Cocaína avaliada em meio milhão é apreendida pela polícia baiana

Policiais da Delegacia de Tóxicos e Entorpecentes (DTE) de Feira de Santana apreenderam um carregamento de cocaína pura avaliado em meio milhão de reais. Cinco integrantes de uma organização criminosa com atuação em pelo menos dois estados acabaram presos em flagrantes.

De acordo com a Secretaria de Segurança Pública da Bahia (SSP-BA), as ações de inteligência e diligências para desarticular a quadrilha se iniciaram em dezembro de 2018 quando um taxista e outro homem foram surpreendidos por uma guarnição da PM com R$ 364 mil.

Dando prosseguimento, na sexta-feira (29), os policiais civis acompanharam Ronaldo Vitorino da Silva e Gabriela Menezes Santos de Feira de Santana até a divisa da Bahia com Sergipe, pela Linha Verde. Chegando no estado vizinho, o veículo modelo Strada, placa PKF-4601, pilotado pela dupla foi conduzido para outro local.

Depois de um determinado momento o automóvel foi devolvido ao casal. Eles retornaram à Bahia e se hospedaram, no início da manhã de sábado, em um motel na cidade de Feira de Santana. Quando Ronaldo e Gabriela saíram do estabelecimento foram abordados por equipes da DTE/Feira de Santana.

BEM ESCONDIDA

No painel e portas do veículo, após busca minuciosa, os policiais civis encontraram 160 discos de cocaína pura. “Por meio do nosso trabalho de campo identificamos, nos últimos meses, a circulação de um entorpecente denominado Benti.

O valor encontrado no táxi e as ações de inteligência culminaram na localização desta droga pura e valiosa, além do desmonte da organização criminosa”, destacou a titular da DTE/Feira de Santana, delegada Klaudine Passos.

Além de Ronaldo e Gabriela, acabaram presos também Francisco Pinheiro da Cruz, Marcela Rodrigues do Vale e Adriana Rodrigues do Vale. O quinteto foi autuado por tráfico de drogas e associação criminosa. “Continuamos investigando possíveis ramificações do grupo”, avisou Klaudine.