WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia


alba



policlinica





junho 2019
D S T Q Q S S
« maio   jul »
 1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
30  

editorias






:: 1/jun/2019 . 22:40

REGRAS QUE DIFICULTAM A REALIZAÇÃO DE CONCURSO PÚBLICO ENTRAM EM VIGOR

Novas regras que dificultam concurso público entram em vigor

Estabelecidas por decreto editado em março, as novas regras para a realização de concursos públicos entraram em vigor neste sábado (1º). A partir de agora, caberá ao Ministério da Economia analisar e autorizar todos os pedidos de concursos públicos na administração federal direta, nas autarquias e nas fundações.

Agora, o Ministério da Economia levará em conta 14 critérios para autorizar a realização de concursos. Um deles é a evolução do quadro de pessoal nos últimos cinco anos pelo órgão solicitante, com um documento que deve listar movimentações, ingressos, desligamentos, aposentadorias consumadas e estimativa de aposentadorias para os próximos cinco anos.

O ministério também avaliará o percentual de serviços públicos digitais ofertados pelo órgão. O governo quer que os órgãos invistam em soluções tecnológicas para simplificar o acesso aos serviços públicos, de forma a atender melhor à população e reduzir a necessidade de pessoal.

:: LEIA MAIS »

EM PITUAÇU, BAHIA VENCE O GRÊMIO E ENTRA NO G-4

Fernandão fez o gol da vitória contra o Grêmio || Foto Felipe Oliveira/ECBahia

Um gol de pênalti colocou o Bahia, provisoriamente, entre os 4 melhores do Brasileirão 2019, há pouco, no Estádio de Pituaçu, em Salvador. O gol foi marcado pelo atacante Fernandão, batendo o temível Grêmio por 1 a 0.

O time chega aos 13 pontos – empatando com o Flamengo e o líder, Palmeiras – e alcança a terceira colocação em 7 jogos. Já o Grêmio, caiu na Zona de Rebaixamento.

Com o resultado, manteve a invencibilidade no Brasileirão dentro de casa – incluindo as partidas na Fonte Nova e em Pituaçu. A próxima partida do Esquadrão de Aço será contra o Ceará, no próximo sábado (8). Confira lances do jogo no vídeo abaixo.

PERÍODO CHUVOSO DEIXA CONTA DE LUZ SEM COBRANÇA EXTRA EM JUNHO

Conta de energia em junho será sem cobrança extra

A bandeira tarifária em junho será verde, sem custo para os consumidores, informou a Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel).A medida foi adotada porque a previsão hidrológica para o mês superou as expectativas, indicando tendência de vazões acima da média histórica para o período nas principais bacias hidrográficas do Sistema Interligado Nacional (SIN).

Aneel informou que esse volume de chuva que possibilita a manutenção dos níveis dos principais reservatórios próximos à referência atual.Esse cenário favorável reduziu o preço da energia (PLD) para o seu patamar mínimo, o que diminui os custos relacionados ao risco hidrológico (GSF) e à geração de energia de fontes termelétricas. O PLD e o GSF são as duas variáveis que determinam a cor da bandeira a ser acionada.

Aneel explica que o sistema de bandeiras tarifárias sinaliza o custo real da energia gerada. O funcionamento das bandeiras tarifárias é simples: as cores verde, amarela ou vermelha (nos patamares 1 e 2) indicam se a energia custará mais ou menos em função das condições de geração.

FAZENDEIRO MORRE EM ACIDENTE DE CARRO NA BA-263

O acidente foi na tarde deste sábado

Uma pessoa morreu e outra ficou ferida num acidente de carro, na tarde deste sábado (1º), na BA-263, no trecho que liga Itapetinga a Itambé. De acordo com testemunhas, o carro dirigido pelo fazendeiro José Carlos Miranda da Silva, de 62 anos, saiu da pista, capotou várias vezes e caiu numa ribanceira.

O fazendeiro morreu no local. José Carlos Miranda seguia de Itapetinga para a região de Riachão, na zona rural de Itambé, acompanhado de um funcionário identificado como Ariomar Santana de Oliveira. Ariomar sofreu ferimentos graves e foi levado por uma equipe do Serviço Móvel de Urgência (Samu) para o Hospital Cristo Redentor.

ILHÉUS: REINAUGURADA UNIDADE DE SAÚDE NO MALHADO

Zé Neguinho, Marão e Fábio Vilas-Boas inauguram unidade || Foto Clodoaldo Ribeiro

As comemorações dos 485 anos de fundação e 138 anos de elevação de Ilhéus à categoria de cidade foram iniciadas com a reinauguração da Unidade Básica de Saúde Sarah Kubitschek, no Malhado, neste final de semana. A unidade oferecerá à população consultas com médicos clínico, ginecologista e pediatra, além de outros serviços prestados em postos de saúde.

As obras incluíram a construção de uma área que interliga os dois prédios, onde funcionará uma recepção. A unidade atenderá moradores do Malhado, Parque Infantil e de dezesseis bairros da zona norte de Ilhéus. A inauguração contou com a presença do secretário de Saúde da Bahia, Fábio Vilas-Boas, que destacou investimentos do Governo do Estado, como o Hospital Regional da Costa do Cacau, que atende cerca de 100 municípios, para procedimentos de urgência e emergência.

O prefeito de Ilhéus, Mário Alexandre, apontou para o novo padrão de unidade de saúde, determinado pelo Ministério da Saúde e adotado no município. “Unidade como essa aqui, ninguém nunca viu em Ilhéus”, enfatizou Mário Alexandre, referindo-se à ampla estrutura do Sarah Kubitschek, que foi totalmente reconstruído e ampliado e ganhou salas climatizadas e salas de atendimento adequadas aos novos padrões exigidos pelo Ministério da Saúde.

Vilas-Boas também citou a Policlínica Regional de Itabuna, com obras em fase de conclusão, que vai atender 31 municípios do sul da Bahia. A unidade de saúde oferecerá uma série de especialidades médicas, a exemplo de angiologia, cardiologia, endocrinologia, gastrenterologia, neurologia, ortopedia, oftalmologia, otorrinolaringologia, ginecologia/obstetrícia, mastologia e urologia.

NÚMERO DE FUMANTES NO BRASIL CAI 40%, APONTA MINISTÉRIO DA SAÚDE

Brasil registra queda no número de fumantes

No Dia Mundial Sem Tabaco, celebrado na sexta-feira (31), o Brasil tem motivos para comemorar. Dados inéditos do Sistema de Vigilância de Fatores de Risco e Proteção para Doenças Crônicas por Inquérito Telefônico (Vigitel) revelam que, em 2018, 9,3% dos brasileiros afirmaram ter o hábito de fumar. Em 2006, ano da primeira edição da pesquisa, esse índice era de 15,6%.

Nos últimos 12 anos, a população entrevistada reduziu em 40% o consumo do tabaco, o que reforça a tendência nacional observada, ano após ano, de queda constante desse hábito nocivo para a saúde.

O Vigitel revela ainda que o perfil dos tabagistas vem mudando ao longo dos anos. A queda de uso do tabaco é significativa em pessoas de 18 a 24 anos de idade (12% em 2006 e 6,7%, em 2018), 35 e 44 anos (18,5% em 2006 e 9,1% em 2018) e entre 45 a 54 anos (22,6% em 2006 e 11,1% em 2018).  As mulheres também vêm assumindo um protagonismo importante nesse cenário, superando a média nacional, reduzindo em 44% o hábito de fumar no período.

FATOR DE RISCO

O diretor de Doenças e Agravos Não Transmissíveis e Promoção da Saúde do Ministério da Saúde, Eduardo Macario, ressaltou a importância do Dia Mundial Sem Tabaco. “A principal mensagem que a gente quer passar é o que o tabagismo é um fator de risco que provoca uma série de doenças e diversas mortes, e é um ato totalmente passivo de mudança. Quem para de fumar diminui esses riscos ”.

Realizada com maiores de 18 anos nas 26 capitais brasileiras e no Distrito Federal, o Vigitel é uma pesquisa telefônica sobre diversos assuntos relacionados à saúde. Para a edição mais recente, foram entrevistados 52.395 pessoas entre janeiro e dezembro de 2018.

MULHERES E CAPITAIS

No ano passado, as mulheres se destacaram por serem as que menos fumaram, com índice de 6,9%, ou seja, quase a metade dos homens, com 12,1%. Quando analisado o fator de idade, a menor prevalência se dá entre aqueles com 65 anos ou mais (6,1%) e em jovens de 18 a 24 anos (6,7%).

Já a maior é registrada naqueles com idade entre 55 a 64 anos, em que o índice é igual a 12,3%. As capitais com mais fumantes são Porto Alegre (14,4), São Paulo (12,5) e Curitiba (11,4) e menos fumantes, Salvador (4,8%), São Luís (4,8%) e Belém (4,9%).

:: LEIA MAIS »

IFBA ABRE 290 VAGAS PELO SISU PARA OS CAMPI DE PORTO SEGURO, JEQUIÉ E CONQUISTA

Para o campus de Porto Seguro, são 120 vagas

O Instituto Federal da Bahia (IFBA) vai oferecer 1.030 vagas em 28 cursos superiores para a edição 2019.2 do Sistema de Seleção Unificada (Sisu), em campi de 12 municípios em diferentes regiões do estado. As graduações englobam diversas áreas de conhecimento: Ciências sociais aplicadas, Ciências humanas, Engenharias, Ciências exatas e da terra.

Para o campus de Porto Seguro, são  120 vagas para os cursos de Agroindústria, Química e Computação. Para o sudoeste da Bahia, são 170 vagas, sendo 130 nos cursos de Engenharia Ambiental, Engenharia Elétrica, Sistemas de Informação no campus de Vitória da Conquista; e 40 vagas para Engenharia Mecânica, em Jequié.

As demais vagas são para Camaçari (70), Salvador (290), Feira de Santana (40), Irecê (60), Santo Antônio de Jesus (90), Santo Amaro (30), Lauro de Freitas (100) e Simões Filho (40).  Entre os cursos oferecidos estão de Administração, Análise e Desenvolvimento de Sistemas, Engenharia Industrial Elétrica, Engenharia Industrial Mecânica, Engenharia Química,  Física, Geografia,  Matemática e Manutenção Industrial.

As inscrições iniciam na próxima terça-feira (4) e seguem até o dia 7 de junho, gratuitamente, pelo site do Sisu. Podem se inscrever estudantes que concluíram o ensino médio e realizaram o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), em 2018.  Para realizar a inscrição, o candidato deverá informar o número de inscrição e a senha do Enem 2018. Veja aqui todos os cursos.

QUATRO DA QUADRILHA DO CACAU SÃO MORTOS EM CONFRONTO COM A POLÍCIA

Antônio de Jesus (primeiro à esquerda) seria o líder da quadrilha e está entre os mortos

Quatro suspeitos de fazer parte de uma organização criminosa que atuava no sul da Bahia foram mortos em confronto com equipes da Companhia Independente de Policiamento Especializado (Cipe) Cacaueira e da 7ª Coordenadoria Regional de Polícia do Interior (Coorpin) de Ilhéus. Eles foram atingidos durante a ‘Operação Perfuratriz’, realizada na sexta-feira (31), no Distrito de Poço Central, em Aurelino Leal.

Até o momento, foram identificados dois dos quatro acusados de fazer parte da Quadrilha do Cacau. Eles são Luan Oliveira da Silva, de 18 anos, Antônio de Jesus Silva, de 63 anos, que era foragido da Justiça. Os outros dois ainda aguardam identificação.

Segundo o titular da 7ª Coorpin, delegado Evy Nery Paternostro, o objetivo da operação já estava para encontrar o grupo, no intuito de coibir as práticas de homicídios, roubos e outros crimes. “Essa quadrilha atuava e assustava a população há algum tempo e estava sendo investigada. Outros integrantes foram localizados anteriormente e as prisões dos demais solicitadas”, disse.

O comandante da Cipe Cacaueira, major PM Ricardo Silva, contou que as equipes estavam realizando uma abordagem numa propriedade rural, que foi invadida pelo grupo. “Fomos recebidos a tiros, quando eles perceberam a presença da polícia. Os quatro foram socorridos para o Hospital de Ubatã, mas não resistiram”, explicou.

Com os suspeitos foram encontrados três revólveres calibre 38 e 32, além uma espingarda calibre 20. Um tablete de maconha prensada pesando meio quilo, 11 pedras de crack e 31 papelotes de cocaína também acabaram apreendidos. Todo o material foi encaminhado para a 7ª Coorpin de Ilhéus.

NOVAS REGRAS PARA PRODUÇÃO DE LEITE ENTRAM EM VIGOR EM TODO O PAÍS

Entram em vigor novas regras para produção de leite in natura

As novas regras para produção e padrão de qualidade do leite cru refrigerado, do pasteurizado e do tipo A, determinadas pelas instruções normativas (INs) 76 e 77, já estão vigor.  A IN 76 estabelece as características e da qualidade do produto na indústria. Na IN 77, foram definidos critérios para obtenção de leite de qualidade e seguro ao consumidor.

As regras abrangem desde a organização da propriedade rural, suas instalações e equipamentos, até a formação e capacitação dos responsáveis pelas tarefas cotidianas, o controle sistemático de mastites, da brucelose e da tuberculose.As normas mantêm o padrão de contagem bacteriana para o leite cru refrigerado na propriedade rural de 300 mil unidades por ml, vigente desde julho de 2014.

“Diante dos dados de qualidade obtidos pela Rede Brasileira de Laboratórios de Controle de Qualidade de Leite (RBQL), a situação atual ainda não permite uma redução de padrão, sendo necessária a adoção de outras ações para avançar nos índices de qualidade”, explicou Ana Lúcia Viana, diretora de Inspeção de Produtos de Origem Animal da Secretaria de Defesa Agropecuária.

PADRÃO DE CONTAGEM

Para as indústrias, o padrão de contagem bacteriana foi estabelecido em 900 mil unidades por ml, para que o leite, após o transporte, mantenha a qualidade obtida na origem. “Para atender este padrão, é necessário que os estabelecimentos revisem a sua logística de coleta, as condições dos tanques dos caminhões transportadores, e os procedimentos de higiene deles. São procedimentos que visam amenizar a multiplicação bacteriana e fornecer produtos de maior qualidade ao consumidor”, disse Ana Lúcia.

:: LEIA MAIS »






WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia