WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia


Postos Universal - banners blogs vertical (2)

banner-site-150x300px

jamile_yamaha

sintesi17

outubro 2017
D S T Q Q S S
« set    
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
293031  

editorias


:: 8/out/2017 . 21:39

INTERMUNICIPAL: ITABUNA ENFRENTARÁ PORTO SEGURO NAS OITAVAS

Primeiro jogo das oitavas será no Itabunão

Primeiro jogo das oitavas será no Itabunão

A Seleção Itabunense avançou à quarta fase do Campeonato Intermunicipal de Futebol 2018, após eliminar Valença, nos pênaltis, por 6 a 5, neste domingo (8), no Estádio Luiz Viana Filho.

A equipe enfrentará Porto Seguro na próxima fase. O primeiro jogo será dia 15, às 15h, no Itabunão. A partida de volta ocorrerá no dia 22, em Porto.

Itabuna havia perdido por 1 a 0 no jogo de ida, no último domingo. Hoje, venceu por igual placar. A vaga acabou decidida em cobrança de penalidades. É a melhor campanha da Seleção Itabunense no Intermunicipal em mais de 20 anos, apesar dos salários atrasados.

Os demais confrontos das oitavas de final da competição também foram definidos. Ibicaraí enfrentará Santo Amaro, Conceição do Coité pega Camamu, enquanto Valente encara Saubara. Euclides da Cunha terá pela frente a representante da Chapada, Itaberaba. Alagoinhas pega Itabela. Eunápolis encara Ipiaú.

DEPUTADO COBRA VALEC POR FECHAMENTO DE ESCRITÓRIO EM ILHÉUS

Valec é responsável pela Fiol || Foto Alberto Coutinho

Valec é responsável pela Fiol || Foto Alberto Coutinho

O deputado estadual Heber Santana (PSC) disse considerar estranha a decisão da Valec em fechar o escritório regional da empresa em Ilhéus. O fechamento foi revelado pelo PIMENTA ontem (relembre aqui). A empresa federal é responsável pela construção da Ferrovia de Integração Oeste-Leste (Fiol).

– O estranho é que, conforme divulgado pela mídia de Ilhéus, o trecho da ferrovia entre Jequié e Tanhaçu está com quase 90% da obras concluídas, enquanto no trecho Barra do Rocha/Ilhéus só 36% do projeto está concluído – disse o parlamentar.

Como informado por este site ontem (7), o fechamento do escritório em Ilhéus e a transferência das atividades da empresa para Jequié tiram da economia do município sul-baiano cerca de R$ 1,5 milhão, incluindo salários e impostos.

SEMINÁRIO DA FIEB DISCUTE IMPACTOS DA REFORMA TRABALHISTA NAS EMPRESAS

Seminário será realizado na sede do Sistema Fieb em Ilhéus || Foto Pimenta

Seminário será realizado na sede do Sistema Fieb em Ilhéus || Foto Pimenta

A Federação das Indústrias do Estado da Bahia (FIEB) promoverá, no dia 17 de outubro, em Ilhéus, o seminário Reforma Trabalhista e seu Impacto nas Empresas. O evento terá a participação do coordenador do Conselho de Relações Trabalhistas da FIEB, Homero Arandas.

Arands explicará as mudanças que entrarão em vigor a partir de novembro. Após a palestra será realizada uma mesa de debates. O evento é gratuito, com vagas limitadas.

As inscrições podem ser efetuadas pelo portal do Sistema FIEB (www.fieb.org.br). Mais informações podem ser obtidas pelo telefone (71) 3343-1479 ou pelo email capacitacaosindical@fieb.org..

POLÍCIA APREENDE EM ILHÉUS 16 QUILOS DE MACONHA EM CARRO DE LUXO ROUBADO

Polícia apreende drogas em carro de luxo em Ilhéus

Polícia apreende drogas em carro de luxo em Ilhéus|| Foto PC

Agentes da 7ª Coordenadoria de Polícia do Interior (Coorpin/Ilhéus) prenderam em flagrante, neste domingo (8), no bairro Nelson Costa, em Ilhéus, Cherly Ferreira Duarte e apreenderam um adolescente. A polícia informou ao PIMENTA que os dois transportavam maconha e cocaína em um veículo com restrição de roubo. Com Cherly, que é foragido da Justiça, também foram encontradas duas carteira de habilitação falsas.

Os criminosos utilizavam carteiras de habilitação falsas e um veículo Hyundai Santa Fé, placa NKP2169, quando foram surpreendidos pela polícia. Cherly Ferreira Duarte é foragido da delegacia de Barreiras e tem um mandando de prisão em Vitória da Conquista. Ele ainda tentou enganar os policiais, mas foi desmascarado.

Cherly e o adolescente foram apresentados na 7ª Coorpin/Ilhéus com o veículo, uma balança de precisão, dois cadernos com anotações de contabilidade do tráfico, 16,7 kg de maconha, 24 gramas de cocaína e duas habilitações falsificadas.

PARADA DA DIVERSIDADE LGBT DE ITABUNA É TRANSFERIDA PARA DEZEMBRO

Parada Gay deste ano será em dezembro

Parada LGBT em Itabuna deste ano será em dezembro || Foto PIMENTA/Arquivo

Dirigentes do Grupo Humanus de Itabuna adiaram para o início de dezembro a edição deste ano da Parada da Diversidade LGBT do Sul da Bahia. Eles não informaram os motivos da mudança de data do evento, que estava previsto para o dia 8 deste mês nas Avenidas Aziz Maron e Mário Padre.

Com a mudança, a programação da Parada da Diversidade LGBT em Itabuna começa em 1º de dezembro, Dia Mundial de Combate à AIDS. Nesta data também será realizada uma feira da saúde na Praça Olinto Leoni, com ações de imunização, além de exames HIV e testes DST/Aids. A atendimento contará com apoio da Secretaria da Saúde e Centro de Referência em Prevenção, Assistência e Tratamento (Cerpat), Vigilância Sanitária e Vigilância à Saúde.

O vice-presidente e fundador do Grupo Humanus, José Dantas Araújo, informa que a programação prossegue no sábado (2/12), com a realização do Miss Gay, na mesma praça, tendo como atrações os shows de Michelle Loren e Penélope Fortuna, ambas de Belo Horizonte.

Já a parada da diversidade será realizada no dia (3/12), nas Avenidas Mário Padre e Aziz, onde a prefeitura vai instalar banheiros químicos e palanque. Dantas destaca a importância da parceria com o governo municipal, bem como entidades da sociedade civil e empresas visando a captação de apoio e de recursos para o evento.

OBRAS DA NOVA PONTE DE ILHÉUS TÊM 27,5% CONCLUÍDOS; CONFIRA IMAGENS

Imagens captadas por Nazal neste domingo mostram evolução da obra

Imagens captadas por Nazal neste domingo mostram evolução da obra

As obras da ponte estaiada que ligará o centro à zona sul de Ilhéus já têm 27,5% concluídos, de acordo com dados obtidos pelo PIMENTA. Os números são da Superintendência de Infraestrutura de Transporte (SIT), do Governo da Bahia.

De acordo com a Superintendência, as obras estão dentro do prazo. A inauguração deverá ocorrer em setembro do próximo ano. Nesta segunda-feira (9), às 8h, o superintendente da SIT, Saulo Pontes, fará vistoria.

Obra será a primeira ponte estaiada da Bahia

Obra será a primeira ponte estaiada da Bahia

A construção da primeira ponte estaiada da Bahia, de acordo com o governo, custará R$ 95 milhões e desafogará o trânsito na área central de Ilhéus, que sofre com grande congestionamento  horários de pico e afeta fortemente o turismo ilheense na alta estação.

Neste domingo (8), o fotógrafo e vice-prefeito de Ilhéus, José Nazal, fez novas imagens aéreas que mostram a evolução da obra. Confira o andamento.

IMG-20171008-WA0052

IMG-20171008-WA0036

IMG-20171008-WA0076

IMG-20171008-WA0043

“DEM QUER INVIABILIZAR DUPLICAÇÃO [DA RODOVIA ILHÉUS-ITABUNA]”, DIZ ROSEMBERG

Rosemberg critica DEM e diz que Rui tira obra do papel

Rosemberg critica DEM e diz que Rui tira obra do papel

Após ser acusado de travar a liberação de R$ 600 milhões do Banco do Brasil para o Estado, o DEM baiano quer inviabilizar a assinatura do contrato que assegura a duplicação da Rodovia Ilhéus-Itabuna (BR-415), segundo o deputado estadual Rosemberg Pinto.

– O DEM não gosta do povo da Bahia, quer inviabilizar esta ação, mas o povo merece e vai estar presente na assinatura do contrato – disse o parlamentar e presidente da Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) da Assembleia Legislativa da Bahia (Alba).

Rosemberg lembra que a obra é prometida “há 40 anos”. E nunca saiu do papel. “Mas é no governo de Rui Costa que vamos ter uma nova estrada”. A obra tem prazo de execução de dois anos.

A assinatura do contrato está marcada para esta segunda (9), às 9h, na Avenida Juracy Magalhães, no Fátima (área do antigo Posto Cachoeira). A obra será executada pela OAS. Caso os prazos sejam cumpridos, deverá ser concluída em fevereiro de 2020. O investimento é de R$ 105 milhões.

Confira vídeo que mostra o projeto.

IMG-20171001-WA0033

SEMANA JURÍDICA DA FTC DISCUTE DIREITO PÚBLICO

Daniel Keller será um dos palestrantes da Semana Jurídica || Foto VNotícias

Daniel Keller será um dos palestrantes da Semana Jurídica || Foto VNotícias

Um simpósio de Direito Público marcará a 13ª Semana Jurídica da FTC de Itabuna, a partir desta segunda (9), na FTC (durante o dia) e no Terceira Via Hall (à noite). Serão três dias de discussões  sobre Direito, Governança, Políticas Públicas e os novos desafios do Poder Judiciário.

Entre os conferencistas do simpósio, estão especialistas, mestres e doutores como o promotor público Inocêncio de Carvalho, o juiz Raimundo Bezerra e o professor e escritor Daniel Keller, profesor do curso de Ciências Criminais da Universidade Federal da Bahia (UFBA), da Ucsal e da Uninassau.

As inscrições podem ser feitas pelo site https://www.sympla.com.br/xiii-semana-juridica-da-ftc__195460 até esta segunda. Promovida pela turma do 9º Semestre de Direito da FTC, a Semana Jurídica sorteará brindes e bolsas de estudos. Tem carga de 40 horas e certificação.

PROGRAMAÇÃO

O evento ocorre nos dias 9, 10 e 11. A programação será aberta na manhã desta segunda (9) pelo coordenador do curso de Direito da FMT e professor da FTC, Josevandro Nascimento, às 8h30min, seguido de palestra da advogada Lara Kauark, no auditório da FTC, na Praça José Bastos.

A programação da tarde, a partir das 14h, também será na FTC. À noite, a programação será concentrada no Terceira Via Hall, na Avenida J.S. Pinheiro, a partir das 19h, com palestras dos juízes Raimundo Pereira e Geraldo Calasans, além dos professores Antônio Raimundo e Paulo Bonfim. :: LEIA MAIS »

NA RETA FINAL PARA O ENEM, FOCO DEVE SER EM SIMULADOS E NAS NOTÍCIAS

Milhares de estudantes vão fazer a prova do Enem no sul da Bahia

Milhares de estudantes vão fazer a prova do Enem no sul da Bahia

Faltando menos de um mês para a primeira prova do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) deste ano, os estudantes que vão participar da seleção devem aproveitar os últimos dias para revisar o conteúdo e fazer provas anteriores e simulados, sem esquecer de ficar ligado nos noticiários para saber o que está acontecendo no país e no mundo.

Além de solidificar os conceitos, a resolução de simulados e de provas anteriores deve ser a principal estratégia de estudo nesses últimos dias, aconselha o professor de matemática Bruno Vianna, do Colégio Mopi, do Rio de Janeiro. Segundo ele, essa prática faz com que o aluno se acostume com o tempo que terá para analisar e responder a todas as questões no dia do Enem.

No Enem, o aluno tem que estar preparado para fazer uma prova nos moldes em que ele não está acostumado, pois é muito diferente das avaliações internas que as escolas costumam fazer. Os alunos não têm o costume de resolver 45 questões em um espaço grande de tempo”.

Na área de matemática, Vianna diz que os assuntos que vêm aparecendo com mais frequência no Enem são os do ensino fundamental, como geometria plana e proporcionalidade. “Seria bom focar nesses assuntos principalmente”.

O coordenador de biologia do Colégio Sigma, de Brasília, Alessandro Reis, diz que é importante a leitura de temas da atualidade, que são abordados com frequência no Enem.

O professor chama a atenção para assuntos ligados à ecologia, como o aquecimento global e os acordos internacionais sobre o clima, que envolvem também as relações internacionais. Outros assuntos da atualidade que podem ser abordados na prova, segundo o professor, são as ocorrências ligadas ao mosquito Aedes aegypti.

Reis também recomenda ao candidato a realização de provas anteriores, para aprender a gerenciar o tempo e identificar dificuldades. “Quando ele pega as provas anteriores para fazer, parte de exames reais e, com isso, ele consegue quantificar o tempo e ver onde encontrou mais dificuldades”.

REDAÇÃO

Para a redação, a sugestão dos professores é analisar provas passadas e trabalhar a compreensão dos temas que já foram propostos. A coordenadora de redação do Colégio Sigma, Carolina Darolt, sugere que os alunos analisem as cinco últimas provas, montando uma estrutura de argumentação, ou seja, analisando qual seria a tese apresentada diante do tema e quais seriam os argumentos. Ela também destaca a importância de o aluno estar atualizado com os noticiários.

:: LEIA MAIS »

A VIOLÊNCIA NOSSA DE CADA DIA

IMG_20171007_231314Maria Reis Gonçalves* 

 

A violência “nossa” de cada dia, antes de agredir aos outros, agride a cada um de nós, pois tira a nossa essência humana, nossa capacidade de entender o que é certo, o bonito, o real, o justo e a condição de sermos melhores. Ela se disfarça e, quando menos esperamos, bate à nossa porta.

 

Todos os os dias e em todos os meios de comunicação, não importando qual seja o que você está vendo ou lendo, sempre encontramos algo sobre um  crime. Hoje, a violência impera entre todas as outras noticias, até mesmo as dessa nossa política tão nefasta. São assaltos, assassinatos, agressões, roubos, alunos alvejados, professores agredidos, trabalhadores assassinados, pobres e ricos na mesma dança macabra da violência urbana. O repertório da violência é grande e os cenários diversificados. E, dentro dessa guerra sem fronteiras, o povo se sente impotente e desprotegido. E todos os dias ficamos sabendo de casos de barbárie, que se tornou onipresente em nosso cotidiano. Essa é uma oportunidade que temos para pensar o que está acontecendo com o ser humano. A violência sempre existiu e, consequentemente, é algo que faz parte da nossa vida. Para alguns estudiosos, a violência é um mal necessário para nossa estrutura, seja psicológica, física, social, sexual, etc.

Os estudiosos sociais nos falam que o Estado só consegue existir a partir do monopólio da violência. Porém, são as regras sociais, os direitos individuais que inibem a prática da violência e em troca acreditamos nas promessas do Estado como órgão zelador maior dos nossos direitos fundamentais, principalmente o direito à vida. Por isso, os assassinatos e homicídio causam tanta revolta no ramo do Direito e dos meios de comunicação. No entanto, essa promessa está a cada dia mais fragilizada. O Estado se deixou dominar e já não consegue alcançar determinados espaços no meio social. Seja por negligenciar o seu papel educacional, seja por falhas no papel econômico.

O Estado deixou que os chamados “Estados Paralelos” buscassem o domínio sobre essa violência que impera no nosso meio, fora a ganância, a vaidade, a luta pelo poder que tomou conta dos responsáveis por legislar as Leis do nosso país e com isso começaram a aparecer as milícias. Elas são consequências da não presença do Estado protetor, assim o povo passou a se submeter à lei dos mais fortes – e hoje os mais fortes são os bandidos, que – bem armados, matam, estupram, roubam, agridem e sobrevivem na impunidade.

A violência desenfreada que vivemos talvez seja o sintoma mais claro da nossa degradação moral. E a população já não consegue aguentar mais, ninguém aguenta esse empurra, empurra sobre quem é o responsável por coibí-la. O povo começa a pedir socorro e até agora não conseguiu respostas. Sabemos que todos nós temos a nossa culpa em relação à violência, e essa certeza é que nos une, na tentativa de solucionar o problema, por meio de leis mais rígidas e atuações mais profícuas da justiça, punindo ou prevenindo novas ondas de terror. A violência “nossa” de cada dia, antes de agredir aos outros, agride a cada um de nós, pois tira a nossa essência humana, nossa capacidade de entender o que é certo, o bonito, o real, o justo e a condição de sermos melhores. Ela se disfarça e, quando menos esperamos, bate à nossa porta. Porém, devemos tratá-la como indesejável. E nunca esquecer os nossos valores morais, nossa honra e a nossa humanidade.

Maria Reis Gonçalves (Tia Nem) é psicóloga comportamental e docente.

alba



WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia