Nilo promete cortar ponto dos colegas faltosos (Foto Divulgação).

Nilo promete cortar ponto dos colegas faltosos (Foto Divulgação).

Numa entrevista à Rádio Sociedade, o presidente e candidato à reeleição dá Assembleia Legislativa da Bahia, Marcelo Nilo (PSL), comprometeu-se a cortar o ponto dos deputados faltosos, a partir de fevereiro. Segundo ele, o corte valerá para qualquer sessão ordinária. “Vou sugerir aos presidentes que cortem também o ponto dos deputados que não participarem das comissões”, disse o presidente.

A eleição à presidência da Assembleia Legislativa está marcada para 2 de fevereiro. Até aqui, Nilo tem como adversários os colegas Luiz Augusto e Ângelo Coronel. O presidente do parlamento diz manter boas relações com os dois e não os criticará. Pelo menos, até o dia da eleição. Nilo também falou das suas relações com a oposição.

– Quero ser candidato da Casa, do parlamento. Eu tenho um respeito muito grande com o governo, mas também tenho boa relação com a oposição.

Quase todos os parlamentares da base do Governo Rui Costa já anunciaram apoio a Nilo, incluindo PSB, PT e PCdoB. O quase se deve ao PP e ao PSD, partidos dos dois adversários anunciados do presidente da Casa em 2 de fevereiro.

O candidato à reeleição fez uma revelação, a de que Rui Costa teria dado empurrãozinho na sua decisão de disputar novo mandato à frente da AL-BA:

– Sempre achei que já tinha dado minha contribuição ao parlamento baiano, mas vários deputados e o próprio governador Rui Costa acharam que nesse momento de crise política deve-se ter na presidência alguém experiente, que tenha boa relação com todos. Então decidi colocar mais uma vez o meu nome à presidência da Casa.