Hilton Coelho: fechamento da Infaz em Ilhéus é erro absurdo

O deputado estadual eleito Hilton Coelho (PSOL) classificou como “um ataque a Canavieira, Ibirapitanga, Ilhéus, Itacaré, Maraú, Ubaitaba, Una e Uruçuca” o fechamento da Inspetoria da Fazenda em Ilhéus (Infaz). Para Hilton, que assume mandato de deputado na próxima sexta (1º), a ação do governador Rui Costa “é um grave erro que precisa ser corrigido”.

O deputado eleito se comprometeu com Jorge Luiz, dirigente do PSOL em Ilhéus, a acompanhar de perto a situação para impedir o fechamento da Inspetoria da Sefaz. Para ele, o ato é um erro absurdo. “Há um enorme potencial econômico e a manutenção da Infaz é fundamental. Setores econômicos do município reclamam, pois agora terão que se deslocar a Itabuna para resolver suas demandas”.

Segundo Hilton, a Inspetoria em Ilhéus é pioneira da Sefaz no interior do Estado. “Nos tempos áureos da cacauicultura, o município chegou a representar 30% de toda arrecadação da Bahia. Nos últimos anos, a cidade vem recuperando sua importância econômica, com forte investimento nas áreas de agricultura, indústria, turismo e comércio”. Segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), o município tem o maior PIB do sul da Bahia.