WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia





janeiro 2017
D S T Q Q S S
« dez   fev »
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
293031  

editorias






:: 22/jan/2017 . 22:00

FALOU MAIS ALTO QUE O CHEFE

Marão e a ex-secretária de Saúde Luciene Moura (de verde).

Marão e a ex-secretária de Saúde Luciene Moura (de verde).

Nada apressou mais a saída da médica Luciene Moura da Secretaria de Saúde do que uma atitude dela diante do prefeito Mário Alexandre (Marão) e dos secretários de governo. À determinada altura de uma reunião tensa, Luciene alterou a voz com o prefeito. Ou, no português claro, falou mais alto que o chefe.

Luciene perdeu também, ali, a força para resistir às pressões pela nomeação de Sonilda Melo para a sua equipe. Logo após a reunião, conforme relatos, saiu informando aos colaboradores que deixaria o governo.

Em tempo: Uma fonte diz ainda que, ao contrário do noticiado, a médica não foi contrária ao decreto de emergência na Saúde. Era uma das defensoras como medida para assegurar a continuidade dos serviços na área.

DRAGAGEM DO PORTO DE ILHÉUS SÓ EM 2018

Porto de Ilhéus deverá passar por obras de dragagem em 2018 (Foto Codeba).

Porto de Ilhéus deverá passar por obras de dragagem em 2018 (Foto Codeba).

O governo federal iniciou procedimentos para obras de dragagem no Porto Internacional do Malhado. A dragagem deve começar no segundo semestre do próximo ano, caso os estudos e projetos de engenharia sejam iniciados imediatamente.

A dragagem deverá aumentar para 12 metros o calado (profundidade) da área de atracação do terminal ilheense. Hoje, a profundidade está em torno de 9 metros, o que dificulta a aproximação de grandes embarcações, conforme a própria Companhia das Docas do Estado da Bahia (Codeba), administradora do porto.

Ainda segundo a Codeba, o terminal passou apenas por dragagens de manutenção nos últimos 20 anos. A dragagem e a revitalização da estrutura do porto estão entre as prioridades da companhia.

O terminal foi inserido no Plano Nacional de Dragagem (PND2), segundo o diretor do Instituto Nacional de Pesquisas Hidroviárias (INPH), Domenico Accetta. O INPH é órgão de pesquisa da Secretaria de Políticas Portuárias do Ministério dos Transportes, Portos e Aviação Civil.

Accetta visitou o terminal ilheense na semana passada, junto com o presidente da Codeba, Pedro Dantas. “A partir deste ano se iniciam os estudos, obtenção das licenças junto aos órgãos, até a formação do processo licitatório”, disse o diretor do INPH.

BIOFÁBRICA PROMOVE EXTENSÃO RURAL EM MG

Equipe da Biofábrica e produtores fizeram visita de campo a propriedades mineiras.

Equipe da Biofábrica e produtores fizeram visita de campo a propriedades mineiras.

O Instituto Biofábrica de Cacau promoveu extensão rural, no município de Bandeira, no Vale Jequitinhonha, Minas Gerais, na última semana. O evento foi promovido em parceria com a Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural (Emater) do Estado de Minas e a Prefeitura de Bandeira, tendo como público alvo produtores rurais também das cidades de Almenara, Jequitinhonha e comunidades do entorno.

Produtores rurais e a associação quilombola Marobá dos Teixeira, de Almenara, receberam capacitação em recuperação de áreas afetadas por doenças do cacau, preservação ambiental e tratos culturais, com o objetivo de mudar sua cultura extrativista. Além de palestra, a equipe da Biofábrica promoveu visita de campo a quatro propriedades. :: LEIA MAIS »

SKATISTA É MORTO A FACADAS AO TENTAR SEPARAR BRIGA

Diego sofreu golpe de faca nas costas (Reprodução).

Diego sofreu golpe de faca nas costas (Reprodução).

Um jovem levou uma facada e morreu ao tentar separar uma briga, na madrugada deste domingo (22). De acordo com testemunhas, Diego de Jesus, foi atingido com um golpe de faca nas costas.

A tragédia ocorreu em Itarantim, no centro-sul do Estado.

O golpe teria sido desferido por um menor, segundo testemunhas. O crime comoveu a população de Itapetinga, onde Diego morava. Ele era skatista e tatuador e tinha muitos amigos, segundo noticia o Itapetingaagora.

ITABUNA GERA NOVOS EMPREGOS EM 2016; ILHÉUS FECHA 1,1 MIL POSTOS DE TRABALHO

Oportunidades na área de telemarketing puxaram resultado positivo (Foto Reprodução).

Oportunidades na área de telemarketing puxaram resultado positivo (Foto Reprodução).

Puxado pelos setores de serviços e indústria de transformação, Itabuna fechou 2016 com saldo positivo de empregos com carteira assinada. O município criou 165 novos postos de trabalho no período, de acordo com o Ministério do Trabalho. O cenário difere de 2015, quando houve corte de 1.788 vagas de emprego.

O setor de serviços criou 803 novas vagas, maior saldo em 2016, seguido pela indústria de transformação, com 449 novos postos de trabalho. A área de serviços poderia fechar o ano ainda melhor se não fosse dezembro, porém encerrou com saldo negativo de 157 vagas.

Individualmente, a empresa campeã em geração de novos empregos no ano passado foi a Tel Centro de Contatos, empreendimento da área de call center que começou a se instalar em Itabuna no segundo semestre de 2015. A Tel abriu cerca de 1,3 mil empregos somente em 2016 em suas bases na região do São Caetano e na Avenida J.S. Pinheiro.

Reflexo ainda da crise na economia nacional, o comércio itabunense fechou 592 postos de trabalho. Nos últimos dois anos, este setor cortou 1.097 vagas de emprego com carteira, sendo 505 em 2015.

Outros setores também fecharam 2016 com saldo negativo – construção civil (-272) e agropecuária (-186).

Encerrar 2016 no azul no item geração de empregos faz com que Itabuna se insira em grupo de poucos municípios baianos que conseguiram este feito no período. Juazeiro criou mais de 1,9 mil empregos no ano passado. Além deles, Eunápolis também encerrou período no azul, conforme levantamento feito pelo PIMENTA.

ILHÉUS CORTA 1,1 MIL EMPREGOS

empregoO desempenho da economia ilheense no ano passado foi em direção oposta à de Itabuna. Houve corte de 1.143 vagas com carteira assinada. No período de 12 meses, o segundo maior município sul-baiano gerou 6.980 empregos e registrou 8.123 desligamentos.

Todos os principais setores da economia de Ilhéus fecharam no negativo, com destaque para a área de serviços, com o saldo negativo de 495 vagas.

O comércio fechou 177 postos de trabalho e a indústria cortou outros 174. A indústria, que sempre teve forte peso no Produto Interno Bruto (PIB) ilheense, apresentou saldo negativo de 111 vagas.

A retração no setor industrial na Terra de Gabriela nos últimos 10 anos fez com que Itabuna a ultrapassasse em relação ao PIB.

DESEMPENHO DOS 15 MAIS POPULOSOS DA BA

Juazeiro | + 1.956 vagas

Eunápolis | + 336 vagas

Itabuna | + 165 vagas

Porto Seguro | -78 vagas

Jequié | -308 vagas

Santo Antônio de Jesus |-521 vagas

Teixeira de Freitas | -586 vagas

Vitória da Conquista |  – 1.080 vagas vagas

Ilhéus | -1.143 vagas

Barreiras | -1.347 vagas

Simões Filho | -1.699

Camaçari | -5.437 vagas

Feira de Santana | -5.924 vagas

Lauro de Freitas | -13.918 vagas

Salvador | -25.000 vagas

ESCONDERIJO DE LADRÕES E DO TRÁFICO

Terreno baldio no Pontalzinho

Terreno baldio está localizado na Rua Bartolomeu Mariano, no Pontalzinho.

Um terreno baldio que se transformou em matagal é foco de preocupação para moradores do Bairro Pontalzinho, em Itabuna. O terreno está localizado na Rua Bartolomeu Mariano e tornou-se esconderijo para ladrões e tráfico de drogas.

Os moradores estão pedindo que a fiscalização da prefeitura dê uma passadinha por lá – e que o dono tome providências…

RAMON SE MUDOU DA TERRA

adroaldo almeidaAdroaldo Almeida

como ele sabe agora, jamais encontramos um bálsamo, conforto ou doçura na provisoriedade dessa condenação da existência. Talvez nessa travessia, na eternidade de serafins e cítaras, ele possa declamar todo seu lirismo sem a azáfama e a urgência dos dias terrenos.

 

No meio da década de 1980, eu cheguei a Itabuna para estudar e trabalhar. Era bancário e sindicalista, mas queria ser escritor. Por revés da sorte, acabei advogado e político, uma lástima. Naquele tempo, transitava na senda da arte entre Buerarema e Ilhéus uma trupe felliniana: Jackson, Betão, Alba, Eva, Gideon, Gal, Delmo, Zé Henrique e, naquela miríade estrelar, ele, claro, RAMON VANE, o mais cênico de todos. A figura de um pintor holandês do século XVII, a recitação de um menestrel medieval e a presença carismática de um franciscano. Um astro rasgando o céu da Mata Atlântica. Nosso Rimbaud trovando no alto da proa de um barco bêbado, singrando os mares e domando as ondas naquela temporada no inferno, atirando poesias contra a estação da ditadura ainda presente.

Eu o encontrava quase todas as noites no curso noturno de Direito da Fespi. Fomos colegas e contemporâneos, nos códigos e na decodificação da Justiça, mas “as leis não bastam, os lírios não nascem da lei”, como aprendemos com Drummond e escrevemos o nome tumulto na pedra.  Era tímido na faculdade, nunca o encontrei no DCE, mas enxergava-o de soslaio num canto da biblioteca do Departamento de Letras, onde ambos acorríamos à procura da consolação na palavra. Porém, como ele sabe agora, jamais encontramos um bálsamo, conforto ou doçura na provisoriedade dessa condenação da existência. Talvez nessa travessia, na eternidade de serafins e cítaras, ele possa declamar todo seu lirismo sem a azáfama e a urgência dos dias terrenos.

No domingo [dia 15] acordei com uma mensagem de Gideon Rosa: “Ramon se mudou da terra hoje de madrugada”. Assustado, levantei mudo e pasmo, e essas reminiscências me afloraram durante toda a manhã. Daqui de Itororó, lamentavelmente, não pude ir ao sepultamento, então, mando rápidas e atropeladas letras na ambição de contribuir para desentortar as veredas no seu caminho ao paraíso.

Ramon Vane era um artista, eu me lembro!

Adroaldo Almeida

IF BAIANO OFERECE 380 VAGAS DE NÍVEL SUPERIOR PELO SISU; 70 SÃO EM URUÇUCA

IF Baiano em Uruçuca oferece 70 vagas neste semestre.

IF Baiano em Uruçuca oferece 70 vagas neste semestre.

O Instituto Federal Baiano (IF Baiano) oferecerá 380 vagas para cursos superiores pelo Sistema de Seleção Unificada (Sisu) neste primeiro semestre. As inscrições poderão ser feitas de 24 a 27 de janeiro. Quem participou do Enem 2016 e não zerou a redação pode disputar vaga.

O estudante pode fazer opção por até dois cursos. As notas de corte vão sendo divulgadas durante o período de inscrição para que o candidato analise suas chances e, caso queira, alterar opções de curso.

As matrículas serão nos dias 3, 6 e 7 de fevereiro, conforme o cronograma do Sisu, para os selecionados na chamada regular, que será divulgada no dia 30 de janeiro. Os candidatos não contemplados na chamada regular, poderão participar da Lista de Espera, inscrevendo-se entre os dias 30 de janeiro e 10 de fevereiro.

VAGAS

São 380 vagas para o primeiro semestre de 2017, distribuídas em oito cursos no graus tecnológicos, bacharelados e licenciatura, nos campi Uruçuca, Guanambi, Catu e Senhor do Bonfim. Confira quadro de vagas em http://sisu.mec.gov.br/cursos?tipo=ies&valor=14509






WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia