WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia


conlar

banner-site-150x300px

jamile_yamaha

sintesi17

setembro 2017
D S T Q Q S S
« ago    
 12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930

editorias


:: 2/set/2017 . 19:25

POLÍCIA APREENDE 152 QUILOS DE COCAÍNA QUE SERIAM DISTRIBUÍDOS EM ILHÉUS E JEQUIÉ

Força-Tarefa prende casal que transportava drogas para Ilhéus

Força-tarefa prende casal que transportava drogas para Ilhéus|| Foto divulgação/SSP-BA

Uma operação em conjunto entre a Secretaria da Segurança Pública da Bahia e Polícia Militar de Goiás resultou na apreensão  de 152 kg de cocaína em Contendas do Sincorá, na Bahia, e na capital de Goiás, na manhã deste sábado (2). Quatro traficantes foram presos e relataram que os destinos da droga seriam as cidades de Ilhéus e Jequié.

Além da cocaína, dois veículos utilizados pela quadrilha foram também localizados. As ações foram iniciadas na cidade baiana e durante abordagem a um veículo modelo Ford KA as equipes encontraram 16,5 quilos da droga. Após depoimento do casal de traficantes que estava no carro os policiais montaram uma campana e pegaram um veículo modelo Doblô com mais 25kg que vinha na sequência.

Droga seria distribuída em Ilhéus e Jequié

Droga seria distribuída em Ilhéus e Jequié||Foto divulgação da SSP-BA

O casal informou que a maior parte da droga estava em uma casa na cidade de Goiânia.  “De imediato pedimos o apoio da Polícia Militar de Goiás, com quem temos ótimo relacionamento por conta das ações integradas de combate a roubos de bancos”, explicou o coordenador da Força Tarefa da SSP, major Marcelo Barreto.

Mais de 100 quilos de cocaína apreendidos em Goiás

Mais de 100 quilos de cocaína apreendidos em Goiás

O oficial contou que na residência foram encontrados mais 110,5 kg de cocaína e capturado outro traficante. “Seguimos firme com o propósito de combater as organizações ligadas ao tráfico. Ficamos tristes, por outro lado, em saber que muita gente na Bahia usa drogas enriquecendo essas facções. É preciso também conscientizar sobre o prejuízo do consumo e tratar quem já esta entregue ao vício”, finalizou.

A droga apreendida na Bahia e os traficantes foram apresentados na Delegacia da Polícia Federal de Feira de Santana.

TRÊS PESSOAS MORREM E CERCA DE 20 FICAM FERIDAS APÓS ÔNIBUS TOMBAR EM MASCOTE

 

Acidente na BR-101 em Mascote

Acidente na BR-101 em Mascote deixou três mortos.

Do G1

Três pessoas morreram e cerca de 20 ficaram feridas após um ônibus tombar, na madrugada deste sábado (2), em um trecho da BR-101, no município de Mascote, região sul da Bahia. O acidente ocorreu, por volta de 1h20, no km-619 da rodovia, perto do distrito de São João do Paraíso.

Segundo informações da Polícia Rodoviária Federal (PRF), o ônibus estava com 48 pessoas e seguia de Dias D’Ávila, na região metropolitana de Salvador, para Aracruz, no Espírito Santo. De acordo com a PRF, o veículo transportava trabalhadores que prestam manutenção em fábricas. Os funcionários estavam retornando para casa.

As vítimas não tiveram identidades divulgadas. O motorista do ônibus disse que a pista estava molhada, ele derrapou e bateu no guardrail.

Os mortos foram levados para o Departamento de Polícia Técnica (DPT) de Itabuna. Já as pessoas feridas foram encaminhadas para o Hospital de Base de Itabuna. O estado de saúde atualizado dos sobreviventes não foi informado. A PRF disse, no entanto, que todos tiveram ferimentos leves.

PROGRAMA VAI ATENDER CERCA DE 2.500 MULHERES EM ARATACA E CANAVIEIRAS

Programa de Rastreamento do Câncer de Mama chega a Canavieiras

Programa de Rastreamento do Câncer de Mama chega a Canavieiras

Moradoras dos municípios de Arataca e Canavieiras serão as próximas a receber atendimento gratuito dos profissionais do programa Saúde sem Fronteiras Rastreamento do Câncer de Mama, da Secretaria da Saúde da Bahia (Sesab). Em Arataca, a unidade móvel do programa atenderá a partir de segunda-feira (4), na Praça João Gonçalves de Queiroz.

O atendimento ocorrerá até sexta-feira (8), das 7 horas ao meio dia e das 14 às 17 horas. A expectativa é que 514 mulheres façam o exame de mamografia. Nesses mesmos horários, na Praça da Bandeira, no centro de Canavieiras, a unidade móvel do programa ficará estacionada entre os dias 5 e 16. A estimativa é que 1.927 mulheres realizem o exame de mamografia.

O programa realiza mamografia, exame que detecta precocemente o câncer de mama, em mulheres de 50 a 69 anos, faixa etária considerada pelos especialistas como a mais propícia para o aparecimento da doença. Para as mulheres com diagnóstico positivo, o tratamento cirúrgico, quimioterápico ou radioterápico será realizado pelo Estado em unidades de alta complexidade em oncologia.

OPERAÇÃO DO MPT RESGATA TRABALHADORES EM CONDIÇÃO DE ESCRAVOS EM URUÇUCA

Operação na Fazenda Diana contra o trabalho escravo || Foto MPT

Operação na Fazenda Diana contra o trabalho escravo || Foto MPT

Operação realizada pelo Ministério Público do Trabalho com a participação de auditores-fiscais do Ministério do Trabalho do Brasil e apoio da Polícia Federal flagrou os donos da fazendo Diana, no município de Uruçuca, região cacaueira, no sul do estado, mantendo dez trabalhadores em situação degradante, segundo o MPT. Além deles, também foram resgatados os familiares das vítimas, que residiam no interior da fazenda. A equipe chegou ao local no fim da manhã de sexta-feira (1º) para apurar denúncias encaminhadas ao MPT.

“Só conseguimos ir até uma das fazendas localizadas na região e lá identificamos um quadro de evidente submissão de dez trabalhadores à condição análoga à de escravos, trabalhando por salários abaixo do patamar mínimo previsto na lei, vivendo e trabalhando em condições que ferem a dignidade humana”, afirmou o procurador do trabalho Ilan Fonseca, coordenador de Combate ao Trabalho Escravo do MPT na Bahia. Ele informa que notificou a empresa a comparecer ao Ministério do Trabalho para fazer o pagamento das rescisões de contrato dos lavradores na próxima terça-feira e que já estuda as medidas judiciais que poderá adotar em relação ao caso.

“Vamos contar com a consciência dos proprietários da fazendo para garantir o pagamento dos valores devidos a cada um desses trabalhadores enquanto serão feitas as apurações necessários para fundamentar uma eventual ação civil pública. Independente disso, os resgatados poderão contar com o seguro-desemprego por três meses e com o apoio das instituições parceiras para sua inserção de forma digna no mercado de trabalho”, explicou Fonseca. O inquérito para apurar as responsabilidades trabalhistas correrá na unidade do MPT de Itabuna. Além disso, o MPT deve comunicar o fato ao Ministério Público Federal para apuração dos aspectos criminais do caso, já que submeter seres humanos a condição análoga de escravo é crime previsto também no Código Penal.

Condições constatadas pelos fiscais na Fazenda Diana || Foto MPT

Condições constatadas pelos fiscais na Fazenda Diana || Foto MPT

Para o auditor-fiscal trabalho Alessandro de Barros Pazuello, que também integrou a força-tarefa que fez o resgate, o mais importante foi retirar as vítimas da fazenda. Agora ele informa que vai “fazer a rescisão dessas pessoas. Se a empresa quiser contratá-las, vai ter que fazer da forma correta. A empresa vai ser autuada, vai ser gerada uma multa e ainda irá responder na Justiça do Trabalho e na Justiça Comum por crime de submeter o trabalhador à condição análoga de escravo”. Ele não descartou uma ação para regularizar outras relações de trabalho em fazendas da mesma região onde houve o resgate.

Os lavradores encontrados pela força-tarefa relataram em detalhes a precariedade das instalações e a total ausência de equipamentos de proteção para o desempenho das atividades de roçagem, plantio, colheita e organização da fazenda. Um deles contou que durante um ano e meio ele, a mulher e quatro filhas viveram numa casa sem banheiro nem água potável. Os fiscais constataram que todos os que trabalhavam ou moravam na fazenda tinham que improvisar o banho em uma pequena represa e, que pegavam água para beber de uma cisterna suja.

STJ AFASTA COBERTURA DE SEGURO PARA MOTORISTA EMBRIAGADO ENVOLVIDO EM ACIDENTE

alcoolismoA Terceira Turma do Superior Tribunal de Justiça (STJ) decidiu, por maioria de votos, que o motorista embriagado que se envolver em um acidente com morte pode ser excluído da cobertura da apólice de seguro do veículo. A Corte também decidiu que o cabe ao segurado o ônus de comprovar que eventual dano não foi causado pelo seu estado de embriaguez. A decisão foi divulgada hoje (1º).

A relatora do caso, ministra Nancy Albrighi, em seu voto, disse que os seguros de responsabiliade civil estipulam o dever, por parte da seguradora, de garantir o pagamento a terceiros por danos causados pelo segurado. Essa determinação segue o Artigo 787 do Código Civil, mas, segundo a ministra, o dispositivo deve ser interpretado em conjunto com o Artigo 768, do mesmo Código, que diz que o segurado perderá o direito à cobertura se agravar intencionalmente o risco objeto do contrato.

“Ainda que não haja intenção de agravar o risco por parte do segurado, há prática intencional de ato que leva despercebidamente ao mesmo resultado, uma vez que a conduta torna a realização do risco previsível. Comportar-se de maneira a agravar o risco, principalmente, quando o próprio contrato dispõe que tal comportamento importa na exclusão da cobertura, é violação manifesta ao princípio da boa-fé”, disse a ministra. O voto da ministra foi seguido pela maioria da turma.

CASO NO ESPÍRITO SANTO

A Terceira Turma do STJ confirmou um acórdão do Tribunal de Justiça do Espírito Santo (TJES), que considerou legal a exclusão da cobertura do seguro de um motorista que, embriagado, ultrapassou um sinal vermelho em Vila Velha (ES), invadiu a contramão e atingiu um motociclista, que faleceu no hospital. :: LEIA MAIS »

ESTUDANTES TÊM AULA DE HISTÓRIA NAS RUAS DO CENTRO DE ILHÉUS

Alunos têm aula de história em excursão em Ilhéus || Fotos Karoline Vital

Alunos têm aula de história em excursão em Ilhéus || Fotos Karoline Vital

A turminha do segundo ano do Ensino Fundamental I da Escola e Brinquedoteca A Casa Amarela teve uma aula de história diferente. Para aprender mais sobre Ilhéus, as crianças participaram de uma breve excursão pelo Centro da cidade, guiada pelo historiador Moisés Alves. A atividade extraclasse, neste semana, proporcionou aos estudantes vários dos principais monumentos da cidade, sob a supervisão da diretora pedagógica Sara Lemos, da diretora administrativa, Gabriela Puentes, e da professora Rossane Sales.

O primeiro ponto de parada da excursão foi o Outeiro de São Sebastião, local onde os colonizadores portugueses fundaram a Vila de São Jorge dos Ilhéus, em 1536. No Mirante do Canhão, as crianças ouviram do professor Moisés Alves como se deu a ocupação do local pelos homens brancos, seus conflitos com os indígenas locais e ataques de piratas franceses.

Os estudantes, na sequência, visitaram a Igreja de São Jorge, construção mais antiga do centro histórico, datada do final do século XVII, e foram a pé ao Palácio Paranaguá, onde viram fotografias antigas e quadros dos ex-prefeitos da cidade, no Salão Nobre. O grupo seguiu para a Praça J.J. Seabra, onde contemplou as esculturas em mármore de Carrara de Sapho e do Inverno.

Excursão leva estudantes a conhecer história e patrimônio de Ilhéus

Excursão leva estudantes a conhecer história e patrimônio de Ilhéus

Com direito à parada para pipoca na Rua Jorge Amado, os alunos da Casa Amarela foram recebidos pelo ator José Delmo, no Teatro Municipal de Ilhéus. O artista contou uma breve história sobre os mitos fundadores da região. Os pequenos curiosos visitaram ainda a I Exposição Filatélica “Viagem no Mundo dos Selos”, realizada pelos Correios e Secretaria Municipal de Cultura. E, após passarem pela Catedral de São Sebastião, os estudantes concluíram o passeio com pose para foto no letreiro turístico de Ilhéus.

Para a diretora pedagógica da Casa Amarela, Sara Lemos, a excursão oportunizou aos alunos a terem uma visão diferente sobre a cidade. “Em sala de aula, buscamos sempre incentivar a curiosidade e a vontade de aprender. Mas, através da interação com os locais e os monumentos, eles puderam vivenciar a história e construir um novo olhar sobre o que Ilhéus representa”.

Excursão ao Centro Histórico Casa Amarela 29-08-17 - foto Karoline Vital (6)

ESTADO ASSINA ACORDO COM CHINESES PARA CONSTRUÇÃO DA PONTE SALVADOR-ITAPARICA

Assinatura de memorando reforça interesse chinês no projeto baiano || Divulgação

Assinatura de memorando reforça interesse chinês no projeto baiano || Divulgação

O segundo memorando de entendimento assinado pelo governador Rui Costa nesta sexta-feira (1º), em Pequim, na China, foi com os representantes da CREC 4, empresa chinesa interessada na construção da ponte que vai ligar Salvador à Ilha de Itaparica. A assinatura ocorreu por volta da meia-noite no horário da Bahia (11h da manhã de sábado em Pequim).

“Com certeza absoluta, contando com a tecnologia, conhecimento e experiência da CREC, nós haveremos de materializar esse sonho dos baianos”, afirmou o governador Rui Costa, após assinatura do memorando com os representantes da empresa chinesa.

A partir de agora, os chineses vão realizar estudos de viabilidade técnica, econômica e ambiental, complementares ao projeto de construção e operação do Sistema Viário Oeste (SVO), visando rever e validar sua estruturação.

Após a assinatura do documento, a empresa a CREC 4 tem 30 dias para apresentar um plano de ações com cronograma de atividades e indicação de quais estudos pretende realizar. A empreiteira deve também designar os técnicos que irão coordenar e executar os estudos.

Mesmo com a assinatura do memorando, a empresa chinesa precisa obrigatoriamente concorrer à licitação que será aberta pelo Governo do Estado para execução da obra. :: LEIA MAIS »

ANS SUSPENDE VENDA DE 41 PLANOS DE SAÚDE

ANS suspendeu vendas de 41 planos de saúde || Foto Reprodução

ANS suspendeu vendas de 41 planos de saúde || Foto Reprodução

A Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) suspendeu, nesta sexta (1º), a venda de 41 planos de saúde comercializados por 10 operadoras. A medida decorre de reclamações de usuários feitas no segundo trimestre deste ano em relação à cobertura assistencial, como negativas e demora no atendimento.

A proibição das vendas começa a valer no dia 8 de setembro. As mais de 175 mil pessoas que já são atendidas por esses planos deverão continuar a ser assistidas por eles, segundo a agência. Caso as operadoras não garantam a cobertura, elas poderão ser multadas.

A lista completa dos planos que tiveram as vendas suspensas, está disponível no site da ANS. Nele, os beneficiários também podem consultar informações sobre cada operadora, a fim de saber quais tiveram planos suspensos ou reativados e como está a situação deles.

CONFIRA LISTA DOS PLANOS SUSPENSOS

As operadoras que tiveram planos suspensos neste ciclo de avaliação foram Salutar Saúde Seguradora S/A, Unimed Norte/Nordeste – Federação Interfederativa das Sociedades Cooperativas de Trabalho Médico, Caixa de Assistência à Saúde (CABERJ), Caixa de Previdência e Assistência dos Servidores da Fundação Nacional de Saúde (CAPESESP), Associação Auxiliadora das Classes Laboriosas, Sociedade Assistencial Médica e Odonto Cirúrgica (SAMOC S.A), Sociedade Cooperativa Cruzeiro – Operadora de Planos de Saúde Sociedade Cooperativa, Unimed-Rio Cooperativa de Trabalho Medico do Rio de Janeiro; GS Plano Global de Saúde LTDA. e Green Life Plus Planos Médicos LTDA.

Ao todo, foram recebidas 15 mil reclamações, das quais mais de 13 mil impactaram a avaliação desses planos. A maior parte delas (43,7%) foi em relação ao gerenciamento de ações, tais como autorizações prévias e cobrança de coparticipação.

:: LEIA MAIS »

UFSB TORNA-SE A UNIVERSIDADE FEDERAL COM MAIOR PERCENTUAL DE COTAS DO PAÍS

Reunião do Conselho Universitário aprovou reserva de vagas para cotistas ||Foto Saulo Carneiro

Reunião do Conselho Universitário aprovou reserva de vagas para cotistas ||Foto Saulo Carneiro

Saulo Carneiro | Interdisciplinar de Humanidades da UFSB

O Conselho Universitário da Universidade Federal do Sul da Bahia (UFSB) aprovou, na manhã desta sexta-feira (1º), as regras que estabelecem a reserva de vagas nos cursos de segundo ciclo. Foi deliberado por 15 votos a 0, o percentual de 75% de reserva de vagas para estudantes de escolas públicas, pretos, pardos, indígenas, populações de comunidades tradicionais e pessoas transexuais.

Com a aprovação, a universidade consolida as propostas apontadas em seu plano orientador de promover a integração social e desenvolvimento nas regiões sul e extremo sul da Bahia. A UFSB passa a ser a universidade federal com maior percentual de cotas no país, além de inovar e incorporar diversos grupos étnicos e sociais em sua política de ações afirmativas.

Os cursos de segundo ciclo serão ofertados em três campi diferentes, Itabuna, Porto Seguro e Teixeira de Freitas. Serão oferecidos cursos como Medicina, Direito e Engenharias. A universidade, que tem em sua proposta um regime de ciclos, formará a primeira turma dos bacharelados interdisciplinares – que compreendem o primeiro ciclo – no final deste ano. Os estudantes ingressaram no ano de 2014 e até o final de 2017 migrarão para os cursos do segundo ciclo.

Para a estudante Jessica Taís Barreto Jorge, que comemorou a decisão da universidade, a “aprovação de 75% é de extrema importância, por garantir que os estudantes cotistas da UFSB migrem para o segundo ciclo, uma vez que os cotistas são a maioria dos estudantes da Universidade e da região”.

Apesar de serem a maioria na Universidade, sem as cotas poderia não refletir o percentual na migração para o segundo ciclo, principalmente nos cursos mais concorridos e elitizados como Medicina. Isso, porque, durante a formação do primeiro ciclo, exige-se uma série de bagagens que os cotistas em sua maioria não tiveram acesso na sua formação escolar. Na avaliação da comunidade acadêmica, isso refletiria em menores notas quando comparado aos demais.

Portanto, “o piso de 75% contribui com a igualdade social e, consequentemente, com o desenvolvimento social da região. O percentual garante o acesso dos estudantes de escola pública, baixa renda, negros, índios, pardos e de comunidades tradicionais da região tenham acesso à educação superior pública de qualidade”.

alba



WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia