WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia


alba










maio 2019
D S T Q Q S S
« abr   jun »
 1234
567891011
12131415161718
19202122232425
262728293031  

editorias






:: maio/2019

SINEBAHIA OFERECE 40 VAGAS EM ITABUNA, ILHÉUS E JEQUIÉ NESTA SEGUNDA-FEIRA (20)

Em Ilhéus, são 9 oportunidades de emprego no Sinebahia nesta segunda

O começo de semana tem vagas de emprego para quem reside nos municípios de Jequié, no sudoeste, e Itabuna e Ilhéus, no sul da Bahia. São oportunidades oferecidas pelas unidades do SineBahia, nesta segunda-feira (20) nestas localidades. A maioria das vagas é ofertada em Itabuna (23), seguida por Ilhéus (9) e Jequié (8).

Os interessados devem procurar o SineBahia. Quem ainda não possui cadastro, deve apresentar carteiras de Trabalho e de Identidade (RG), CPF, PIS/Pasep e comprovantes de residência e de escolaridade. Caso seja pessoa com deficiência (PCD), é necessário apresentar laudo médico. Clique no Leia Mais, a seguir, e confira quais são as vagas oferecidas para esta segunda-feira. :: LEIA MAIS »

REFORMA DA PREVIDÊNCIA: PRESIDENTE DE COMISSÃO E RELATOR DA PROPOSTA DEBATEM NA BAHIA

Leal: Assembleia traz presidente de comissão e relator para debater Reforma da Previdência

A Assembleia Legislativa da Bahia debate a Reforma da Previdência, nesta segunda (20), a partir das 9h30min. O presidente da comissão especial da Câmara Federal, deputado Marcelo Ramos(PR-AM), e o relator, deputado Samuel Moreira(PSDB-SP), confirmaram suas presenças nesta sessão especial convocada pela Mesa Diretora da Alba no exato momento em que o parlamento busca ampliar protagonismo frente à proposta encaminhado ao Congresso pelo presidente Jair Bolsonaro.

Para o deputado Nelson Leal, “é indispensável a participação de todos os representantes dos brasileiros e da sociedade civil nessa grande discussão, determinante para que saíamos desse período de incerteza econômica e voltemos a crescer, gerar emprego e renda – mas, especialmente, porque a decisão que será tomada agora definirá o nosso futuro e o futuro de nossos filhos”.

O presidente da Assembleia Legislativa baiana diz que trazer até a Bahia os líderes da comissão especial que apresentará um projeto de reforma para votação no plenário da Câmaras “é uma ótima oportunidade para que a representação baiana no estado dê a sua opinião e conheça com maior profundidade esse tema tão vital”.

RÁDIOS COMUNITÁRIAS PROMOVEM ENCONTRO REGIONAL EM ILHÉUS

Encontro de representantes das rádios comunitárias ocorreu em Ilhéus

A seção Bahia da Associação Brasileira de Rádios Comunitárias (Abraço) promoveu na noite deste sábado (18), em Ilhéus, o I Encontro de Rádios Comunitárias da Região Sul. O evento reuniu representantes de cerca de 40 emissoras para debater temas como renovação de outorga, novas tecnologias, jornalismo regional, marco regulatório e legislação de rádios comunitárias.

Segundo o presidente da Abraço Bahia, Jairo Brito, “o evento é importante para orientar sobre as novas normas do Ministério das Comunicações, integrar as emissoras e fortalecer a comunicação regional”.

O secretario de Comunicação do Estado da Bahia, André Curvello, participou de uma transmissão ao vivo, via internet. Ele destacou o compromisso do Governo do Estado com a democratização do acesso à informação e à valorização da mídia regional, um importante canal de comunicação junto à comunidade baiana.

SEIS PESSOAS SÃO MORTAS EM CHACINA EM LAURO DE FREITAS

Vários imóveis foram atingidos por tiros na chacina || Foto Cid Vaz/Rede Bahia

Seis pessoas, incluindo dois adolescentes, morreram baleadas em Lauro de Freitas, região metropolitana de Salvador, na noite de sábado (18). Segundo a delegada Quitéria Maria Neta, que registou o crime, quatro homens a bordo de um carro atiraram em Pablo Ferreira dos Santos, 15 anos, na Travessa Santo Antônio, por volta das 19h. Após balear o adolescente, o grupo seguiu com o veículo para a Rua Boca da Mata.

Ainda de acordo com a delegada, ao chegar no local, os homens dispararam contra tia e sobrinhos, Raimunda dos Santos, 35 anos, Raiane Santos, 12, e Guilherme da Silva, 19, que estavam na porta de casa. Na ação, Arthur Moreira, 23, e Rogério da Silva, 36 anos, que estavam no local, também foram baleados.

A delegada ainda informou que o Samu foi até o bairro e encaminhou as vítimas para o Hospital Menandro de Faria, na mesma cidade, mas elas não resistiram aos ferimentos.

Segundo a Polícia Militar (PM), agente policias fizeram rondas pela região, mas ninguém foi localizado. Até a manhã deste domingo (19), ninguém havia sido preso. Não há informações sobre motivação e autoria do crime. O caso é investigado pela 34ª Delegacia de Portão. Do G1-BA.

AS FEIRAS E OS FESTIVAIS LITERÁRIOS NO BRASIL E NA BAHIA

Efson Lima || efsonlima@gmail.com

 

É significativo se pensar que o desafio das feiras literárias é não ser apenas meros eventos. É imperativo que dialoguem com escolas, instituições de ensino superior, profissionalizantes.

 

Nos últimos anos, mesmo o Brasil sendo um país de poucos leitores e o mercado editorial em crise como a registrada em 2018, as feiras, festivais e bienais de livros têm se avolumando e semeado uma esperança literária.  Os termos “feira”, “festival”, “bienal”, “salão” e “jornada” são algumas diferentes nomenclaturas que se espalham pelos territórios brasileiros e mundiais para designar esses momentos mágicos da literatura, da produção, da difusão do livro e da chama acesa da cultura.

As bienais internacionais do livro no Rio de Janeiro e em São Paulo são marcas deste fenômeno, que tem ultrapassado os anos, respectivamente, a do Rio será a 29º neste ano e a de São Paulo caminha para a 26ª edição em 2020.  Sendo a Bienal do Rio tida como o maior do gênero no país, surgindo em 1983.

Para termos uma dimensão desses eventos, acabou de acontecer o FliPoços (Festival Literário Internacional de Poços de Caldas) em Minas Gerais. Lá, o evento alcançou a 14ª edição neste ano.  O Festival superou as expectativas, mais de 90 mil pessoas compareceram. O balanço final de vendas apontou que os 80 expositores, juntos, venderam R$ 2,2 milhões e estiveram disponíveis mais de 100 mil títulos diferentes nos estandes da Feira.

A Festa Literária Internacional de Paraty (FLIP), talvez, na atualidade, a mais famosa das feiras e festivais literários no Brasil, já tem programação definida para sua 17ª edição. A Festa se tornou um lugar privilegiado para reviver grandes escritores, bem como possibilitar uma interação entre escritores e leitores. É também momento para possibilitar a vinda de grandes escritores internacionais.

Por sinal, o intercâmbio cultural não deve ser entendido como um problema, mas uma solução para o pensamento tacanho. É uma janela para o multiculturalismo que tem se apresentado como uma das facetas da contemporaneidade.  A FLIP neste ano homenageia o escritor Euclides da Cunha. Justiça seja feita, é oportunidade para reverenciar o livro Os Sertões, que, sem dúvida, é uma das obras primas da literatura em língua portuguesa.

Nesse cenário positivo de festivais literários, a Bahia se destaca, pois são realizados alguns eventos dessa natureza, como a Flica, FliPelô, o Flios e cada uma buscando se afirmar em um cenário de poucos recursos. É óbvio que sentimos falta da Bienal do Livro do Estado.  Mas, enquanto a Bienal não retorna, temos os eventos literários que pipocam nas praças, nas ruas, nos bares, nas cidades.

É neste cenário de feiras literárias que a Bahia celebra duas grandes ações: a Flica e a FliPelô. A primeira se aproximando de uma década, a segunda em processo de construção da terceira edição que acontecerá em agosto deste ano no Pelourinho, em Salvador. A área se transforma, os espaços destinados aos debates, palestras, lançamentos de livros são tomados pelo público. Agosto não é mais o mês do desgosto, pelo menos em Salvador, para a literatura, os escritores e leitores baianos.

A Festa Literária Internacional de Cachoeira (Flica) desde 2011 é realizada. Ela caminha para sua nona edição. Geralmente, acontece no mês de outubro. Foi assim que a cidade de Cachoeira, no Recôncavo, ganhou alguns minutos no Jornal Nacional, da Rede Globo, no ano passado. Inclusive, a Flica é hoje o principal evento da cidade. À margem do Rio Paraguaçu, com a ponte metálica (símbolo da Feira), com as subidas e descidas dos saveiros lutando para não desaparecer e com as bênçãos senhoras fervorosas Senhoras da Boa Morte, os moradores de Cachoeira têm recebido mais de 30 mil pessoas. Clique no Leia mais e leia a íntegra do artigo. :: LEIA MAIS »

MAIS DE 70% DOS CASOS DE VIOLÊNCIA SEXUAL CONTRA CRIANÇAS OCORREM DENTRO DE CASA

Segundo estudo, mais de 70% dos casos ocorrem dentro de casa

Dados do Disque 100 mostram que, só no ano passado, foram registradas um total de 17.093 denúncias de violência sexual contra menores. A maior parte delas é de abuso sexual (13.418 casos), mas há denúncias também de exploração sexual (3.675). Só nos primeiros meses deste ano, o governo federal registrou 4,7 mil novas denúncias. Os números mostram que mais de 70% dos casos de abuso e exploração sexual de crianças e adolescentes são praticados por pais, mães, padrastos ou outros parentes das vítimas. Em mais de 70% dos registros, a violência foi cometida na casa do abusador ou da vítima.

“Há uma cultura dos maus-tratos no país, e a gente precisa implementar a cultura dos bons tratos às crianças e aos adolescentes, os bons tratos em família”, afirma Petrúcia de Melo Andrade, secretária nacional dos Direitos da Criança e do Adolescente do Ministério da Família, Mulher e Direitos Humanos. A secretária cita o Estatuto da Criança e do Adolescente para ressaltar a responsabilidade da família nos cuidados dos menores de idade, e pede maior envolvimento.

“É uma campanha que envolve a família. Quando a gente resgata o Artigo 227 [do Estatuto da Criança e do Adolescente], no topo do cuidado da criança e do adolescente, está primeiro a família, em segundo a sociedade em geral e, por último, o Estado. Então, esse é o momento dessa família trazer seus filhos e estar no cuidado com eles. Momento de confraternização e alegria e, ao mesmo tempo, trazer essas crianças para um reflexão de um crime que o Brasil não pode suportar”, acrescenta.

ENSINAR AS CRIANÇAS

Para Adriana Faria, subsecretária de Políticas para Crianças e Adolescentes da Secretaria de Justiça do DF, as crianças, em boa parte dos casos, não têm noção do que é o abuso sexual. “Aquilo incomoda, ela geralmente sabe que aquilo é errado, mas não necessariamente que é um abuso sexual que precisa ser denunciado. A gente precisa criar mecanismos para que elas conheçam o próprio corpo, saibam proteger o próprio corpo e saibam identificar que tem algo de errado e como elas podem buscar ajuda, justamente porque muitas vezes acontece dentro de casa e não dá para procurar nem pai, nem mãe. Tem que saber procurador um professor na escola, ou um conselho tutelar”, explica.

A autônoma Daíza Vaz Cortella participou da corrida com a filha Elisa, de 5 anos. Ela também concorda que é preciso educar as próprias crianças para se prevenirem da violência, e os pais não podem ter vergonha de abordar a educação sexual com os próprios filhos.

“Nós, pais, temos sim que conversar com nossas crianças e explicar sobre os perigos, esclarecer sobre as partes íntimas, como identificar um abuso. Não podemos ter vergonha de educar as crianças com essa consciência”, diz.

Ao lado do filho Pedro, de 7 anos, Maria de Fátima Sampaio era só sorrisos e um pouco de cansaço após correr cerca de 250 metros empurrando a cadeira de rodas da criança, que tem paralisia cerebral. Para ela, crianças com deficiência são ainda vulneráveis a situações de abuso e violência sexual e, nesse sentido, a conscientização do núcleo familiar e a capacitação de profissionais da educação e conselhos tutelares é crucial para o enfrentamento do problema.

“As crianças especiais, muitas vezes, ficam mais vulneráveis porque não têm os mesmos mecanismos de defesa que outras. Por isso, o envolvimento da família, dos pais, da escola e Poder Público é fundamental”, afirma.

BAHIA: SAI A PROMOÇÃO DE 22,7 MIL PROFESSORES DA REDE ESTADUAL

Professores da rede estadual obtêm promoção de carreira

O Governo do Estado, por meio da Secretaria da Educação, publicou neste sábado (18), no Diário Oficial, a progressão nos graus da carreira de 22.763 educadores da rede estadual de ensino. Com o mesmo objetivo, também foi publicada a mudança de padrão por conclusão de cursos de pós-graduação (especialização, mestrado e doutorado) de 754 educadores, sendo 731 professores e 23 coordenadores pedagógicos (abaixo, clique no link e confira lista completa, a partir da página 17).

CLIQUE E CONFIRA AQUI

Ao todo, de 2015 a 2019, já foram concedidos pelo Estado mais de 100 mil benefícios, como gratificação de estímulo ao aperfeiçoamento profissional, promoção nos graus e progressão funcional por avanço vertical na carreira do magistério público estadual dos Ensino Fundamental e Médio.

A progressão da carreira contempla os 22.763 professores e coordenadores pedagógicos que concluíram o curso on-line “Uso Pedagógico de Tecnologias Educacionais”, ofertado na modalidade à distância no ambiente virtual da Universidade Federal da Bahia (UFBA).

Com a promoção no grau da carreira do magistério, os educadores tiveram um ganho real de 14% no vencimento básico, divididos entre os anos de 2018 e 2019, sendo que 6% da promoção foram antecipados pela inscrição do modulo II, em setembro de 2018. O investimento total do Estado com a medida gira em torno de R$ 348 milhões.

HIPERTENSÃO ATINGE 24,7% DOS BRASILEIROS QUE RESIDEM EM CAPITAIS; VEJA COMO SE PREVENIR

Hipertensão afeta praticamente um quarto dos moradores de capitais no Brasil

Uma pesquisa do Sistema de Vigilância de Fatores de Risco e Proteção para Doenças Crônicas por Inquérito Telefônico (Vigitel 2018) mostrou que a hipertensão atinge 24,7% dos moradores das capitais do Brasil. Do grupo de entrevistados, 60,9% de pessoas com mais de 65 anos disseram ser hipertensas. É o grupo mais significativo. Entre os entrevistados com idades entre 45 e 54 anos, 49,5% afirmaram ter hipertensão. Os dados foram divulgados hoje (17), no Dia Mundial da Hipertensão. O Vigitel 2018 entrevistou 52.395 pessoas nas capitais brasileiras.

Além disso, a pesquisa mostra que a doença, também conhecida como “pressão alta”, atinge mais pessoas no Rio de Janeiro, Maceió, João Pessoa e Vitória. Já São Luís, Porto Velho, Palmas e Boa Vista são as capitais com menor incidência de hipertensão entre seus habitantes.

Dados preliminares do Sistema de Informações de Mortalidade (SIM) do Ministério da Saúde mostram que, em 2017, o Brasil registrou 141.878 mortes devido a hipertensão ou a causas relacionadas a ela. Isso significa que 388,7 pessoas morreram a cada dia. Segundo o ministério, grande parte dessas mortes é evitável e 37% dessas mortes são precoces, ou seja, em pessoas com menos de 70 anos de idade.

O sal de cozinha é um dos maiores vilões da pressão alta. Isso porque o seu principal componente é o sódio, presente também em alimentos industrializados. Dados do ministério revelam ainda que, embora 90% dos homens e 70% das mulheres consumam mais sal do que o máximo recomendado, 85,1% dos brasileiros adultos consideram seu consumo de sal adequado.

PREVENÇÃO E TRATAMENTO

Para o combate à hipertensão, o ministério recomenda a adoção de um estilo de vida saudável desde a infância até a terceira idade e a realização dos exames de saúde pelo menos uma vez no ano. A prática de exercícios físicos é outro hábito recomendado pela pasta.

Atualmente, o Sistema Único de Saúde (SUS) fornece medicamentos para hipertensão em unidades básicas de saúde e em cerca de 31 mil unidades farmacêuticas credenciadas ao programa Farmácia Popular.

Para retirar os remédios, é preciso apresentar um documento de identidade com foto, CPF e receita médica dentro do prazo de validade (120 dias). A receita pode ser emitida por um profissional da rede pública ou de hospitais e clínicas privadas.

PASSEATA MOBILIZA PROTEÇÃO A CRIANÇAS E ADOLESCENTES CONTRA EXPLORAÇÃO SEXUAL

Crianças e adolescentes participaram de evento em Ubaitaba

Dezenas de crianças e adolescentes da rede municipal de ensino de Ubaitaba caminharam pelas avenidas e ruas centrais de Ubaitaba para alertar a sociedade sobre o abuso e exploração sexual.  O evento foi promovido pela Prefeitura, por meio do Centro de Referência Especializado de Assistência Social (Creas), vinculado à Secretaria de Assistência Social, Promoção e Trabalho (Seast).

 A caminhada integrou as ações da Campanha de Enfrentamento ao Abuso e Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes, em parceria com o Conselho Tutelar e demais instituições da rede de proteção à criança e ao adolescente.

MULHER É PRESA POR TRÁFICO DE DROGAS E CORRUPÇÃO DE MENORES

Mulher foi presa por tráfico de drogas e corrupção de menores

Uma mulher de 52 anos foi presa por tráfico de drogas e corrupção de menores, ontem (16), em Nova Viçosa, no extremo-sul da Bahia. Naide Aymores da Soledade estava com 232 pedras de crack. A prisão e apreensão foi feita por equipes da Polícia Civil e do Pelotão de Emprego Tático Operacional (PETO) da 89ª Companhia Independente da Polícia (CIPM/Mucuri).

Segundo o delegado Marco Antônio de Oliveira Neves, Naide confessou que atuava no tráfico de drogas da região e que trabalhava para o traficante conhecido como ‘Coroa ou Bujão’, que está preso no Conjunto Penal de Teixeira de Freitas.

Ainda de acordo com o delegado, a criminosa mantinha um relacionamento com uma adolescente, que trocava sexo por drogas. Naide foi autuada em flagrante por tráfico de drogas e corrupção de menores. Na ação foram apreendidos 232 pedras de crack, R$ 492 e um aparelho de celular.

EXERCÍCIO DA CIDADANIA É O FOCO DE CAMPANHA DA RCM PARA A CÂMARA

Rui Carvalho, Rafael Del Rey e Joice Silva compõem o criativo da RCM Propaganda

Campanha quer aproximar cidadão e reforçar que ele tem voz na “Casa do Povo”

A RCM é a agência responsável por desenvolver a nova campanha de mídia da Câmara de Vereadores de Itabuna. A ação, conforme o publicitário Rui Carvalho, busca estimular uma mudança de postura do cidadão itabunense, fazendo com que ele, ao exercer a cidadania, participe ativamente dos eventos políticos da cidade.

“O objetivo é fazer com que a mudança de postura aconteça. A intenção é aproximar os vereadores e a população, para que a comunidade participe mais das atividades legislativas”, disse Rui Carvalho, responsável pela campanha.

“A pegada criativa da campanha afirma que na Câmara de Itabuna o cidadão tem voz e força, estimulando a sua participação nas sessões, que é uma forma de mostrar a força da sua voz”, afirma. A equipe de criação é formada por Joice Silva como redatora; Rafael Del Rey, designer gráfico, e Rui Carvalho na direção geral e no atendimento.

Profissional com mais de quarenta anos de atuação no mercado publicitário baiano, Rui Carvalho é também delegado regional do Sindicato das Agências de Propaganda do Estado da Bahia (Sinapro-Bahia). Com sede em Itabuna, a RCM Propaganda e Promoções foi criada há 30 anos.

O CASAMENTO ACABOU?

Cláudio Rodrigues || aclaudiors@gmail.com

 

 

 

Desde a redemocratização, o Brasil nunca assistiu a um governo recém-empossado se desgastar em tão pouco tempo. Pelo visto, Bolsonaro perdeu e vai continuar perdendo seus eleitores e a opinião pública em plena lua de mel.

 

 

Não existe uma formula mágica para se manter um casamento. Nesse elo estabelecido entre duas pessoas, há alguns itens que ajudam a preservar essa união, tais como confiança, respeito, compreensão e, sobretudo, amor. Ao que parece, o vínculo que uniu os 57,7 milhões de eleitores ao então candidato e hoje presidente da República, Jair Bolsonaro, começa a definhar antes da hora.

O casamento entre os eleitores e um candidato tem prazo de validade. Não existe nessa relação o “até que a morte os separe”. Esse casamento é de quatro anos. Dependendo da convivência, é renovado apenas por mais quatro. Com pouco mais de cinco meses na presidência do Brasil, a relação do presidente Bolsonaro com aqueles que lhe confiaram o voto sofre um grande abalo, colocando o casamento em crise.

Eleitores de primeira hora, como o cineasta José Padilha e o cantor Lobão, como assim dizer, “já saíram de casa”. Padilha, que teve no ex-juiz e hoje ministro da Justiça e Segurança a “alcoviteira” para ele dizer sim a Bolsonaro, afirma que “o Moro não se deu ao trabalho de olhar o histórico dos Bolsonaros. Os Bolsonaros têm relações com a esgotosfera do crime organizado carioca. Ele é de Curitiba, talvez não saiba. A outra possibilidade é que ele sabia o que estava fazendo e ele fez. Aí, o Moro é totalmente diferente de quem eu pensei que ele fosse”.

Antes um fervoroso defensor de Bolsonaro e de seu governo, o cantor Lobão salta do barco desolado, no período em que o casamento era para estar no auge. “Eu tinha que optar por alguém e esse alguém foi o Bolsonaro. Mas ele mostrou que não tem a menor capacidade intelectual e emocional para poder gerir o Brasil. Isso está muito claro para mim, e fico muito triste. É óbvio que o governo vai ruir”, disse ao jornal Valor Econômico.

Jair Bolsonaro, presidente da República || Foto Alan Santos/PR

As inúmeras caneladas do presidente, como a postagem do vídeo escatológico do carnaval, as brigas entre as alas olavista versus militares, a saída de dois ministros, o laranjal do PSL (partido do presidente), as denúncias do MP/RJ contra o filho Flávio Zero Um e o seu ex-assessor Queiroz, o incendiário e gestor das redes sociais do pai o filho Carlos Zero Dois, a arrogância do filho Eduardo Zero Três, o caos no Ministério da Educação e o cortes de verbas para a educação básica e superior, que culminaram com protestos de rua em mais de 200 cidades brasileiras. Tudo isso, mais a falta de projetos e propostas concretas de um governo que só tem como meta a reforma da previdência, colocam em crise um casamento de apenas cinco meses.

Desde a redemocratização, o Brasil nunca assistiu a um governo recém-empossado se desgastar em tão pouco tempo. Pelo visto, Bolsonaro perdeu e vai continuar perdendo seus eleitores e a opinião pública em plena lua de mel.

Cláudio Rodrigues é consultor de comunicação e de empresas.

FTC PROMOVE VESTIBULAR SOLIDÁRIO COM ARRECADAÇÃO DE COBERTOR E AGASALHO

Inscrição no vestibular solidário pode ser feita pela internet || Foto Divulgação

Agora, os vestibulandos da FTC também são convidados à prática da empatia. A campanha “Vestibular Solidário” propõe que o candidato a uma das vagas de graduação doe, no dia do vestibular, um agasalho ou cobertor que, depois, será destinado a quem mais precisa.

O candidato poderá entregar suas doações na unidade FTC em que vai fazer a prova de vestibular, marcada para o dia 26 de maio. Os donativos arrecadados serão destinados a uma instituição previamente selecionada pela Rede FTC. Em Itabuna, as doações beneficiarão o Albergue Bezerra de Menezes, que atende pacientes com distúrbios mentais, idosos e adultos com deficiência, localizado no bairro Antique.

Quem esquecer ou não puder participar dessa corrente de solidariedade não vai ficar de fora do processo seletivo que esse ano oferece 300 bolsas com até 100% em todos os cursos, exceto Medicina. “A participação do estudante não está condicionada à doação. Cada um é livre para participar da ação como puder, nós apenas convidamos nossa comunidade a se movimentar pelo bem do próximo e exercitar a empatia e a responsabilidade social, valores muito importantes para todos nós da FTC”, explica, Milena Oliveira, diretora de Marketing Integrado da Rede FTC, responsável pela idealização da campanha.

As inscrições para o processo seletivo da Rede FTC seguem abertas até o dia 23 de maio e podem ser realizadas através do portal da instituição. Para informações sobre a política de bolsas e sobre as vagas ofertadas por cada campi, o candidato deve conferir os editais do Vestibular Tradicional no link https://www.ftc.br/vestibular/

PRESO TRAFICANTE ACUSADO DE TENTATIVA DE CHACINA NO EXTREMO-SUL DA BAHIA

Cleo é acusado de tentativa de chacina no extremo-sul da Bahia

Integrante de uma quadrilha de traficantes com atuação nos bairros Tancredo Neves e Cidade de Deus, em Teixeira de Freitas, Cleo Maicon de Souza, de 23 anos, foi preso nesta sexta-feira (17) por investigadores da 8ª Coordenadoria Regional de Polícia do Interior (Coorpin). Os policiais cumpriram mandado de prisão preventiva.

Cleo é acusado de assassinar Walas de Jesus Santos, no Bar das Coleguinhas, no bairro Esplanada, em junho de 2018, ocasião em que feriu outras quatro pessoas, que também estavam no local. No momento da prisão, Cleo portava um revólver calibre 38, municiado.

Segundo a coordenadora regional da 8ª Coorpin, que tem sede em Teixeira de Freitas, delegada Valéria Chaves, Cleo é investigado pela participação em outros homicídios relacionados ao tráfico de drogas. O criminoso ficará custodiado na sede da Coorpin, aguardando transferência para o sistema prisional.

ADESÃO BAIXA A VACINAÇÃO PODE COMPROMETER HOSPITAIS, AFIRMA MINISTRO

Vacinação contra a gripe tem baixa adesão no país

O ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, disse que a baixa adesão à campanha nacional contra a gripe, que até agora imunizou 56% do público-alvo, pode comprometer o sistema de hospitais públicos em alguns meses. De acordo com o ministro, a gripe pode agravar outras doenças e levar a um grande número de internações.

Segundo Mandetta, um dos casos mais preocupantes é do Rio de Janeiro, que tem o menor índice de vacinação do país (38,2% de adesão). “Nós temos muita tuberculose no Rio de Janeiro, números altíssimos, e se você não vacina contra a gripe, essas pessoas são imunossuprimidas e é muito provável que a gente tenha em junho, julho e agosto quadros de pneumonia em cima de quadros de tuberculose. Vai haver uma pressão por leitos de UTI e não vai ter”, disse.

De acordo com Mandetta, o Ministério da Saúde traçou sua estratégia e identificou os estados com mais fragilidade para se fazer a campanha. O próprio Rio de Janeiro foi escolhido como local de lançamento da campanha. :: LEIA MAIS »

ILHÉUS: VEREADOR TARCÍSIO PAIXÃO SE ENTREGA À JUSTIÇA

Vereador Tarcísio Paixão se entregou à Justiça no início da tarde || Foto Blog do Gusmão

O ex-presidente da Câmara de Ilhéus Tarcísio Paixão, do PP, acaba de se entregar à Justiça. Investigado por atos de corrupção no legislativo, o vereador estava foragido desde a última quarta-feira (15), quando foi deflagrada a Operação Xavier (Chave E).  Tarcísio se entregou no Fórum Epaminondas Berbert de Castro, sendo indiciado.

A operação resultou na prisão do ex-vereador e secretário de Agricultura de Ilhéus, Valmir Freitas, exonerado na última quarta pelo prefeito Mário Alexandre (Marão), além dos contabilistas Aêdo Laranjeiras e Cleomir Primo. Tarcísio é acusado de desviar R$ 260 mil da Câmara em um contrato com a empresa SCM Contabilidade. A decisão do ex-presidente de se entregar foi publicada pelo Blog Agravo e confirmada pelo PIMENTA.

FORAGIDOS

Continuam foragidos o vereador e ex-presidente da Câmara Lukas Paiva (PSB), Paulo Leal e Leandro da Silva Santos. Ainda como desdobramento da operação, o vereador Aldemir Almeida foi afastado e proibido de comparecer à Câmara.

ILHÉUS CORRE O RISCO DE PERDER CERTIDÕES DE REGULARIDADE TRABALHISTA

Iruman diz que proposta suspenderia repasses não constitucionais para Ilhéus

A audiência de revisão do  acordo de precatórios entre o município de Ilhéus e os credores das ações trabalhistas, mediada pela equipe do TRT-juízo de Conciliação de precatórios, realizada na Sede da OAB Ilhéus, não produziu o resultado desejado pelos representantes do município. Segundo os trabalhadores, a proposta era uma moratória no pagamento do acordo dos precatórios conciliados em março de 2017, na audiência global realizada no Centro de Convenções de Ilhéus.

Neste  cenário, caso concretizado, além de voltar  a pagar o acordo na sua integralidade, cerca de R$ 2,3 milhões por mês (atualmente paga R$ 1 milhão) o município pode perder o direito às certidões de regularidade com dividas trabalhistas em virtude de um novo lote de precatórios vencidos que precisam ser conciliados para evitar sequestro e a inadimplência trabalhista, segundo o advogado Iruman Contreiras, que representa a APPI. Confira a íntegra no Jornal Bahia Online.

DEPUTADOS ZÉ NETO, ALICE PORTUGAL E JACÓ FAZEM PLENÁRIA EM JUSSARI

Plenária reunirá nomes da política local e deputados em Jussari

Três deputados farão plenário conjunta, neste sábado (18), no município de Jussari, no sul da Bahia. A plenária reunirá os deputados federais Alice Portugal (PCdoB) e Zé Neto (PT) e o deputado estadual Jacó (PT) no plenário da Câmara de Vereadores do município, a partir das 18h.

A plenária dos parlamentares é articulada pelo vereador e pré-candidato a prefeito Eri Moraes, o ex-vice-prefeito Guimarães e o ex-prefeito Jorge Cordeiro. De acordo com Eri, os parlamentares vão abordar assuntos de interesse do município e também ouvir as demandas de Jussari.

GOVERNO BAIANO LIBERA R$ 19,4 MILHÕES PARA PROJETOS DA ECONOMIA SOLIDÁRIA

Governador Rui Costa e Davidson Magalhães participaram do ato de assinatura

O Governo do Estado, por meio da Secretaria do Trabalho, Emprego, Renda e Esporte (Setre), assina, segunda (20), às 9h30min, contratos de gestão de 13 Centros Públicos de Economia Solidária (Cesol). O evento ocorre no auditório do Centro de Operações e Inteligência de Segurança Pública, no Centro Administrativo da Bahia (CAB), em Salvador, com a presença do governador Rui Costa e do titular da Setre, Davidson Magalhães.

Com um investimento total de R$ 19,4 milhões, os contratos vão garantir o funcionamento dos espaços multifuncionais em Salvador, Cruz das Almas, Guanambi, Itabuna, Pintadas, Juazeiro, Irecê, Monte Santo, Nilo Peçanha, Serrinha, Lauro de Freitas, Piatã e Vitória da Conquista.

O intuito dos Centros Públicos de Economia Solidária é promover a sustentabilidade dos empreendimentos solidários, por meio da oferta de assistência técnica, microcrédito assistido, apoio à comercialização, qualificação técnica e distribuição de insumos e equipamentos. Desde 2013, quando foram criados, os centros já atenderam 2.270 empreendimentos, com mais de 10 mil famílias contempladas, impactando cerca de 40 mil pessoas diretamente.

RESTAURANTE EMPÓRIO FECHA UNIDADE DE ITABUNA

Empório Bahia em Itabuna fecha as portas || Foto Divulgação

O Restaurante Empório Bahia fechou a sua unidade no Jardim Vitória, em Itabuna, e vai manter apenas a filial em Itacaré, também no sul da Bahia. O restaurante era uma das principais referências de boa gastronomia no município.

Fecha as portas em Itabuna depois de 10 anos em operação.  “Informamos que nossas atividades foram encerradas na cidade [Itabuna] e acreditamos que fizemos parte de muitas histórias e momentos felizes sempre num ambiente que prezou pela excelência do bem servir e receber”.

Em nota, a direção do Restaurante Empório comunica que continuará “atendendo em Itacaré, com uma proposta mais despojada e diferente, sempre focados na qualidade”. A decisão de fechar a unidade vem cerca de um mês após o restaurante suspender funcionamento e anunciar reforma das instalações em Itabuna.






WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia