Juliana Melo, especialista em Neuropsicologia, foi uma das palestrantes da Jornada

Coordenador da Associação Cultural Brasil-Estados Unidos (ACBEU) há mais de 20 anos, o educador Léo Costa abriu a Jornada Pedagógica da Escola Curumim, de Itabuna. Abordando leis sistêmicas, ele apresentou o conceito de pertencimento, ordem e equilíbrio no ambiente escolar.

A Jornada Pedagógica da Escola Curumim será encerrada nesta sexta (2) e aborda o tema “O Mundo que habito”. “Buscamos abordar o papel do singular e do plural coletivo na transformação da sociedade no atual contexto em vivemos e o papel da escola”, contextualizou Sandra Schneider, pedagoga, especialista em educação infantil e uma das coordenadoras do evento.

O evento também teve a participação da pedagoga Gleisy Vieira Campos, especialista em educação infantil pela Universidade Estadual de Santa Cruz (Uesc) e mestrado pela Universidade Federal de Uberlândia, em Minas Gerais. Ela desenvolveu o tema Didática o professor em seu mundo-sala de aula. Já a professora e psicóloga Raquel Prudente, abordou o tema Estratégias para trabalhar Inclusão em sala de aula. Foi realizado o mapeamento da inclusão pela escola, que há 27 anos está instalada na cidade sul baiana.

Nesta sexta, será realizado o Plano de Metas e Ações por área e segmentos durante todo o dia. A jornada pedagógica 2018 teve ainda o apoio, na coordenação, dos educadores Alcineia Franciscone, pedagoga e especialista em educação infantil, e Tcharly Briglia, da área de Letras, e de todo o corpo acadêmico da escola.