WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia




alba








fevereiro 2019
D S T Q Q S S
« jan   mar »
 12
3456789
10111213141516
17181920212223
2425262728  

editorias





itao






ESTUDANTES MADRUGAM EM FILA DA AETU, MAS NÃO CONSEGUEM REVALIDAR OU FAZER CARTÃO

Centenas de pessoas madrugaram na fila, mas não conseguiram fazer ou renovar cartão

Usuários do transporte coletivo de Itabuna estão sendo obrigados a madrugar em frente à Associação das Empresas de Transporte Urbano  (Aetu) para revalidar ou fazer o cartão estudantil, o Itabuna Card, que dá direito à meia-passagem. A associação das empresas de ônibus somente libera 130 senhas diárias, 30 delas preferenciais, além de 58 por agendamento, para atender a toda a cidade em um momento de início das aulas em escolas e universidades públicas e privadas.

Nesta terça-feira (19), somente conseguiu senha para atendimento quem chegou antes das 5h. Eram 7h30min quando, pelo menos, 150 pessoas voltaram para casa sem poder revalidar ou fazer um novo cartão. Foi quando receberam a notícia do atendente de que a AETU não tinha mais senhas. “Estava muita bagunçado”, afirma o estudante Guilherme Oliveira.

Outro estudante que entrou em contato com a redação do PIMENTA disse, revoltado, que a limitação de apenas 100 senhas por dia para atender a milhares de pessoas “cheira a esperteza das empresas”. Quem não consegue fazer ou revalidar o cartão, é obrigado a pagar o valor integral da passagem – R$ 3,00. A falta de segurança pública para quem madruga na fila da AETU é outra reclamação dos estudantes e pais e responsáveis.

OUTRO LADO

Ao PIMENTA, a gerente da Aetu, Valéria Figueiredo, disse que há a opção do estudante, pai ou responsável agendar o atendimento pelo site da associação ou por telefone. Novos agendamentos, porém só estão disponíveis a partir de 15 de março, quase um mês após o início das aulas nas redes estadual e privada. “São 58 agendamentos por dia”, explicou Valéria. Até lá, é obrigado a pagar a passagem inteira.

A gerente da unidade da Aetu disse que não há como ampliar o número de atendimentos diários, pois a associação não teria capacidade. “Infelizmente, se demandasse mais senhas, não teria como atender”, disse ela, explicando que cada senha não significa apenas atendimento a um aluno, mas de todos de uma família que precisem revalidar ou fazer novo cartão. Abaixo, vídeo mostra extensão da fila. A maioria ficou sem atendimento.

 

1 resposta para “ESTUDANTES MADRUGAM EM FILA DA AETU, MAS NÃO CONSEGUEM REVALIDAR OU FAZER CARTÃO”

  • Nestes 18 anos de PT no Brasil,alguém viu melhorar um pouquinho se quer a dignidade das pessoas mais humildes,hospitais públicos,escolas públicas? Há 2O anos este comentarista acreditava,uma vez ascensão de um trabalhador,humilde chegar ao poder.

    É verdade que tudo piorou,o abismo agigantou-se,as filas e humilhação apoderou-se do Brasil de vez,és o Brasil real,verdadeiro visto na frete de todos,pegar uma ficha médica as pessoas dorme ao relento numa fila,veja no TRE,idem,veja esta foto de transporte público.

    O poder público existe regra e deve ser seguido,não importa ser rico ou podre
    seu olhar é para todos,porém,convenhamos que volte o olhar para aqueles que mais
    precisa do poder público.

    Olhe se existe nesta fila,pais de colégio particular? Olhe se existe na fila do
    TRE pessoas ricas? Olhe se existe ricos dormindo ao relento na fila para assegurar matricula do filho(a) e outras….

    Na Bahia os segurados do PLANSERV estão quase se igualando o princípio da isonomia,dormindo na fila feito relento para conseguir um médico ou fazer uma consulta.

    A filosofia de determinada ideologia política é manter a miséria de uma geração,
    segundo essa teoria é mais fácil a dominação. Todavia,manter a propaganda escondendo a realidade e falsear a mentira,isso mesmo,foi uma realidade nestes
    últimos 18 anos de Brasil e 12 de Bahia.

Deixe seu comentário








WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia