WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
alba


jamile_yamaha

sintesi17

abril 2017
D S T Q Q S S
« mar   maio »
 1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
30  

editorias


:: 19/abr/2017 . 17:31

NOSSOS ÍDOLOS AINDA SÃO OS MESMOS…

luizconceiçãoLuiz Conceição

 

Na época, 1993, descobriu-se que uma holding formada por 12 construtoras, comandada pela Odebrecht, garantia a divisão equitativa das obras realizadas com recursos do Orçamento entre as empreiteiras.

 

Perdão Antonio Carlos Belchior, mas parte de sua poesia Como nossos pais, estrondoso sucesso na voz da inesquecível Elis Regina e majestoso arranjo de César Camargo Mariano, em 1976, está agora muito mais que real. Pelo menos, para aqueles que mergulham na rede mundial de computadores, a bordo de quaisquer buscadores, na tentativa de compreender a atual narrativa daquilo que enodoa o país.

A mídia, principalmente a televisiva, teima em mascarar a realidade. Mas, de um passado não muito distante, emergem cenas perversas, que a todos os brasileiros faz sofrer, com tungadas às claras e às escuras no seu bolso, capitaneadas pelos mesmos corruptores. Por isso, “nossos ídolos, ainda são os mesmos. E as aparências, não enganam não. Você diz que depois deles, não apareceu mais ninguém…”, cantou sua poesia.

Mas, com a Lava Jato, algo deve mudar…

Isto, apesar de, há 24 anos, a corrupção envolvendo empreiteiras ter sido motivo de debates na Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) do Orçamento, no Congresso Nacional, como evidencia capa do Jornal do Brasil, de 2 de dezembro de 1993! Na época, descobriu-se que uma holding formada por 12 construtoras, comandada pela Odebrecht, garantia a divisão equitativa das obras realizadas com recursos do Orçamento entre as empreiteiras.

As licitações eram fraudadas ou acertadas previamente, com a vencedora repassando 36% do valor da obra à holding. Entre as empresas participantes do esquema, estavam algumas das mesmas empreiteiras, cujo envolvimento na festejada Operação Lava Jato é de conhecimento de todos: OAS, Queiroz Galvão, Andrade Gutierrez, Camargo Corrêa e a própria Odebrecht.

Portanto, é também o caso de lembrar-se da genial frase do príncipe de Falconeri, no romance Il Gattopardo (O Leopardo, em italiano), obra literária de Giuseppe Tomasi di Lampedusa (Palermo, 1896 — Roma, 1957): “Algo deve mudar para que tudo continue como está”.

Luiz Conceição é jornalista.

SINEBAHIA OFERECE 88 VAGAS DE EMPREGO EM ITABUNA

Maioria das vagas no Sinebahia é para operador de telemarketing (Foto Reprodução).

Maioria das vagas no Sinebahia é para operador de telemarketing (Foto Reprodução).

Sistema de intermediação de emprego, o Sinebahia está cadastrando pessoas para 88 oportunidades de emprego para esta quinta (20), em Itabuna. O atendimento é feito na unidade no segundo piso do Shopping Jequitibá, no Serviço de Atendimento ao Cidadão (SAC), na Avenida Aziz Maron.

A maioria das vagas não exige experiência em carteira. Oitenta das oportunidades são oferecidas pela Tel Centro de Contatos. As vagas nesta empresa são para operador de telemarketing.

Os interessados nas vagas devem comparecer munidos dos documentos exigidos para contratação (ou os respectivos números), além dos comprovantes de escolaridade e de residência. Confira todas as oportunidades no “leia mais”. Clique no link. :: LEIA MAIS »

PROJETO DO TEATRO MUNICIPAL DE ITABUNA SOFRERÁ MUDANÇAS

Obras do Teatro foram paralisadas em outubro de 2006 (Foto Pedro Augusto).

Obras do Teatro foram paralisadas em outubro de 2006 (Foto Pedro Augusto).

Adequações no projeto de construção do Teatro Municipal de Itabuna foram avaliadas, hoje (19), pelos arquitetos Eduardo Carlos Magno, Leila Lessa e Matheus Esquivel, além do prefeito Fernando Gomes. A obra será executada com recursos do Governo Estadual. A obra está paralisada desde o final de outubro de 2006.

Fernando observa projeto acompanhado dos arquitetos Leila Lessa, Esquivel e Magno (Foto Pedro Augusto).

Fernando observa projeto acompanhado dos arquitetos Leila Lessa, Esquivel e Magno (Foto Pedro Augusto).

Projetado para 704 lugares, o teatro deverá ter palco de 600 metros quadrados. O prefeito ressaltou a participação do autor do projeto, Eduardo Magno, na revisão do projeto.

– As mudanças no projeto são necessárias e naturais em decorrência das inovações tecnológicas, bem como de mudanças na legislação e nas normas técnicas de segurança – ressaltou o secretário de Desenvolvimento Urbano, Patrick Monteiro.

A revisão do projeto será necessária, de acordo com o autor, devido ao tempo da elaboração do projeto e de mudanças na legislação ambiental, de segurança e de acessibilidade. Eduardo Carlos, conforme a prefeitura, condenou as plataformas metálicas corroídas pela ferrugem e solicitou uma revisão da estrutura metálica das vigas.

O projeto será reavaliado neste final de semana, segundo o autor, a fim de apontar opções de acessibilidade, aumento do número de banheiros e alteração no sistema de sonorização.

SEBRAE REALIZA MAIS DE 47 MIL ATENDIMENTOS NO 1º TRIMESTRE

Sebrae realizou mais de 47 mil atendimentos em 2017 (Foto João Alvarez).

Sebrae realizou mais de 47 mil atendimentos em 2017 (Foto João Alvarez).

O Sebrae Bahia realizou um total de 47,5 mil atendimentos nos primeiros três meses de 2017. O dado revela um número crescente de pessoas que estão empreendendo ou que pretendem abrir um negócio. Paralelo aos atendimentos, nesse mesmo período, foram realizadas 423 capacitações, entre cursos, palestras e oficinas, levando conteúdos ligados a gestão e empreendedorismo.

Para o superintendente do Sebrae Bahia, Adhvan Furtado, esses números evidenciam que o empreendedorismo está em alta no estado, seja como uma alternativa para superar momentos de adversidade, seja pela concretização de planos e sonhos. “Sendo por necessidade ou por oportunidade, o fato é que o baiano vem se mostrando cada vez mais empreendedor, e o Sebrae procura acompanhar as tendências e as demandas desse público, atualizando soluções e oferecendo novas ferramentas”, afirma.

Além de sua agenda de cursos e atendimentos presenciais e a distância, o Sebrae, como destaca Adhvan, acompanha as necessidades dos empreendedores baianos. Exemplo disso foi a grande novidade da instituição para esses primeiros meses do ano: o Radar Sebrae.

Lançado em março, o Radar Sebrae é uma ferramenta gratuita inovadora que oferece, em uma busca simples, diversas informações para auxiliar o empreendedor a decidir pelo melhor local para abrir um negócio. :: LEIA MAIS »

PROGRAMA ABRE INSCRIÇÕES PARA FORMAÇÃO E QUALIFICAÇÃO DE AGENTES CULTURAIS

agentesculturaisOs interessados em fazer o curso de formação e qualificação de agentes culturais, no Centro de Cultura Adonias Filho, em Itabuna, poderão se inscrever a partir da próxima sexta (21) pelo site www.agentesculturais.com.br. As aulas serão ministradas de 12 a 14 de maio, sendo direcionadas a todos os envolvidos com a cultura – artistas, comunicadores, gestores, artesãos e ativistas.

Com duração de 15 horas, o curso abordará temas como políticas culturais, culturas brasileiras e baianas e organização da cultura. Para participar, basta ter mais de 16 anos e interesse na área da cultura. Como não há seleção, as inscrições terminam conforme a quantidade de vagas, que varia em cada localidade que receberá o curso. Aqueles que participarem em pelo menos 75% das atividades, receberão certificado de extensão da UFBA, via email.

Coordenado pelo professor e pesquisador Albino Rubim, o programa se propõe a formar ativistas comprometidos com a efetivação dos direitos culturais e a consolidação das políticas públicas de cultura, voltadas para o fortalecimento da cidadania cultural.

Como parte do processo formativo, o curso vai integrar uma atividade artística em sua programação, a imersão cultural. Cada um dos 20 espaços vai receber um artista, comunicador ou movimentador cultural para apresentar o seu trabalho e provocar reflexões no público. A mostra será levada para a sala de aula e integrada às outras atividades didáticas.

:: LEIA MAIS »

UESC LANÇA APLICATIVO PARA AJUDAR A PRESERVAR MEIO AMBIENTE

Aplicativo permite denúncias e dicas para preservar meio ambiente (Foto Júlia Barreto).

Aplicativo permite denúncias e dicas para preservar meio ambiente (Foto Júlia Barreto).

Já pensou em poder participar ativamente da proteção do meio ambiente? O aplicativo “Coruja” lançado pelo o projeto de extensão Vivências Interdisciplinares em Direitos Socioambientais (VIDA), da Universidade Estadual de Santa Cruz (UESC), oferece essa possibilidade.

Segundo o coordenador do projeto, o professor Guilhardes de Jesus Jr., o Coruja vai auxiliar o usuário A fazer denúncias, identificar infrações e propor soluções que possam contribuir para proteção do meio ambiente em sua cidade. O aplicativo foi idealizado, segundo o professor, pelos integrantes do Projeto Vida, do Departamento de Ciências Jurídicas da Uesc. “O aplicativo é fácil de baixar e mais fácil ainda de usar”.

“Além de acompanhar o usuário nas suas denúncias, ele o levará a conhecer um pouco mais sobre meio ambiente e leis ambientais de forma interativa e divertida. Essa será uma das formas para, juntos, tornar a vida mais sustentável,” explicou o professor, durante o lançamento do aplicativo, na Reitoria, com a presença da reitora Adélia Pinheiro.

Aplicativo (Foto Júlia Barreto).

Voluntárias, Guilhardes Jr. e reitora Adélia Pinheiro lançam aplicativo (Foto Júlia Barreto).

FUNÇÕES

No “Coruja” o usuário encontra funções como “Denúncias”, pelo qual será possível descrever problemas identificados e que possam causar danos ao meio ambiente. Também poderá adicionar fotos para que a equipe do “Vida” repasse a informação às autoridades competentes. Os dados do usuário são confidenciais.

Em “Boas ideias” o usuário pode contar as suas ideias para melhorar o modo de relacionamento com o meio ambiente, ou ainda, que possam diminuir os impactos negativos que causamos. É possível compartilhar com o “Vida”, por meio de imagens, iniciativas já em prática e que tenham ajudado a vida das pessoas. Essas ideias serão reunidas pela equipe do projeto e entregues ao gestor público responsável.

Ainda no mesmo aplicativo, a função “Informativos” possibilita encontrar materiais de didáticos produzidos pela equipe do Projeto Vida. Por fim, “Consultas”, por meio da qual o usuário receberá informações sobre as denúncias e ideias por ele cadastradas no aplicativo.

MÁQUINA DA PREFEITURA É RETIDA EM PROTESTO NO MONTE CRISTO

Moradores retêm máquina para garantir melhorias no Monte Cristo.

Moradores retêm máquina para garantir melhorias no Monte Cristo.

Uma máquina compactadora da Prefeitura de Itabuna foi retida por moradores da Rua Q, no Monte Cristo, em protesto contra a quebra de promessa de patrolamento das ruas do bairro. De acordo com os manifestantes, a Secretaria de Desenvolvimento Urbano (Sedur) iria retirar a máquina do Monte Cristo depois de fazer melhoria em apenas quatro ruas.

A máquina foi retida por sete moradores. Segundo eles, ela somente será liberada, caso sejam feitas melhorias na via. O secretário de Desenvolvimento Urbano de Itabuna, Patrick Monteiro, ainda não se pronunciou sobre o protesto. Os moradores aguardavam representante do município para negociar melhorias e liberação do rolo compactador.

Máquina será liberada somente após negociação.

Máquina será liberada somente após negociação.

 

ENTRE O JOIO E O JOIO

Marco Wense, d´O Busílis

Ex-ministro do STF Ayres Britto.

Ayres Brito, ex-ministro do STF.

Um bom e chamativo título é meio caminho andado para que o leitor se interesse pelo comentário, o que não impede que a decepção venha logo no primeiro parágrafo. Espera uma coisa e vem outra.

Em relação à Operação Lava Jato, com os escândalos revelados dia a dia, envolvendo políticos graúdos e miúdos, vários títulos já foram usados por diversos comentaristas políticos através de jornais, revistas e blogs.

Muitas vezes o leitor percebe a tendência do comentarista pelo título do artigo, e o viés político do jornal pelo destaque de primeira página, geralmente em letras garrafais.

Na minha modesta opinião, o título que mais se encaixou na Lava Jato, nesse lamaçal que toma conta do país, nessa classe política cada vez mais desmoralizada e putrefata, foi o de Carlos Ayres Britto, ex-presidente do STF: “Entre o joio e o joio”.

Diz Ayres: “Não se trata, porém, de separar o joio do trigo. A separação é entre o joio e o joio mesmo. Um tipo de joio frente ao outro, porque o segundo deles é ainda mais daninho à ordem jurídica”.

“Entre o joio e o joio” é o campeão dos títulos.

ITABUNA TEM 23,3% DOS IMÓVEIS INFESTADOS PELO AEDES AEGYPTI

Aedes aegypti é o transmissor da zika, dengue e chikungunya (Foto Fiocruz).

Aedes aegypti é o transmissor da zika, dengue e chikungunya (Foto Fiocruz).

Lísias Miranda, secretária de Saúde de Itabuna.

Lísias Miranda, secretária de Saúde de Itabuna.

O índice de imóveis infestados por larvas do Aedes aegypti praticamente não caiu em Itabuna nos últimos dois meses. Agora em abril, a Secretaria de Saúde detectou que 23,3% deles tinham larvas do mosquito que transmite dengue, zika e chikunguya. Significa que, a cada grupo de 100 imóveis visitados, 23 estavam infestados pelo mosquito. Em fevereiro, eram 24 (24,1%).

A baixíssima queda fez reacender o sinal de alerta. A secretária de Saúde de Itabuna, Lísias São Mateus, pede “que a comunidade continue vigilante em relação aos cuidados” contra o mosquito.

Cuidados essenciais são aqueles para não manter água parada nem reservatórios destampados. Pneus, cascas de ovos, vasos de plantas e garrafas, por exemplo, pode se tornar criadouros do mosquito, se houver água parada neles.

Para se ter uma ideia, o índice registrado agora em abril é mais de 22 vezes superior ao aceitável pela Organização Mundial de Saúde (OMS). A organização considera que o percentual satisfatório de infestação de larvas é menos que 1%. Ou seja, Itabuna continua muito longe do ideal.

OPOSIÇÃO ANUNCIA RECURSO CONTRA ARQUIVAMENTO DA CPI DO CENTRO DE CONVENÇÕES

Mesa da AL-BA arquivou CPI  (Foto Divulgação).

Mesa da AL-BA arquivou CPI (Foto Divulgação).

A oposição na Assembleia Legislativa anunciou que ingressará com recurso na Mesa Diretora da AL-BA e com ação judicial contra o arquivamento da CPI do Centro de Convenções de Salvador. A Comissão Parlamentar de Inquérito investigaria, conforme o líder da bancada oposicionista, Leur Lomanto Jr. (PMDB), a situação do centro, que está sendo demolido.

Os deputados da Oposição consideram o arquivamento um equívoco, pois não foram retiradas as 21 assinaturas que garantiram a homologação da CPI, segundo Leur, por meio de sua assessoria. “Na reunião que marcaria o ato de instalação da CPI, os oposicionistas decidiram retirar a indicação dos membros do grupo, após integrantes do governo insistirem no comando e na relatoria do colegiado”.

O líder da bancada de Oposição disse ter apelado por um acordo para assegurar a proporcionalidade na CPI, mas a proposta não foi aceita pelos governistas. “O governo quis manipular a CPI ao querer a presidência e a relatoria da Comissão, consequentemente tal controle tinha o objetivo de impedir as investigações. Quiseram dessa forma instalar uma CPI chapa branca, atitude que nós não podíamos compactuar”, afirmou.

POLÍCIA FEDERAL INVESTIGA FRAUDES NA CAIXA PARTICIPAÇÕES

Polícia Federal investiga fraudes na Caixa Participações (Foto Marcelo Camargo/Ag. Brasil).

Polícia Federal investiga fraudes na Caixa Participações (Foto Marcelo Camargo/Ag. Brasil).

A Polícia Federal (PF) deflagrou na manhã de hoje (9) a Operação Conclave que investiga possíveis fraudes na compra de ações do Banco Panamericano pela Caixa Participações S.A. (Caixapar). O inquérito apura a responsabilidade de gestores da Caixa Econômica Federal (CEF), além de investigar possíveis prejuízos causados a correntistas e clientes.

Cerca de 200 policiais estão cumprindo desde cedo 46 mandados de busca e apreensão expedidos pela 10ª Vara Federal de Brasília. “A decisão ainda determinou a indisponibilidade e bloqueio de valores de contas bancárias de alvos das medidas cautelares. O bloqueio alcança o valor total de R$ 1,5 Bilhão”, diz a nota da PF.

De acordo com as investigações, alguns núcleos criminosos foram identificados, entre eles, “o núcleo de agentes públicos, responsáveis diretos pela assinatura dos pareceres, contratos e demais documentos que culminaram com a compra e venda de ações do Banco Panamericano pela Caixapar e com a posterior compra e venda de ações significativas do Banco Panamericano pelo Banco BTG Pactual S/A”. :: LEIA MAIS »

alba



WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia