao!

  • Davi Dantas Gusmão says:

    Bom dia,

    É vergonhoso para nosso estado, ver o engano e a desobediência ao STJ, a decisão transitada em julgado para nomeação dos Agentes de tributos do estaestado da Bahia (Sefaz/Ba ).
    Até quando seremos enganados e o estado sendo penalizado com multa diária de R $ 15. 000, 00 ao dia por incompetência dessa administração. Pessoal que vai trabalhar exatamente na arrecadação para os cofres do Estado.

    Esperamos que Dr Rui Costa assine o decreto de nomeação do agente de tributos.

    Att,
    Davi Gusmão
    ATE/BA

Deixe seu comentário








WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia