WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia




alba



bahiagas





outubro 2016
D S T Q Q S S
« set   nov »
 1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
3031  

editorias






:: 30/out/2016 . 22:00

RADIALISTA PÕE FIM A 20 ANOS DO PT NO COMANDO DE CONQUISTA

Herzem venceu a eleição com mais de 25 mil votos de frente (Foto Divulgação).

Herzem venceu a eleição com mais de 25 mil votos de frente (Foto Divulgação).

Por volta das 20h deste domingo (30), o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) decretou o resultado da eleição a prefeito de Vitória da Conquista, no sudoeste da Bahia. O terceiro maior colégio eleitoral do Estado será governado pelo deputado estadual e radialista Herzem Gusmão (PMDB), de 68 anos.

O peemedebista venceu o também deputado estadual Zé Raimundo (PT), por 95.710 a 70.513 votos. Percentualmente, obteve 57,58% dos votos válidos ante 42,42% do adversário.

Herzem chega ao poder na terceira tentativa. Havia disputado em 2008 e 2012, perdendo para o invicto Guilherme Menezes, que iniciou o ciclo de 20 anos do PT no poder em Vitória da Conquista, em 1996.

O prefeito eleito prometeu gestão sem perseguições e de diálogo, “ouvindo todos”. Segundo colocado na disputa, Zé Raimundo, que já governou Conquista, disse que não tinha o sentimento de derrotado e reafirmou que irá trabalhar por grandes obras para o município.

CONFIRA RESULTADOS DO SEGUNDO TURNO

eleicoes 2016O PSDB foi o partido que venceu em maior número de municípios onde a disputa à prefeitura acabou sendo decidida no segundo turno. São 15 municípios, superando o PMDB, com 9.

Das grandes legendas do país, o maior derrotado foi o PT. O partido do ex-presidente Lula não conseguiu conquistar uma prefeitura sequer neste turno, resultado do desgaste com a Operação Lava Jato.

Uma das derrotas mais simbólicas ocorreu em Vitória da Conquista, onde o partido não perdia há 20 anos. Zé Raimundo perdeu para o peemedebista Herzem Gusmão.

Confira os vencedores em cada município, abaixo:

:: LEIA MAIS »

HERZEM LIDERA APURAÇÃO E DEVE QUEBRAR HEGEMONIA DO PT EM CONQUISTA

Herzem lidera apuração em disputa contra Zé Raimundo em Conquista.

Herzem lidera apuração em disputa contra Zé Raimundo em Conquista.

O deputado estadual e radialista Herzem Gusmão (PMDB) deverá vencer a disputa contra Zé Raimundo (PT) na corrida à Prefeitura de Vitória da Conquista, no sudoeste baiano. Com 61,1% das urnas apuradas, Herzem aparece com  57,63% dos votos. Zé Raimundo tem 42,37%.

A estimativa é de que Herzem encerre a disputa tendo entre 95 mil e 100 mil votos.

A vitória do peemedebista interromperá sequência de 20 anos do PT no comando do município que é o terceiro maior colégio eleitoral da Bahia e uma das economias mais dinâmicas do Nordeste brasileiro, Vitória da Conquista.

GEDDEL NA LISTA DA ODEBRECHT

Geddel faz parte da lista da Odebrecht em delação (Foto Valter Campanário / ABr).

Geddel faz parte da lista da Odebrecht em delação (Foto Valter Campanário / ABr).

O peemedebista baiano Geddel Vieira Lima é um dos nomes do Governo Temer no Listão de Propina que consta das delações premiadas de Marcelo e Emílio Odebrecht, donos da Odebrecht, segundo notícia a Revista Veja deste final de semana. Além dele, figuras de expressão do partido são delatadas, a exemplo do presidente da República, Michel Temer.

Das delações não escapam nomes petistas. Dilma Rousseff e Lula são alguns dos nomes. Tucanos também aparecem por lá, a exemplo do governador de São Paulo, Geraldo Alckmin, o ministro José Serra e o senador Aécio Neves.

MULHERES SÃO APENAS 5,3% DOS CANDIDATOS NO SEGUNDO TURNO

Mulheres têm participação ainda mais reduzida na disputa deste turno (Foto Agência Brasil).

Mulheres têm participação ainda mais reduzida na disputa deste turno (Foto Agência Brasil).

Dos 114 políticos que disputam hoje (30) o segundo turno para o cargo de prefeito, apenas seis são mulheres, o que representa 5,3% do total. Nos 57 municípios de 20 estados onde haverá o segundo turno, as mulheres encabeçam a chapa para o Executivo municipal em cidades de Mato Grosso do Sul, Minas Gerais, Pernambuco, do Rio Grande do Sul, de Santa Catarina e São Paulo.

Das 18 capitais em que haverá a disputa do segundo turno, as mulheres lideram a chapa em duas: em Florianópolis, com Ângela Amin (PP), e em Campo Grande, com Rose Modesto (PSDB). Elas enfrentam Gean Loureiro (PMDB) e Marquinhos Trad (PSD), respectivamente.

Das 13 cidades com mais de 200 mil eleitores em que a eleição não foi decidida no dia 2 de outubro e haverá a disputa no segundo turno, apenas em Guarujá uma mulher concorre como candidata a prefeitura. Primeira colocada no primeiro, com 43,17% dos votos, Haifa Madi (PPS) – que substituiu o marido com a candidatura impugnada pela Justiça Eleitoral – enfrenta Valter Suman, que obteve 23,70% dos votos.

No Rio de Janeiro, onde haverá segundo turno em oito cidades, não há nenhuma mulher como cabeça de chapa.

Já em Minas Gerais, onde eleitores de quatro cidades voltam às urnas, apenas em Juiz de Fora há representação feminina como cabeça de chapa. Segunda colocada no primeiro turno com 22,38% dos votos, Margarida Salomão (PT) enfrenta Bruno Siqueira (PMDB), que teve 39,07% dos votos no dia 2 de outubro.

Com quatro cidades decidindo as eleições hoje, as mulheres em Pernambuco estão na corrida à prefeitura em Caruaru, com Raquel Lyra (PTN). Ela ficou em segundo lugar no primeiro turno, com 26,08% dos votos, enquanto Tony Gel terminou o pleito em primeiro, com 37,10% dos votos.

A situação é semelhante à do estado do Rio Grande do Sul. Lá, quatro cidades decidem as eleições municipais e em apenas uma delas há participação de mulheres à frente da chapa. Beth Colombo (PRB), que teve 45,79% dos votos no primeiro turno, enfrenta Busato (PTB), que teve 37,30% dos votos em 2 de outubro. Da Agência Brasil.

AS CHANCES DE FG ASSUMIR

Fernando Gomes durante a campanha em que obteve 32,4% dos votos.

Fernando Gomes durante a campanha em que obteve 32,4% dos votos.


Allah-Góes

Especialista em Direito Eleitoral, Allah Góes disse ontem, no Programa Resenha da Cidade (Difusora), que Fernando Gomes conseguiu reverter quase todos os processos que o impediam de assumir a Prefeitura de Itabuna, no Tribunal de Contas do Estado (TCE) e no Tribunal de Contas da União (TCU).

Restou apenas um no TCU e, segundo Allah, já há parecer do Ministério Público favorável a Fernando Gomes, faltando somente o julgamento por parte do tribunal de contas em Brasília. Assim, Fernando passaria a ter todas as condições para ser diplomado até o dia 19 de dezembro, tornando-se apto a assumir a Prefeitura de Itabuna. Pela quinta vez.








WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia