WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
cenoe





setembro 2018
D S T Q Q S S
« ago   out »
 1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
30  

editorias





itao bebeto

OAB RECEBE DENÚNCIA DE AGRESSÃO A JOVENS E A ADVOGADA NO CENTRO DE CULTURA DE ITABUNA

Durante reunião da subseção da OAB de Itabuna ontem (19), o advogado Jorge Almeida apresentou denúncia de agressão e repressão a jovens e a uma advogada no Centro de Cultura Adonias Filho (CCAF), em Itabuna. A agressão ocorreu na noite de terça (18), quando grupo ligado ao presidenciável Jair Bolsonaro promovia reunião político-partidária dentro do Centro de Cultura no período eleitoral, o que é proibido pela legislação.

Jorge foi um dos advogados que estiveram na noite de terça (18) para atender os jovens que sofreram ameaças e acabaram detidos e levados para o Complexo Policial de Itabuna por estarem cantando no Centro de Cultura. O som, de acordo com um dos integrantes do grupo favorável a Bolsonaro, estaria atrapalhando a reunião, motivo que levou um policial a ir em direção aos jovens para tirar satisfações, conforme vídeos e áudios, dando início à confusão. No complexo, o policial disse ter sido agredido. Confira vídeo da denúncia feita pelo advogado Jorge Almeida.

Ainda na delegacia, os jovens e os partidários fizeram espécie de armistício, evitando representação ao Ministério Público Estadual (MP-BA). Jorge fala da pressão psicológica sofrida pelo grupo de capoeiristas e artistas e do tratamento dispensado a uma advogada, que foi detida e lançada no camburão mesmo após se identificar, de acordo com Jorge. Na noite posterior à confusão e uso de aparato policial no Centro de Cultura, os jovens decidiram protocolar denúncia contra o grupo de apoio ao presidenciável.

O episódio mobilizou apoios para os jovens. A Secretaria de Cultura da Bahia (Secult) foi acionada para investigar o uso político-eleitoral do Centro de Cultura Adonias Filho. De acordo com denúncia, seria a terceira vez que o grupo ligado a Jair Bolsonaro se reunia no CCAF para traçar estratégias da candidatura presidencial no sul da Bahia.

6 respostas para “OAB RECEBE DENÚNCIA DE AGRESSÃO A JOVENS E A ADVOGADA NO CENTRO DE CULTURA DE ITABUNA”

  • Antonio Lins says:

    Estavam com drogas. A reportagem não cita isso, né?

    Da Redação: Essa informação não consta no Boletim de Ocorrência, sr. Antonio Lins.

  • Dayse says:

    o site poderia ser mais imparcial.Sempre mostra a versão dos partidários da esquerda, que sempre se fazem de vítimas.

  • Karoline says:

    A lei n° 9.504 de 30 de setembro de 97 proíbe que instalações públicas sejam utilizadas com fins partidários.
    A coordenação do Centro de Cultura Adonias Filho(CCAF), não autorizou a reunião dos apoiadores do #EleNão no espaço.
    Mas, mesmo com tudo isto estes elementos, em desacordo com a lei e com as decisões da coordenação do CCAF, realizaram sua reunião. O vídeo abaixo mostra as lideranças do PSL discutindo suas estratégias para as eleições, antes dos artistas presentes começarem a se manifestarem contra isso, tocaram e cantaram para incomodar mesmo, para mostrar que aquele é um espaço de cultura, de criação e execução, e não de conspiração para eleger fascista que quer acabar com a cultura. Vejam o vídeo, vejam as pessoas de bem e os defensores da família e dos bons costumes INFRINGIDO A LEI, DESACATANDO A ORDEM DE UM SERVIDOR PÚBLICO QUE NÃO AUTORIZOU A REUNIÃO. Estas pessoas, por terem em seu meio policiais acreditam que estão acima da lei, e ontem deram uma verdadeira demonstração do que é um estado policialesco.

    Áudio do policial apoiador do #EleNão onde ele afirma que

    “Um viadinho começou a cantar músicas de cunho ofensivo para gente, chamando a gente de misognio, fascista, racista, sexista, homofobico[…]
    Daqui a pouco foi chegando gente, foi chegando gente perto dele, e fazendo coro com ele e tava me atrapalhando, eu tava bem falando, chegou um momento que tava tão alto que eu não aguentei, eu tenho pavio curto mesmo, não adianta, não consigo conviver em harmonia com pessoas que desrespeitam o meu direito, a minha liberdade de expressar-me. Não consigo.
    Então o cara foi invasivo comigo, ele já tomou no cú, já se fudeu, ai eu levantei e fui quebrar ele, e ai começou toda a putaria[…]”.

    Ouça o aúdio completo aqui: https://vocaroo.com/i/s0i1rkssrRBe

    Vídeo da agressão: https://www.youtube.com/watch?v=OGz5ddfhvDI

    Peço a todos e todas, que compartilhem esse post, não só aqui no facebook, mas no whatsapp e em todas redes sociais, precisamos mostrar quem são essas pessoas, o que elas fazem e até onde podem chegar. Vai ser necessário alguém morrer para gente se juntar e enfrentar esse povo?
    #ELENÃO #ELENUNCA

  • ADVOGADO ATENTO says:

    A OAB utilizando o discurso minimalista como de costume, sempre em período pré- eleição institucional.
    Quanto ao caso, depois de assistir o vídeo sobre o ocorrido, tive a certeza que não poderei estar no Centro de Cultura com minha família, pois, segundo relatos lá é lugar de “viado”, “sapatão” e “maconheiro” e gente de bem deve se manter fora do mencionado espaço público.
    Aff!!!! Precisamos evoluir muito!!!

  • Carlos says:

    Antonio Lins,

    Prezado Sr. Antonio Lins, o ônus da prova cabe a quem acusa. Nenhuma da vitimas dos policiais estavam com drogas, mas já que afirma isto, prove!

  • Laize says:

    Gregory prejudicou todo mundo com a arrogância e insensatez.

Deixe seu comentário






WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia