Parente da criança mostra roupa usada pelo pequeno quando foi baleado (Reprodução TV Santa Cruz).

Roupa usada pelo pequeno quando baleado (Reprodução TV Santa Cruz).

A criança de um ano e um mês baleada, na última quinta (30), durante tiroteio no Novo São Caetano, em Itabuna recebeu alta médica nesta segunda (3). O menino estava internado no Hospital Manoel Novaes e foi liberado nesta manhã. No início da tarde de quinta, os disparos feitos por João Welington “Galego”, atingiram nádegas e um dos braços da criança.

Gabriel Alves de Júnior, pai da criança, disse que o menino está bem de saúde, mas assustado. “Não pode ouvir nenhum barulho que se assusta e só quer ficar no colo”, disse ao G1. A alta foi dada pela equipe médica, após o menino ser submetido a cirurgia.

O pai, que é músico, planeja voltar a morar em Goiânia (GO). “Depois do susto que a gente passou, não tenho como ficar aqui”. A criança estava no colo do avô, Antônio Carlos Pereira, quando foi atingida. Os disparos atingiram, também, um homem e um adolescente.

Um dia após o crime, o homem apontado como autor dos tiros foi preso durante operação da polícia civil. Wellington Galego estava com armas e drogas.